Inhotim: qual foi a sua estratégia de visita?

Inhotim

“O melhor passeio que você ainda não fez” foi como o Riq se referiu ao Inhotim em um distante setembro de 2010. De lá pra cá, recebemos muitos comentários de leitores que não esperaram mais para conhecer o instituto cultural que é um espanto de beleza e organização.

Inhotim

Já estive duas vezes no Inhotim e ainda não consegui esgotar o parque. Mas, ao fim da segunda visita, concluí: esgotar por quê? Estou plenamente convencida de que é uma viagem para repetir a cada par de anos, pelo menos. Não gostaria de dar Inhotim por visto tão cedo.

 

Nas duas viagens que fiz, dividi o passeio com uma breve passagem de fim de semana por Belo Horizonte. Fui com o ônibus executivo da Saritur, que sai da rodoviária de BH e chega em Brumadinho em uma hora e meia. Voltei no mesmo dia.

Inhotim

O esquema funciona bem, mas o ônibus só chega em Inhotim pelo menos uma hora depois da abertura, e sai meia hora antes de seu fechamento. Essa horinha e meia acaba fazendo falta, no fim das contas.

Como planejo voltar outras vezes, eu e Saritur estamos em paz.

Para uma visita mais completa, digamos, o melhor a fazer é seguir a dica do Comandante: visitar o parque durante a semana, pernoitando nos arredores.

Inhotim

Agora queremos saber de você: qual estratégia usou para visitar Inhotim? Descolou uma pousada em Brumadinho? Alugou um carro? Foi de ônibus? Faria diferente em uma próxima vez?

Aos comentários!

Leia também:

Inhotim: o melhor passeio que você ainda não fez por Ricardo Freire

Sílvia Oliveira: Inhotim, tintim por tintim por Ricardo Freire

Um feriado em Inhotim, Ouro Preto e Tiradentes com o Gabe Britto por Ricardo Freire

Siga o Viaje na Viagem no Twitter – @viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter – @riqfreire

Visite o VnV no Facebook – Viaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por email – VnV por email

71 comentários

Sou de Brumadinho e o que tenho a dizer é que Brumadinho é muito mais que inhotim dada as suas ricas paisagens naturais que incluem, além e inhotim, o antigo forte, a Serra do Rola- Moça, cachoeiras diversas, com destaque a de Toca de Cima, Fazenda dos Martins, a comunidade e sua rica história de remanescentes quilombolas em Sapé, belíssimas pousadas,hotéis fazendas, igrejas antigas e seus aproximados 42 povoados que mantém a vida no estilo antigo e tranquilo mineiro. Ora, senhores e senhoras, ir a inhotim é ir e visitar Brumadinho,e, pra isso,deve-se estar a vontade .Você não irá se arrepender.
José

Quando visitamos Inhotim, estávamos de motorhome e fomos autorizados a passar a noite dentro do próprio parque. Foi muito bom já acordar dentro do Inhotim. Em dois dias a visita fica mais tranqüila.
Cleci e Silvano, Morro Reuter (RS)

Também estive em Inhotim no dia 7 de setembro. Usei o ônibus da Saritur e fiquei bastante satisfeita. Acho importante curtir menos com mais calma, como já foi dito anteriormente. Deixei algumas dicas no meu blog.

Estive em Inhotim no dia 7 de Setembro… Consegui ver as principais obras e galerias do local, até encontrei com o Bernardo Paz (dono) lá… Realmente p ver tudo é necessário muito tempo, mas o gostinho de quero mais é muito bom, pq dá vontade de voltar rápido… as paisagens do local são lindas, parece que estamos em outro Pais (apesar das belezas naturais que o Brasil tem, Inhotim é bem diferente!!!!
Também passei pela estrada sinuosa que leva à BR 040, o caminho é bem bonito, mas se a pessoa tiver problemas com enjôo é melhor escolher outro trajeto….

Quero ir pra BH, Inhotim, Ouro Preto e Tiradentes no feriado de 15/11. É possível ir de ônibus de BH para Brumadinho e de lá para Ouro Preto/Tiradentes? Ou só é possível alugando um carro?
Obrigada

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.