Jalapão

Índice de posts
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Jalapão no Viaje na Viagem

Qual é a sua Chapada? Diamantina x Veadeiros x Guimarães x Mesas x Jalapão

Para entender o Jalapão

Jalapão: como é a viagem com a Korubo

Brasília-Jalapão, via Chapada dos Veadeiros, de jipe: as dicas do Edison

17 comentários

Carolina Borges

Boa tarde! Gostaria de fazer um roteiro pouco usual: começar pelo Jalapão (foco em rafting), seguir em direção a Chapada das Mesas (base em Carolina) e subir para os Lençois Maranhenses (Barreirinhas, Atins, Santo Amaro), voltando por São Luis. Alguém já fez alguma coisa parecida? Tem alguma dica ou sugestão? A viagem seria na segunda metade de Julho/2015. Obrigada Bjs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carolina! Para fazer o Jalapão com rafting, faça o roteiro da Venturas, que é contruído em torno disso.

Para seguir à Chapada das Mesas você vai pegar um vôo (Azul ou See, 1h) ou ônibus (Transbrasiliana, 7h30min) a Araguaína, de onde você segue de ônibus a Filadélfia e Carolina, base para a Chapada das Mesas. De Carolina você vai de ônibus a Imperatriz e lá pega um vôo a São Luis. De São Luís vai de ônibus a Santo Amaro ou Barreirinhas.

Alberto Peçanha

Gostei do roteiro, Carolina! Se achar um -e não se importar! -, faria na boa com vc...

Alberto Peçanha

Por falar nisso, alguém a fim de ir a Chapada das Mesas na segunda ou terceira semana de junho de 2015? Dividir custos dos passeios?

OSWALDO MARCOS RIBEURO

Gostaria de participar de viagens pelo interior do Brasil; a exemplo, Jalapão, Chapada dos Veadeiros, Lençóis na Bahia, Chapada das Mesas e etc., de certa forma, indistintamente, a partir de 15/05/2015. Tenho um veículo off-road

lucelia
luceliaPermalinkResponder

Tem algum destino que dá para emendar com o Jalapão?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lucélia! Olha, tem Palmas, com suas praias de lago e suas cachoeiras próximas, e também a Chapada da Mesas -- dá para ir de avião a Araguarina. Outra possibilidade é aproveitar a escala em Brasília para ir a Pirenópolis ou à Chapada dos Veadeiros.

Veja:
https://www.viajenaviagem.com/2015/04/comparacao-chapada-diamantina-veadeiros-guimaraes-mesas-jalapao

Patty Macena
Patty MacenaPermalinkResponder

Gostaria de saber se alguém já passou a virada no Jalapão? Estou me organizando pra ir este ano, mas queria tem mais informações. Se é muito cheio nessa época e etc. Obrigada!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Patty! As pousadas e os passeios organizados lotam com bastante antecedência.

JOHN NERIS
JOHN NERISPermalinkResponder

Gostaria de fazer um roteiro com acessibilidade. pois sou cadeirante e existem muito poucos roteiros acessíveis no Brasil.

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Procure Turismo Adaptado ou Ricardo Shimosakai no FB

Elizabeth Guimarães

Fui ao Jalapão de 15 a 18/09/17 e a minha dica é: contrate uma agência para o passeio. Não adianta ter uma 4x4 e um GPS. Um amigo foi por conta própria e passou mais tempo perdido que nos atrativos, fora o pessoal que atola na areia.Fui com a agência 40 graus no cerrado, guia Sandro, espetacular! O Jalapão é bruto mas é lindo demais!!

MAURICIO
MAURICIOPermalinkResponder

Eu fui ao Jalapão, partindo de Palmas e com um Duster 4x2. Tenho experiência na condução off road e não tivemos percauços, mas é tenso. Hoje eu iria em 2 carros para ganhar segurança. Tem que tem paciência, na época das chuvas para não ficar na areia (até 4x4 fica nas areias ali), esperar a chuva parar para seguir adiante e com alguém que saia do carro para "limpar o caminho" caso tenha muitas pedras pontiagudas....Levei anilha e cinta, mas nem isso foi necessário. Como podem surgir surpresas no caminho, cobertor, água e comida sempre presentes para caso seja necessário dormir na estrada. Tudo com muita calma e zelo para não estragar o passeio e prepare-se para andar "de lado". Divertido é.

O caminho feito pelas operadoras de turismo começa por Ponte Alta pois os caras têm carros preparados. Subir Ponte Alta para Mateiros com pedras soltas, pontiagudas e chuva é muitíssimo complicado. Para quem não tem experiência ou está com 4x2, seguir por São Félix, Mateiros e terminar em Ponte Alta é mais prudente....para descer todo santo ajuda. Indo de 4x2, tem que tentar uma agência para ir até Dunas Douradas, pois a areia ali quase que impossibilita o tráfego de carros sem no mínimo tração traseira. Não nos perdemos hora nenhuma...com calma, marcando os pontos e usando o GPS sem pressa dá para fazer tranquilo. Fui com esposa, sogra e duas filhas (13 e 9 anos) e adoraram o passeio. Se alguém quiser, mando o roteiro que fiz em fevereiro de 2018

Natália dos Santos Almeida

ola, gostei do seu relato e adoraria ter mais dicas de lá, não pretendo ir só, mas queria opinão de quem já foi. Obrigada, Natália

Kamila
KamilaPermalinkResponder

olá, pessoal!
estou me programando para ir ao Jalapão em janeiro/19. terei mais 4-5 dias no tocantins. compensa ir para ilha do bananal? algum outro atrativo bacana para aproveitar por lá?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Kamila! Não temos conteúdo sobre a Ilha do Bananal, mas sabemos que o verão é época de chuvas e cheia -- as águas sobem e cobrem parte da ilha. Tampouco é uma época boa para a Chapada das Mesas.

cristine
cristinePermalinkResponder

Contratamos a empresa Jalapão Oficial após recomendação de uma amiga. Dentre tantas outras, decidimos por esta! E lá fomos nós para as tão esperadas férias! Relaxar, não se preocupar com nada e ser feliz! Só que não.

Chegamos em Palmas e atrasaram 30 min p nos pegar no aeroporto. Ok acontece

Depois alteraram nosso horário de saída no dia seguinte de 8 para 6:20h. Aleguei que perderíamos o café da manhã do hotel, o que prontamente foi respondido que o café da manhã seria por conta deles, que não nos preocupássemos. Ficamos aguardando de 6:20 até às 7:30h sem conseguir falar com a pessoa da agência, quando um guia apareceu dizendo que estava lá desde cedo mas não sabia para onde ir, que o Cristiano não respondia. Por nossa própria conta combinamos sem ir direto para Ponte Alta e que Taquaruçu, nosso destino inicial, ficaria para depois.

Chegamos ao hotel e não havia mais café da manhã. Nos levaram para um quarto triplo quando o contratado foi duplo. Recusamos. Mais um stress.

Saímos com o outro grupo que nos aguardava para a cachoeira da Fumaça e do Soninho e só às 15:30 tivemos nossa primeira refeição, um lanche.

Mais tarde perguntamos ao guia se o roteiro teria novamente uma mudança. Ele não soube responder.

No segundo dia, logo cedo a primeira coisa que fizemos foi entrar em contato com o Cristiano, por zap, e perguntar qual seria o novo roteiro para a nossa viagem. Afinal, queríamos saber se todo o roteiro seria cumprido e o que levar ...queríamos saber o que seria feito nos dias subsequentes. Escrevemos uma mensagem super educada, imaginando que tudo estaria resolvido no contato com o Cristiano. Só que não!

Ele respondeu de forma super grosseira, dizendo que nos deixaria em Ponte Alta. Isso mesmo! Que nos deixaria na pousada! E que o roteiro é mesmo móvel, que faz parte. Percebemos que alguns lugares que havíamos contratado não seriam visitados.

Resolvemos, então, contactar a empresa do Mazinho Jalapão Tour, que logo de início foi super parceiro, se mostrando preocupado com a nossa situação.

DEpois disso tudo, fomos tomar café da manhã e narramos nossa história para todos, inclusive para o dono da pousada Capim Dourado, onde estávamos. Ele logo criou uma rede de solidariedade e buscando nos ajudar, disse que naquele dia poderia nos levar para a Lagoa do Japonês. Contactou a Buriti Adventure, do Oziel, que veio ao nosso encontro e logo fechou os outrs 3 dias.E, sabe, a melhor coisa que fizemos foi nos livrar logo deste problemão que é a Jalapão Oficial.

Depois disto, todo o passeio foi ótimo! A Buriti nos trouxe como condutou o China, pessoa simpática, prestativa, alegre e super parceira. Nos divertimos muito com o casal que estava no passeio também.

Resumindo, o Jalapão é lindo, incrível, misterioso e mágico. As pessoas são solidárias, acolhedoras. Tudo foi encantador no Jalapão!

Por isto, para que os próximso viajantes só tenham coisas boas para contar, NÃO RECOMENDAMOS que contratem o pacote de passeio do Jalapão Oficial.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar