De carro em Cancún: como evitar multas 1

De carro em Cancún: como evitar multas

Placa de trânsito no México

O Rogério alugou um carro em Cancún para fazer passeios por conta própria. Não recebeu orientações da locadora quanto às leis de trânsito e acabou sendo multado. De volta ao Brasil, ele deixa um alerta para os próximos motoristas, e relata também o método um tanto quanto peculiar de aplicação da punição. Vai pelo Rogério:

Gostaria de passar uma dica sobre aluguel de carro, ou melhor dizendo, sobre multas! Fui em maio passado a Cancún, e se tivesse lido esta informação teria sido poupado de bastante aborrecimento.

Quando fui a Playa del Carmen, estacionei na rua a algumas quadras da 5ª avenida, e quando retornei tinha recebido uma multa. Primeira dica: se informe sobre a legislação de trânsito, pois aprendi lá que não se pode estacionar a menos de 15 metros das esquinas (10 metros a mais do que aqui no Brasil!).

Segunda dica: a multa não vai para o dono do carro, e sim para o motorista, e para garantia de pagamento a polícia leva a placa do carro para a delegacia. Portanto, se receber uma multa, verifique o que foi levado como garantia (vem escrito na multa, mas eu não tinha reparado) para buscar depois. Espero que a informação seja útil. Obrigado.

Nós que agradecemos, Rogério! Sentimos muito pelo ocorrido!

Fomos atrás da informação e descobrimos que as esquinas são demarcadas por uma linha vermelha. É a chamada “zona roja” (zona vermelha), onde não se pode estacionar.

No México, também são infrações de trânsito: estacionar em fila dupla, falar ao celular enquanto dirige, não usar cinto de segurança, dirigir sob efeito de álcool ou drogas (dá cadeia!), dirigir na via rápida (que deve ser utilizada apenas para ultrapassagens), não dar preferência ao pedestre, entre outras.

Peça todas as orientações quando for alugar o veículo! As multas podem chegar a 185 dólares.

Queremos saber: você cometeu alguma infração de trânsito em Cancún? Também foi multado? Conte pra gente!

Leia mais:

49 comentários

Chegamos de Cancún há 1 semana, nossa viagem foi de 21 dias e o foco era snorkel, então fomos também a Caye Caulker, Belize. Alugamos um carro nos últimos 07 dias, ficamos em Akumal, não fomos multados mas quando estávamos indo para o aeroporto de Cancún, paramos no walmart de Playa e,(eu sei que não se deixa nada dentro do carro, mas…) quando voltamos haviam nos furtado 2 mochilas, chamamos a polícia, mas, no México eles não registram ocorrência, tínhamos que ir ao Ministério Público, mas nosso voo era naquela tarde então viemos embora. Também nos furtaram o tablet no ônibus da ADO, provavelmente o próprio motorista…mas a ADO só nos ofereceu desculpas e 50% de desconto para viajar nos seus ônibus em Quintana Roo, isso quando já estávamos aqui no Brasil. Então, muito cuidado ao viajar no México por conta, nós nos achávamos muito espertos e aconteceu isso.

Quando estive lá em 2010, estava indo pra Playa del Carmem de carro e provavelmente estava acima do limite de velocidade (sinceramente não lembro) quando dois policiais mandaram parar. Mas eu só vi quando já estava em cima, cheguei a reduzir mas não parei (reação). Pelo q ando vendo de comentários, foi a melhor coisa q fiz. kkkkk

Alugamos carro em Cancun tb, mas nao tivemos nenhum problema com a policia ( apesar de eu ter pesquisado antes de viajar e ter encontrado varios relatos de problemas). Com relacao às regras de transito, o pessoal da Hertz do aeroporto nos deu algumas orientacoes sobre as regras, e nao tivemos nenhuma multa ou problema.

Eu nao tive problemas em Cancun, mas em Acapulco fui coagida. Sem cometer nenhuma infracao, tive que pagar para a policia. Sorte que fomos avisados e escondemos nosso dinheiro. Ja passei por mtas situacoes com policia corrupta e foi a 1a vez que nao me livrei de “dar algum”.
Tem alguns relatos do ocorrido no Mexico, Indonesia e Australia no blog.

tripsincriveis.blogspot.com

Gente, tem que tomar muitoooo cuidado com a policia de cancun! Eu passei por uma situacao muito desagradável lá e outro casal de amigos também, no mesmo fim-de-semana. Fomos coagidos pela policia, q se aproveitou q nao conhecíamos a legislação local para nos pedir suborno, isso depois de prender minha habilitação, fazer ameaças.. Um horror. E tudo isso na nossa primeira manhã lá. Escrevi um post site isso: http://fuigosteicontei.blogspot.com.br/2013/03/alugando-carro-em-cancun-cuidado-com.html?m=1
Na hora do aluguel, se certificar de tudo com a agencia. Infelizmente existe essa maldade ai, mas nao ofuscou nossos dias lá, cada praia mais linda q a outra. Ficou a lição!

De Mérida para Uxmal, no México, também quase levei uma multa. A policia, fortemente armada, nos deu sinal para parar em uma pista de alta velocidade. Como fazemos aqui, reduzimos e fomos para o acostamento. Segundo o policial, teríamos que frear na própria pista, no momento em que ele sinalizou e nao ir para o acostamento… Levou nossos documentos e passou bons minutos em uma estação de trabalho, enquanto esperávamos angustiados no carro. Ainda revistou o carro, as mochilas, e fez perguntas separadas para mim e meu marido. Foi tanta pressão que quase estraga o passeio para a maravilhosa Uxmal

Boia, sei que o assunto foge desse post, mas não consegui buscar um específico.

Tem uma ferramenta nova que é simplesmente o melhor site climático para responder a dúvidas como quantas horas de sol faz em cada lugar, temperaturas médias, qual a possibilidade de neve ou chuva no local x. Sei que outros sites tem isso, mas eu nunca vi um que condense tantas informações em gráficos tão fáceis de entender.

Deixo a dica (não tenho participação nenhuma no site, é só uma dica mesmo): https://weatherspark.com/averages/32260/Valtournenche-Aosta-Italy (exemplo, basta trocar o destino lá em cima para consultar outras opções).

No caso de amigos, foram parados por um policial na estrada. Mas de ponta a ponta pareceu mais um caso de extorsão a turistas do que de infração — alegado excesso de velocidade num local sem sinalização, uma multa que seria paga diretamente a ele (ou teriam que ir a uma delegacia a quilômetros, inviabilizando o passeio do dia) e uma certa disposição para negociar…

    No meu caso, a “negociação” teve até barganha e saiu por 50 obamas na mão do Seu Guarda. Na zona hoteleira deve se prestar muita atenção: a polícia se posiciona nas zonas de 40 kmh só pra negociar com quem passa acima. Detalhe que a velocidade normal na via é 70kmh e as plavas de sinalização são diferentes. ..

    Fui extorquida por policiais mal intencionados na zona hoteleira a caminho do aeroporto. Mesma coisa, pagar ali para os guardas ou ter que ir a uma delegacia . Com medo de perder o voo, paguei proprina para os salafrarios. A raiva pos extorsao me fez estudar o assunto na internet. O melhor e dizer para aplicarem a multa e dizer que vai a delegacia. Na maioria dos casos eles, sabendo que estao agindo contra a lei, liberam. No maximo pagaras a multa na entrega do carro na locadora.

A primeira coisa a fazer quando estamos em lugares em que não conhecemos a regras de trânsito é desconfiar de “vagas” que surgem do nada, em meio a um mar de veículos estacionados. Grande chance de ser local proibido.

    Não só desconfiar de vagas que surgem do nada, mas também se questionar quanto às cores das faixas que delimitam as vagas! Nessas horas, caso não saiba o que significam, nada melhor que gastar uns minutos e perguntar a alguém próximo, de preferência um agente de trânsito ou policial.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.