Aracaju: onde comer e beber na Passarela do Caranguejo

Heloísa Dall'Antonia
por Heloísa Dall'Antonia

Passarela do Caranguejo, Aracaju
A localização da Passarela do Caranguejo, em Aracaju, é inconfundível. É só seguir reto pela orla da praia até dar de cara com o Caranguejaço, uma escultura de 2m30 de altura e 7m de largura criada pelo artista sergipano Ary Marques Tavares em fibra de vidro. Por ali já estão os primeiros restaurantes do corredor gastro-boteconômico mais importante da cidade.

Passarela do Caranguejo, Aracaju

Apesar do nome, nem só de caranguejo são feitos os cardápios dos estabelecimentos. Há receitas com carne-de-sol, pirão, vários outros peixes e petiscos como pasteizinhos de caranguejo, para quem não quer se aventurar na chamada arte de manipular o martelinho na tábua de mármore ou madeira para quebrar a casca da iguaria. Em comum entre as opções está a deliciosa vista do mar e o nem tão agradável som alto.

Cariri, Passarela do Caranguejo, Aracaju

Cariri, Passarela do Caranguejo, Aracaju

Vários restaurantes deixam na mesa uma comanda para que você mesmo, cliente, possa controlar o que pediu

Uma das casas mais famosas é o Cariri (Av. Santos Dumont, s/n. tel. 79/3243-1379; aberto diariamente) que, além da simpática área interna, oferece também todas as noites (e nas tardes de sexta, sábado e domingo) música típica, com salão para quem quiser arriscar passos de forró. Comi um salmão com salada, achei a quantidade satisfatória e o preço condizente com o que pagaria em São Paulo (com um suco, paguei por volta de R$ 65, mas existiam outras opções de pratos mais em conta).

O Amanda (Avenida Santos Dumont, 527, tel. 79/3243-2029; aberto diariamente) também me foi bem recomendado, com especial menção ao caldinho de sururu. O Rei da Sopa (Avenida Santos Dumont, 541, tel. 79/3247-3399) também tem pratos do gênero, como o creme de macaxeira e charque. Frutos do mar obviamente também são a especialidade do Casquinha de Caranguejo (Av. Santos Dumont, 751, tel. 79/3243-7011; aberto diariamente) e do cultuado Pitú com Pirão da Eliane (Av. Santos Dumont, 957, tel. 79/3445-5020; aberto diariamente).

Com crianças ou pessoas alérgicas a frutos do mar no grupo? Não se desespere. Boa parte dos restaurantes oferece um cardápio mais “comum” também, com frango, carne, e as sempre salvadoras da humanidade batatas fritas. Há, inclusive, nos maiores estabelecimentos, uma pequena área de lazer para os pequenos. Do lado da praia, na calçada, também há uma série de outras opções, de tapioca a churrascarias, passando até por comida asiática e um Subway. Foge da proposta da Passarela do Caranguejo? Foge, não vou mentir. Mas até aí você já vai ter uma linda foto com o bicho. smile

Ainda que o local seja especial, principalmente à noite, quando fica realmente movimentado, não é só ali que se pode comer o prato típico de Sergipe. Diversos bares e restaurantes da cidade e inclusive na praia, também têm criações com caranguejo.

Heloísa viajou a convite do novo Ibis Budget Aracaju, na Atalaia.

Leia mais:

8 comentários

Dalton
DaltonPermalinkResponder

Ja fui em vários nesta região. Mas o que mais gostava era o Rei da Sopa. Por mais esquisito que possa parecer tomar uma sopa ou caldo no auge do calor do Nordeste, posso te dizer que era uma boa opçao. Mas eles possuem também um cardápio variado com muitas outras opçoes, sempre muito bem servido e a um preço justo.
Especificamente quanto a sopa e caldo, eles vendem tambem pra viagem. Entao por vezes eu comprava e levava pro hotel pra comer debaixo do ar condicionado. Ficava mais gostoso ainda....kkk

Malu
MaluPermalinkResponder

O mercado municipal é realmente imperdível.

PRANAS DERENCIUS

Comecei a ler justamente alguem que comeu um ""salmão"" tenha paciencia,,o salmão do chile ,,,,parei,,,

Angela L
Angela LPermalinkResponder

O Pitu com Pirão da Eliane é realmente perfeito, tem várias e deliciosas opções. Quem quiser uma boa carne do sol, o Miguel, embora nao seja na Passarela mas é perto, é otimo e tradicional (palavra de uma baiana-quase-sergipana!) Mas não esqueçam de que embora a Passarela seja do Caranguejo, temos ainda o D'Italia com ótima cozinha italiana, o que agrada nossos estomagos com um bom vinho à noite. Quem quiser se aventurar um pouco mais longe, não se arrependerá em comer no restaurante Solo, do Aruanã Hotel, já na Rodovia José Sarney (imagine, esse ser jurássico teve de parar tb em Sergipe!!! rss), especialmente se decidir se hospedar por aquelas bandas.

Amanda Pereira

Estamos, eu e o marido, de viagem programada para O SE na próxima semana. Escolhemos o Hotel Fazenda Boa Luz, em Laranjeiras, a 20 km de Aracaju, e o Aruanã Eco Praia Hotel, em Aracaju.
Amei as dicas!!!!
Espero que a hospedagem atenda às nossa expectativas!

Eduardo
EduardoPermalinkResponder

Na condição de frequentador contumaz, indico o Bar do Joel. Fica na orla de Atalaia, quase em frente a escultura do carangueijo. Fora do circuito da passarela. O lugar é muito simples, mas frequentado pelos Aracajuanos há mais de 30 anos. Cerveja gelada, suco e água de côco. Prove os pasteis de aratu e de camarão. O carangueijo é um dos melhores da cidade, e quando esta magro, eles te avisam. Para crianças, sai rapidissimo o churrasquinho com vinagrete e arroz. É o boteco do Aracajuano na orla de atalaia.

Angela Albino
Angela AlbinoPermalinkResponder

Amamos o Pitu com Pirão da Eliane! Casa agradável, comida excelente e um atendimento prá lá de especial.
Não deixe de conhecer o caldinho de Sururu e a moqueca de Pitu. Ah! O garçom Buiu é uma atração à parte

Alfredo Coutinho - Itaberaba

Ótimo, sem igual a mariscada hummm !!!!! delicia muito aconchegante, bons serviços, ótimo preço, experimentei também o Pitú ao forno que delicia!!! sui generis!!! a cervejinha geladaaaa, a rosca uma delícia.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar