5 programas legais em East London

East LondonSempre há o que ver em Londres. Quando você acha que já esquadrinhou a cidade, ela pega e pimba: se reinventa.

A virada do milênio provocou a repaginação total da margem sul do Tâmisa. E os Jogos Olímpicos de 2012 terminaram de mudar a face de East London, uma região que já vinha se transformando de maneira vertiginosa.

Você vai encontrar por ali uma Londres menos certinha, porém mais surpreendente. E pode também ir atrás de lugares tradicionais que sobreviveram nestes bairros que foram sucessivamente ocupados por indianos, paquistaneses e, recentemente, poloneses.

O leste de Londres não é só para os novidadeiros radicais. Muitos de seus atrativos já estão bem estabelecidos. Na sua próxima visita, experimente acrescentar esse quadrante à sua Londres.


Noite em Shoreditch

Shoreditch

A noite mais interessante de Londres está aqui, nos arredores da Commercial e da Great Eastern streets. O cenário tem um quê de Downtown nova-iorquino — mas o elenco e o figurino são estritamente londrinos. Você pode começar pelo bar do hotel Hoxton e de lá seguir sua intuição. Ou, se preferir, conferir a pré-seleção esperta do guia Time Out (veja aqui os bares, os pubs, os restaurantes e os clubes recomendados). Metrô: Old Street, Shoreditch High Street.

Brick Lane

Mercado da Old Truman Brewery, Brick Lane

Brick Lane, LondresNão caia no erro de reduzir esta rua a tão-somente um antro de restaurantes indianos, paquistaneses e bangaleses baratinhos. Sim, Brick Lane é um antro de restaurantes baratinhos do subcontinente (os britânicos chamam a região toda de “South Asia”, vai entender), mas há muito mais do que isso. Para começar, outra tradição culinária importante: na rua ficam as mais antigas padarias judaicas da cidade (prove o bagel). E o lugar também atrai sua cota de descoladinhos, graças aos mercados tipo “feira hype” que acontecem nas instalações de uma fábrica de cerveja desativada, a Truman Brewery (veja os dias de mercado atualizados aqui).  Metrô: Shoreditch High Street.

Columbia Road Flower Market

Columbia Road Flower MarketNem só de carão vive East London. Para contrabalançar o excesso de pose da noite e dos mercados de moda do pedaço, dê uma chegadinha a este fofíssimo mercado de flores que acontece aos domingos na Columbia Road.

Os vendedores explicam como cultivar e/ou deixar mais bonitas as flores por mais tempo. Algumas lojinhas muito charmosas ficam abertas (sempre dá para descolar um presentinho original) e você vai encontrar também brechós da maior simpatia. Se estiver inspirado, pode abrir os trabalhos do dia no venerável Royal Oak, um pub que fica por ali mesmo.

Apareça antes do meio-dia; o programa fica completo com uma passadinha no mercado de moda de Spitalfields e em Brick Lane. No final do passeio você vai pensar: quem precisa de Notting Hill? Metrô: Old Street.

Spitafields Market

Spitalfields Market, Londres

Se para você os mercadinhos da Old Truman Brewery (veja acima, em Brick Lane) forem alternativos demais, então Spitalfields é o seu número. Passeie pelos corredores e examine os stands com calma: com certeza você vai achar muita roupa perfeitamente usável, por preços supercamaradinhas. O lugar também é uma mina para objetos de design e antiques. Veja mais detalhes aqui. Metrô:  Liverpool Street, Aldgate East.

Greenwich

Greenwich

OK, não é bem East London — aqui é South-East London. E o lugar não foi posto ontem no mapa, não. Greenwich é um dos passeios mais tradicionais de Londres; reserve pelo menos uma tarde, e você não vai se arrepender. Para começo de conversa, se você for de barco o próprio traslado já é um programa. Pegue os barcos de linha da Thames Clippers na London Eye (£8,70 o trecho; £6,50 com o Oyster, £5,80 com o Travelcard;  £18,50 o passe do dia inteiro; £12,35 com o Travelcard) e 33 minutos depois você está no píer de Greenwich, tendo feito um city-tour londrino pelo Tâmisa (você vai passar por baixo da London Bridge!). Passeie no parque, visite o Museu Nacional Marítimo e seu Observatório Real (é aqui que é determinado o horário do mundo inteiro — a famosa “hora de Greenwich”); se tiver vontade, siga de barco mais uma parada e dê um rolê no O2 (inaugurado na virada do milênio como Millenium Dome), uma arena de espetáculos com um shopping acoplado (vale mais pela arquitetura por fora, já vamos avisando). Se não quiser de barco, pode voltar de monotrilho e metrô.

E você? Tem alguma dica bacana de East London para compartilhar? Conta pra gente!

Leia mais:

22 comentários

Bóia, para meu marido e eu, teremos que comprar dois cartões ou pode ser usado em sequência (Oyster, Travelcard). E para nós, fiquei confusa de qual dos dois seria a melhor opção de compra. Já anotei e vamos fazer esse passeio…#tentandofazersozinha #juntocomVnV

Alguns bares bacanas para conhecer na regiao de Shoreditch:

– The Ten Bells – cervejaria logo em frente ao Spitafields Market. Sempre lotado, o pub super antigo esta associado com a historia de Jack, o Estripador!

– The Book Club – em uma ruazinha bem calma, o bar eh tranquilo e oferece opcoes de jogos de tabuleiro, mesa de ping pong. Bacana p/ bater papo calmamente.

Um restaurante modernoso e bacana tambem pertinho do Spitafields Market eh o St. Johns.

Outro passeio interssante que fizemos por ali foi o “Street Art Walk” organizado pelo London Walk, que oferece varios passeio de 2-3h a pe pela cidade. Super interessante para ter uma boa perspectiva sobre a cena de arte de rua em Londres.

Mais sobre o passeio a pe, bares e a regiao de Shoreditch no meu blog: http://world-surpriseme.blogspot.com/2014/12/the-street-art-walk-em-londres.html

Na O2 Arena façam o tour Up at the O2. Você sobe na cobertura da arena e dá pra tirar fotos lindas de Londres. Se puderem, recomendo o horário do pôr-do-sol ou de noite; a cidade é ainda mais bonita.

Visitei Shoreditch e não entendi a graça (e olha que sou jovenzinha-mochileira). O spitafields tem as mesmas coisas made in china que tomaram conta de camden town (ignorando o artesanato e as comidinhas hehe).

Vou tentar mais uma vez seguindo fielmente as dicas da bóia, acho que não tem erro…

Quando comecei a ler, desistir de comprar os pacotes da agência de viagem. Quero um roteiro dia a dia do que fazer em lordes como achei o 4 dias em Paris e achei maravilhoso. Pois fala o que eu tenho que fazer e um mapa explicando. Como vai eu e meu marido, ficamos inseguros de se perder. Pois não falamos outra língua. O que você me orienta? Irei dia 20/09. E passarei 5 dias em Paris e 5 em Londres.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.