Eataly SP

Eataly São Paulo, 3 andares de buon appetito

A focaccia!

Aberto em 2007 em Turim e desde 2010 fazendo sucesso em Nova York, o Eataly abre suas portas em São Paulo na próxima terça, dia 19 de maio, ao meio-dia. Já não era sem tempo. Desde 2012, com o fechamento do Playcenter, a cidade andava órfã de parques de diversão.

Eataly

Eataly SP

A uma semana da abertura, participei de um tour pelas instalações, anteriormente ocupadas por uma concessionária de carros de luxo que não deixará a menor saudade. “Parece o de Milão”, comentaram no meu instagram. Não posso dizer. Só sei que o layout mezzo galpão mezzo shopping center é bem diferente do de Nova York — para melhor. Na disposição labiríntica do Eataly nova-iorquino, você pode entrar por uma porta, sair por uma outra e não perceber tudo o que podia ter comido ou comprado. Na de São Paulo você não perde nada: dá para percorrer o lugar com o mesmo método que você usa para visitar museus — e com a vantagem de aqui e ali poder comer a obra dos artistas.

Eataly SP

Eataly SP

Eataly SP

O conceito você conhece, certo? O Eataly é um mega-empório de comida italiana com restaurantes agregados (e uma escola de culinária também). As duas palavras que sintetizam a melhor cozinha italiana — qualidade e simplicidade — mandam no que é oferecido no mercado e servido nos restaurantes. Tudo é fresco e artesanal. E ao mesmo tempo, mega-comercial. O marketing da pesada aplicado a princípios gastronomicamente corretos é o que torna o Eataly um empreendimento tão desconcertante (e bem-sucedido).

Eataly SP

Eataly SP

Deixo para os críticos de gastronomia o veredicto sobre a relação hype x benefício dos restaurantes e bares. Mas aqui do meu box antevejo… o óbvio: São Paulo está ganhando uma baita ~atração turística~. A “focaccia do Eataly” (ou a pizza, napolitaníssima, de disco fino e elástico, servida também na hora do almoço) tem tudo para desafiar o sanduba de mortadela do Mercadão (disclosure: do qual este blogueiro não gosta) como objeto número 1 do desejo gastronômico do turista que vem a São Paulo.

Eataly SP

Eataly SP

A propósito: se a idéia do Eataly é celebrar o movimento slow-food, acho que a filial de São Paulo será a número 1 da rede no quesito va piano. Posso apostar que nos primeiros meses o noticiário vai falar mais das filas dos restaurantes do que de qualquer outra coisa 🙂

Eataly SP

Eataly SP

Restaurantes & horários

Na parte de mercado, o Eataly tem supermercado (o sócio brasileiro é o grupo St. Marché), padaria (onde você compra as focaccias), açougue, peixaria, massas artesanais, rotisseria, queijaria e loja de vinhos. Abre todos os dias, incluindo feriados, das 8h às 23h.

O mais formal dos restaurantes, ocupando o segundo andar, é o Brace (“Brasas”), especializado em grelhados, com um bar e uma cervejaria anexos.

Eataly SP

No primeiro andar ficam La Pizza, com as redondas napolitanas feitas por pizzaiolos da Rossopomodoro, La Pasta, de massas, La Carne e Il Pesce, que preparam o que na Itália vem depois da massa. Os restaurantes do térreo levam mais jeito de praça de alimentação (chique): La Verdura prepara contorni; Il Crudo serve ostras e peixes crus ou defumados à italiana; Il Panino, colado à padaria, serve sandubas italianos e La Piazza serve frituras, mozzarella, embutidos e vinho em taça.

Os restaurantes abrem:

  • 2ª a 5ª das 11h30 às 15h e das 18h30 às 23h
  • 6ª das 11h30 às 15h e das 18h à 0h
  • Sábado sem interrupção das 12h à 0h
  • Domingo e feriado sem interrupção das 12h às 23h

A exceção é o La Piazza, que funciona todos os dias sem interrupção.

Eataly SP

Eataly SP

Completam o elenco do térreo um café (Gran Bar Lavazza), um quiosque da Nutella, sorveteria e chocolateria Venchi, um bar de sucos (Bar della Fruta) e confeitaria (Luca Monersino). O primeiro andar também tem seu próprio café, o Caffè di Vergnano.

(Comentário da nossa Mariana: “the ultimate padoca paulistana“. Gênia!)

O Eataly fica na av. Juscelino Kubitschek, 1489, entre Faria Lima e Marginal Pinheiros, a duas longas quadras do shopping JK Iguatemi. O telefone é (11) 3279-3300. O site ainda não está no ar. O hotel mais próximo é o Blue Tree Premium Faria Lima (dá para ir a pé).

Leia mais:

62 comentários

Fui ao Eataly de NYC 2 x. Olha…. é mesmo um labirinto mas é muito bom… quero conhecer o de SP agora.

Ola boia. É perigoso caminhar durante o dia do Eataly até o Parque do Ibirapuera. Vi no maps q são 2 km até o portão 7, mas queria saber se tem muita ladeira.

    Olá, Eleonora! Não tem ladeira, mas passando a avenida Santo Amaro o caminho vira uma avenida expressa, sem comércio. Melhor pegar um táxi ou Uber e caminhar esses 2 km dentro do Ibira.

Estive hoje p jantar, no Etaly para comer um risoto,
Depois de muita insistência fui atendido, pedi um vinho é uma garapa de água, chegou o vinho e a água bem depois. Mas o pior não tinha pão, como sem pão em uma casa italiana, que tristeza.
Pedi o risoto veio muito dose…. que pena.
Experiencia nota 5.0 de 1.0 a 10.

Prezados, por favor, em dezembro estarei em São Paulo, hospedado na esquina do metrô da Consolação. Como faço para ir de metrô ao Eataly?
Obrigado,
Celso

    Olá, Celso! Linha 4 amarela a Pinheiros, linha 9 esmeralda a Vila Olímpia, 15 minutos de caminhada.

    Celso, do jeito que a Boia falou vc só paga uma passagem, mas essa linha 9 é na verdade trem (e não metrô) então cuidado com o dia e horário em que vc vai. Se for hora do rush vai estar super lotado (lotado MESMO) e se for final de semana pode levar até 20 min entre um trem e outro.

    Outra opção é descer no metro Faria Lima e pegar um ônibus que vá pela Brigadeiro Faria Lima (tipo o 847 ou 957) e descer na esquina com a Juscelino Kubitschek. O Eataly é do lado. Eu faria esse caminho se fosse final de semana.

Parece o mercadão de SP, só que depois do raio “gourmetizador” xD
Só bater o olho na localização para entender.

O lugar é maravilhoso, fiquei encantada.
Comi num dos restaurantes e ai pecaram, pedi pão você tinha que pagar por ele, pedi azeite foi regulado, agora me diz uma coisa que restaurante italiano é esse que regula pão e azeite? sou italiana e em nenhum restaurante italiano que conheço fazem isso se o primeiro que vem a mesa é pão e azeite. Ficamos decepcionados.

So conheço o de New York e apesar das filas longas, vale super…. Louca pra conhecer o daqui…

Fiquei sabendo deste acontecimento agora, às22:59 h de25/05/15, graças à minha neta Natália, universitária do Curso de Zootecnía, apreciadora de bons pratos italianos que eu adoro preparar e que aprendi a executá-los em casa, já que sou filha de italianos, e, nascida em Genova. Devo reconhecer que é uma notícia fantástica, e que São Paulo merece a presença de um Local desse quilate! Aqui há muitos descendentes de italianos, mas, não só isso, os paulistanos apreciam muitíssimo a cozinha italiana de fato! Será um grande Sucesso!

Falta de respeito com o paulistano, me preparei para chegar cedo pq as filas tem sido enormes, estacionei próximo pois o estacionamento tb fica lotado, chego na porta e surpresa…..não vão abrir hoje, só amanhã……ah tá…..quando eu superar o choque eu volto….

Tudo de bom termos o Eataly no Brasil, vou programar uma viagem a Sampa para visitar!!!!!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.