Machu Picchu: prometem reabrir a ferrovia dia 29 de março

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Machu Picchu, Peru

Anteontem vi uma notinha no Panrotas falando que a PeruRail (nome oficial: Ferrocarril Transandino) prometia a reabertura da ferrovia a Machu Picchu para o dia 29 de março.

O site da PeruRail ainda não informa nada e permanece fechado para reservas, mas consegui achar essa notícia em vários lugares, como o Peru21.pe e o Día a Dia argentino.

No blog da agência de viagens Inti Travel encontrei como ficaria o esquema inicialmente: o passageiro seria levado de ônibus de Ollantaytambo (de onde estava partindo a maioria das composições antes da chuvarada) a Piscaucucho, uma viagem de 45 minutos. Só a partir de Piscaucucho a viagem seguiria de trem, num percurso de 1h15min até Aguas Calientes, o vilarejo mais próximo da cidade sagrada dos incas.

Minha opinião: eu não acreditaria piamente nessa data exata. O que eu depreendo dessas notícias é que uma solução de reabertura de Machu Picchu está próxima. Se você está pensando em ir para lá em abril, eu recomendaria pesquisar constantemente no Google e no Google News as palavras-chave Machu Picchu, Perurail, Ferrocarril Transandino e Piscaucucho pra ver o que vem.

Enquanto estiver esse embaço, programe mais dias do que você acha que vai precisar, porque uma logística nova sempre é complicado de implantar.

Para ter acesso aos relatos do Peru de todos os superblogueiros da comunidade, clique aqui.

61 comentários

Carla
CarlaPermalinkResponder

Pois é, enquanto a própria Peru Rail não se manifestar (no site, por escrito) fica difícil confiar nas datas publicadas nas notícias...

(Riq, você pediu que eu avisasse e aqui vai: acabei de botar no ar o post-índice com todos os capítulos da novela Bolívia/Peru, inclusive os balanços finais! wink )

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Eu li no La Republica que a abertura seria no dia 1 de abril. Data sugestiva, não? smile

Arthur | Agora Vai

Lei nº 342 de Murphy: nenhum prazo e/ou orçamento jamais foi cumprido na história da humanidade.

cesarboucas
cesarboucasPermalinkResponder

E a Gol? Quando vai voltar a voar para o Peru?

Paulete
PauletePermalinkResponder

Ahhh também tenho relatos do Peru!!

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Como até agora a Peru Rail ainda não definiu os horários do trajeto Cusco - Machu Picchu de ônibus + trem e continua sem previsão de início das vendas. Vale a dica para quem, como eu viajaria em Abril via Taca. Para quem comprou passagens até 31 de janeiro, com data para os meses de março e abril, a compania aérea está devolvendo integralmente o valor pago para quem solicitar o cancelamento até a vépera do embarque.

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Pelo visto, eu vou pagar a minha língua. O site da Peru Rail anunciou a retomada dos trens dia 29/03, mas Machu Picchu só reabre dia 01/abril. Informam, também, detalhes do trajeto de ônibus e trem.

Victor
VictorPermalinkResponder

Susan Sarandon, já está em Lima, amanhã parte para Cuzco.
Parece que Anthony Hopkins e outros artistas internacionais também estarão presente na campanha para promocionar a reabertura de Machu Picchu.
Eles poderão disfrutar do santuario sem nada de turistas...

Victor
VictorPermalinkResponder

Os artistas vão ficar até 31 de março, por isso acho que MP será reaberto para os turistas 01/abril.

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Eles reabriram Machu Picchu (MP), mas viajar, sem uma agência, para lá ficou pior!
A Perurail está vendendo os bilhetes de trem online (saídas de Piscacu, Vale Sagrado) MAS as entradas para visitar MP só podem ser compradas no Instituto Nacional de Cultura em Cusco (INC)! Antes, dava para comprá-las na entrada de MP, mesmo com fila.
As agências de turismo de Cusco devem estar bem contentes!
De qualquer forma, mandei uma mensagem para o INC perguntando quais são as chances de um viajante "autônomo" conseguir uma entrada ao chegar em Cusco...

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Correção: o nome da cidade de onde o trem está partindo é Piscacucho.
Hoje, entrei no site da Peru Rail e NÃO encontrei o aviso dizendo que é preciso comprar os ingressos para a entrada em MP no INC de Cusco. Entretanto, pelo que andei lendo (já não lembro aonde, acho que em um forum do tripadvisor) eles só podem ser vendidos pra quem tiver as passagens de trem, ida e volta, em mãos. Será que eles estã fazendo algum tipo de controle?

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Escrevi para IPERU@promperu.gob.pe e eles me responderam que ainda é possível comprar as entradas para Machu Picchu em Aguas Calientes. Posteriormente - não informaram data - só em Cusco. Abaixo trecho da resposta:
"Con relación a su consulta, le informamos que por el momento es posible comprar las entradas para el ingreso a Machu Picchu tanto en Cusco como en Aguas Calientes, pero posteriormente (aún no se ha precisado desde cuándo) sólo será posible adquirirlas en Cusco."

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Riq,
Acabei de ver no site da Peru Rail (fiz até um pequeno post) que eles estão organizando todo o trajeto de trem + ônibus para Machu Picchu. Detalhes em http://www.perurail.com/web/tper/tper_temp_services.html
Esse sistema está previsto para vigorar até 30 de junho.

Ricardo Freire

Obrigado!

Daniela
DanielaPermalinkResponder

Não recomendo a ninguém fazer essa viagem. Em 19 de setembro teve paralização geral em Cuzco, ninguém conseguia ir a Machu Picchu. Pegamos o último trem e foi horrível para voltar. Vimos pessoas desesperadas, perdendo o voo. Os peruanos quebraram o muro do aeroporto de Cusco e botaram fogo e ninguém no Brasil ficou sabendo. Lugar horrível, gente desonesta. Muitos turistas estrangeiros voltaram a pé 26 km, de aguas calientes a Ollantaytambo, pra não perder o voo.

Viviane
VivianePermalinkResponder

Acabei de ler uma notícia no G1 sobre o transbordamento de um rio na região de Cuzco, com umas 500 pessoas desabrigadas. Estou com viagem marcada para a próxima semana e agora não sei se vou. Alguém está em Cuzco e pode passar notícias mais atualizadas? Obrigada.

Ricardo Freire

Pergunte ao @stuenperu no Twitter.

A época para ir a Machu Picchu é entre abril e setembro.

Gisele Almeida

Ola Ricardo, Gostaria da sua orientação, pois estou perdida no roteiro.
Vamos no proximo carnaval (março/11)para Cuzco direto (saimos em 03/03 as 9:25 de SP / Lima / Cuzco as 14:55)retornando dia 9 a noite por Lima ou seja temos 5 dias inteiros para conhecer o vale Sagrado e redondezas alem de Cuzco. Que redondezas seriam as mais interessantes? Para ir ao vale seria 1 dia inteiro? O que voce aconselha?
Estaremos chegando em Lima as 16:50 (9/03) e nosso voo para SP é as 00:50 (10/3)vale a pena ir até o shopping Larcomar?
Aguardo suas orientações, grande abraço.

Ricardo Freire

Nunca fui a Machu Picchu, Gisele. Você encontra todas as informações de que precisa em vários blogs da comunidade.

https://www.viajenaviagem.com/2009/05/passo-a-passo-a-lima-e-machu-picchu-no-otimo-blog-da-lu-malheiros/

Eu não iria no carnaval, não. É época de chuvas ainda. Foi nessa época que a ferrovia foi interditada na última vez.

Cristina L
Cristina LPermalinkResponder

Oi Gisele,

eu voltei em agosto do Peru. Posso te dizer que visitamos algumas coisas bem legais (Salineras de Maras, Complexo de Morais, ruínas e cidade de Ollantaytambo) e outras nem tanto (o mercado de Pisac, por exemplo, que, se você estiver procurando artesanato, é mais caro do que o de Ollantaytambo).

Visitamos Cuzco - principalmnete igrejas - e achamos bem legal, subimos até San Blás e foi lindo, mas não fomos às ruínas nem de Pisac, nem de Sacsayhuaman. Achei o musei Inka meio falido, preferi o Museo de la Nación em Lima (mas isso é questão de gosto). De Cuzco, fizemos um passeio lindo até Andahuaylillas e Huaro para conhecer as igrejas de teto pintado em mabas as vilas (de Cuzco a Andahuaylillas a gente pegou um ônibus e entre as cidades andou d táxi). Foi um dos passeios mais lindos e sem turistas que fizemos na região - as igrejas são de uma beleza estonteantes, com pinturas cheias de significados, dá para passar um tempão contemplando (só leve comida, porque são povoados bem pequenos a não foi fácil achar alguma coisa aceitável). Acabamos voltando e almoçando em Cuzco mesmo (lá pelas 15h).

As Salineras de Maras são IMPERDÍVEIS se você gosta de fotografia, achei sensacional.

Machu Pichu foi o nosso último passeio, em uma viagem de 22 dias, então não fiquei tão impressionada assim. Estávamos já cansados e querendo ir embora. Águas Calientes é simplemente uma ruela em subida com restaurante atrás de restaurante e múltiplos hotéis. Ficamos no La Cabana, por um preço bem mais baixo do que o inicial (queriam USD 100, pagamos USD 45 - eu amo o meu noivo smile ), um hotel maravilhoso (onde bem pode ser que o nosso bebê tenha sido concebido smile ), com excelente chuveiro e café da manhã.

Com certeza tem bem mais coisas para fazer, mas recomendo muito esse passeio para Andahuaylillas. Veja as fotos pela internet que você vai entender. Estou preparando os textos para um novo blog, quem sabe até lá já não etsá publicado?

Marcia
MarciaPermalinkResponder

Olá Ricardo,
Estive em Cusco e Machu Pichu em 2003 e foi ótimo.
Vou para Cusco dia 30/12/2010 e volto dia 06/01/2011.
Lendo estes posts fiquei preocupada.
Como está a região? Problemas com chuvas? Como estão os acesso para Machu Pichu?
Voce tem alguma informação?
Obrigada!

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Oi Ricardo! Estou querendo ir para Peru (Machu Picchu e redondezas) na semana santa. Essa época chove muito por lá?
Abraços
Ana

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Carolina! O pior das chuvas vai até março. A estação seca começa em maio.

Veja:
http://www.weather.com/weather/wxclimatology/monthly/graph/PEXX0008

Aprenda a ver temperatura e chuva em qualquer lugar do mundo:
https://www.viajenaviagem.com/2010/09/como-pesquisar-temperatura-e-chuvas-no-exterior/

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Vou perguntar na cola da xará: o Peru é tranquilo para mulheres desacompanhadas?

Vou ter umas férias perdidas e estou tentando encontrar um destino agradável (escolhando um dentre os quais o marido não tenha muita vontade de ir, já que não vai poder me acompanhar).

Sei que nenhum destino é inviável, mas gostaria de saber se o Peru/Machu Pichu é um destino 'aconselhável' ou não (achei o Atacama e a Patagônia Argentina bem tranquilos, gostaria de achar um outro destino assim para uma semaninha).

Schnaider
SchnaiderPermalinkResponder

Oi Ana! Viajei em set passado para Peru e Bolivia sozinha e nao passei nenhum perrengue, super tranquilo! Fiz Santa Cruz de la Sierra - Cuzco - Machu Picchu - Puno - Copacabana - La Paz - Uyuni - Potossi - Sucre td sozinha e encontrei outras mulheres no caminho fazendo o mesmo. Nenhuma cantada, nenhum engracadinho querendo tirar vantagem... Vai com fé! smile

Cristina L
Cristina LPermalinkResponder

Oi, Ana

no ano passado fui com o meu noivo. Tá certo que não é a mesma coisa, mas posso te dizer que o único lugar que eu levei um assobio topo pedreiro foi na estação de microbuses de Caraz, próximo a Huaraz. E isso porque eu estava com a única calça limpa, uma legging bem justinha, o que não é muito normal por lá.

Eu achei que o peruano, apesar de bastante conservador e um tanto machista, é bem reservado e respeitador. Mas isso pode ser impacto do porte do meu excelentíssimo também rsrsrs

Se o seu destino é Lima/Cuzco, duvido que tenha problemas - são cidades em que o turismo é bem consolidado. e irá amar (e o maridão se arrepender até a morte), pq o Peru é apaixonante!!

Luiz Jr. (Blog Boa Viagem)

Viajei também no começo do ano pro Peru, sozinho, e realmente pude comprovar que existem várias mulheres que viajam nessas mesmas condições. Vá tranquila, evite os locais não recomendados, leia bastante sobre tudo e planeje bem sua viagem que tem tudo para ser um sucesso.

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Ana Carolina,
Fui sozinha à Lima, Cusco e Machu Picchu em fevereiro de 2009 e foi tranquilo. Entretanto, não sou de sair tarde da noite, jantava fora e retornava para o hotel às 21h/22h.
Boa viagem!

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

5x1 e como a Lu Malheiros eu não penso em balada (noite = jantar + hotel) - acho que dá para encarar o risco.

Muito obrigada pela pergunta ter ido ao perguntódromo e pelas respostas! Boa semana a todos!

Cristine
CristinePermalinkResponder

Não. O Peru não é um destino seguro para se viajar sem tomar precauções com segurança. Em Lima, por exemplo, o pessoal desaconselha pegar táxi nas ruas e mesmo em pontos. Ainda há mto. assalto e sequestro, segundo eles. Mas com os devidos cuidados, a gastronomia e os sítios arqueológicos são surpreendentes!

Elaine Miziara

Ola Ana Carolina,

Pode ir sozinha sim. O Peru é um país muito lindo.
Estive em 2007 , eu e minha filha, ficamos 28 dias percorrendo o país. Não tivemos nenhum problema.
Somente tome os cuidados básicos de segurança.

Vanessa de Cássia

Estou indo fazer uma viagem com um amigo para o Peru no sábado. Como vamos fazer mochilão, vcs podem me indicar alguns bons?
também por favor é a primeira viagem que faço para fora sou jornalista e apresentadora de tv e vamos gravar muitas coisas, e colocarei no meu site acima.
Baladas e praias são existentes no pais? tudo é caro?
levo dólar ou real?

ahhhh também sou mulher né, quero carregar pouca coisa, ai Deusss...o que levo???

por favor tem algo super obrigatório para saber quando se vai pra lá??????

um bjo

obrigada por tudooo e o site é the best...já estou recomendando a todos.
aliás sou colunista social de um jornal e esta experiencia estará lá...inclusive todos que me ajudam...

alguém tem amigo por lá? ai que medo..como sou medrosa...ahahahaha

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Vanessa! Aqui quem fala é a Bóia. Quantas dúvidas! Vamos com calma mrgreen

Antes de mais nada, veja tudo o que já foi publicado sobre o Peru aqui no VnV https://www.viajenaviagem.com/category/peru/

Orientações importantes do Comandante sobre despesas no exterior https://www.viajenaviagem.com/2011/03/iof-o-que-muda-para-o-viajante/

Vanessa de Cássia

obrigada!!! super de primeira viagem eu souu viu!!!
bjos

Camila Camargo

Ana,

O Peru é um país surpreendente e vale muito a pena! Cultura, natureza, gastronomia de primeira e muito mais você pode esperar dessa viagem.

Passei um mês mochilando sozinha do sul ao norte do Peru em setembro de 2010, com direito a trilha inca e tudo mais. Foi bem tranquilo, com bons hostels na maior parte das cidades, ônibus de primeira qualidade (destaque para a cia Cruz del Sur) e passeios bem organizados. Como não é um país caro, invista sem medo em serviços de qualidade. Além de pesquisar aqui no VnV, procure dicas em guias (recomendo Lonely Planet) e pergunte a outros viajantes e aos locais sobre os melhores programas por lá.

No mais, siga as dicas básicas que você já deve tomar aqui mesmo no Brasil: não deixe pertences de valor a mostra (mais atenção nas viagens de ônibus, em especial as noturnas) e não dê bandeira a desconhecidos de que você está só. Nessas horas vale dizer que logo vai se encontrar com um grupo de amigos ou namorado. Até um anel dourado pra bancar a aliança pode ser bem útil.

Boa viagem!!!

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

obrigada! grin

Camila Camargo

Vanessa,

Peru tem ótimas baladas. Nesse quesito, não faltarão oportunidades em Cuzco, Arequipa e Lima. Sobre praias, Mancora, bem ao norte, é hit entre os turistas que estão atrás de surf, festas e cia. Mas o país é muito mais do que isso, é uma verdadeira imersão cultural! Além de Machu Picchu e o Valle Sagrado, recomendo a cidade de barro de Chan Chan e as huacas (pirâmides) de la luna e del sol em Trujillo, além da tumba del Señor de Sipán, em Chiclayo, que são passeios imperdíveis!

Sobre grana, leve Visa Travel Money, que você carrega em dólares no Brasil e funciona como um cartão de débito, com câmbio fixo e taxas menores que o cartão de crédito comum. Além disso, você pode sacar em toda a rede Visa Plus. Prático e seguro. Se quiser levar grana em espécie, recomendo Dólar, em geral bem mais aceito que o Real.

Sobre custos, o Peru é mais barato que o Brasil e Chile e mais caro que a Bolívia, pra fazer uma comparação aqui pela América do Sul. Com cerca de 20 soles você come um menu bacana/ básico nas principais cidades (se quiser economizar, dá pra comer com dignidade até por 5 soles ao dia. Vá ao El Encuentro, em Cusco, e depois me conta). Aliás, a culinária peruana é um caso de amor a parte. Guarde uma grana e vá a restaurantes estrelados como o La Chicha, em Arequipa, e o Astrid & Gastón e a cevicheria La Mar, em Lima !!

Espero ter ajudado. Boa viagem!!

Beli
BeliPermalinkResponder

Trips, qual a melhor forma de fazer Lima/MP? De avião(LAN)ou tem ônibus? Quanto a Cusco,quais hotéis vocês me indicam? Grata.

regina campos
regina camposPermalinkResponder

Estou indo agora em julho com a minha familia ( marido e 2 filhas de 16 e 19 anos) a MP e gostaria de fazer a trilha inca de 2 dias. Vi uma opção que sai no Km 104 e depois dorme em Aguas Calientes e de manhã pega o onibus para MP. Eu estava pensando em alguma trlha que saia no Km 104, dorme em barracas e bem cedinho ver o naser do sol em Mp. Alguem já fez isto? É muito puxado? è melhor dormir em Aguas Calientes? Enfim, aguardo as opiniões e dicas de operadoras.
Um abarço
Regina

Milena Ribeiro

Olá pessoal, boa noite!!! Gostaria de saberse alguém sabe quanto tempo é necessário para visitar a cidadela de Machu Picchu. Explico o pq da pergunta: estou querendo ir a MP em agosto, mas algo do tipo bate e volta a partir de Cuzco. Pegaria o Vistadome que chega às 09:52, pacote com almoço incluso no Sanctuary Lodge (almoço de 11 ás 15) e retornaria para Cuzco no trem de 15:20. Será que esse tempo é suficiente para ver tudo direito com calma? Ou é melhor pernoitar em Águas Calientes? Alguém já fez esse roteiro?
Obrigada desde já.
Milena

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Milena! Sua pergunta já contém todas as respostas! Dá pra ir e voltar no mesmo dia, mas é muito mais aconselhável dormir em Aguas Calientes!

Leia mais sobre Machu Picchu nos blogs da Lu e da Wanessa:

http://dividindoabagagem.blogspot.com/search/label/Machu%20Picchu

http://cadernosdeviagem.wordpress.com/category/peru/machu-picchu/

Milena Ribeiro

Olá Bóia, obrigada pela dica!!!!
Abraços

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Milena,
Só complementando as informações da D.Bóia. A Patrícia do Turomaquia http://turomaquia.com/category/america-do-sul/peru/ esteve em Machu Picchu recentemente, vale a pena ler o relato dela. E a Carla Portilho do Idas e Vindas esteve lá em 2008. O relato dela http://www.idasevindas.com.br/?cat=10 me ajudou a montar a minha viagem (2009).

D. Bóia,
Muito obrigada pelas referências ao Dividindo a Bagagem wink
Abs,

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Imagina mrgreen

Milena Ribeiro

Obrigada pelas dica Lu, vou dar uma boa lida nesses blogs!!
Valeu...

Milena Ribeiro

Olá de novo!!! Alguém conhece a empresa de trem Inka Rail? Alguém já foi em Machu Picchu por ela?
Obrigada,
Milena

Milena Ribeiro

Obrigada...você é super rápida!! É com certeza a Bóia mais rápida do oeste!!!!!! rsrsrs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Só não posso usar esporas, são um risco de vida!

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Riq, D. Bóia e demais trips,
Uma amiga está planejando uma viagem independente para Machu Picchu e acabo de descobri que a forma de compra de ingresso para o parque mudou!
O site oficial de turismo diz http://peru.travel/en/culture/archaeology/machu-picchu-1140-2-576-4.1.16.7
"The adult ticket to the citadel of Machu Picchu is only on sale online. The system of e-ticket purchase is:
1.Login to the web page: www.machupicchu.gob.pe ó www.drc-cusco.gob.pe and make a reservation..
2.Pay for the reservation in the offices of the Banco de la Nación (The National Bank) or in the offices of the DRC Cusco (in the city of Cusco and Aguas Calientes), within six hours of booking.
3.Reenter the web page and enter payment data in order to complete the registration process.
Buying tickets for students and children takes place directly in the offices of the DRC or authorized travel agencies. The student must carry a valid ISIC card."
Alguém esteve lá recentemente? Essa compra foi tranqüila?
Abs

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Riq, D, Bóia, e demais trips,
Olhei o site http://www.machupicchu.gob.pe/ com calma e dá para pagar o ingresso com cartão internacional (ainda não confirmei se seria preciso se um daqueles cartões tipo "verified by").
Acho que está tudo ok. Qualquer dúvida eu volto! wink
Obrigada!

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Ih! Eles dizem que tem que ser um cartão Visa do tipo "Verified by Visa". Vou escrever para lá e ver se tem não tem outra forma de compra online! sad

Tatyana Ataide

Boia, por favor me salve!!!!
Estou indo ao Peru no dia 30 de setembro e o meu roteiro está assim:
30- chegada em lima
01 - Lima - cusco
02- cusco - tour
03 - cusco - vale sagrado
04- cusco para agua caliente (trem partindo de ollan)
05 - Machu Pichu
06 - Cusco
07 - cusco - lima
08 - lima - brasil

As perguntas: gostaria de conhecer arequipa, como faço?
ser[a que tem trem de partindo de agua calientes?
qual seria a melhor forma para conhecer?
Outra coisa, vc acha ,melhor pegar o trem de ollantay? no perurail nao aparece esse nome, apenas vale sagrado?
Aguardo desesperada resposta
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tatyana! Você não tem tempo para ir a Arequipa.

Leia sobre Arequipa no La Chica de Mochila:
http://lachicademochila.com/category/peru/arequipa/

A estação Sacred Valley da PeruRail fica em Ollantaytambo.

Note que agora é necessário comprar ingresso online com antecedência para entrar em Machu Picchu:
https://www.viajenaviagem.com/2011/07/machu-picchu-limita-visitantes-ingressos-agora-sao-vendidos-online/

Natalie
NataliePermalinkResponder

A Bóia foi mais rápida do que eu na sua resposta. Também estou planejando uma viagem ao Peru e concordo que com apenas 8 dias não vai dar tempo de conhecer Arequipa. Eu também precisei cortar essa cidade do meu roteiro razz

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Hola! De tanto perguntar sobre Peru desde 2007 aqui no blog, de visitar os blogs dos trips, eu tinha que vir aqui compartilhar algumas dicas.
- Em Cusco, jantamos no Chez Maggie e no Inka Grill, no primeiro um menu turistico com comida em tamanho adequado para altitude a um bom preço, no 2o um jantar a um preço digno de restaurantes no eixo RJ/SP que valeu muito a pena - comi um file de alpaca a milanesa com banana e ovo, maravilhoso. Só que muita comida, no dia que regressamos em Cusco de Macchu Picchu, não me caiu bem depois (será que foram os 2 pisco sours haha?)
- Em Águas Calientes, o jantar que vale a pena destacar foi o do Índio Feliz (outra dica do guia de viagens que tenho) - o melhor da viagem, ouvindo som peruano (um conjunto chamado Son Del Cusco com umas músicas chicletes que grudam na cabeça), com os melhores pisco sours que tomamos!
- Para altitude, se você tem problemas de estômago como eu, a mistura chá de coca, bala de coca, mastigar folha de coca, pode provocar o que me provocou e a única coisa que me fez sobreviver após não comer 1 dia inteiro foi um remédio chamado sorocchi pill (tem um que é sorocchi plus, mas esse é o genérico). Quando a primeira cartela do remédio acabou, foi o dia que voltamos para mais 1 noite em Cusco e eu quase passei mal de novo. Mas o chá eu continuei a tomar regularmente, mesmo sendo horrível. Em Machu Picchu, o clima tropical ajuda a não sentir a altitude, sem contar que é mais baixo. Passei super bem.
- O ideal é ir direto de Lima para Cusco, passar 1 dia inteiro lá para se aclimatar e só fazer qualquer passeio no dia seguinte para se adaptar a diferença de altitude que é punk. Deixe para conhecer Lima na volta.
- Waina Picchu, ou Huaina Picchu na língua local, é desafiador e a vista vale muito a pena mas em nenhum post de nenhum blog vimos que valia a pena depois da subida, descer a Gran Caverna para ver esta e o Templo de La Luna: NAO VALE! Subimos, depois descemos até esses dois paraA uma altitude menor que Machu Picchu, o 2o é até bonitinho, mas volta para Mapi, é PIOR do que a subida para Waina. Tivemos que subir quase até o topo de novo e os degraus são muito piores. Eles sugerem que o percurso todo leva 4 horas e descontando a 1 hora que ficamos parados seja comendo seja meditando seja recuperando o fôlego, levamos 1 hora a mais. Mesmo para quem dá suas corridinhas e malha como a gente, sugiro treinar subir ladeira na esteira com inclinação 6, pq treinando a inclinação 3 eu parava toda hora para respirar (estamos mais próximos dos 40 do que dos 30). E em resumo: quando te sugerirem ir a Gran Caverna, NAO VA, voltem para Machu Picchu e aproveitem a energia e a atmosfera que a cidadela proporciona.
- Nós compramos um pacote cujo preço na pouca antecedência compensou (quem me conhece sabe que eu odeio excursão). Passamos 1 dia em Mapi com um guia só para nós e no outro, subimos Huaina no 1o grupo, depois almoçamos. Sugestão: se você estiver disposto como a gente, fiquei até o por do sol e seja expulso como nós.
Riq e meninas, se quiserem fotos da subida de Waina, o meu Rick tirou ótimas. bjs

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Cristina,
Que bom que correu tudo bem! E excelente a dica do que NÃO fazer em Machu Picchu!
Só para lembrar: o equivalente brasileiro à Sorojchi pills é a nossa Cibalena A. O melhor é conversar com seu médico antes de viajar pois, tanto a Cibalena A quanto o chá de coca, mascaram os sintomas do mal da altitude.
Obrigada pelo relato, abraço

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Lu, que bom que gostou do relato. É meio antipático dizer o que NAO fazer mas o máximo que alguém me deu de orientação sobre ir ou não a Gran Caverna foi, "É, eu não me lembro bem, acho que fui...". hello... como não lembrar daquela escadaria do perrengue, que faz a subida para Waina ser um básico 1...

Eu tinha lido sobre a Cibalena A, mas lógico apaguei da memória. Lógico também que eu nunca falo com médico nenhum, só registrei o "tome chá de coca". Quando o Plasil não fez efeito e a novalgina da farmacinha de viagem tb nao, eu pedi socorro! Seu blog foi dos que mais consultei! Muito obrigada pelas suas dicas que me proporcionaram dar essas! wink

Jose - Trilha Inca

Excelente postagem e esse tipo de informação é sempre super importante!

Trilha Inca
Trilha IncaPermalinkResponder

Machu Picchu simplesmente MARAVILHOSO!!!. Viagem obrigatória para se fazer no mínimo 1 vez na vida.
Mais sobre Machu Picchu: http://www.perutrilhainca.com/

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar