Curaçao

É outra história
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Entre os destinos mais visitados pelos brasileiros no Caribe, Curaçao talvez seja o mais singular.

Curaçao não tem praias extensas como Aruba, nem resorts como Punta Cana, ou restaurantes ao gosto americano como Cancún.

Suas melhores praias são pequeninas -- mas têm águas cristalinas, com corais que pedem para ser explorados com snorkel ou cilindro, e nenhuma construção para estragar a paisagem.

A capital, Willemstad, conserva uma adorável arquitetura colonial holandesa, realçada pelas cores quentes do Caribe.

A culinária é cosmopolita, misturando sabores do Caribe, da Holanda e da Indonésia (que chegou com os imigrantes do Suriname, outra antiga colônia holandesa na América).

Mais do que sol e praia, Curaçao proporciona a sensação de uma verdadeira viagem internacional. Bon Bini!

Curaçao: quando dá praia?

  • Precisa passaporte? Sim.
  • Precisa visto? Não.
  • Precisa seguro-saúde? Não é exigido, mas não é esperto viajar sem.
  • Precisa vacina contra febre amarela? SIM. Leia aqui.
  • Precisa habilitação internacional? Não.
  • Que moeda eu levo? Dólar. Leia mais.

186 comentários

Ana
AnaPermalinkResponder

Acabei de voltar de Curaçao e Bonaire. Curaçao é grande não se iluda é a maio ilha das Antilhas Holandesas. Em primeiro lugar, Alugue carro vale muito a pena, automático ou não é o suficiente preço ótimo 47 dolares o mais simples economico compacto para a ilha ok. As praias são bem afastadas e vc vai precisar de mapa para encontrálas.A maioria é com corais no fundo por isso a cor da água é incomparável as outras ilhas a da bebida curaçao blue rs. Se isso te incomodar compre sapatilha própria mas, isso em geral é só na beira. Algumas praias são de areia então não haverá problema. Pegue um mapa com os nomes das praias, lá diferente de outras ilhas as praias são pequenas e vc entra em "trilhas " com o carro e aí aparece a praia tal... Leve agua e alimentos para o dia e vá indo de praia em praia , difícil vai ser dizer qual a mais bonita. Para mim Kenepa grandi é a mais linda mas, tem Jeremi e outras várias em penhascos escondidinhas e ate´praias onde só vc estará e ficará com medo de estar sozinho

Vivian
VivianPermalinkResponder

Olá,
Essa é uma viagem recomendada pra crianças? Quais as melhores indicações de hotéis?
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vivian! As praias e atrações como o Seaquarium vão agradar os pequenos. Veja nossas indicações de onde ficar aqui - https://www.viajenaviagem.com/destino/curacao/onde-ficar-curacao

Wendel
WendelPermalinkResponder

Olá, qual (s) a locadora com bom custo benefício na ilha? Estou indo pra lá em abril; quanto tempo antes preciso reservar, gostaria de sair daqui com o carro locado. Grato!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Wendel! Nosso parceiro Rentalcars cota em várias locadoras para você.

Renan
RenanPermalinkResponder

Olá, fiz a viagem recentemente (março/2015) e digo que gostei muito de Curaçao! E, para não ficar repetitivo com outros comentários, colocarei o que faria ou deixaria de fazer:
1º alugue um carro (aluguei pela Rentalcars, um carro na Alamo). Com certeza será o melhor investimento para a viagem tendo em vista que para chegar em 99% das praias voce tera que se deslocar. Taxi lá não vi muitos, e os que tem são um tipo de lotação (taxi van);
2º Praias que você não poderá deixar de ir: Kalki, Grote Knip (ou Kenepa Maior), Jeremi, Casa Abou e Portmari (todas ao norte); e Jan Thielbay e Mambo (região central indo para o Sul);
3º Para chegar às praias do Norte você terá que ir sentido Westpunt, lembre-se disto!! Como não consegui GPS, peguei um mapa e, depois de me perder um pouco, percebi que pegando sentido Westpunt eu iria pegar a segunda praia mais ao norte da ilha (Kalki) e viria descendo a rota passando por cada praia do mapa. Bem tranquilo!
4º Playa Mambo é onde fica o Sea Aquarium. Para ficar nesta praia deverá ser desembolsado U$ 3,00 por pessoa e, caso queira uma espreguiçadeira, mais U$ 8,50 por cada espreguiçadeira.
E, falando de Sea Aquarium, não nadei com os golfinhos porque minha esposa estava grávida (o que eles também não permitem). Apenas fiz o Encontro com os Golfinhos e adoramos. Se quiser nadar terá que pagar U$ 179,00 e para fazer o encontro e tirar fotos apenas, pagará U$ 99,00 (valores individuais). Cabe informar, ainda, que você não poderá tirar fotos enquanto estiver na água (uma pessoa deles irá tirar e cobrar cerca de U$ 50 por 6 fotos num pen drive - foi o que eu paguei). Mas se você estiver indo com outras pessoas que não vão entrar na água com os golfinhos, esta poderá tirar fotos à vontade. De qualquer jeito, pagando ou não, vale muito a pena tirar as fotos!!
5º Praias com estruturas: nem todas as praias lhe oferecem estrutura para você almoçar e as que oferecem geralmente você tem que pagar. As que fui que ofereciam isto foram a Kalki (U$ 8,00 por pessoa para permanecer na praia, com espreguiçadeira), Casa Abou (free), Portmari (U$ 3,00), Mambo (já citado acima) e Jan Thielbay (free). Ahhh, mas não vai achando que terá um cardápio completo com 50 pratos diferentes não hein!! Cardápio simples geralmente e a maior parte do que é servido é frito. Mas, se você não é muito adepto a frituras, pelo menos nestas praias você encontrará um filé de peixe com uma saladinha. Mas, aproveitando a dica da ANA, vale a pena levar frutas e água com você.
6º Onde comprar frutas? Você pode comprar no mercado flutuante em Punda. Bom que daí você já conhece um ponto turístico deles. Ahh, e por ali por perto, se você estiver afim de ir a Otrobanda (que fica no outro lado da margem) tem um barco (grátis) que sai de 10 em 10 minutos mais ou menos e faz este trajeto ida e volta. Só não sei dizer até que horas...
7º O que não faria? Não iria na Hato Caves (caverna) que, na minha opinião, não vale o preço que se paga (cerca de U$ 8,00 por pessoa e não tem nada demais). Também não iria ao encontro dos Flamingo's (flamingos mesmo) porque, apesar de ser de graça, nem tem muito o que ver. E não acordaria tarde, nenhum dia! Curaçao é lindo demais pra ficar de bobeira na cama (rsrs).
8º Noite: pra quem gosta tem alguns cassinos pela cidade. O que muito acontece por lá é que um hotel ou resort, além de ser um lugar legal para jantar com sua companhia promove algumas musicas que embalam os locais. Mas já informo logo que as musicas, geralmente, acabam cedo (entre meia noite a duas da manhã). Um lugar que levei minha esposa para jantar e que gostamos bastante foi no Forte Nassau. Lá você terá a visão da cidade vista pelo alto. Vale a pena conferir!
Enfim, há várias outras praias em Curaçao para conferir e se você quiser trocar seu dólar por florins, eles farão a cotação de U$ 1,00 para 3$ 1,75. Mas, se você trocar em qualquer banco a cotação sobe dois centavos (3$ 1,77). De qualquer forma o dólar é aceito em todo lugar - pelo menos que eu tenha ido.

Espero ter colaborado com os comentários e dizer que tudo que disse se baseia em minha opinião tendo em vista que outras pessoas podem ter opinião diferentes da minha.

Ahh, e para aqueles que queiram saber onde me hospedei durante os dias que estive na ilha, fiquei no Saint Tropez Apartments and Suites (que achei formidável), em Punda - a 10 minutos a pé do Centro.

Abraço a todos e boa viagem!!

Elisa Bastos
Elisa BastosPermalinkResponder

Olá,
Em relação a locação do carro, pediram a PID? Abs, elisa

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elisa! Não pedem PID no Caribe nem nos Estados Unidos nem na América do Sul. Vale a pena fazer para a Europa e é imprescindível no Japão e na Oceania.

Elisa Bastos
Elisa BastosPermalinkResponder

Obrigada!

Wendel
WendelPermalinkResponder

Boa tarde! Voltei semana passada de Curaçao (ficamos 11 dias lá) e estou aqui para dar minha opinião sobre o HILTON e seu Executive Lounge, pois, até o momento ninguém aqui tinha ido pra lá e escolhido o Hilton com esta opção. É uma sala não muito grande com mesas e, cadeiras, televisão, acesso à internet e resumo de vários Jornais (americanos e espanhóis). Fica aberta o dia todo e pela manhã (7 às 10h) serve café com cerca de 4 tipos de pães, 2 tipos de bolo, frios (salame, queijo e presunto), ovos mexidos, bacon ou salsichas, pasta de amendoim, Nutella, Cream Cheese, vários tipos de café (máquina), 2 tipos de suco, leites integral e desnatado, cereais (tipo sucrilhos, granola etc), 3 ou 4 tipos de frutas, água, sanduicheiras grandes para fazer sanduíches quentes e mais algumas coisas que devo ter esquecido.. e o melhor de tudo é tomar café com uma vista fantástica do mar e do hotel, pois, fica no 5o andar e há mesas na sacada. É bem tranquilo o movimento neste ambiente e as atendentes são muitos gentis, em especial uma chamada Desireé. Neste hotel só tem wi fi de graça na recepção e no Executive Lounge para quem tem acesso, pois, o local é fechado e a porta só é aberta com cartão que esteja dsbloqueado. Das 17h às 19h tem um happy hour, está incluso sucos, refrigerante, água e alguns petiscos quentes e saladas. Teve nuggets com molhos bacanas, outro dia costelinhas com barbecue, iscas de peixe, mas, nada de muito sofisticado. As saladas não me agradaram muito, mas, serve de tira gosto pra quem quer algo light. Tem uns dois tipos de bolinhos ("muffins") , tem também duas sobremesas como pudim ou bolo recheado tb.... Resumindo, achei que valeu muito a pena, pois, chegávamos da praia ou da piscina, passava lá pra fazer um happy hour, tomar um refri, comer algo, acessar a net, ver um lindo por do sol de um lugar privilegiado e jantávamos lá pelas 21h... As vezes nem comíamos mais nada, só beliscava.... Não lembro o valor adicional para ter acesso ao Executive Lounge, mas, não era muita diferença. Quem tiver duvida, envie e-mail para o Hilton que eles são muito solícitos. Se eu puder ajudar em algo mais fico a disposição. Ah...se quiser comprar bebida alcoólica dentro do executive lounge, pode, e ainda paga mais barato que no bar principal do hotel. Para deixa registrado, segue meu Top Five de melhores praias:
1- Kenepa Grande
2- Cas Abou
3 - Jeremi
4-Kalki
5-Porto Mari

Um grande abraço e muito obrigado aos membros do site Viaje na Vigem por todas as dicas.

Lais
LaisPermalinkResponder

Olá
Pergunta de principiante: Fiz a viagem para Curaçao pela Avianca. Onde é melhor eu cadastrar os pontos da viagem, no programa Amigo da Avianca ou no Lifemiles?
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Laís! Provavelmente no Amigo você terá mais chance de acumular mais pontos em vôos nacionais e trocar também por vôos nacionais.

Paulo
PauloPermalinkResponder

A título de informação, no site da viajanet aparece a opção de voo direto entre Manaus e Curaçao pela inselair com datas para novembro de 2015.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paulo! Temos um post recente sobre a novidade: https://www.viajenaviagem.com/2015/07/manaus-voos-aruba-curacao-diretos-dicas . Os vôos já começaram. Já vamos atualizar no guia, obrigada por avisar.

Paulo
PauloPermalinkResponder

Ok, Bóia! Agora me resta uma dúvida, os voos diretos entre Manaus e Aruba foram cancelados? Porque estou fazendo a simulação(site da inselair) de um voo saindo de Manaus com destino a Aruba e só aparecem opções com escala em Curaçao.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paulo! É estranho, porque na seção Timetable os vôos diretos a Aruba continuam aparecendo. Mas com efeito, ao pesquisar nas datas dos vôos a pesquisa volta com vôos via Curaçao, nos dias dos vôos a Curaçao. Se existirem, pode ser que os vôos a Aruba estejam bloqueados por operadoras. Mas como mesmo pesquisando muito adiante os vôos não aparecem, tá com cheiro de terem desativado a rota, sim.

Paulo
PauloPermalinkResponder

Ok Bóia! Obrigado pela informação.

Robson
RobsonPermalinkResponder

Estou em Curaçao e vim no voo direto da Inselair. Os voos alernam, tem dia que vem direto para Curaçao e tem dia que vai direto para Aruba na volta a mesma coisa.

Alexandre Herz

Praias lindas, alta gastronomia e povo feliz e convidativo ! Ótimos hotéis e infraestrutura padrão europeu (devido aos holandeses) ! Voltarei com certeza !
Minha esposa fez um video da nossa viagem, onde cita os restaurantes e as praias e mais algumas dicas !
https://www.youtube.com/watch?v=hkOjO3iD3n4

Sergio Malh
Sergio MalhPermalinkResponder

Prezados bom dia! Sou pouco experiente em viagens internacionais, as viagens que fiz anteriormente realizei a reserva de hotéis através de um site de busca e sempre foi tudo pago através do cartão de crédito. Irei para Curaçao em fevereiro/2016, fiz uma reserva através deste mesmo site no hotel Villa Vermaire, o hotel me contactou dizendo que não aceita cartões de crédito e que eu devo fazer o pré-pagamento diretamente na conta do hotel em um banco holandês, e o restante do pagamento até 14 dias antes da chegada, fiz algumas pesquisas na web e o hotel me parece idôneo, já entrei em contato com o site de buscas, há mais de uma semana e até agora não obtive resposta. Gostaria de saber se esta situação é comum e/ou alguma outra sugestão/informação do que eu devo fazer. Desde já agradeço, e também elogio os excelentes posts e comentários deste site que me ajudaram na escolha desta viagem.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Sergio! O hotel pode ser sério, mas existe a possibilidade de haver hackers atravessadores. Nossa recomendação é nunca fazer transferências bancárias. Depósitos só por cartão de crédito ou Paypal.

Sergio Malh
Sergio MalhPermalinkResponder

Ok, muito obrigado! E mais uma vez, parabéns pelo excelente site.

Renato
RenatoPermalinkResponder

Ricardo e amigos, boa noite, gostaria de saber se algum de vcs já comprou chip 3g /4g em curaçao para usar a internet do celular? Como foi? Onde? Valeu a pena?
Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato! Quem responde é A Bóia. Você pode comprar simcards pré-pagos da Digicel ou da UTS.

As lojas da Digicel:
http://www.digicelcuracao.com/en/retailers/index.php
Os planos da Digicel:
http://www.digicelcuracao.com/en/services/data/digicel-prepaid-data-plan

Vanderlei Abrantes

Olá, Bóia.
Estarei em Curacao no dia 04/01 (parada do navio). É uma boa opção o aluguel de um carro para utilizar apenas no período da parada? Vale a pena?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vanderlei! Alugar o carro valeria a pena se você fosse até Grote Knip/Kenepa Grandi, que está a 40 km do porto. Mas por outro lado, se você for tão longe, provavelmente não terá tempo para visitar o centro histórico de Curaçao, que é a maior atração da ilha.

Um bom esquema para passar o dia numa escala de cruzeiro é pegar um táxi até o hotel Avila, que está a 5 minutos do centro, e tem uma praia particular. Eles oferecem um beach pass por 9 dólares, incluindo aí espreguiçadeira. Você pode almoçar no hotel e depois passar a tarde no centro histórico: peça um táxi, passe pelos casarões bolo-de-noiva de Scharloo, depois visite a Sinagoga e o Museu Kurá Hulanda.

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Olá Bóia!
Saberia me dizer se tem como alugar bike por lá? Eu e meu namorado somos estilo aventureiro e gostamos de pedalar, até porque não sabemos dirigir. Agradeço a informação.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Roberta! Provavelmente tem. Mas as distâncias são enormes. Kenepa Grandi está a 40 km de Willemstad. Se você não pode alugar carro, considere outro destino.

TGR
TGRPermalinkResponder

Acabei de voltar de Curaçao! Viagem incrível! Fiquei hospedada no Renaissance e foi ótimo pelo fácil acesso ao centro (restaurantes, lojas...). Alugamos o carro apenas por dois dias! No primeiro conhecemos as prais Cas Abao e Porto Mari e são lindas! No segundo dia conhecemos Kenepa Grandi e Kenepa Chiki (minha preferida!) e ainda paramos na Praia Lagun tbm que é ótima para snorkel por ter uma encosta grande pedras! Não gostei de Mambo Beach, para onde fomos de ônibus logo do primeiro dia q tivemos inteiro na ilha. Praia cheia, paga, mal se vê a areia de tantas cadeiras!
Fizemos o ATV tour para Westpunt com a empresa Prins e foi incrível!!!! Só tínhamos nós agendados este dia e então foi praticamento um tour privado! Valeu super a pena!!!
No dia seguinte, um sábado fomos para Klein Curaçao e tbm super recomendo o passeio! Fomos com uma empresa nova que se chama Breeze e foi otimo! Comidas e bebibas inclusas (inclusive alcoolicas), barco limpo, equipe atenciosa e prestativa. O que eu não tinha lido em lugar nenhum era que o mar é BEM mexido na ida para a ilha! Fiquei bem tensa, mas não passei mal! smile
Comprei uma sapatilha de neoprene para levar foi uma aquisição que valeu muito a pena! Toda faixa de areia na entrada para o mar é cheia de corais/pedras e isso machuca os pés e pode ser muito desconfortável, porém com a sapatilha foi super tranquilo! Recomendo!
Td lindo, viagem revigorante!

Cristiano Santos

Vou pra Curacao em abril/2016 pela Copa.
Sabem se, por ser parceira do programa smiles, é possível mandar as milhas direto para este programa de milhagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristiano! Em princípio sim. Algumas tarifas descontadas, porém, não rendem milhas.

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Olá Cristiano, pontua sim, eu sou do Smiles e recém pontuei pela Copa, na hora da compra ou do check-in é colocar o número do Smiles, as milhas caem em 48h. Só é bem pouco, no meu trajeto Manaus - Panamá pontuei um pouco mais de 1000 milhas na ida e na volta, e o trecho Panamá - Curaçao pontuei pouco mais de 500 também na ida e na volta. Enfim, o total da viagem não deu 5000 milhas sad

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Olá Ricardo e Bóia!

Eu e meu namorado não dirigimos, então como dependemos dos ônibus, eu queria fazer umas observações sobre os ônibus de Curaçao (os grandes e as vans) até pra ajudar quem não dirige e mesmo assim quer ir pra lá. Obs: voltei dia 09/04/2016 de lá.

1) Curaçao tem duas 'grandes' estações de ônibus, a de Punda e Otrobanda. Os ônibus saem pra todos os lugares a cada 1h, 1h30, 2h, depende pra onde se quer ir. A questão é se organizar conforme o horário dos ônibus pra não ficar perdendo tempo esperando. Nas estações têm um painel com o horário dos ônibus, então fica super fácil se programar e o mais importante, calcular quanto tempo leva pra chegar no destino desejado pra poder se programar.

2) Lado norte da ilha: fomos pras Cavernas Hato na linha 2A - Punda-Hato, na estação de Punda. Deu tempo fazer o tour (45 minutos) e pegar o próximo que passava a cada 1h, então ficamos uns 20 minutos esperando o bus e aproveitando o tempo pra fotografar o entorno.

3) Lado leste da ilha: passamos por Mambo Beach, Sea Aquarium, mas ficamos na Jan Thiel. Pegamos a linha 6A -Punda-Caracasbaai que passa a cada 1h e descemos bem na frente. Ficamos lá uns 45 minutos até pegar o próximo, mas dava pra ficar mais tempo na praia, não ficamos porque tínhamos de fazer o check-out pra ir pro outro hotel. Inclusive pra pegar o barco pra Klein Curaçao, só fomos de táxi porque o ônibus não passava cedinho, mas na volta do passeio voltamos no mesmo ônibus.

4) Lado oeste da ilha: esse é o mais complicado, o ônibus da linha 9A - Westpunt, na estação de Otrobanda, passa a cada 2h e para bem na Westpunt (passa pelo Christoffelpark) e de lá tem que seguir caminhando bem pouquinho até chegar na Playa Piskado e Playa Forti. Dá pra ir de boa até a Playa Kalki mas tem que ter boa disposição. A linha 3C – Lagun-Knip também deixa em Kenepa, Laguna, mas só descobrimos isso depois que já tínhamos voltado, e também só passa a cada duas horas.

5) E pra dar aquela banda no lado oeste da ilha que não seja só praia, dá pra pegar a linha 3A (Bandabou via Soto) e 3B (Bandabou via Barber) na estação de Otrobanda e fazer atividade ao ar livre como caminhada, enfrentaro calorão, ir ao Christoffelpark, mas sabendo que o bus passa a cada 2h.

6) Quanto às vans, passam por toda a ilha, mas esse não tem como saber que horas vai passar, um morador nos disse que passa a cada meia hora, mas depende de onde estiver e sempre tem atrasos, assim como os ônibus grandes.

7) Enfim, dá pra ir pra Curaçao sem saber dirigir e aproveitar tanto quanto quem aluga carro, a diferença é que quem gosta de conforto e sabe dirigir, alugue, eu se dirigisse alugaria. Mas quem não dirige, não precisa mudar o destino, é só se programar conforme os horários dos ônibus e aproveitar do mesmo jeito, até porque se os moradores de Curaçao usam os meios de transporte coletivos, porque os turistas não usariam também né? Eu e meu namorado curtimos muito e até ‘turistamos’ em Curaçao enxergando a ilha de modo mais nativo mesmo.

Patricia Sales

Roberta adorei as dicas! Eu e meu namorado diigimos, mas nao queremos alugar um carro para toda a estada lá, pois vamos ficar em um ressort e alguns dias nem sairemos do hotel. Super importante ter opções. Valeu

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Pessoal, estou programando para ir para Curaçao em agosto e vi pelo post e pelos comentários que teremos que alugar carro. Estando de carro, poderia me hospedar mais longe do centro. Gostaria de saber se é difícil estacionar no centro a noite. Alguém saberia me dizer?

Ah, adoro o site e sempre recomendo a todos meus amigos!!!!

Bjos

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mariana! Estacione no edifício-garagem no complexo do Renaissance.

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Valeu!

mario f.
mario f.PermalinkResponder

Olá, estamos indo a Curaçao dia 06/06/2016 para nossa lua de mel e estamos com uma dúvida sobre o aluguel de carros. Nunca alugamos carros no Brasil e nem mesmo no exterior, sendo assim, eis nossa dúvida: parece não ser obrigatório contratar o seguro contra acidentes e outros (ajudando na economia da viagem), havendo a necessidade obrigatória caso não seja contratado o seguro de se fazer um depósito no dinheiro ou cartão. Esta informação procede? Saberia nos falar o valor aproximado do depósito? Obrigado pelas dicas, parabéns pelo site e também pelo programa na BandNews!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mario! Em qualquer locação de carro haverá um valor pré-autorizado bloqueado no seu cartão de crédito internacional. Alguns cartões oferecem os seguros básicos gratuitamente, veja se é o caso do seu. Alugar carro sem cartão de crédito é encrenca, se você achar uma locadora que faça isso vai precisar deixar dinheiro em caução.

Débora
DéboraPermalinkResponder

Olá, Mariana.
Estou em Curaçao, desde o dia 05/07. Irei embora dia 12. Aluguei um carro e foi a melhor coisa. Tenho andado por tudo. Tranquilo pra estacionar. Só é ruim bem no Centro. Mas, não dispense o ar condicionado. Aqui é imprescindível, rsrsrs... Abraços.

Aguinaldo Pinto Francisco

Olá,
Voltamos de Curaçao há quinze dias. Lugar maravilhoso !!! Nos hospedamos no Sunscape Resort. Este resort é muito bom..... Tem cinco restaurantes temáticos, piscinas, espaço para crianças e uma praia de tirar o fôlego. Uma dica, alugue um carro, pois as praias mais belas estão longe.... Reservamos este carro aqui no Brasil para ficar mais fácil.
Ainda sobre o resort, encontramos a Val, uma brasileira que mora em Curaçao desde 2003, ela recepciona e da toda a assistencia aos Brasileiros que lá se hospedam, não precisam procurá-la, pois ela é quem nos encontra... pessoa encantadora. Dá todos as dicas de como curtir aquele país lindo !! ela programou o waze para usarmos offline de todas as praias. Dirigimos sem problemas algum e chegamos em todos os "paraísos" que ela nos indicou. Enfim esta foi uma das melhores viagens que já fizemos...Cancun é linda, mas voltaria para Curação quantas vezes puder....... beijos

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Ricardo e cia, acabei de voltar de Curaçao. Suas dicas são sempre preciosas e precisas. Valeu. Só gostaria de acrescentar 2 coisas: 1) o aplicativo mapsme funciona sem internet e tem todas as vias atualizadas. Recomendo.
2) ficamos no Saint tropez suítes e gostaria de alertar aos próximos que a recepção não funciona 24h, portanto se seu vôo chegar após as 9h da noite ou antes das 8h da manhã tem que avisa-los antes.
Por conta da recepção não ser 24h os hóspedes ficam com uma chave do portão de entrada e na sexta-feira ( dia do happy hour) um hospede esqueceu a chave e ficou batendo por horas no portão. Fique esperto com a chave! ?

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Gostaria de saber como funciona curaçao para deficientes físicos.
Existe alguma praia com acessibilidade?
É o transporte? Conseguiríamos alugar um carro adaptado para entrada de cadeira de rodas motorizada tipo carro americano?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vanessa! Fale com essa agência especializada:
http://tiotaxi.com/accessiblecuracao/

LUCIANA
LUCIANAPermalinkResponder

Fiz uma reserva que está 50% paga no saint tropez em Curacao, no entanto não poderei ir. Gostaria de passar a alguém que estivesse indo e não tenha reserva. Será que você poderia me ajudar, seja divulgando aqui nos comentários, caso alguem se interesse ou me indicando algum corretor de viagens?
Paguei um valor muito bom e repasso por menos, só para não perder..
Obrigada!
Luciana.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luciana! Vamos compartilhar sua oferta no Perguntódromo. Havendo resposta, aparecerá aqui.

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Olá Luciana! Conseguiu repassar?

Elisabeth
ElisabethPermalinkResponder

Olá vou para Curacao no carnaval para quando é sua reserva?

Evandro
EvandroPermalinkResponder

Boa tarde gostaria de ajudas do pessoal aqui eu e minha esposa estamos com uma viajem marcada em fevereiro pra Recife, mais estamos quase desmarcando porque ficamos um pouco com receio, pois ela está grávida e não sabemos como esta aquela epidemia do zica vírus então gostaria de saber se tem alguém de lá e se alguém aqui também fez uma viajem recentemente pra Recife próximo a boa viagem, Vasco da gama, casa amarela se poderia me dá mais informações por favor agradeço desde já

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Evandro! O assunto saiu do noticiário, o que é um bom sinal. Em condições normais, eu não deixaria de viajar. Mas em se tratando de gravidez, o risco precisa ser zero, não? Em casa vocês também correrão risco, mas será mais fácil de controlar.

Caroline Santos

Ola,
Vou em Curação em Agosto/2017 e estava lendo sobre o aluguel de carro. Gostaria de saber se é possível alugar um carro com 22 anos? Porque todo lugar que consultei pedia 25 ou mais... Se puder me responder ficaria muito agradecida.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Caroline! A Avis aluga para motoristas a partir de 21 anos.

https://www.aviscuracao.com/Fleet.htm

Aguinaldo
AguinaldoPermalinkResponder

Olá, eu e minha esposa estivemos em Curaçao entre os dias 8 e 18 de maio, nos hospedamos em um studio do airbnb todo equipado e com piscina no bairro de Bonan.
Alugamos um carro por 6 dias por 180 dólares e passeamos por toda Curaçao. Fomos a playa grandi, kenepa e port marie, todas fora de série. Fomos também a Punda, Otrobanda, Piscadera, Marie Pampoen, mambo beach club e jan thiel além do parque Shete Boka.
Em alguns dias usamos transporte público que não achamos ruim, apenas razoável.

Samuel
SamuelPermalinkResponder

Quanto ao gps eu baixei o Google maps e salvei a região de Curaçao em mapas off LINE funciona super bem

Cibele Fontana

Bom dia!! vou com minha família para Curaçao na semana que vem e acho importante atualizar uma informação do site... a vacina da febre amarela passou a ser exigida recentemente, com mínimo de 10 dias de antecedência da viagem.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cibele! Obrigada por compartilhar, vamos atualizar.

André Barros
André BarrosPermalinkResponder

Estive em Curaçao de 16 a 21/setembro de 2017, tomei a vacina contra a febre amarela, levei cartão de vacina internacional, mas não pediram nada em Curação.
Nem em Bonaire, onde fomos antes.
Na Cidade do Panamá fizemos apenas conexão, de modo que não pediriam mesmo.

Felipe Mortimer

Pessoal... tenho euros em casa! É viável levar? Ou é melhor comprar dólares e ir mais tranquilo ? Vocês sabem como é a aceitação e a cotação de euros lá?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Felipe! Leve seus euros, vale mais a pena do que vender aqui e comprar dólares. Se precisar comprar mais moeda para levar, leve dólares, serão aceitos mais facilmente como moeda corrente.

sana colpani
sana colpaniPermalinkResponder

Olá, quanto a segurança nas praias, é tranquilo? posso deixar bolsa e chinelo na areia para ir ao mar tranquilo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Sana! Nas praias privadas, sim. Nas praias públicas, sempre pode ter um mão-leve.

Letícia Portela

Moro em Manaus e gostaria de saber se tem como ir a curação de carro e quais dicas para quem quer ir de carro? quantos km? quantos dias pra chegar? aguardo uma resposta.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Letícia! Não dá não. Não tem ferry boat para Curaçao de lugar nenhum.

ARIANE
ARIANEPermalinkResponder

Olá! Vou para Curaçao dia 31 de Jan agora, em lua de mel, e estava vendo pra locar um carro, porém, chego às 22:52. Sabe se consigo alugar um carro este horário? Vi em um site vehicle Rent que teria em uma locadora ross. Porém ao entrar no site da ross o horário de funcionamento está até as 16 (?!)

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ariane! Hertz, Avis e Sixt do aeroporto funcionam até as 23h.

Para sua tranqüilidade, vá ao hotel de táxi e alugue o carro no dia seguinte. Se alugar pela Budget, nem precisa voltar ao aeroporto. A locadora tem guichês nos hotéis Hilton, Avila, Renaissance e na praia de Jan Thiel.

Fernando Frochtengarten

Acabo de voltar de Curaçao em 16/1/2018 com esposa e filhos de 15 e 10 anos. Gostamos muito de lá e gostaria de deixar algumas dicas atualizadas e impressões.
Ficamos no ótimo (exceção feita ao restaurante) Sonesta Kura Hulanda, em Otrabanda (Willemstad), alugamos um carro pela Europcar e em cada um dos 7 dias de nossa estada rodamos para um destino diferente dentro da ilha.
Ao escolher Curaçao como destino, é possível fazer diferentes viagens. Depende do tipo de programa que você escolher.
Existem praias frequentadas por turistas e nativos, como Kanepa (Grandi e Chica), Cas Abou e Laguna, outras frequentadas mais por nativos, como Santa Cruz. Todas são lindas. Mas também existem praias completamente lotadas apenas de turistas (holandeses, na maioria), onde não se vê nativos: Porto Mari, Jan Thiel e Mambo Beach. As duas últimas nos deram a sensação de estarmos em um condomínio brega de Miami.
O passeio a Klein Curaçao é imperdível. A quem for, sugiro ir com a Mermaid Boat Trips, que além do transporte oferece estrutura na ilha. O pacote inclui café da manhã e almoço na ilha, além do usufruto da estrutura (quiosques, banheiros, etc).
O Parque Nacional de Shete Boka também é um belo passeio para uma manhã, podendo conciliar com praias do West Punt.
Não deixe de levar máscara e snorkel.
Em Willemstad, as visitas à sinagoga e ao Museu da Escravidão são obrigatórias, além de rodar um pouco pelo casario holandês.
Se você procura uma viagem interessante em termos gastronômicos, saiba que Curaçao não é o destino mais interessante. Os restaurantes costumam servir comida internacional, algumas vezes incluindo pratos locais, sempre os mesmos três ou quatro: carnes combinadas com queijo e/ou banana e caracóis marinhos. Comer em Curaçao não é nada barato. Deixo alguns comentários sobre restaurantes:
1. Fort Nassau (Otrabanda): paisagem estupenda (vá, ainda que só para visitar o forte) e comida boa (mais simples do que a pompa promete). O mais em conta é pedir um menu executivo (entrada, principal e sobremesa), que ainda assim estava custando 41 dólares por pessoa.
2. Gouvernour (Otrabanda): bela vista de Punda, boa comida, ambiente agradabilíssimo.
3. Ginger (Pietermaai): comida com influências asiáticas bem gostosa.
4. Pleincafe: lugar mais simples, bons pratos e porções, cervejas variadas, preços mais camaradas.
5. La Bahia: pegadinha total; vista linda como a do vizinho Gouvernour, mas lugar sujo e comida nojenta.
6. Mercado de Willemstad: experiência mais roots para experimentar comida local a preços generosos, vendida em barraquinhas.

Alexandte
AlexandtePermalinkResponder

Voltei dia 20.02.2018 de Curaçao e levei euros para lá. Na maior parte dos lugares eles não aceitam euros e quando aceitam querem fazer 1 para 1 com o dólar. A dica é levar tudo em dólar mesmo. O câmbio estava 1.1 dólar para 1 euro.

Rachel
RachelPermalinkResponder

Olá, pessoal! Há 20 anos acompanho o querido Riq Freire pelas dicas sempre certeiras, mas desta vez o que li nos posts me deu uma ideia bem diferente de Curaçao em relação ao que encontrei lá. Por isso achei interessante dividir com vcs minhas impressões. Viajei pra Curaçao no Carnaval com meu namorado e esperávamos um lugar paradisíaco e super charmoso, com gastronomia variada e cosmopolita, como o Riq tinha falado. Não é que não tenhamos gostado da ilha, longe disso, mas achamos que “pobre” é uma definição melhor do que “rústica”. Tirando as praias pagas (Cas Abao, Portomari e Jan Thiel), que têm banheiro “usável”, bar com drinques e comidinhas e/ou restaurante, as públicas são muito precárias. Lagun, por ex, é minúscula, e sua faixa de areia tinha um bar de madeira caindo aos pedaços (fechado), uns bancos decrépitos e só. Não achei lugar nem pra comprar uma água. Mesma coisa em Jeremi ou até no Westpunt, onde a vista é linda mas a estrutura é muito precária. O bar/restaurante que fica ali parece um pé sujo, sem nenhum charme. Não dá vontade de pedir nada que não seja em lata...
Nas estradas, que levam de uma praia a outra, tb não há um único comércio decente, um lugar pra tomar um café ou lambiscar algo. A falta de opção era tanta que viramos clientes fieis do Starbucks que fica no shopping do Renaissance, em Otrobanda. Não era bem o que eu esperava encontrar...
Dos restaurantes, o que realmente gostamos é o Du Governeur, de frente pro canal e pra ponte móvel. O lugar é um charme, tanto no terraço quanto no jardim interno, e lá encontramos alguns pratos típicos, como o queijo recheado (diferente, não diria super gostoso). O “badalado” Pietermai não passa de uma rua de 2 quarteirões com uns 8 ou 10 restaurantes diferentes, mas nenhum emocionante. Mesmo o Mondo Bizarro não é propriamente um lugar especial, se pensarmos no que estamos acostumados a ver em cidades realmente cosmopolitas. Comida boa, ambiente simpático, mas nada demais mesmo.
Vale dizer que mesmo Punda, onde fica o casario de influência holandesa, só é charmosa nessa beira do canal (diante da ponte). Nas ruas de trás, tem um comércio muito popular, nada charmoso.
Recomendo muito o museu Kura Hulanda (estou escrevendo os nomes de memória, desculpem algum erro), fantástico! Esse sim um lugar especial, sob qq ponto de vista. Arquitetura histórica super graciosa e um museu que aborda a escravidão no Caribe e História da África. Pena que perdemos o bufê asiático que o Riq recomendou, só tinha no domingo.
Enfim, acho que Curaçao deve ser mais bacana pra quem mergulha (de snorkel vimos bem pouco peixe). Ah, sim, e o mar é aquilo tudo que vemos em fotos... não sei se é porque não conhecemos mais nada no Caribe, mas nos decepcionamos um pouco com o resto.
Espero que as dicas tenham sido úteis.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Raquel! Lamentamos que a ilha não tenha estado à altura da sua expectativa. Apenas gostaríamos de lembrar que em nenhum lugar do guia recomendamos que se vá a Lagun ou Jeremi -- de todas as praias públicas, só estão mencionadas Kenepa Grandi, com a ressalva de que é freqüentada pelos moradores (o que na nossa opinião é um super mega plus), e Westpunt, que na época da confecção do guia tinha o bar administrado pelo Kurá Hulanda. Também em nenhum lugar foi prometido que haveria lugares para parar na estrada (se houvesse, teriam sido recomendados). Por sinal, a precariedade das estradas é citada.

Se você continuar viajando pelo Caribe, verá que a vida é simples mesmo, construir em ilhas é difícil mesmo, seja em Fernando de Noronha, Ilha Grande, Barbados, Turks & Caicos ou St. Maarten. Se você não quiser se isolar num resort em Cancún, Punta Cana ou na Jamaica, ou se hospedar num hotelão em Aruba, você vai acabar cruzando com pobre. (Bom, dá pra ir direto pra St.-Barth...)

Rachel
RachelPermalinkResponder

Boia, acho que houve um excesso de interpretação da sua parte, porque em nenhum momento eu dei a entender que não queria “cruzar com pobres”. Apenas apontei que a ideia de paraíso rústico que o Riq passou, ao menos para mim, não corresponde ao que vi lá. Esta é a minha opinião, por favor não a distorça.

Bruno
BrunoPermalinkResponder

Olá, bom dia. No próximo dia primeiro estaremos indo para Curaçao, o problema é que cai num domingo. Gostaria de saber o q poderemos fazer, pois já vi q muitas coisas estarão fechadas. Chegaremos por volta das 13, estaremos de carro, somos 4 e hospedagem em Pietermaai (Scuba Lodge). Obirgado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruno! A atração principal de Curaçao são as praias. Essas não fecharão na Páscoa.

Bruno
BrunoPermalinkResponder

Vlw!

Roberta Batista

Olá,
Para as férias de julho gostaria de conhecer Curaçao.
A viagem será realizada por mim, meu marido e meu filho de 6 anos.
Pensei em ficar uma semana em Curaçao e uma semana em Miami.
Seria um roteiro viável?
abs,

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Roberta! Sim.

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Olá! Irei para Curação no dia 13 de maio. Notei nos comentários que a maioria das pessoas recomendam alugar um carro, meu namorado gosta muito de moto, acham viável locar uma moto para andar pela ilha?
No caso para ir e voltar do aeroporto eu iria precisar de um transfer, caso saibam de algum pra indicar, super agradeço wink
Bjinhos e obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabiana! A ilha com certeza é fácil de percorrer de moto. Só não sabemos sobre a questão de segurança. Sugiro consultar foruns estrangeiros sobre isso.

Gleiziele
GleizielePermalinkResponder

Muito bom!!

Daniel
DanielPermalinkResponder

Li varios comentários a respeito de aluguel de carro e táxis. Alguns comentários mais antigos que relatam a real necessidade de alugar um carro.
Pretendo viajar com duas crianças. 2 e 3 anos.
Queria saber se mesmo com uso de uber ainda vale a pena o aluguel de carro.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniel! Uber não está em Curaçao.

Alexandre Macedo

Olá, estive na última semana de julho deste ano em Curaçao, mesmo sendo verão lá, com muitos holandeses e por dois dias navios de cruzeiros, é época de média temporada, pois no Caribe, em janeiro que o movimento aumenta e é a alta temporada.
Demoramos(eu,esposa e filhos de 16 e 10 anos) uns 2 dias para situarmos onde acontecia os restaurantes à noite, que nessa época se sai cedo para jantar, tipo entre 19 e 20 horas. Mas em Pirtermaai, na rua Nieuwestraat, onde se encontra uns 8 restaurantes, inclusive o Bistrô e Mundo Bizarro. Em Otrobanda na margem do canal tem uns 3 restaurantes interessantes. Fomos um dia a noite no boulevard da praia de Mambo Beach e também encontramos muito boa opções.
Ficamos hospedados no Renaissance, onde tem uma estrutura de lojas e ao lado do Fort Rif com outras boas opções de restaurantes, e na sexta e sábado tem uma banda caribenha que faz um show a noite que lota de gente, tanto turistas como locais.
Fomos um dia a noite também ao Arcos do Water Fort com uma vista muito bonita pro mar e com outras opções de restaurantes.
Para passeio e compras , em Punda, tem-se várias lojas e alguns cafés que ficam abertos até às 19:00, depois esta região fica deserta, até mesmo na parte em frente ao canal, onde se tem as famosas fachadas de Curaçao, nesta época a partir da noite fica meio vazio e não tem boa opções de restaurantes. É um local para caminhar no fim de tarde. Fomos duas vezes ao Copacabana Café, que fica numa pequena praça com outrto bar/café em frente.
Em Willemstad, principalmente em Punda, fica a parte mais europeia da ilha com seus casarios e restaurantes e lojas(no bairro de Scharloo ficam algumas bonitas casas dos antigos barões do Sal e Escravos, que hoje viraram bancos ou instituições)
Mas a maior atração de Curaçao são as praias, no Caribe já estivemos em St. Marteen, Punta Cana e Varadero, mas as águas mais cristalinas estão em Curaçao. A praia mais bonita é a Kenepa Grandi, mas a que mais gostamos foi a de Porti Mari, pela beleza e melhor estrutura.
Estivemos também em Kenepa Chiki(só de passagem), Cas Abao(tbm muito bonita). Do outro extremo da ilha fomos em Mambo Beach, com uma estrutura top proporcionado pelo Boulevard logo atrás da praia(que é um pouco artificial, com a água da praia municiada pelo mar através de buracos no recife construído artificialmente), outra foi a de Jan Thiel, que fica numa região mais nobre e com estrutura muito boa, mas a praia é a menos bonita.
Não fomos ao aquário e nem fizemos o passeio a ilha Klein Curaçao. Mas aproveitando a temporada de beisebol da liga local, demos uma espiada num jogo no estádio que fica em frente ao hotel e até pegamos um cineminha em outra tarde/noite antes de sairmos para jantar(filme Hotel Transilvânia) que fica tbm ao lado do hotel.
Quanto ao Hotel, o Renaissance, foi uma ótima opção, tem uma piscina muito boa e bonita de água salgada com borda infinita para o mar(onde passávamos, depois do final de praia ou passeio por Punda, para curtir o fim de tarde), cassino e dois Starbucks em suas dependências, além da estrutura que já mencionei no início.
Alugar carro lá é fundamental, foi fácil e até prazeroso dirigir por lá. Quem não tiver GPS ou dados móveis, baixe o aplicativo maps.me (roda off-line) e consegue andar tranquilo.
Como disse a Bóia num comentário anterior, Caribe, com algumas excessões, não é luxo total, se encontra isso em alguns restaurantes, lojas e hotéis, mas o essêncial são as praias(fantásticas), história, cultura e interação com os locais, principalmente em lojas,restaurantes e outros. E isso em Curaçao, vai ter de sobra. Recomendo muito.
PS : Estivemos também no Sambil Shopping, que não é nada demais mas dá para ver como se movimenta os locais e trocar uma ideia com as atendentes dos cafés que foram muito simpáticas.
Pena que o Mercado Flutuante estava fechado devido ao bloqueio do governo Venezuelano, que proibiu a ida dos produtores deles de vender suas mercadorias na ilha.
Os locais falam, além do Papiamento(língua local), falam inglês e holandês, e dá pra se virar bem no espanhol.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar