Alter do Chão

Alter do Chão mais perto, com o vôo direto de Brasília a Santarém

Alter do Chão

Depois de muitos anos, é retomada hoje, dia 3 de abril, a rota direta entre Brasília e Santarém. (A TAM está anunciando o vôo como “inédito”, mas antes da TAM virar gente grande, a Varig, Vasp e possivelmente a Transbrasil faziam escala em Santarém no caminho entre Brasília e Belém.)

Operando seis dias por semana — de domingo a sexta, com saída de Brasília às 12h08 (chegada às 14h57) e volta de Santarém às 15h29 (chegada às 17h54) — o vôo vai permitir que brasilienses (e também viajantes do Sudeste e do Sul) cheguem a Santarém sem precisar passar por Belém.

Alter do Chão

E o que tem em Santarém? Alter do Chão, o vilarejo a 30 km da cidade onde, entre julho e novembro, a vazante do rio Tapajós faz formar as mais belas praias de rio do Brasil.

Indo no começo da temporada — tipo agosto — dá para aproveitar melhor: parte da Ilha do Amor e muitas praias adiante no Tapajós já estarão formadas, mas ainda haverá igarapés e igapós navegáveis na mata. Praia e selva na mesma viagem.

Onde ficar em Alter do Chão

Belo Alter - Pousada do Tapajós

O hotel mais bem estruturado, com uma prainha própria e tudo, é o Belo Alter. O mais charmosinho é o Hostel Pousada do Tapajós (que também tem quartos com banheiro privativo) e fica num cantinho tranqüilo da cidade. Os mais centrais são a Pousada do Mingote e o Hotel Borari, próximos à pracinha central, o Agualinda, no miolinho do centro, e o Mirante da Ilha, na avenida beira-rio.

Leia mais:

23 comentários

Fala gente, tudo bem ??
Eu trabalho com organização e produção de experiências aqui na amazonia. Nossa especialidade são cruzeiros regionais de 3 a 5 dias por essa região com tudo incluso e com uma vivência feita de maneira mais especial não tão turística, com visita a comunidades ribeirinhas, oficinas de artesanato com comunitários e etc. Mas também organizamos experiências mais privadas e damos toda assessoria necessária.
E caso tenham alguma dúvida estou super disponível para sana-las e quem sabe fecharmos um negócio.
De qualquer maneira vai ser lindo trocar com voces. Deixo aqui meu contato para qualquer coisa.
[email protected]
+5593991542419

Olá..
Como é Alter em julho? Estou com alguns dias de férias e gostaria muito de conhecer.
Obrigada

    Olá, Renata! É alta temporada por causa das férias. As praias vão estar começando a aparecer.

Alter do Chão é espetacular.
O melhor é fazer passeios de barco para conhecer as praias paradisíacas do Tapajós. A Ilha do Amor, em frente à vila, é uma farofa total.
Se for ficar mais de três dias por lá, um carro alugado em Santarém ajuda bastante, pois há praias acessíveis por estradas, como a maravilhosa Pindobal. Os táxis são caros e acabam saindo mais caro do que o aluguel na Unidas ou Localiza do aeroporto. Uma boa dica é já sair do aeroporto de Santarém de carro, o que também evita pagar transfers de ida e volta entre Santarém e Alter do Chão.
A estrada é toda asfaltada e está em ótimas condições.
A vila de Alter do Chão propriamente não é charmosa, tem uma ocupação toda desordenada. Mas há bons restaurantes e bons shows de carimbó à noite.

Importante tomar cuidado com os voos da Gol na rota SP-Brasília-Santarém. Neste novembro de 2018, a companhia fez alterações no meu voo de ida, que estava redondinho desde março (!) e praticamente destruiu meu feriado (15 a 20/11). O voo da volta chegava em Brasília às 20h, mesmo horário do embarque para São Paulo. Evidentemente perdi a conexão, o que, sei por amigos, aconteceu em outros dias. Nem é preciso dizer que, diante desses fatos, o atendimento da Gol foi péssimo. Eles mudam o voo e te dão a opção de aceitar ou ter o reembolso, mas aí já não é possível comprar passagens por outra companhia. Total desrespeito.