Estados Unidos: onde faço imigração e onde pego a bagagem?

Cada vez mais gente viaja aos Estados Unidos com conexão, seja na América Latina, seja em outra cidade americana. Quantas imigrações você vai fazer? O que faz com a bagagem?

Imigração sempre só vai ser uma. Quanto à bagagem, há pegadinhas. Vamos lá:

Voando aos Estados Unidos com conexão na América Latina

Se você vai fazer conexão na Cidade do Panamá, em Lima, em Bogotá ou na Cidade do México, não se preocupe com procedimentos burocráticos: no aeroporto de conexão você ficará na ala de trânsito internacional. Vai desembarcar do vôo e já pode procurar o portão de onde sairá seu próximo vôo, sem passar pela imigração no local.

A imigração será feita no primeiro aeroporto americano em que você desembarcar. Sua bagagem vai direto para lá.

Se você estiver fazendo apenas conexão, não será necessária nenhuma vacina, pois seu destino final é os Estados Unidos. Os Estados Unidos não exigem nenhuma vacina de visitantes brasileiros.

Caso você tenha algum outro trecho doméstico para chegar ao destino final deste vôo, leia o tópico abaixo.

Voando aos Estados Unidos com conexão dentro dos Estados Unidos

A imigração nos Estados Unidos é sempre, invariavelmente, feita no primeiro aeroporto em que você desembarcar. Assim, é certeza que você vai fazer a imigração no destino do seu vôo inicial — seja Miami, Atlanta, Dallas, Houston, Washington, Nova York, Chicago, Detroit ou Los Angeles.

Depois de passar pela imigração e ter seu passaporte carimbado, você vai retirar as suas bagagens naquele aeroporto mesmo. Eu sei, o seu recibo de bagagem colado no canhoto do cartão de embarque mostram que as suas malas estão etiquetadas até o destino final, mas você necessariamente precisa retirar as malas ali.

O procedimento é o seguinte: você pega as malas no carrossel, passa com as malas pela alfândega (que nunca manda abrir, só se desconfiar que você é traficante ou muambeiro) e então entrega as malas num ponto sinalizado para isso.

É esquisito, ninguém te dá recibo, parece que você nunca mais vai ver sua mala, mas funciona. Pegue a mala no carrossel, passe pela alfândega, procure o ponto de entrega de malas para conexão — e então parta à procura do portão de embarque do seu próximo vôo. Você vai precisar passar por todo o procedimento de segurança dos aeroportos americanos, que são um inferno.

Documentos necessários para a imigração

Para entrar nos Estados Unidos você precisa de um passaporte válido e de um visto válido.

Caso o visto válido esteja num passaporte que expirou, basta carregar o passaporte que expirou junto com o passaporte válido. É muito comum, você não será o primeiro, eles estão acostumados.

Para os Estados Unidos não é necessário que o seu passaporte continue válido por seis meses depois da entrada; basta que esteja válido durante a sua permanência.

O agente sempre vai perguntar o propósito da sua viagem (responda “holiday” ou “business”) e a duração. Se você for a trabalho, precisa ter um visto B1-B2 (negócios). Se for em missão jornalística, precisa ter visto de jornalista. Caso você vá a trabalho, diga que está indo a trabalho mas só tenha visto de turista, será barrado.

Dificilmente pedem para ver passagem, e mais raramente ainda pedem para ver a reserva de hotel (o nome do hotel podem perguntar). Seja honesto e não caia em contradição.

Precisando, sempre haverá algum agente que fale espanhol.

E quem tem passaporte europeu?

É necessário que o seu passaporte contenha seus dados biométricos. Você vai precisar também preencher um formulário eletrônico de viagem, o ESTA.

Use o seu passaporte brasileiro ao sair do Brasil e ao retornar. Use o passaporte europeu para entrar e sair dos Estados Unidos.

Dá pra passar junto na imigração?

Familiares passam juntos. Amigos podem até tentar, mas na maioria das vezes não vão deixar.

Saindo dos Estados Unidos

Não há guichês de imigração de saída. Você passará pelo raio-x e só. Não se preocupe com as malas em conexão: a bagagem será despachada direto para o Brasil.

Leia também:

475 comentários

bom dia , vou pra Orlando em dezembro pela united airlines, vou fazer conexao em Nova York , tenho 2 horas para fazer todo procedimentos de alfandega e embarcar no outro voo da propria united, sera que esse tempo é suficiente , se eu perder o voo a united é obrigada a me encaixar em outro voo?
Obrigada

    Olá, Eliezer! O tempo é apertado. Se as passagens forem vinculadas, a United é obrigada a encaixar você num outro vôo.

ola boa noite!
Meu voo sai de sp, com destino a orlando! porem farei conexão em Charlotte, e o tempo é de 2 horas… com esse tempo vai dar tempo de passar pela imigração e alfandega de boa? vou em outubro e todos falam que é poucas pessoas então da tempo e sobra, é isso mesmo?

    Olá, Felipe! A imigração em Charlotte é tida como a mais ágil entre os portos de entrada do Brasil nos EUA. Duas horas é um tempo justinho. Se houver atraso e a passagem de conexão for vinculada, a US Air tem obrigação de colocar você num outro vôo.

Boa tarde,

Possuo dupla cidadania (português), porém minha esposa não. A minha dúvida é a seguinte: existe fila de imigração diferente para brasileiros e portugueses, ou todo mundo entra na mesma fila? Ela não sabe falar inglês e não queria deixá-la sozinha nesse momento.

Obrigado

    Olá, Pablo! Todos os estrangeiros, isentos ou não de visto de entrada, pegam a mesma fila. Vocês poderão passar juntos, sim.

Olá em setembro vou para Disney e vou levar a filha de uma amiga de apenas 15 anos, apesar de não temos vínculos familiares ela foi criada em minha casa e como se da Familia fosse. Minha duvida é se na hora da imigração ela pode ir junto comigo por se menor de idade e está sobre minha responsabilidade ou terá que ir só.? Eu Já fui 4 vezes no estados unidos sem problemas. Obrigado.

    Olá, Thiago! Passem em grupo. O máximo que pode acontecer é o agente pedir para separar, mas pela lógica atenderá o grupo inteiro.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.