Florianópolis

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Florianópolis: quando ir

Pergunte a qualquer morador do litoral de Santa Catarina, e a resposta será unânime: o momento ideal para curtir as praias catarinenses é no comecinho do outono -- entre meados de março e abril (eu também arriscaria maio). É quando o tempo costuma estar mais firme -- e os engarrafamentos atrapalham menos em Floripa, e simplesmente desaparecem em outras praias.

Mas vamos examinar a situação mês a mês:

Janeiro e fevereiro são os meses mais quentes, com máximas próximas aos 30ºC. É quando a ilha está mais cheia -- em janeiro e no carnaval, estará lotada. O caderninho meteorológico indica uma média histórica de 180mm de chuva em janeiro e quase 200mm em fevereiro -- ou seja, espere alguma chuva durante a sua estada. Nesses meses, o melhor é se hospedar direto na praia que você quer mais freqüentar -- ou, se for a outra praia, sair cedo e voltar cedo para casa, para evitar ficar preso no trânsito.

Março e abril ainda oferecem temperatura compatível com ir à praia (em março as máximas chegam a 28ºC, em abril a 25ºC), mas o volume de chuvas tende a diminuir: a média histórica de abril é ligeiramente abaixo dos 100mm. É a baixa temporada preferida dos argentinos, que não precisam de tanto calorão quanto os brasileiros.

Maio não é para os friorentos: a temperatura média máxima é de 23ºC. Mas veranicos acontecem... e o tempo costuma ser firme. É como janeiro em Miami: pode ficar frio demais para ir à praia, mas também pode dar uma praia legal, se você não precisar de clima tórrido para estender sua canga na areia.

Florianópolis costuma ter um inverno ameno, com chuva abaixo dos 100mm em junho, julho e agosto. Mas com máximas na casa dos 20ºC, é difícil pegar praia. A partir de julho, porém, dá para fazer observação (terrestre) de baleias franca, que podem ser avistadas no sul da ilha (e também entre Garopaba, Praia do Rosa e Imbituba).

As chuvas voltam na primavera. Entre setembro, outubro e novembro o tempo é imprevisível, com a passagem de muitas frentes frias que trazem dias nublados e chuvisquentos em seqüência, acompanhados de temperaturas invernais. Se você está indo a Floripa a fim de praia, recomendo evitar essa época.

Dezembro já faz o termômetro subir perto dos 30ºC, e São Pedro já se comporta como no verão. A vantagem é aproveitar a ilha antes dos turistas de janeiro chegarem.

3 comentários

Ana Clara Soares

Bom Dia!
Irei viajar para Floripa em Janeiro, reservei o hotel Ibiá do Centro estou na dúvida entre alugar carro ou utilizar uber , alguém que tenha utilizado, pode dizer se vale a pena?
Eu e meu marido queremos ficar mais livres para beber, medo de lei seca.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Clara! Uber é uma adição recente, e bem-vinda, à ilha. Parece que dá confusão ao chamar no aeroporto, mas na cidade é tranqüilo. Simule valores no próprio aplicativo (mas provavelmente em janeiro a tarifa, que é dinâmica, estará mais alta).

Andre
AndrePermalinkResponder

Já consegui a resposta.A justiça parece ter liberado, mas o órgão ambiental ainda não autorizou. Vi alguns sites anunciando o passeio embarcado, mas entrei em contato com um deles e me avisaram de que o passeio está proibido, ao menos essa ano. De qualquer forma, obrigado.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar