Zermatt a St Moritz no Glacier Express, o mais famoso trem suíço

Glacier Express

“O mais lento trem expresso do mundo” — sim, o Glacier Express é um trem com slogan. Em sete horas e quarenta e cinco minutos, percorre vales alpinos entre dois dos mais cobiçados vilarejos de montanha suíços: a democrática Zermatt e a metidíssima St. Moritz.

É uma viagem que pode ser feita em trens regionais (em três etapas: de Zermatt a Visp; de Visp a Disentis ou Chur; e finalmente de Disentis ou Chur a St. Moritz), comprando bilhetes na hora ou usando um Swiss Pass sem necessidade de suplemento.

A rota do Glacier ExpressEm alguns horários do dia, porém, a rota é feita sem baldeações, num trem megapanorâmico, com serviço de bordo especial. Este é o Glacier Express — e para subir nele você precisa reservar e, mesmo com Swiss Pass, pagar um extra (falo dos preços ao final).

De todos os trens panorâmicos suíços, o Glacier Express (diga: glêixar) é o que tem mais pedigree. Bora embarcar?

Glacier Express

Tínhamos reserva no Glacier das 9h53, que nos entregaria em St Moritz às 17h51.

Glacier Express

Tivemos sorte com o tempo. O dia estava lindo. (Já pensou, oito horas num trem num dia de tempo fechado, com névoa?)

Glacier Express

Tirando a loteria do tempo, o único inconveniente dos trens panorâmicos suíços são os reflexos na janela. Descobrir ângulos para fotografar que reflitam o mínimo de elementos torna-se um passatempo oficial a bordo :mrgreen:

O primeiro trecho, até Visp (Viège, em francês) é o mesmo que tínhamos feito na ida, em trens menos luxuosos (veja aqui).

EntradinhaPorco e spätzli

Umas duas horas — e muitas montanhas impressionantes, riachos branquinhos, pastagens idílicas, vaquinhas e vilarejos — depois, começam a servir o almoço. É providencial: mais ou menos quando chega o prato principal, o trem entra num túnel de 42 km, o Túnel de Base de Lötschberg.

(O almoço, por sinal, é muito bom; a comida é totalmente preparada na cozinha do trem — não é comida de avião, não.)

Quando emergimos do túnel, mais montanhas — agora branquinhas –, mais rios, mais vilarejos cercados por pastos que já dispensam contraste adicional no Photoshop.

Glacier Express

Glacier Express

Glacier Express

Glacier Express

Mais ou menos na metade do caminho — 4 horas e 20 minutos depois de sair de Zermatt — o trem faz uma paradinha de meia hora em Disentis/Munstér, o vilarejo que é a maior cidade da Suíça onde predomina o reto-romance, o quarto idioma oficial do país.

Eu adoraria ter tido mais tempo para sair da estação e ouvir o idioma na rua… mas aproveitei para fotografar umas plaquinhas na estação mesmo. Não parece uma versão pirata do catalão?

Placa em Munstér/Disentis

Munstér (Disentis)

Munstér (Disentis)

Visto da estação de Munstér (Disentis)

Munstér/DisentisMunstér/DisentisMunstér/Disentis

De lá o trem continua a Chur, a cidade mais importante da região, e então inicia o trecho mais vertiginoso da rota.

Nas três horas e pouco de Chur a St. Moritz, o Glacier Express (ou qualquer trem regional na rota) segue pela Passagem de Albula, o trecho da Ferrovia Rética classificado como patrimônio da humanidade pela Unesco. Os viadutos em curva são uma obra de arte.

Glacier Express

Glacier Express

Glacier Express

Glacier Express

E então, com os olhos embotados de Suíça, chegamos a St. Moritz…

Quanto custa

O bilhete de ida Zermatt-St. Moritz (ou vice-versa) custa 136 francos suíços (123 euros) na segunda classe; 226 francos suíços (205 euros) na 1a. classe. Quem tem Swiss Pass não precisa pagar a passagem. Crianças até 6 anos não pagam; até 16 anos pagam meia.

Mas atenção: além da passagem — ou de um Swiss Pass válido — é preciso fazer uma reserva de assento para os horários diretos e trens panorâmicos do Glacier Express. A reserva custa 33 francos suíços no verão, e 13 francos suíços no inverno. Crianças e adolescentes também pagam pela reserva de assento.

O almoço não está incluído. O prato do dia custa 30 francos suíços; a refeição com entrada, prato e sobremesa sai 43 francos suíços.

Sem Swiss Pass, o trajeto Zermatt-St. Moritz custa 145 francos suíços + a taxa de reserva (33 francos suíços no verão, 13 francos suíços no inverno).

Os trens convencionais (que rodam em outros horários e requerem baldeações) também custam 145 francos suíços, mas dispensam a reserva de assento.

(Veja todos os preços aqui.)

Ricardo Freire viajou à Suíça a convite do Swiss Travel System.

Leia mais:

203 comentários

Oi,
estou programando uma viagem à Suiça em setembro e pretendo ir de Zurich a Berna, de lá até Lucerna e em seguida ir dormir em Chur, para no dia seguinte pegar o Glacier Express até St. Moritz.
Preciso saber se há trem de St. Moritz até Milão, pois procurei no site do Rail Europe e não encontrei.
Ou tenho que ir de St. Moritz até Lugano para depois ir até Milão?
Obrigado.

Bom dia!
Farei um viagem pela Europa (20 dias) e a ideia e ir de carro a St. Moritz e passar 3 dias fazendo snowboard e conhecendo a cidadezinha. Algumas pessoas que irão me acompanhar nunca praticaram esporte de neve. Vc sabe se há alguma restrição? Há outra sugestão de neve para esses três dias (pousaremos em Zurich) e/ou algum passeio específico?

Obrigada!

Abs.,

    Olá, Fernanda! Quem não tem experiência deve contratar aulas na estação onde for praticar o esporte.

Olá…vou de Lucerna para Zermatt em setembro Comprarei o swiss pass e minha dúvida é..terei que reservar assento no Glacier Express no trecho de Spiez para Zermatt?? Como faço isso?
Obrigada…

olá sei que não é de sua alçada mas talvez possa me ajudar.
estou com dificuldade de encontrar um guia que fale português, será que vc conhece alguém,
desde já agradecida.

    Olá, Tita! Não temos dicas de leitores para guias brasileiros na Suíça. Você pode pedir recomendações ao consulado ou à embaixada do país.

Boa noite,
Sua pagina é muito interessante e gostei bastante sobre os comentarios sobre os trens panoramicos.
Estou terminando o planejamento da minha viagem para final de julho e adquiri o Eurail Global Pass. no site do Eurail fala que para o Bernina express tem cobertura total da viagem, tendo que pagar somente a reserva, e que para o Glacier Express cobre parte do trecho e tem desconto de 25% para o restante, mas no site do Glacier, quando vou fazer minha reserva e comprar o bilhete nao me da a opçao de desconto para passe Eurail.
Voce sabe como devo proceder?
Pois meu medo é que essa rota é muito procurada e eu qria executar a reserva com o maximo de antecedencia.
Obrigado.

    Olá, Filipe!

    A reserva de assento nos vagões panorâmicos do Glacier não oferece desconto para portador de nenhum passe.

    http://www.glacierexpress.ch/EN/timetable_tickets/Reservations/Pages/default.aspx

    Você pode usar seu passe para viajar nos trens não-panorâmicos que operam nesta rota.

    A mesma coisa acontece no Bernina. Se você quiser viajar nos trens panorâmicos, terá que pagar a reserva no total. Se quiser viajar nos trens convencionais que operam na rota, não pagará suplemento.

Ola! Parabéns pela riqueza de detalhes dos conteúdos publicados. Gostaria de informação adicional sobre a logística do Glacier Express. Gostaria de pegar um vagão panorâmico a partir de Disentis, considerando que estarei em Lucerna de onde me deslocaria para chegar em tempo hábil , no mesmo dia. Ha esta posssibilidade ou, preciso me deslocar até Zermmat para embarcar em um horário específico do trem sem paradas? Grata, Denise

    Olá, Denise! Dissentis está no meio do caminho. Você pagará o mesmo valor da reserva suplementar para fazer metade do percurso. Mas é perfeitamente possível. O site do Glacier Express permite reserva de qualquer trecho, com 90 dias de antecedência.