Momento Tommy: palestra no Salão do Turismo

Ricardo Freire no Salão do Turismo

Para os leitores mais novos — Tommy é o primo da Tássia. Da Tássia Achando. (Aproveite e descubra o significado de outras palavras em boiês no Dicionário da Bóia.)

Sexta-feira tive mais um desses momentos, ao aceitar (quem mandou foi a minha C.E.O., a Elisa) o convite do Salão do Turismo para fazer uma palestra.

Foi interessante dar um tempo em Caribe, neve e vulcões para fazer uma pensatazinha sobre Por que vale a pena viajar pelo Brasil, mesmo com o dólar barato. (O tema é meu.)


Qualquer hora isso vira post. Mas basicamente identifiquei qualidades que a gente acaba relevando, falei dos lugares e ocasiões do Brasil que não têm igual no mundo, e terminei narrando a viagem mais bacana que fiz nos últimos tempos — não, não foi pro Atacama, não foi pro Grand Canyon, não foi pra Patagônia, não foi pro Canadá, não foi pra Dubai, não foi pro Caribe, não foi pra Califórnia; foi essa viagem aqui.

Tuitada by @gutorochaTuitada by @elisaaraujoTuitada by @penelophy

Aproveitei para anunciar que 2012 vai ser o ano do Brasil no Viaje na Viagem. Vou sair por esse Brasilzão para finalmente acabar de fazer aquilo que eu comecei no Freire’s, em 1999. Avisa lá que eu vou!

Agradeço ao querido Marcio Nel Cimatti pela foto!

Assine o Viaje na Viagem por emailVnV por email
Visite o VnV no FacebookViaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter@riqfreire


32 comentários

Meus amigos costumam me questionar quando falo de minhas viagens pelo Brasil, dizendo que o dinheiro que gasto poderia custear perfeitamente uma ida à Europa, EUA ou mesmo pro Oriente.
Explico que sou apaixonado pela natureza do meu país e não vejo motivo para trocá-la por nenhum outro lugar.
Conheci a Costa do Dendê através do Riq e é impossível não cair de amores por Boipeba e Maraú. Mesmo Itacaré, com sua pouca segurança, é maravilhosa. Em setembro, farei mais um pit stop na Rota Ecológica e no verão, quem sabe rever esse bijouzinho de ilha que é Boipeba.
Parafraseando o Riq: nossas praias podem não ser as mais bonitas do mundo, mas são as mais gostosas do mundo.
Assino embaixo com firma reconhecida.

Parabéns, Riq. Eu viajo duas vezes Brasil e uma para o exterior por ano, fora os feriados prolongados que são todos por aqui. Litoral Nordestino não dá para deixar, é Amar!!!

Ai que inveja!! Não podiam ter deixado vc fazer esta palestra no Domingo? hehehe
Vai: fui no salão do turismo há 2 anos e nem gostei muito, mas este ano até peguei o convite prá ir, mas desisti quando vi que sua palestra era na sexta! Que puxa 🙁 Será que tem gravado prá baixar? Seria muito bom…

abraço, e bom Brasil prá ti, que em tempos de dólar baixo, realmente a gente está esquecendo nosso país…

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.