Punta Cana: como são o Grand Palladium Bávaro e Gran Bahía Príncipe Esmeralda, por Rodrigo Purisch

Punta Cana por Rodrigo Purisch

Você está pesquisando resorts em Punta Cana? Pois esta semana o Rodrigo Purisch, do Aquela Passagem — indiscutivelmente o melhor blog sobre passagens aéreas do Brasil — mostrou como ele andou aproveitando passagens e milhas, resenhando dois resorts de Punta Cana em que esteve recentemente, em duas ocasiões diferentes.

Passe lá para ver posts detalhadíssimos sobre o Grand Palladium Bávaro, onde o Rodrigo se hospedou com a família em junho, e sobre o Gran Bahía Príncipe Esmeralda, onde esteve agora em dezembro, com a família e amigos. Tanto Palladium quanto Bahía Príncipe são bandeiras-chave no segmento de resorts all-inclusive, e lendo sobre eles em Punta Cana você terá uma idéia de como agem em todo o Caribe (o Palladium também está no Brasil).

Leia no Aquela Passagem:

Punta Cana: dois momentos, dois hotéis, por Rodrigo Purisch

Punta Cana: como é o Grand Palladium Bávaro, por Rodrigo Purisch

Punta Cana: como é o Gran Bahía Príncipe Esmeralda, por Rodrigo Purisch

Leia mais:

21 comentários

Olá!

Tudo o que o Rodrigo escreveu aqui é a mais pura verdade.
Ficamos no Punta Cana o que foi ótimo, pois ele é bem localizado e perto do Palace.
O nosso quarto quase dava na areia da praia.
O serviço era ótimo, com exceção da camareira que não arrumou nosso quarto dois dias.
O que percebemos é que os dominicanos não tem muita organização nas tarefas. Se a mesa onde tu estás não tem talheres, eles retiram de outra mesa e assim fica faltando para quem utilizar a outra mesa.
Todos os funcionários do resort eram muito simpáticos. Os vendedores te enchem o saco nos primeiros dias e depois não te abordam mais.
Os restaurantes a la carte são dispensáveis. Vale mais a pena comer nos buffet.
O passeio ao shopping não vale a pena. Melhor comprar roupas no freeshop nos aeroportos, principalmente no Panamá.
É um hotel maravilhoso e em nenhum momento senti necessidade de ter acesso vip ou esse tipo de coisa.
Agradeço ao viaje na viagem e ao Rodrigo, pois suas resenhas nos ajudaram muito.

Ricardo,

Vou para Punta Cana em abril do ano que vem, com filhos de 17 e 11 anos, graças a umas milhas que estavam vencendo. Por acaso achei o Hotel Gran Bahia Principe Punta Cana. Uma semana sai por 1600 dolares. Li uma resenha sobre o Esmeralda, mas não sobre esse. Alguém aqui conhece? Na verdade não sou de muito luxo, mas acho que ficar num resort desses faz parte da viagem, entende? Gostaria de ficar num hotel que tivesse shows à noite, não sei se esse tem. Pretendo ir no parque Manati, ilha Saona e talvez pegar um ônibus comum para Altos de Chavon…será que é possível isso? Obrigada,

O cara é tão chupinha que eu – distraída – até pensei que os dois blogs fossem coligados…
Já tô “des-seguindo” o “lobo em pele de cordeiro” lá no twitter.

Riq e demais leitores

Estou meio atrasado nos agradecimentos, pois resolvi responder pessoalmente e por email todos comentários no AP. De volta recebi mais uns 100. Estou com a mão doendo, mas muito agredecido e comovido.

Além disso tentei colocar o site de volta a normalidade.

Meu muito obrigado de coração pelo apoio.

Hoje a coisa não é mais control C, control V. Copiam-se frases, conceitos e análises dos outros e as inserem em textos a fim de agregar densidade, coisa que alguns autores não conseguem produzir por não conhecer direito o que falam.

O pior é que se a figura focasse apenas no que sabe e usasse técnicas limpas poderia ter seu lugar ao sol e fazer dinheiro orgulhando-se de onde chegou.

Meu obrigado especial ao Riq que me inspirou a ter o AP e cujo apoio foi fundamental para que o meu desabafo tomasse a dimensão que tomou.

Quanto aos textos de Punta Cana, foram claramente inspirados nas avaliações feitas pelo Riq e uma forma de contribuir com informações. Eu mesmo passei noites tentando escolher meu resort em Punta Cana (lendo aqui e no Tripadvisor) e só tive certeza se minha escolha foi interessante ou não quando cheguei lá.

    Gostaria que me ajudasse a decidir para que resort devo ir. Somos um casal de 30 e 32 anos, com um filho de 2. Adoramos o luxo e a comodidade mas não temos muitas possibilidades financeiras.
    Estava a pensar em decidir pelo melia tropical, junto ao paradisus palma real, que diz ser o melhor e geograficamente tb o melhor. O que me aconselha? Vale a pena a diferença e ir para o The reserve ou para o Palma Real? Ou se optar pelo Bahia principe?
    Vamos agora a 8 de maio.
    Obrigada pela atenção.

Riq,

Vou passar para voce, a mesma dica que passei ao Rodrigo.

Coloque um aviso no blog de que é proibida a cópia dos seus textos, MESMO COM CITAÇÂO, sem autorização previa, para evitar estas pragas que são os “copius chuplidos”.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.