Punta Cana: Majestic Colonial e Elegance, revelados pelos leitores

  • 0
Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Majestic Colonial

[Majestic Colonial]

Nós bem que tentamos incluir no roteiro, mas os resorts Majestic Elegance e Majestic Colonial acabaram ficando de fora da última expedição do Viaje na Viagem a Punta Cana. Porém, compilando os relatos dos nossos leitores (e com as fotos que eles gentilmente nos cederam), conseguimos montar uma ficha dos resorts tão completa quanto as resenhas que publicamos aqui no site. Bacana, não?

Aproveitamos para anunciar uma novidade: será inaugurada em breve uma ala exclusiva para adultos no Majestic Colonial, a exemplo do Club Elegance, para hóspedes que queiram fazer upgrade. O resort também está completamente recuperado do incêndio que ocorreu no início deste ano, nos garantiu a administração.

Conheça as impressões dos leitores do Viaje na Viagem sobre o Majestic Colonial e o Majestic Elegance:

Localização. Na praia de Arena Gorda, entre os resorts Grand Paradise e Barceló Premium Punta Cana. O táxi do aeroporto até o resort custa US$ 40; a corrida leva pouco mais de meia hora.

Majestic Elegance e Majestic ColonialLayout do resort. O Majestic Colonial e o Majestic Elegance estão lado a lado no terreno e se distribuem por ele de forma semelhante.

Em ambos a recepção fica nos fundos, junto à maior parte dos restaurantes, ao teatro e ao piano bar. Ao longo dos resorts, em direção à praia, se distribuem as alas de apartamentos, em duas fileiras de prédios de três andares. Também nos dois resorts as piscinas vão do fundo do terreno até a praia, margeando os apartamentos das alas à esquerda de quem olha para o mar. “Os dois hotéis têm uma piscina fantástica em cada um, de mais ou menos 400 metros, percorrendo toda a extensão do hotel” (Leonardo Gomes).

Majestic Colonial - foto: Justino Paradinha

[Majestic Colonial]

Não há carrinho para transporte interno e nem entre os resorts. Majestic Colonial e Majestic Elegance são totalmente independentes; as áreas comuns são o kids club, o cassino, a boate e a academia.

Entre os dois, o Elegance seria o mais luxuoso. As diárias são um pouco mais caras. “O Elegance é um pouco superior nos quartos e restaurantes, mas, como também ficamos no Colonial, podemos dizer que a diferença é muito pequena”. (Leonardo Gomes).

Majestic Colonial - foto: Justino Paradinha

[Apartamento Majestic Colonial]

Apartamento. Sobre o Majestic Colonial, o leitor comenta: "Muito confortável. Frigobar abastecido com refrigerante, água e cerveja, uma garrafa de espumante e dois chocolates – mas o espumante e os chocolates não foram repostos. Ar-condicionado espetacular. Ducha excelente, amenities muito boas. TV antiquada" (Justino Paradinha).

Majestic Elegance - foto: Vinicius

Majestic Elegance - foto: Paulo CésarMajestic Elegance - foto: Vinicius

[Apartamento Majestic Elegance]

Sobre o Majestic Elegance: “Os quartos são bem amplos, contando com cofre e jacuzzi. Mas, como o resort estava muito cheio, achamos que a limpeza deixou a desejar, bem como a troca de lençol e fronhas” (Paulo César). “O quarto é excelente, estilo 'quarto de motel', com banheira, cama enorme, chuveiro fantástico, ar-condicionado.. não há do que reclamar. Todos os quartos são assim, desde o mais simples (Vinicius).

Majestic Colonial - foto: Adriane

Majestic Colonial - foto: Justino Paradinha

[Piscina Majestic Colonial]

Piscinas. No Majestic Colonial: "enorme, agradável, água morna. Tem duas jacuzzi e bar molhado onde servem bebidas, inclusive espumante" (Justino Paradinha). "A piscina do Colonial é mais bonita e animada" (Leonardo Gomes). "Piscina maravilhosa, enorme; mesmo que o hotel esteja cheio, não sentimos, já que as pessoas se espalham" (Adriane).

Majestic Elegance - foto: Vinicius

[Piscina Majestic Elegance]

Majestic Elegance - foto: Paulo César

[Piscina Majestic - Elegance Club]

No Majestic Elegance: “A piscina conta com bar molhado e é enorme" (Paulo César). "No Elegance Club tem uma piscina reservada, mas não faz diferença. A piscina comum é gigantesca e atende a todos tranqüilamente" (Vinicius).

Arena Gorda - foto: Anna Lucia Araujo

Arena Gorda - foto: Paulo César

[Arena Gorda]

Praia. "Bonita, água transparente e gostosa para banho, mas não é aquela praia caribenha que você imagina. Se assemelha mais às praias mais bonitas do Nordeste do que às praias caribenhas. Tem um pouco de ondas e não é indicada para crianças pequenas" (Vinicius).

Arena Gorda - foto: Adriane

"A praia em frente ao hotel é lindíssima, mar um pouco agitado, mas nada que prejudique o banho. Há na areia cabanas de sapê em número muito grande. Passa, de tempos em tempos, uma moça tirando pedidos de água, refris, drinks, uma beleza. Mas, se quiser, é só dar alguns passos e ir ao bar que fica bem perto" (Justino Paradinha).

Arena Gorda - foto: Paulo César

"O trecho de praia do Elegance é muito estreito; as pessoas ficam espremidas quando o hotel está cheio (e era o caso!). Por isso, ficamos muitos dias no trecho de praia do Colonial, muito mais espaçoso – mas tínhamos que andar um bocado para pegar bebidas..." (Paulo César).

Restaurantes-buffet. No Majestic Colonial, "o restaurante à beira-mar tem um belíssimo e farto buffet" (Justino Paradinha). "A comida do buffet não sofre muitas variações ao longo da semana, mas é tanta comida que você não consegue comer a mesma coisa todo dia" (Simone).

Majestic Elegance - foto: Paulo César

[Buffet Majestic Elegance]

No Majestic Elegance, “a comida é diferente, porém muito diversificada; agrada a todos. Café da manhã não é só para americanos - tem muita coisa saudável" (Anna Lucia).

Majestic Elegance - foto: Anna Lucia Araujo

Majestic Elegance - foto: Anna Lucia AraujoMajestic Elegance - foto: Anna Lucia Araujo

[Jantares temáticos Majestic Elegance]

"Café da manhã excelente, com sucos de fruta feitos na hora, pães, panquecas, iogurtes, queijos, ovos, etc. O mesmo local se transforma em restaurante temático mexicano, americano, etc.. Lá, caso você não se agrade da comida tem-se a fuga para a massa feita na hora (como no Spoleto), ou o hambúrguer tipo americano com ingredientes que você escolhe" (Carlos).

Majestic Colonial - foto: AdrianeMajestic Colonial - foto: Vinicius[Majestic Colonial | Majestic Elegance]

Restaurantes à la carte. No Majestic Colonial são 6: italiano, gourmet, japonês (teppan-yaki), dominicano/mexicano, grill e frutos do mar. "No restaurante japonês precisa de reserva para quem quiser comer no que eles chamam de “plancha”, onde um cozinheiro prepara comida na hora para um grupo pequeno de pessoas. Legal, nada mais que isso. Mesmo assim esse restaurante mantém mesas que dispensam reserva; entra-se e come-se tranqüilamente" (Justino Paradinha). “O restaurante de frutos do mar 3 Carabellas e o restaurante Rodeo Grill dividem o mesmo espaço, perto da praia, e têm pratos deliciosos. Comi muita lagosta e excelentes grelhados!” (Simone).

Majestic Elegance - foto:Vinicius

[Frutos do mar | Majestic Elegance]

No Majestic Elegance são também 6: italiano, gourmet, japonês (teppan-yaki), churrascaria argentina, frutos do mar e cozinha internacional. "Não tive dificuldade em fazer reserva para nenhum. Comida excelente em todos os jantares" (Anna Lucia). "Comemos nos restaurantes italiano, frutos do mar e argentino; gostamos muito" (Noemia Alcoforado).

Majestic Colonial - foto: Adriane

[Bar do lobby | Majestic Colonial]

Bebidas. No Majestic Colonial "os bares servem todas as bebidas com simpatia e rapidez, sinceramente, nao achei necessario ter de dar gorjetas para que nos servissem melhor, talvez por ser baixa temporada e nao ter muita gente no hotel. Espumante em todos os lugares do hotel, scotch temos Red Label, vodkas de boa qualidade, rum deles fantástico, gim inglês, etc. Do Mamajuana não gostei; muito doce. A cerveja, capítulo à parte: Presidente, muito boa, sempre geladíssima, uma delícia num calor daqueles" (Justino Paradinha).

Majestic Elegance - foto: Vinicius

[Majestic Elegance]

No Majestic Elegance “tem muitos bares, com os mais variados tipos de bebidas nacionais e internacionais, inclusive whisky 12 anos, espumante (até no café da manhã), etc. Nos bares da piscina só tem copo de plástico, mas de noite no lobby bar saem coquetéis de todos os tipos nos seus respectivos copos. É um show à parte sentar no balcão e ficar observando a preparação dos drinks mais variados. Não há cerveja nos bares, apenas chopp - que por sinal é excelente” (Vinicius).

Entretenimento noturno. Não recebemos relatos de leitores sobre os shows do Majestic Colonial.

Majestic Elegance - foto: Paulo César

[Majestic Elegance]

No Majestic Elegance “a boate é muito boa, bem como alguns dos entretenimentos – aulas de dança, shows cover do Michael Jackson, mágica e circo” (Paulo César).

Atendimento. No Majestic Colonial "os funcionários são simpáticos e atenciosos" (Adriane).

No Majestic Elegance: "Atendimento: 95% dos garçons e funcionários são simpáticos e atendem muito bem, principalmente ao perceber que você é brasileiro (nenhum funcionário nos pediu gorjeta)" (Paulo César).

O público. No Majestic Colonial "os americanos representam 90% dos hóspedes" (Adriane).

No Majestic Elegance "tem muitos americanos, franceses, alemães" (Cris Borges).

Internet. Não recebemos relatos de leitores sobre o custo da conexão no Majestic Colonial.

No Majestic Elegance "Internet para quem não está no Club Elegance custa 10 dólares por 24 horas" (Vinicius).

No Brasil seriam o quê? Vila Galés.

Quanto custa? Pequise preços do Majestic Colonial e do Majestic Elegance.

Majestic Elegance - foto: Anna Lucia Araujo

[Majestic Elegance]

Leia mais:

58 comentários

Igor
IgorPermalinkResponder

O trabalho de vocês é fantástico! Estou indo em janeiro para o Majestic Colonial e estava sentindo falta de mais informações sobre ele. Parabéns demais, a estrutura de relatos montada por vocês ficou nada menos que excelente. Obrigado!

RosaBsb
RosaBsbPermalinkResponder

Pensar que Punta Cana não cabe na lista 2013 de jeito nenhum...
É muita oferta para tão poucas férias...

Carmen
CarmenPermalinkResponder

... poucas, poucas férias. Assim eu não pode viajar, certo!

Gerson
GersonPermalinkResponder

Mariana.
Parabéns! Ainda não conheço essa região, venho acompanhando os relatos do VnV. Ficaria completo para mim se pudessem fazer um comparativo com a região do Med. Daria?
Gracias.

Bruno Brandão

Chegamos de Punta Cana há duas semanas. As expectativas eram enormes acerca do destino, do hotel e dos comentários que vimos.
Utilizamos muuuito o site do Bóia e agora vamos retribuir com informações:
Ficamos no Majestic Elegance Punta Cana.
O hotel é maravilhoso, o quarto que ficamos (Suite Junior Club Elegance) era enoorme! Tinha uma sala com mesa, sofás, TV LED, uma garrafa de Black Label, vodka, rum, licor, cerveja à vontade! Quarto com Jacuzzi, cama king size, vários travesseiros, banheiro excelente e um bangalô exclusivo na varanda!!!
Quarto muito bem limpo e organizado, detalhes sempre cuidados, sem contar nos mimos da camareira, com pétalas de rosas e gansos feitos com as toalhas! Perfeito!
Os funcionários super educados, sorridentes, se souberem que é Brasileiro, aí já viu: vira festa e sorrisos!!!
Restaurante italiano, steackhouse, japonês, francês, internacional e frutos do mar!!! Deliciosos!! Parece que estávamos pagando cada prato!!
Como estávamos em Lua de Mel, tivemos champagne gelado na chegada e um jantar à beira mar com garçom exclusivo à luz de velas!!!
A boate do hotel também é maravilhosa! Pensamos até em ir para boates foram do resort, mas não foi necessário: DJ antenado com a galera e o pessoal super animado!
O hotel é realmente surpreendente!! Ah, o Club Elegance vale a pena, pois tem piscinas privativas, áreas VIP's na praia, wi-fi grátis, áreas privativas... A localização é excelente, a praia é o paraíso, parece photoshop! Recomendamos de olhos fechados o Majestic Elegance!!!
Destacamos dois dias para passeios: um dia fomos para Santo Domingo, passeio comprado com uma das inúmeras agências de turismo que ficam no saguão do hotel à venda. Para quem gosta de um passeio cultural, vale muito à pena! São duas horas de ônibus pela nova estrada que liga Punta Cana à Santo Domingo, e lá a cultura fala + alto: Primeira Cidade das Américas! Muito legal!
Num outro passeio, este apenas de meio turno, fomos andar de buggie em Cap Cana, uma praia paradisíaca em Punta Cana. Detalhe: hóspedes como Jennifer Lopes, Shakira, muito mais! rs
No meio do passeio paramos numa gruta com água transparente, maravilhosa! Banho com 12 metros de profundidade vendo o fundo das pedras!! Chegando na praia, mais água azul vendo os pés!!
Detalhe: tinha um casal russo casando-se na areia da praia, algo até comum por lá. Detalhe 2: haviam TRÊS limusines paradas! rs
Resumindo: Punta Cana é um lugar maravilhoso, superou nossas expectativas e recomendamos d++++ esse destino e esse hotel, principalmente para casais em Lua de Mel! Abraços a todos!!!

Alessandra
AlessandraPermalinkResponder

Oi Bruno!! estamos indo pra PC no fim do mês... reservamos a suite Jr, mas não do elegance club... depois de ler tantos relatos já estou na dúvida se vale ou não a pena....

Não ficando no elegance club há quiosques ou espreguiçadeiras na praia à sombra? O valor do upgrade para o elegance é por noite? qual o valor?

obrigada abraços Alessandra

Flavianne Brasileiro

Olá gente!
Fiquei no Majestic Colonial com minha família no Natal de 2010.
Ficamos nos quartos no Térreo, e a minha reclamação é a quantidade de pernilongos (mosquitos).
Chamávamos as camareiras para burrifar "Baygon" em nossos quartos. Mas, não adiantava muito.
Meu filho, na época com 2 aninhos, é alérgico a picadas, e sua mão foi picada por algum inseto, dormindo em nosso quarto. Teve febre alta e a mão dele ficou enorme!!!
Tivemos que levá-lo ao médico do Resort, aonde nos encaminhou ao hospital da cidade. O Hotel foi super atencioso, pois disponibilizou um motorista com carro para nos levar, esperar e buscar.
Resumindo a história, meu filho teve que tomar antibiótico e mesmo o hotel sendo fantástico em termos de infra-estrutura e restaurantes, está definitivamente excluído de nossas férias.
Pois moramos no MT, com muito pernilongo, e viajar pra encontrar mais mosquitos / pernilongos, é difícil hein!

Gerson
GersonPermalinkResponder

A Bóia.
Obrigado.Depois da reportagem da Mariana e do relato do Bruno...

FabianaAdrien
FabianaAdrienPermalinkResponder

Ricardo bom dia,
Peço uma consultoria, qual desses hoteis seria o mais completo, com uma melhor gastronomia e melhores acomodações!!!Nossa estou em dúvida em qual ficar?
Magestic Elegance, 12º no ranking da Tripadvisor;
Magestic Colonial, 09 no ranking da Tripadvisor;
Riu Palace Bavaro, 22 no ranking da Tripadvisor;
Riu Palace Macao, 40 no ranking da Tripadvisor.
Desde já obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabiana! Quem responde é A Bóia.

Ao pé deste mesmo post você verá o link para a resenha do Riu de de outros resorts em Punta Cana. Leia, compare e decida; não podemos fazer isso por você.

FabianaAdrien
FabianaAdrienPermalinkResponder

Olá podem me esclarecer a diferença de Elegance Club?
É como se fosse uma pulseira VIP ou ser somente para Unidade Habitacional?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabiana! O Elegance Club dá acesso a áreas exclusivas (piscina, bares, restaurante) e garante algumas mordomias como serviço de quarto 24 horas. Também só se permite hóspedes maiores de 18 anos.

Veja as vantagens aqui:
http://www.majestic-resorts.com/en/majestic-elegance-punta-cana-punta-cana/elegance-club.html

FabianaAdrien
FabianaAdrienPermalinkResponder

Agradeço a ajuda.

Graciela Karolyi

Olá. Bóia , México no Natal por 12 dias, a cidade estará livre para conhecer, qual e sua sugestão ?
Obrigada Gra

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Graciela! Este post é sobre o hotel Majestic em Punta Cana.

Veja nossos posts sobre o México aqui:
http://www.viajenaviagem.com/category/mexico

justino
justinoPermalinkResponder

fabiana adrien, o elegance exclusive é um tipo de hospedagem vip, atendimento especialissimo, qdo la estive , no colonial, copnversei com alugmas pessoas que estavam no vip. as bebidas sao as melhores marcas possiveis, nao ha menores, as refeições tambem sao siferentes, me parece que para quem quer algo melhor, com um up, seria o ideal, claro que pagaras algo a mais por essa qualidade, mas, acho que, podendo , que mal tem?

Filipe
FilipePermalinkResponder

Muito Legal!!! até a hora que compara com o Vila Gale...ai desmereceu um pouco o majestic que da de 5000 a zero no Vila gale em tudo .... tamanho, acomodação, funcionário, apartamento, piscina, serviços ....

Poderiam incluir o majestic no proximo roteiro.

O site de vocês é incrivel.

Parabens

Abs

Carla
CarlaPermalinkResponder

Olá,
Boa Tarde!
Irei para PC em dezembro (lua de mel) e estou bastante interessada em ficar no Majestic Elegance, mas estou em dúvida por conta do transporte interno do hotel. Eles oferecem os famoso "trenzinhos" para facilitar a locomoção dentro do complexo? Pelo tamanho, esse transporte é necessário?

Desde já, grata!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carla! Isso está comentado no texto. Leia com atenção wink

Carla
CarlaPermalinkResponder

A Bóia,
Obrigada!
Realmente está descrito. Já que não possuem o transporte isso chega a ser uma desvantagem ou pelo tamanho, a locomoção é feita confortavelmente a pé? Não vi nenhum relato que critique essa falta de transporte e gostaria de confirmar se realmente se faz desnecessário pelo tamanho do hotel.

Parabéns pelo site; fantástico!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carla! Todo resort em Punta Cana obriga o hóspede a fazer algumas pequenas caminhadas, oferecendo ou não o carrinho. No Majestic não deve fazer falta, mesmo. Os leitores teriam reclamado, certamente grin

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Estamos programando a viagem para 16 a 23/10. Alguém foi nesta época?? Casal com filho de 5 anos. O parte kids é boa?

Greicy
GreicyPermalinkResponder

Aqui vai minha contribuição para a corrente solidária dos leitores do VnV:

Fiquei no Majestic Elegance de 05 a 12/04/13, por forte indicação de uma amiga que havia se hospedado lá, depois de muito pesquisar na internet. Até sugeri pro pessoal do staff que eles poderiam mudar o nome para Majestic Excellence, pois fiquei muito bem acostumada com tanto mimo e conforto, rs.

Para começar, digo que decidi a viagem 3 semanas antes do meu aniversário, quando resolvi comemorá-lo por lá. Nos principais sites de reservas, não havia disponibilidade para a data, então digitei o nome do resort no Google e fui direcionada para um site que, só depois, soube que não era o oficial, embora pareça ser (majesticelegancepuntacana.com, é de uma agência de viagens de Miami). Havia várias opções de quartos para os dias que eu queria (cheguei a pesquisar para outras datas e esse site oferecia os melhores preços também).

No email de confirmação da reserva, foi-me oferecido transfer aeroporto/hotel/aeroporto por US$25/pessoa. Achei o preço bom e aceitei; depois conheci um casal no resort que pagou US$40 pelo táxi só no trecho aeroporto/hotel. Dica: pagar hotel e transfer no cartão de crédito implica num IOF de 6,38%, mas existe um cartão pré-pago (Amex Global Travel, oferecido pelo Itaú e outros bancos, que permite recarga direto pela internet, no site do banco), que pode ser usado para compras pela internet e poupa o titular desse imposto. Numa despesa desse tipo, estamos falando de mais de R$200,00 só de IOF!

Optei pela Jr. Suite with Jacuzzi do Elegance Club. Aliás, sobre o Club, acho que quem diz que não vale a pena, é porque não ficou lá ou não soube aproveitar as facilidades. A diferença de preço nem é tão grande, cerca de US$200 para o pacote de 7 noites (no meu caso, que viajei sozinha e, por isso, paguei mais caro pelo quarto), e creio que realmente vale a pena, por motivos que direi mais tarde.

Outra coisa: optei por ir para Punta Cana pela American, via Miami (meu visto americano ainda estava válido), pois era o único voo que chegaria no meio do dia; todos os demais (Gol, Copa... com preços semelhantes) chegavam à noite, daí até fazer check-in, tomar banho e jantar, o dia já acabou, você pagou uma diária e não aproveitou o resort! Cheguei ao Majestic às 13h30, fui direto para a sala do check-in privativo (exclusividade do Elegance Club, da qual eu já estava ciente), serviram-me champagne, puseram a pulseirinha VIP em mim e, enquanto eu aguardava a liberação do quarto (o check-in começa às 15h00), pude almoçar e conhecer um pouco do resort. Depois ainda tive o resto do dia para me instalar e ir à praia, então acho que valeu a pena a fila da imigração e a conexão em Miami, rs.

Vamos às vantagens do Elegance Club, na minha opinião:
- no lounge VIP, há desde café da manhã até lanchinhos, doces e bebidas durante todo o dia (22h30 retiram os comes, mas o lounge funciona até meia-noite). Sabe quando bate aquela fominha no fim da tarde e os restaurantes estão fechados? Pois é, você pode passar no lounge, pegar um prato descartável, encher com sanduichinhos de salmão defumado, sushis, canapés e doces, por ex., e ir fazer um picnic chique (sem farofa, rs) na piscina, na praia ou mesmo na varanda do seu quarto. Tá certo que os VIPs têm serviço de quarto 24hs, com um cardápio legal, mas é pra comer só no quarto, né? Rs;

- sempre há um funcionário no lounge para resolver qualquer coisa (porque o mordomo que lhe é designado no Club não fica atrás de você o dia todo, rs): o secador do meu quarto parou de funcionar na velocidade alta e logo mandaram alguém para consertar; eu deixava recado para meu mordomo fazer reserva para mim nos restaurantes, na manhã seguinte (disseram-me que, após meio-dia, é mais difícil conseguir lugar), e cheguei a pedir uma mesa com 4 lugares, para jantar com amigos que fiz por lá e não estavam no Club (o mordomo depois deixou um envelope no meu quarto com o ticket da reserva); também me ajudaram a ligar para a empresa que me levaria ao aeroporto, quando precisei confirmar o transfer de volta, bem como providenciaram um carregador para levar minhas malas à recepção, depois de eu fazer o check-out no lounge mesmo (vi hóspedes carregando as próprias malas, mas se eu tinha direito à mordomia, por que não? Rs);

- no lounge, há computadores para os hóspedes do Club acessarem a internet gratuitamente até meia-noite. Levei meu tablet e, só de passar por lá com ele ligado, o aparelho já pegava os emails com o sinal do wi-fi. Consegui até falar com uma amiga pelo Skype, andando pelo lounge e ficando num lugar mais isolado. Prático;

- na chegada ao resort, o mordomo me acompanhou até o quarto, deu umas diretrizes e um papel para eu especificar, entre outras coisas, o período em que eu queria que o quarto fosse arrumado. Escolhi à tarde, mas nos dois dias em que fiz passeios de manhã, passei no lounge e perguntei se poderiam mandar a camareira enquanto eu estivesse fora, para que eu encontrasse tudo em ordem ao voltar. Assim foi feito sem problemas, bastou pedir.

Sobre gorjetas: no 1o. dia, deixei US$1 para a camareira sobre o travesseiro, para testar o serviço. Depois, ao andar descalça pelo quarto, em pouco tempo eu tinha poeira e areia nos pés, então comentei isso com o mordomo e ele ficou de falar com a camareira. No dia seguinte, ela apareceu enquanto eu ainda estava no quarto e foi logo varrendo o chão. Bati um papinho, fui simpática e ela também (aliás, essa é uma característica de todos os funcionários que encontrei!). Eu já havia deixado US$2 sobre o travesseiro (mantive esse valor pelos demais dias) e ela passou a caprichar mais: colocava sempre um tapete limpo na saída do box, enfeitava a jacuzzi com um cisne de toalha coberto com pétalas de flores e até passava pano úmido no chão.

Sobre o frigobar: não bebo, então não posso opinar sobre as bebidas. Cheguei a comentar no lounge que os refris e as águas não estavam gelados (achei que era um problema do minibar em si), daí um funcionário deu a dica: havia máquinas de gelo no corredor, bastava eu pegar o balde do quarto e me servir. No 1o. dia, havia 2 tabletes de chocolate no frigobar, tirei e não repuseram. No 3o. dia, comentei isso rindo com a camareira e ela disse que falaria com o rapaz da reposição.
Pouco depois, encontrei com ele no corredor, "reclamei" brincando e ele me deu um papel e uma caneta para eu anotar o número do meu quarto. Achei atencioso e falei que deixaria uma gorjeta pra ele (US$1 naquele dia apenas, afinal eu estava brincando). Dali em diante, ele passou a deixar 4 barrinhas todos os dias, que eu tirava pra ele repor depois, rs. No geral, acho que tratar os funcionários com simpatia, sem frieza nem arrogância, já é o suficiente para ser bem atendido, afinal ninguém gosta de gente antipática, né? E, precisando ou querendo algo, é só pedir, que o pessoal do resort realmente se esforça para tornar sua estadia ótima.

Restaurantes: vá ao buffet principal no café da manhã, pois é realmente um banquete. Eu, que não sou de acordar com fome, achei um espetáculo (muuuito variado) e não perdi um dia, rs. Para almoço, eu recomendo o buffet do restaurante de frutos do mar, que tem uma bela vista para aquele marzão azul-turquesa e oferece sorvete de sobremesa. Para o jantar, meus preferidos foram, pela ordem, o francês, o argentino, o italiano, o de frutos do mar, o buffet geral e o japonês, que vale mais pelo show do "chapeiro" do que pela comida em si, pois nem se compara a um bom rodízio de sushi em São Paulo.

Passeios: eu já havia pesquisado bastante aqui no VnV e na internet, e fui sem vontade de ver golfinhos ou passar horas de perrengue para ficar um tempinho na ilha da Lagoa Azul. Só que, xeretando no lobby do resort, vi um que me interessou e eu não tinha lido nenhuma menção a respeito: zip line ou a nossa tirolesa. Há várias empresas oferecendo os mesmos tours (passeios), escolhi a Turinter (mesma do meu transfer), pois a aventura era com dois cabos paralelos e não um (mais seguro), além de ter 12 travessias com até 800 m de comprimento (bavarorunners.com)! O preço era US$89, mas o rapaz não tinha máquina de cartão (brinquei que isso era problema dele, não meu, rs), daí fez por US$80 em dinheiro pra mim. Lá no passeio, conversando com canadenses de outros resorts, eu soube que haviam pago US$94 e até US$100 pelo mesmo tour!
Apesar da "massagem dominicana" no trecho de estrada de terra cheia de buracos, bem como das subidas íngremes a pé entre algumas plataformas, adorei deslizar pelos cabos entre as montanhas! Fiquei eufórica com tanta adrenalina, faria de novo! O pessoal era muito preocupado e cuidadoso com a segurança, só liberavam uma pessoa no cabo quando a anterior já havia chegado à outra plataforma, para evitar trombadas violentas. E, no final, serviram água e frutas frescas. Dica: vá no tour das 8 da manhã (há outro à tarde), pois a floresta é mais fresca.

Outro passeio que acabei fazendo foi o parasailing, porque, da praia, ver aquele pessoal pairando no ar numa "pipa" gigante parecia bem legal. A vista lá de cima realmente não tem preço e o silêncio é profundo, mas sugiro subir acompanhado. Porque eu fui sozinha e, como não sou pesada, quando bateu um vento mais forte, comecei a balançar tanto, que achei que o páraquedas iria rodopiar e eu daria um baita tchibum no mar, rs. Bateu pânico mesmo, não tinha onde segurar naquela cadeirinha de lona e o sujeito do barco não podia ver minha expressão de quem não queria se estabacar na água, rs. Preço: era US$90 para ir sozinha e US$45 em dupla, mas como comprei com o mesmo cara da tirolesa, barganhei e ele fez por US$50!

Aliás, pechinchar é a palavra de ordem na feirinha de artesanato que rola uma vez por semana no hotel. Você pergunta o preço, eles não dizem e ficam empurrando as mercadorias. Faça cara de quem achou caro e não está interessado, daí eles acabam soltando um "quanto você quer pagar?". As bijus com a pedra típica do lugar (Larimar, de um azul lindo como o mar de lá) são bem mais baratas do que as vendidas nas lojas do resort, porém o acabamento também é mais, digamos, básico, rs.

Se você não fala outra língua, vai conseguir se virar, pois os funcionários estão acostumados com brasileiros que falam portunhol, rs. Já se você fala inglês, vai poder interagir com os muitos americanos e canadenses, o que enriquecerá sua viagem. Como fui sozinha, poder conversar com várias pessoas felizes naquele paraíso, e fazer algumas amizades, tornou tudo mais divertido ainda. Lá todo dia é domingo e a única preocupação é o que comer, rs.

Na sala de Relações Públicas, fui pedir na cara-de-pau se podiam imprimir pra mim a programação semanal do resort, pois há muitas atividades o dia todo (festa da espuma na piscina, brincadeiras na praia, yoga, pilates, karaokê, shows...). Sugeri que eles dessem aquele papel para todos os hóspedes no check-in e, depois disso, eu soube que os novos hóspedes passaram a receber mesmo a programação. Contudo, se você não ganhar, peça, pois a equipe de entretenimento do resort é bem ativa e empenhada na nossa diversão.

Para os recém-casados: conheci um casal de brasileiros que não tinha informado o resort da sua condição, tampouco sabia que tinha direito a mimos por isso (jantar à luz de velas na praia, café da manhã no quarto...). Tentando conseguir algo com meu mordomo, ele informou que bastaria o casal apresentar a Certidão de Casamento, provando que a união havia acontecido há menos de um mês.

Somos perigosamente mimados naquele lugar, rs. Na chegada, eu brinquei com o mordomo se poderia ganhar um bolo de chocolate no dia do meu aniversário e ele providenciou isso, mais um banner na porta do meu quarto com um Happy Birthday. Aliás, eles colocam faixas de Happy Anniversary e Honeymooners (ou Welcome Back) nas portas, para os funcionários saberem que os hóspedes estão comemorando uma data especial. Simpático!

O que mais posso dizer (desculpem pelo loooongo comentário, mas este site é de utilidade pública, rs)? O resort todo é ainda mais bonito e grandioso do que nas fotos. Fiquei num quarto (4130) super bacana e espaçoso no térreo (ótimo não precisar de escada e elevador!), pertinho do lounge VIP, de uma tranquila piscina privativa, da praia e do restaurante de frutos do mar. E ganhei uma ocean view, pois minha varanda era a única do corredor lateral que tinha um "buraco" na vegetação da cerca, rs. Um único porém: por ser no térreo, o quarto não tinha um varalzinho na varanda para pendurar biquíni molhado, por exemplo (os quartos mais altos têm). No lounge me disseram que era porque alguém poderia roubar, mas deixei a sugestão.

Ah, as camas balinesas! São um luxo até necessário sob aquele sol forte, mas exclusivas para quem está no Elegance Club. Se você não reservar um quarto com uma dessas privativa e acesso direto à piscina, minha dica é chegar cedo para conseguir uma (ou pedir para alguém reservar para você). As de frente para o mar são as mais concorridas, depois das 9h já estavam ocupadas. Eu deixava toalha, livro, sacola (brinde do Club), etc. lá o dia todo e, mesmo ausente, quando voltava ninguém tinha mexido em nada.

Não subestime o sol do Caribe! FPS 30 eu achei pouco, pois queimo fácil. Não recomendo protetor em spray, porque se você não espalhar bem, no fim do dia vai ver manchas vermelhas onde ele não fixou direito (muitos gringos assim por lá, rs). Andei por 6 km (1 hora) pela praia e o Majestic, comparado aos demais resorts, tem muitas cabaninhas de sapé na praia, para todos os hóspedes que quiserem se abrigar numa espreguiçadeira debaixo de uma sombra. Também há seguranças para evitar assédio excessivo de locais tentando vender produtos e serviços.

Diferenças que percebi em relação às piscinas: a pública tem mais gente e copos de plástico espalhados pela borda, além de crianças, enquanto as privativas do Elegance Club têm apenas adultos, garçons servindo bebidas e comidinhas (me ofereceram mini hotdogs às 11 da manhã!) e recolhendo copos, bóias infláveis e as deliciosas camas balinesas.

Uma gentileza bacana do resort: o check-out é até meio-dia, mas para os hóspedes que vão pegar o avião só bem mais tarde, é possível deixar as malas num armário, curtir a praia e a piscina e... tomar um banho antes de partir! Há banheiros com chuveiros, dispensers com shampoo, condicionador e shower gel. E toalhas, obviamente. Tudo gratuito. Para quem ficar no Elegance Club, havendo disponibilidade, o late check-out é gratuito também.

Uma última coisa: quando os locais percebiam que eu estava viajando sozinha (perguntavam onde estava meu marido ou namorado), lá vinha um sorrisinho diferente e um papinho mole, às vezes uma cantada atrevida (no caso de quem não era do staff do resort). Mas nada que um toco bem-humorado não resolva com elegância. Já os gringos são bem respeitosos, olham sem comer com os olhos e não vão chegando com 5as. intenções. Acho que são meio travados ou, então, depende da atitude da mulher mesmo, rs.

Enfim, se você está solteiro(a), também pode se divertir num lugar cheio de casais. Vi bastante gente jovem, bonita e solteira, especialmente nas áreas do Elegance Club (muitos eram convidados de casamentos que aconteceram no resort). Só um aviso: quando você voltar de lá, pode bater uma saudade enorme e imediata daquela vida boa, e a Síndrome de Abstinência de Punta Cana pode fazer você querer largar tudo e fugir pro paraíso, rs. Mas não se preocupe, pois o Majestic Elegance, tendo seu nome no computador, vai saber que você é um hóspede antigo e estará lhe esperando com mimos especiais. Assim me disseram os que estavam lá pela 2a. ou 4a. vez, rs. E eu já estou pensando em retornar!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Obrigada, Greicy!

Alexandre Cury

Oi,

Gostaria muito da sua opinião, estarei indo com a minha noiva para Punta Cana e depois de tudo o que eu li e em cima das minhas condições financeiras, fiquei em duvida em qual resort ficar, sendo assim gostaria de saber o seu conselho sobre qual escolher se é o Melia Caribe Tropical ou o Barcelo Bavaro Palace Deluxe All Inclusive, poderia me dar uma luz por gentileza.
muito obrigado e abraços

Anderson
AndersonPermalinkResponder

Oi A boia, uma das grandes operadoras aqui do Brasil fez um pacote de 9 dias para ambos os hoteis (Paradisus punta cana e Majestic Elegance) e ambos sairam com preços parecidos. Antes havia decidido que ficaria na rede Riu mas optei por ficar em um melhor, de acordo com relatos que li por aqui.

- Quanto aos dois do pacote, se fosse voce, optaria por qual e por que?
- Nos ofereceram um upgrade que saiu por uns 1800,00, vale a pena ou pegamos o upgade mais barato na hora?

Valeu
Anderson

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Anderson! Nunca se pode saber quando custará o upgrade na hora; depende da disponibilidade, da época e da tarifa paga originalmente.

Não visitamos o Paradisus Punta Cana. Fica em Arena Gorda.

Anderson
AndersonPermalinkResponder

E mais legal ficar em Bavaro então do que em arena gorda?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Anderson! A praia de Bávaro é mais calma e mais bonita, sem contra-indicações smile Arena Gorda é também uma ótima praia, com um pouco mais de ondas, e mais funda.

Rafael Pereira

Eu estive em lua de mel no Majestic Elegance em outubro de 2011 e o hotel é muito bom mesmo, o post ficou ótimo, estou começando um blog de experiências e fiz um post sobre ele também com o que vivemos lá, se puderem fazer uma visitinha, conto com seu apoio Bóia...

http://omelhordestino.wordpress.com/2013/06/13/majestic-elegance/

Abraço

Ana Paula
Ana PaulaPermalinkResponder

Olá!Gostaria de saber se os serviços "all inclusive" do hotel atendem também os hospedes na praia ou somente aqueles que estejam na piscina.
Desde já agradeço!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Paula! Só os all inclusive mais caros (como Iberostar Grand Bávaro) tem serviço de praia. All-inclusive é um sistema self-service. Você vai atrás da sua comida e da sua bebida.

Leia:
http://www.viajenaviagem.com/2012/04/all-inclusive-como-funciona-onde-funciona-pra-quem-funciona/

Samila Silva
Samila SilvaPermalinkResponder

Olá pessoal!!!
Sou fã do site de vocês e ele foi decisivo para minha escolha por Punta Cana e depois pelo Majestic Colonial!
Viajamos em Novembro do ano passado e voltaremos agora em 2014 para minha lua de mel. Meu noivo amou tanto o Majestic que não pensa em ficar em outro lugar... Consigo ficar 5 dias em um hotel e 5 em outro? Estava pensando em ficar no Barceló Palace Deluxe e no Elegance!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Samila! Conseguir, você consegue, mas essa troca de hotéis não vai oferecer experiências tão distintas. Que tal aproveitar o retorno para conhecer Santo Domingo e Bayahibe?
http://www.viajenaviagem.com/2011/07/punta-cana-bayahibe-e-santo-domingo-na-mesma-viagem/

Greicy
GreicyPermalinkResponder

Samila,

Em abril deste ano, fiquei 7 dias no Majestic Elegance (relato acima) e agora no final de setembro, fiquei 10 dias no Barceló Bávaro Beach (ao lado do Palace Deluxe, que também frequentei). A praia de Bávaro é realmente mais bonita e, como a área do complexo Barceló é enorme, a extensão de areia também é bem maior do que a praia do Majestic.

Contudo, em todos os outros quesitos, eu preferi o Majestic Elegance. Uma amiga de Toronto que encontrei nos dois resorts teve a mesma opinião que eu: se fôssemos voltar a Punta Cana e tivéssemos de escolher, ficaríamos de novo no Majestic.

Veja bem, não é que o Barceló seja ruim. Se eu tivesse ficado nele primeiro, teria gostado bastante. Mas como fiquei no Majestic antes, já tinha um padrão (alto) de referência e foi inevitável compará-los em tudo. Em ambos optei pelo pacote VIP e, sinceramente, não achei que valeu a pena no Barceló, ao contrário do Majestic, onde fez uma boa diferença.

Até pensei em escrever uma resenha comparando os dois resorts detalhadamente, afinal imagino que poucos leitores tiveram a chance de se hospedar em ambos. Só que é tanta gente aqui que enaltece o Barceló (o que, inclusive, me levou a escolhê-lo para minha segunda vez em Punta Cana), tornando-o o preferido, que não quis desanimar ninguém.

O que você acha, A Bóia? Se interessar, posso mandar, por email, um texto comparativo com fotos dos dois resorts.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Greicy! Adoraríamos! Mande para redacao arroba viajenanaviagem ponto com por favor!

Paulo
PauloPermalinkResponder

Greicy,
Eu já fiquei no Colonial e no Elegance e ano que vem estamos pensando em ir ao Barceló. Agora fiquei muito curioso para conhecer suas impressões e diferenças sobre eles - e surpreso por vc escolher o Majestic...
Poste aqui (ou no seu blog e forneça o endereço), por favor!

Rodrigo
RodrigoPermalinkResponder

Greicy, uma resenha comparando os dois seria SUPERDEMAIS !!!
smile

Eu e minha esposa estamos em dúvida entre o Barcelo Palace Deluxe e o Majestic. Pelo que andei lendo aqui e no trip parece que o primeiro promete e não entrega e o segundo não promete e, portanto, satisfaz! Estou certo ?!

Igor
IgorPermalinkResponder

Estive por três dias no Majestic Colonial. Foi um período pré-evento, que fiz no Hard Rock. Para dar uma descansada, optei por ficar no Colonial por três dias.

O staf peca um pouco com relação ao atendimento. Nos três dias em que estive lá, pedi insistentemente pelo controle remoto que faltava no apartamento. Até a minha saída o bendito não tinha chegado. Ao solicitar uma outra coisa a um funcionário ele logo manda: vai demorar uns cinco minutos, que podem ser cinco minutos normais ou cinco minutos dominicanos...

O bar molhado é o point durante o dia (sem contar a praia). O atendimento nesta área é bom, a equipe de recreação se esforça e o período se torna bem agradável.

O bar central, no início da noite, também é um ponto de encontro bem interessante. Não é difícil de vc fazer amizade com outros hóspedes. Por ser um resort não tão grande, as pessoas ficam mais concentradas, o contrário do Hard Rock, que é imenso! Isso faz com que os grupos se dispersem e dá a impressão de lugar sempre vazio, mesmo com a lotação máxima. No Majestic Colonial isso não acontece.

Comida: dos buffets eu consideraria um arroz com feijão bem feito. Dos restaurantes a la carte, que exigem reserva antecipada, a comida é da média pra cima (no japonês os funcionários não sabiam o que era um temaki).

Bebida: Qualidade inferior, mas se vc pedir o que gosta, com uma gorjeta ao barman, você consegue algo melhor. Mas o melhor não passa de um Red Label. Nada de Black, Absolut, etc...

Na minha opinião, para quem quer passar férias sem muita frescura, este é o lugar. Vale o custo-benefício. Juntar uma turma de amigos para farrear alguns dias, o Majestic Colonial é uma boa pedida. Não tem luxo, mas também não tem perrengue.

Caio
CaioPermalinkResponder

Estive no Majestic Elegance em Março de 2014 para passar a lua de mel. O hotel em si é muito bom e a comida também, uma fartura! O que precisa ficar atento quando fica-se no elegance é que a praia tem uma área restrita ao elegance club, porém, o que os americanos (na maioria das vezes) faziam é acordar cedo e colocar uma toalha na sombra do guarda sol e reservar o dia inteiro. Já que não tinham muitos lugares nos primeiros dias acabamos ficando no sol, depois que descobrimos isso deixávamos a toalha lá para garantir a sombra. Estava bem lotado o hotel e não sei se vale tanto mais a pena o elegance para o colonial, achei que a diferença fosse maior. Recomendo o hotel.

Rodrigo
RodrigoPermalinkResponder

Boia, se quiser tenho uma resenha exclusiva do Majestic Elegance que fiz para o trip. abc

sandro
sandroPermalinkResponder

Ola galera ...

fiquei com uma duvida sobre o ellegance club ......

quem esta no magestic colonial pode usar o ellegance club e qual o valor

obrigado
abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Sandro! O Elegance Club é um serviço do Majestic Elegance: http://www.majestic-resorts.com/en/majestic-elegance-punta-cana-punta-cana/elegance-club.html

Aline Campanholo

OLá.. adorei o site, penso em ir à Punta Cana em março do px ano..., nunca estive no caribe e morre de vontade de comprovar as aguas cristalinas e areia branca...
Como várias pessoas estou totalmente indecisa quanto ao hotel, não tenho como ficar nos mais luxuosos e ai o problema...Tenho vista os Majestic e pelas fotos gostei bastante mas estou completamente em duvida devido não ficar em Bávaro verdadeira como dizem...
Vou me decepcionar se não ficar em Bávaro?

Muito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Aline! Todas as praias de Punta Cana são bonitas.

Nesta página o Ricardo Freire dá outros caminhos para escolher seu resort:
http://www.viajenaviagem.com/onde-ficar-punta-cana

Rodrigo
RodrigoPermalinkResponder

Aline, fui em maio/2014 e tinha a msm dúvida que vc. Escolhi o Elegance ao invés do Barcelo Premium e não me arrependi. A praia tb é linda e o hotel é fantástico. Fiz essa resenha no trip: http://www.tripadvisor.com.br/ShowUserReviews-g147293-d1068246-r208864245-Majestic_Elegance_Punta_Cana-Punta_Cana_La_Altagracia_Province_Dominican_Republi.html#REVIEWS

Iasmin Tabosa
Iasmin TabosaPermalinkResponder

Vou ficar no Majestic Colonial em dez/2014, mas não fiz a reserva no Colonial Club, alguém poderia me informar qual o preço do upgrade? obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Iasmin! Não existe um preço fixo para o upgrade. Tudo irá depender da disponibilidade e se você está indo em alta ou baixa temporada. Se realmente comprar esse upgrade, o ideal é entrar em contato com o hotel para saber a diferença de tarifa.

Alline
AllinePermalinkResponder

Oi pessoal, excelente seu site, quanto mais eu leio mais aprendo sobre meu destino de lua de mel o que eh excelente, mas tambem fico ocnfusa com tantas opcoes smile voces sao D+++ tenho uma duvida, ainda nao escolhemos o resort, na nossa lista esta o Melia e o Grand Palladium, mas estive agora lendo sobre o Majestic Colonial e parece um bom custo beneficio, pelo que entendi nao fica no melhor trecho da praia, a famosa "verdadeira"Bavaro... minha duvida eh: estando em outro trecho da praia, eu posso caminhar e ficar em outro lado da praia por exemplo? Poderia por exemplo caminhar ate este trecho onde a praia eh mais bonita e ficar por la de vez em quando caso eu queira ou a gente TEM QUE ficar somente na praia em frente ao resort? Thannkkkssss xoxo

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alline! Você vai inevitavelmente usar mais a praia do seu resort. Você pode passear por onde quiser, mas cada resort tem seu bar, suas espreguiçadeiras, etc.

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Bom dia,

O Site é fantástico, conseguiu tirar muitas dúvidas, além de conhecer um pouco sobre o destino da minha lua de mel.
Bem eu estou pensando em ficar 12 dias em punta cana, dividindo a estádia em dois hoteis, um é certeza quero o Majestic Elegance com a opção do Elegance Club, e estou pensando no Mélia Caribe ou Riu Palace Macao.
Gostaria de uma ajuda em relação ao Mélia e ao Riu, qual é o melhor, o mais completo, o mais indicado para lua de mel?
Qual é a melhor sugestão o Majestic, para os últimos 6 dias?

Abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leandro! Não podemos decidir pelos leitores. Os dois são bons resorts. Veja os nossos posts sobre os dois (incluindo os comentários):
http://www.viajenaviagem.com/2011/06/melia-caribe-tropical-entre-a-praia-e-o-shopping-em-bavaro/
http://www.viajenaviagem.com/2012/09/riu-palace-macao/

Você também pode ler as resenhas dos ex-hóspedes do Melia Caribe Tropical no Booking. E as avaliações do Riu Palace Macao, no TripAdvisor.

Deixe para o final o hotel que você tem mais expectativa de conhecer. wink

Marcella
MarcellaPermalinkResponder

Oi!
Estava lendo o comentário sobre o majestic elegance e me interessei mto pelo hotel. Não achei o site oficial e decidi reservar pelo booking. A minha dúvida, não só quanto a esse hotel, é como optar pelo "plus". Por exemplo, o booking me oferece vários quartos, mas não vi nada sobre a possibilidade de optar pelo upgrade (ou elegance club, como no caso). Vocês poderiam me ajudar? Estou meio perdida! Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcella! Nem todos os hotéis oferecem todo tipo de acomodação por todos os canais.

Maria aparecida Gonçalves olegario

Estive em 11/03 a 18/03/2017 Magestic colonial,foi maravilhoso fomos bem recebidos,tudo me encantou hotel,restaurantes e bares com excelente atendimento,e principalmente o grupo de entretenimento com seus bailarinos e bandas tudo com excelência,um dia volto tenho saudades das brincadeiras do lual,super indico muito bom.

Atenção: Bóia de férias! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 2 de outubro de 2017. Obrigado pela compreensão!
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar