San Francisco: achamos aquele hotel econômico e charmoso que você procura

Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Hayes Valley

Octavia Street, Hayes Valley

Há hotéis bacanas aos montes em San Francisco, e encontrar um bom lugar para ficar não é complicado. Mas encontrar um lugar bom e barato... aí já não é tão simples. San Francisco é uma das cidades mais caras para se hospedar nos Estados Unidos e no mundo. (Durante a semana, as tarifas ficam ainda mais altas, impulsionadas pelo fluxo de viajantes de negócios.)

Hayes Valley

Hayes Valley

Já tendo experimentado ficar em Union Square, no hotel Clift, e em Fisherman's Wharf, no hotel Zephyr, fomos atrás de preços de hospedagem mais baixos em San Francisco, procurando por hotéis fora dessas que são as zonas mais turísticas da cidade.

O bairro de Hayes Valley entrou no nosso radar por uma dica dada pela Maryanne no Hotel California Blog. E a dica foi certeira: Hayes Valley é mesmo uma jóia, com lojas independentes, pequenos restaurantes e ruas tranqüilas, deliciosas para passear.  Pesquisando no Booking, encontramos por ali o Edwardian, um hotel compacto, mas bem charmosinho, que nos pareceu combinar totalmente com essa vibe.

Market Street

Market Street

O Edwardian Hotel fica na Market Street, uma das principais vias de San Francisco. O bonde elétrico que faz o percurso de Castro a Fisherman's Wharf, passando pelo centro da cidade, tem ponto logo em frente. (E a estação do BART, para quem quiser ir e vir do aeroporto de maneira econômica, fica a 15 minutos caminhando.)

Hayes Valley

Hayes Valley

A localização é prática para andar de transporte público, e melhor ainda para andar a pé. É só se afastar alguns poucos quarteirões para encontrar ruas com muito menos carros e muito mais sossego.

O hotel

Edwardian Hotel

Darren e Maleficent no Edwardian Hotel

Ao chegar no Edwardian, fui carinhosamente recebida pelo Darren, que comanda a recepção, e pela Maleficent, um doce de cadelinha schnauzer, que de Malévola não tem nada. O check-in foi demorado, mas por uma boa causa -- batemos o maior papo sobre San Francisco, sobre minhas impressões da cidade e o que eu esperava conhecer, e Darren se ofereceu para contribuir com várias dicas. Depois da conversa, da papelada e do pagamento adiantado, recebi minha chave do quarto, 100% analógica, e instruções sobre como operar o elevador, que tem porta pantográfica.

Edwardian Hotel

Edwardian Hotel

O Edwardian é um hotel de menos de 30 quartos em um bonito e bem conservado prédio centenário de 4 andares. Os apartamentos são distribuídos por corredores coloridos e decorados com posters divertidos sobre a cidade.

Edwardian Hotel

Quarto duplo standard

O meu quarto, no último andar e de fundos, era bastante silencioso. Escolhemos a configuração mais compacta -- quarto duplo standard. Viajando sozinha, para ficar hospedada no hotel durante apenas 3 dias e voltar apenas para dormir, o espaço foi suficiente. Apesar de pequenino, o quarto era confortável, com um banheiro de tamanho bom e uma cama bem gostosa. Só senti falta de um suporte para a mala.

Edwardian Hotel

Quarto duplo standard

Ainda havia no quarto uma cabeceira porta-trecos, cabides para pendurar roupas e uma TV de tela plana. O banheiro tinha box com cortina e amenities de boa qualidade.

O wi-fi funcionou bem, e é gratuito.

Edwardian Hotel

Maleficent no Edwardian Hotel

O Edwardian não tem restaurante e não oferece serviço de café da manhã. Mas, a menos de 5 minutos de caminhada, o miolinho de Hayes Valley é cheio de lugares interessantes para comer. Em um próximo post, vamos dar dicas sobre o que aproveitar no bairro. E você sempre pode pedir mais sugestões ao Darren, que sabe tudo e mais um pouco sobre as redondezas.

Reservando com três a dois meses de antecedência, é possível conseguir diárias desde US$ 140, o que é um ótimo preço para a cidade.

O hotel Edwardian, em Hayes Valley...

  • É para você: que quer se dividir entre passeios turísticos e uma vidinha de bairro.
  • Não é para você: que prefere hotéis com mais serviços e pode pagar por isso.

Mariana viajou a convite da San Francisco Travel Association.

Leia mais:

9 comentários

Maryanne
MaryannePermalinkResponder

Super dica Mariana, esse hotel parece incrível, E toda a simpatia do dono? Só vcs mesmo...... smile

Lu
LuPermalinkResponder

Q blz, Merel!! Grande achado!

Clarissa Carino

Opa! Que vontade de conhecer San Francisco, esse hotel e a cadelinha Maleficent! smile

Larissa
LarissaPermalinkResponder

Post showww!! Eu já havia escolhido este hotel (pelo booking), e agora fiquei ainda mais feliz por ter feito boa escolha!! Aguardando ansiosamente pelo meu check-in smile

Karla
KarlaPermalinkResponder

Estou com uma reserva para esse hotel entre os dias 24 e 28/02.Eu o escolhi através das dicas que sempre encontro no "viajenaviagem".
Depois contarei minha experiência. Beijo!

Andrea Lindner

Olá Mariana, lendo seu post aqui decidi reservar 1 quarto por duas noites de 25 a 27/out/2018. Chegando ao hotel entretanto eu e meu marido ficamos muito decepcionados, o quarto (bem pequeno) cheirava forte à comida (a chaminé do restaurante saía em frente a janela do quarto), o elevador estava quebrado (3o piso com malas subindo e descendo escada) e o chuveiro funcionava mal (ralo entupido, agua subindo, falta de água quente). Mas o pior é que o hotel não é confiável. Pois prometeu na recepção abrir exceção e devolver em 7 dias 90% do valor pago ao cancelarmos no ato da chegada (era uma tarifa via Booking.com não reembolsável), sendo que depois depositou apenas 9% e não reconheceu mais o combinado verbal feito no balcão. No check in a gerente (Evelyn) não apareceu na recepção para conversar conosco sobre os problemas, resolveu tudo por telefone com o recepcionista, fazendo esta falsa promessa. Agora já no Brasil tentei contato por telefone e email para resolver e eles não reconhecem o acordo verbal. Acabamos não ficando mais que 2 horas no hotel (saímos logo para liberar o quarto a pedido deles!). Porém eles ficaram com 90% do valor das 2 estadias, e tivemos que pagar outro hotel para ter onde dormir em Sao Francisco (fora o estresse e perda de tempo após 24 horas de vôos do Brasil até lá). Definitivamente o hotel Edwardian está mal conservado, e o que é muito pior, não é confiável. Fomos para o hotel Zefir (que é muito melhor e bem localizado), que graças a uma promoção saiu pelo mesmo valor. Este sim, posso indicar sem sombra de dúvida. Mariana, sugiro rever a indicação aqui no seu site, que em outros aspectos nos ajudou com boas dicas da região, obrigada!. Ah! este rapaz da foto e o cachorrinho não estavam lá, desconfio pelo comentário do recepcionista que o hotel mudou de equipe/dono.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Andrea! Lamentamos a sua decepção. Vendo as resenhas recentes do Edwardian no Booking, nota-se que é um caso de ame-ou-odeie. As notas ou são acima de 9 ou são abaixo de 7. Pelo que vejo, é preciso ter uma expectativa de hotel econômico europeu para gostar. Se você vai com expectativa de hotel americano, não rola.

Andrea Lindner

Olá! agradeço seu retorno. A questão é que não é só expectativa, é eles terem feito uma promessa de devolver 90estadia (pois cancelamos logo depois de chegar) e depois só devolverem só 9%. Senti-me enganada. Acabei de voltar de 2 anos morando na Europa, e de uma viagem de 4 meses pelo sudeste asiático, foram mais de 22 países visitados. Ficamos em albergues e pequenos hotéis, alguns bastante simples. Porém nada se compara ao mal atendimento e má-fé que tiveram conosco no Edwardian. Eles nos ofereceram que cancelássemos a estadia pois nosso quarto estava sem agua, com mal cheiro e elevador quebrado. Porém não nos devolveram o valor que eles mesmos combinaram devolver! Nem na Europa ou na Asia tivemos um problema de confiança assim com um hotel. Você está conversando com a pessoa na recepção e ela lhe garante devolver USD 338,50 (se vc sair logo do hotel para liberar o quarto para outro cliente). Mas depois só deposita USD32.00 e diz que é isso que lhe falou e ponto final. Não é o só o fato da falta de manutenção do prédio, o principal é a falta de confiança, e quando esta se quebra.... é difícil dar uma segunda chance.

Helio Rosas
Helio RosasPermalinkResponder

Prezada Bóia, Acabamos de chegar de SF e por conta desta matéria fiz uma reserva via Booking no Edwardian. Maior roubada, maior dor-de-cabeça, maior decepção. Hotél sujo, desleixado, precário. Me arrependo de não ter levado os comentários da Andrea Lindner mais a sério. Primeiro, um mês antes tomei o cuidado de avisar um mês antes que chegaríamos de LA com carro, à noite e que portanto precisaria de garagem para duas noites. Tudo começou assim: chegamos à noite e a recepção estava fechada. Haviam 2 telefones pra ligar, só que não atendiam. Eis que se junta ao grupo mais um hóspede espanhol, que ficou absolutamente furioso depois de dezenas de tentativas de ligações. Muito tempo depois aparece um cara na maior cara de pau, abre a porta como se nada tivesse acontecido. Corta, já estamos no quarto, um pulgueiro sujo. Banheiro nem dá pra falar. Tenho fotos. Dia seguinte cedo decidimos ir embora. Maior briga com o Booking que diz que o problema é do Hotél. O Edwardian vice-versa. Fico no telefone, em inglês brigando com o Booking. Quando vamos tentar falar com o front-desk, fechado. Não tem ninguém. 10 am. Liguei de volta à tarde, o Edwardian diz que não devolve nem um dolar das cinco diárias. Acabou de chegar em SP, vou procurar um advogado. _ Pra você que mê lê, não ponha seus pés nem seus dólares neste lugar. _ Graças ao Monocle Guide de San Francisco fomos para o Tilden. Mesmo preço, mas este sim um Hotél bacanésimo e profissional. Além de bem bonito. Perdí (por enquanto) USD 881, mas não deixei aqueles picaretas do Edwardian estragarem nossa viagem. Obs: Ah, a garagem do carro. Todas fechadas à noite, as duas únicas abertas eram 'montly'. Ou seja, nem isto os amadores do Edwardian conhecem do bairro deles.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar