Gospel em Nova York: as dicas dos leitores

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Harlem, Nova York

Assistir a um culto animado por música gospel é um dos programas mais interessantes de Nova York. O passeio é vendido por diversas agências, mas é perfeitamente possível de ser feito por conta própria. O Harlem tem metrô fácil, e é mais mal-encarado do que perigoso.

Como turistas, devemos ter consciência de que não se trata de um show: a gente entra de penetra numa cerimônia religiosa. Deve-se ir bem vestido: calça (ou saia) comprida, ombros cobertos, sapatos fechados. O culto é longo -- pode levar mais de três horas. Por isso, nas igrejas onde não há lugar específico para turistas, sente-se o mais perto possível da porta se quiser sair no meio, para chamar pouca atenção.

A dica que eu tinha furou: o culto da igreja batista Mount Moriah (5a. Avenida, entre W126th e W127th St.; metrô 125th St., linhas 2 e 3; domingo, 11h), popularizada entre brasileiros pelo Nelson Motta, anda bem caidinho. Quando fui, no começo de setembro do ano passado, havia mais turistas do que fiéis. A Vera Lucia esteve lá em agosto de 2009 e também teve a mesma impressão. Caso você tenha ido recentemente e tido outra impressão (vai que a gente tenha ido durante as férias da congregação ou algo assim), por favor nos conte.

O principal destino dos turistas hoje parece ser a igreja batista Abyssinian. Visitantes não-religiosos precisam entrar em fila na W138th esquina com Adam Clayton Powell Jr. Blvd (metrô 135th St., linhas 2 e 3; domingo, 11h) para tentar conseguir um lugar. No site da igreja encontram-se as orientações para turistas (clique aqui).

A Alessandra Fiorini tem uma dica para quem não quer entrar na fila: o culto da Mother Zion, ali pertinho (W137th St., entre Lenox e 7a. Avenida; metrô 135th St., linhas 2 e 3; domingo, 11h):

Atravessando a rua da Abyssinian, há a Mother Zion Church, igreja episcopal-metodista, tranqüila para entrar e com culto muito bonito. Há dois corais: um mais pop (que canta pouco) e outro mais tradicional (predominante). É um culto meio paradão, mas achei que continha uma bela mensagem e os freqüentadores são muito simpáticos com os turistas.

O Augusto Takaschima dá outras duas dicas no Harlem: a igreja batista Canaan (W116th entre Lenox e Adam Clayton Powell Jr. Blvd.; metrô: 116th St., linhas 2 e 3; domingo, 11h) e o Greater Refuge Temple (2081 Adam Clayton Powell Jr. Blvd., entre W124th e W125th St.; metrô 125th St., linhas 2 e 3; domingo, 11h).

A Canaan Baptist Church possui um coro de 30 pessoas acompanhado de piano, orgão, baixo, guitarra, bateria e bongos. Na metade do culto as pessoas estão pulando e dançando. Há mais música do que sermão, o que é uma grande vantagem em relação à Abyssinian, onde a enfâse maior é na preleção. O inconveniente é que os visitantes só podem entrar depois que o culto das 11 já começou e em uma área reservada.

No Greater Refuge Temple a música não é tão boa quanto a da Canaan, mas o visitante sente-se mais integrado. Ao contrário das outras igrejas do Harlem, esta não possui uma área reservada ao turista. Na verdade a Greater Refuge parece mais um auditório do que uma igreja. Pela característica do espaço a acústica é muito boa, o que, somado à animação do pessoal (que leva às vezes seu próprio tamborim), transforma a visita em uma experiência bem próxima do que esperamos de uma igreja do Harlem.

Finalmente: para quem quer ouvir gospel sem se abalar até o Harlem, a Sylvia descobriu a Times Square Church (237 West 51st St., esquina Broadway, domingo, 10h):

Chegamos às 9h, fomos tomar café e retornamos às 9h30. Foi bem difícil conseguir um lugar para sentar, por isso sugiro chegar antes. Não é solicitado nenhum pagamento e os cânticos começam as 10h e terminam às 10:45h. Dá para ouvir trechos no site. Mas no domingo em que fomos o solista não era afro-americano.

Como sempre, o melhor guia é feito pelo compartilhamento de dicas dos trips. Se você tem alguma dica testada de gospel em Nova York, deixe na caixa de comentários, por favor! E obrigado a todos!


47 comentários

Marcie
MarciePermalinkResponder

Riq, só uma dica: a partir de ontem houve uma e-n-o-r-m-e mudança em todas as linhas de metrô e ônibus da cidade. Sugiro que se dê uma olhadinha aqui, antes de sair: http://travel.mtanyct.info/serviceadvisory/

O metrô "W", por exemplo, não existe mais. wink

Ricardo Freire

Ops, brigado...

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

E se usar o mapa http://www.mta.info/nyct/maps/submap.htm fica super fácil.
Basta clicar na estação que desejar e vai aparecer tudo o que é preciso saber
http://www.mta.info/nyct/service/nline.htm

Alessandra Fiorini

Oi Riq,
Queria complementar que a fila na Abyssinian é gi-gan-tes-ca. Dobra o quarteirão - e só entram 50 pessoas por culto, ou seja, ou vc chega cedíssimo ou desencane!
E, meu nome é Alessandra Fiorini, não Adriana!

Bjs
Ale, a Fiorini Originals smile

Ricardo Freire

Milhõõõões de desculpas, Alessandra! Já tá corrigido.
eekops:

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Essa igreja- teatro em midtown, foi um achado !
Tem muitos turistas , mas são a minoria.

Ao chegar , eles perguntam se é a primeira vez no local, e neste caso, colocam o pessoal em pé atrás das cadeiras para não atrapalhar o culto após os canticos.

Na verdade isso não muda nada, pois todos, absolutamente todos, ficam em pé - cantando e dançando -durante os 45min em que o coral está cantando.

O que fizemos foi subir ao segundo andar ( seguindo um monte de gente) e achamos duas cadeiras vazias.Saimos uns minutos antes de terminar para não atrapalhar o culto.

Se gostei ? Muito !

É animado , contagiante , diferente e super tranquilo.

A grande vantagem é que a turistagem continua direto , saímos dalí para a ponte do Brooklin e voltamos para almoçar em Manhatthan.

Ouvi falar que o culto das 6 da tarde de domingo tb é super animado .

Lena
LenaPermalinkResponder

Eu fui na Mount Moriah em 2000 (!) e naquela época já tive a impressão de que não era 100% original. Fui por conta própria; havia uma filinha bem pequena e o número de turistas não era grande. Achei que havia poucos locais também. Para mim pareceu que estavam encenando o culto. Cantaram, fizeram uma certa demonstração de como funciona um culto evangélico e depois uma senhora convidou os turistas a se retirarem (acho que era a guia do grupo que estava na fila, mas nós tivemos que sair também).

De qualquer jeito, se as dicas novas ainda não foram popularizadas, acho um programa bem bacana. smile

Yara
YaraPermalinkResponder

Ola! Com a ajuda preciosa dos trips em novembro passado estive em NY e tb aproveitei pra fazer um pequeno roteiro gospel. Fomos na Brookling Tabernacle http://www.brooklyntabernacle.org/Visitors-Center/Services/, indicada por amigos que já a conheciam, e foi uma experiëncia MARAVILHOSA. O Coral é encantador, a mensagem linda, enfim, foi uma experiencia emocionante. O coral dessa igreja é realmente espetacular e nós nunca haviamos visto tantas vozes juntas. No site indicado estão os horários dos cultos e as indicações de como chegar. Nós fomos de metro e foi super fácil chegar, mesmo no Brookling e partindo da ilha. O templo é bem bacana, parece um teatro enorme, com teto ornamentado, cadeiras super confortáveis e as pessoas extremamente simpáticas e receptivas com os visitantes. Como bem lembrou o Riq trata-se de um culto, então não é possível filmar ou gravar o coral, mas eles tem uma livraria ótima onde são vendidos os CD's. Fomos pela manhã e após o serviço almoçamos em um restaurante bem característico, tb ao lado da igreja, com muita carne ao estilo Dallas e junto com as pessoas do próprio bairro. Foi um ótimo passeio e até hoje me emociono lembrando da apresentação. Espero poder ter ajudado um pouco, pois o VnV sempre me ajuda muuuuito
wink

Dayane
DayanePermalinkResponder

Olá Yara!

Vou em setembro desse ano e gostaria de saber como faço para chegar la detalhadamente de manhattan. vc disse que foi pela manhã, eles tem cultos todas as manhãs? como funciona? Tks....

Deia Oliveira
Deia OliveiraPermalinkResponder

Oi Dayane (desculpe a resposta gigante, mas espero ajudar!).

Eles tem 3 horários de culto no domingo: 09h / 11h / 15h.
Chego sempre uns 30 minutos antes para conseguir sentar com tranquilidade. Já vai estar cheio, mas ainda encontra bons lugares. A dica de ficar perto da porta é importante, caso você queira ficar apenas para a parte do louvor.

Já fui em culto com o coral cantando, e outro com um conjunto de integrantes do coral. Não sei dizer qual foi mais bonito. É realmente emocionante.

As estações mais próximas são as seguintes:
Jay St (metrôs A,C,F,N,R)
Borough Hall (metrôs 2,3,4,5)
Hoyt St (metrôs 2,3)

O mais fácil é pegar os metrôs A, C ou F até a Jay St. Saindo na Jay Street, já é a própria rua do templo.
Vá no Google Maps, coloque o endereço do templo: (17 Smith Street, Brooklyn, NY 11201), e ficará mais fácil para você se localizar.

No site deles vc encontra mais algumas informações: http://www.brooklyntabernacle.org/
Há outros dias de culto, mas os principais (com louvorzão) são os de domingo mesmo.

Aproveite que já está no Brooklyn, caminhe pela Fulton Street, E se tiver ânimo dê um pulinho na Target ali perto.

O roteiro que mais gosto de fazer é:
No domingo pela manhã, atravesse a Brooklyn Bridge (cerca de 40 min.), caminhe até o Brooklyn Bridge Park e tire algumas fotos de Manhattan.
Se estiver ainda animada para caminhar, vá andando até a Igreja (cerca de 2km), ou pegue o metrô A/C na High St. e desça na próxima estação (Jay St.).
Conforme o horário que você começou o passeio, assista o culto das 9h ou das 11h.
Na saída, não deixe de caminhar pela Fulton St. que possui diversas lojas, muitas vezes com o preço mais convidativo que Manhattan. Tem também várias lanchonetes para almoçar (inclusive um Shake Shack com menos fila) ou o Dallas BBQ (na Livingston St.)
Depois você pode voltar ou pegar o metrô até a estação Atlantic Av e passar na Target para fazer umas compras. No Mall onde fica a Target, também há várias lojas conhecidas.

Se quiser assistir ao culto de 15h, pode fazer as compras antes. É só vestir sua fantasia de turista cara de pau, e chegar ao culto carregada de sacolas. Eles estão acostumados a receber turistas, e sempre fui muito bem recepcionada. Com ou sem sacolas..rs

Se você gosta de um bom louvor, não deixe de fazer esse passeio.

Virginia
VirginiaPermalinkResponder

Riq, que posto excelente, vou passar 1 semana em NY e já anotei a dica da super Sylvia, entrei no site da igreja e conheço até o pastor fundador, além da música a mensagem também deve ser ótima.

LILIAN AZEVEDO DE MORAES

Estive em N.Y. em Maio de 2010 com muita vontade de voltar ao Harlem na igreja Mount Moriah onde fui pela 1ª vez em 1996.Além do coral maravilhoso,as mulheres se vestiam com taileurs e chapéus de cores fortes,umas todas de vermelho,outras de amarelo e no meio da cantoria,uma pegava o microfone e começava uma canção e todo o coral acompanhava.Me senti dentro de um filme.Um show!!!!!!!!!!!Dessa vez fui a igreja de Times Square.Chegamos por volta de 9h30min e a fila estava grande e nos andares de cima[lugar onde acomodam os turistas que não ficarão até o final do culto}estava lotado de turistas,ficamos na 4ª fila de pessoas em pé.O teatro ,hoje,ocupado pela igreja é belíssimo.Descemos e vimos por um telão o coral,eles colocam a letra das músicas para que todos cantem.As músicas são animadas, ninguem consegue ficar parado.O que eu esperava rever e mostrar aos meus filhos [as mulheres com aqueles trajes típicos de filme]não foi possível mas tb não sei se no Harlem isso ainda existe.De qualquer forma acho que vale ir a uma dessas igrejas ,mas é importante chegar bem cedo pois têm turista de todas as partes do mundo .

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

No domingo que fomos , a 3 semanas atrás, todas as afro-americanas estavam com trajes domingueiros, muitas de chapéu .
A fila de turistas de pé ocupava só uma fileira.
O que me chamou atenção , foi grande numero de asiáticos que fazem parte da comunidade.

Na segunda feira , voltávamos de onibus para casa , e um moço que estava descendo do onibus falou : " ví vcs no culto , vou esperá-los no proximo domingo " ( bem que eu gostaria de não te-lo decepcionado ) wink

Lud Marques
Lud MarquesPermalinkResponder

Sylvia, estou com uma dúvida. No post diz que a igreja fica na 1757 Broadway, entre W56th e W57 St. No site deles, diz que é na 237 West 51st St. corner Broadway. Como vc foi, pode me ajudar? Estou programando para ir no domingo 22/08. Muito obrigada.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Lud , o endereço correto é
237 West 51st St / Broadway
Depois conta pra gente !

Elisa
ElisaPermalinkResponder

A fila na Abyssinian é enorme mesmo. O culto das 09:00 é só para a comunidade, O das 11:00 reserva lugares para turistas. Quando fui, a fila tinha começado as 08:00 (para o culto das 11:00). Só consegui entrar por conta do "jeitinho do Harlem" - um dos seguranças da igreja se sensibilizou com o fato de que éramos brasileiros voltando para o Brasil no dia seguinte. Coincidentemente, o segurança tinha estado no Rio há poucos meses... A imagem do Brasil é poderosa!!!

Caio
CaioPermalinkResponder

Riq gostei muito do BB King, fica em frente ao Museu da Madame Tussaud. Aos domingos serve um bruch com música Gospel. Pelo menos no dia que fui, aos domingos as 13:00 achei muito bom. Claro que a comida é estilo americana, não vão esperando um Brunch a lah Pérgula do Copa Palace, mas tem uns paezinhos bons e saladas gostosas.
O site é
http://www.bbkingblues.com/brunch/index.shtml
A vantagem é que vc vai a pé mesmo da zona turística.
Abs

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Pena que a maioria das opções seja para domingo... estou para NYC amanhã, mas volto de carro no domingo! Valeu as dicas smile
Acabei pegando um culto gospel em Memphis e foi bem bacana, o povo canta muito e participa! Me diverti smile

eddao
eddaoPermalinkResponder

ola mirela, estarei em memphis em 25/07 ate as 14,00 hs, poderia me dar o endereço do local onde vc assistiu ao gospel?
bjus

Diego Maia
Diego MaiaPermalinkResponder

Estive hoje na Greater Refuge Temple. Recomendadíssima. O culto é muito bonito, o coral é grande e há pouco turistas. Contei uns 10, no máximo. Na entrada, perguntam se é nossa primeira vez, pegam nosso nome num papel e depois o leem, durante o culto, para dar as boas vindas. São muito simpáticos.

E um fun fact: o nome do pastor é William Bonner grin

Maria Célia
Maria CéliaPermalinkResponder

Assim como a Yara, também fui na Brooklyn Tabernacle http://www.brooklyntabernacle.org/Visitors-Center/Services/ O coral desta igreja já ganhou CINCO Grammys e é realmente espetacular.

Os cultos aos domingos são as 9h, 12h e 15h. Começam pontualmente e duram exatas duas horas. Fomos ao culto das 12h, chegamos as 10h40min (tínhamos medo de errar o caminho, então chegamos mto cedo) e já tinha uma pequena fila (cerca de 10 pessoas). A fila foi aumentando (tanto de fiéis como de visitantes) mas pouco depois das 11h, qdo acabou o culto das 9h, eles abriram as portas. Entramos, escolhemos um lugar e sentamos. Não há qualquer discriminação entre visitantes e fiéis, você entra e se acomoda como achar melhor. Pela minha percepção, poderíamos ter chegado umas 11h30min e ainda teríamos achado bons lugares. Umas 11h45, porém, a igreja já estava completamente lotada.

Enquanto esperávamos o culto começar, fizemos amizade com uma senhora que se sentou ao nosso lado. Ela era da comunidade e foi extremamente amável. Meu marido foi até a bookstore e comprou um DVD do coral. Começou o culto e o coral realmente é maravilhoso. As letras das músicas passam no telão, então dá pra gente cantar junto. Algumas pessoas na plateia (poucas) estavam com uma espécie de tamborim para acompanhar as músicas mais animadas. Amazing!

A palavra ministrada foi muito linda, o pastor é engraçado e sensível, então o culto é ao mesmo tempo animado e emocionante. A igreja é um espetáculo.

Não é cobrado ingresso, há apenas uma brevíssima ministração sobre oferta (que não chegou a 5 minutos) e é passado um cestinho pequeno para quem quiser ofertar. Nem todos ofertam e não nos sentimos nem um pouco constrangidos (não ofertamos porque, honestamente, estávamos com pouquíssimo dinheiro vivo).

Em um determinado momento o pastor pediu para que quem estivesse visitando a igreja pela primeira vez ficasse de pé. Fomos muito bem recebidos com palavras de carinho e aplausos e apertos de mão dos que estavam ao redor. Achei muito simpático. Enfim, não posso comparar por não ter ido em outras, mas essa igreja deve ser das melhores, se não for a melhor!

Para chegar lá de metrô é muito fácil. Descemos na estação indicada no site da igreja, pedimos informação na rua e achamos. É pertíssimo. Na saída, resolvemos emendar a caminhada pela ponte do Brooklyn para voltar à Manhattan. Não sei se foi uma boa ideia pelo calor. Em pleno verão escaldante e às 14h o sol estava de rachar os miolos. A vista, contudo, compensou o sacrifício. Ainda que seja em outro horário ou com outras vestimentas, a caminhada pela ponte TEM que fazer. Mas isso fica pra outro post.

Ahhh... falando em vestimentas... eu fui de calça jeans, camisa polo e tênis, porque já tínhamos planejado fazer a travessia da ponte a pé, mas a infinita maioria das pessoas vai mais "social", com sapato, calça e blusa mais finos (nada exagerado). Mas não sentimos nenhum tipo de constrangimento por estarmos tão esportivos.

Se for emendar a igreja com a travessia da ponte em pleno verão, porém, recomendo levar uma muda de roupa mais leve na bolsa (além de protetor solar e boné rsrs)

Ricardo Freire

Obrigado pelos fidibeques, Maria Célia!

Maria Célia
Maria CéliaPermalinkResponder

Eu que tenho que agradecer todas as milhões de dicas que pesquei aqui. É sempre um prazer poder colaborar um pouquinho.

Lourene
LourenePermalinkResponder

Olá. Me sinto na obrigação de fazer este comentário hj ainda. Estou em NYC e hj planejei ir a um culto gospel. Fiz muitas pesquisas e li este post. Decidi ir no Harlem, ate mesmo para conhecer o bairro e voltei decepcionada. O comportamento dos membros da igreja não demostra um testemunho cristão. Eles perdem a oportunidade única de demonstrar a paz que quem tem Jesus no coração pode demonstrar e muitas vezes pra pessoas que nunca pensaram nisto. Enfim, uma So palavra DECEPCIONANTE. Pode ser q para quem quer So fazer turismo, isto seja engraçado. Fomos destratados, impedidos de sairmos da igreja, impedidos de entearmos em outra. Fomos tratados como inimigos. Péssimo. A Mother Zion e uma igreja católica sem as imagens de santos. Tem o mesmo ritual monotono. Mas nem tudo esta perdido! Não devemos desanimar de congraçar por causa dos erros humanos. Lembrem-se disto!!! Pegamos o metro d depois de 50 minutos estávamos no Brooklin, na Smith Street (metro C desce na Jay). MARAVILHOSO!!!!! Pessoal educado, feliz, receptivo, organizado, abencoado, talentoso, ungido. Uma igreja da qual, com certeza, ninguém sairá pior ou igual entrou. Eu sai muito melhor! Amei. Recomendo!!!

Larissa
LarissaPermalinkResponder

Eu fui na Canaan. Pegamos uma fila pequena mas pudemos nos assentar junto com os membros (permitido pra quem vai assistir o culto inteiro).A maioria dos turistas vai para a galeria porque dá pra ir embora antes, mas nem cogitamos a hipótese. O culto foi muito bonito, o coral e a pregação foram ótimas. Indico. Mas sempre respeite os membros e as regras da igreja, assim vc não vai ter nenhum tipo de problema.

Ana Di Sicco
Ana Di SiccoPermalinkResponder

Oi Ricardo,

São apenas aos domingos a missa?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana! Aqui quem responde é A Bóia. Tá tudo tãããããããããããããão explicadinho no texto... grin

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Infelizmente nao tivesse a mesma sorte de muitos, quis ir na Abyssinian nao so pelo gospel, mas tb pelagic historia da igreja, memo lendo as regras no site da igreja e as respeitando, dois dos pastores da igreja implicaram com a minha roupa, memo estando muito mais bem vestida do que outras pessoas na fila que estavam inclusive com saias muito curtas. Infelizmente ja eram 10:20 e oculto na mother Zion ja tinha comecado. Oq me impressionou foi a grosseria dos pastores ao responderem as duvidas, uma attitude nem um pouco crista, diga- se de passagem. No final das contas fui ao Harlem, mas fiquei sem culto e coral gospel. Aconselho aos que ainda estao para ir a evitarem a Abyssinian, nao so pela fila como tb pela grosseria.

Desculpem o desabafo, mas eh uma forma de alertar os proximos visitantes.

Obs: os erros de pontuacao e acentuacao sao decorrentes de uma iniciante no IPad.

Flávia
FláviaPermalinkResponder

Olá!
Fomos à Times Square Church e AMAMOS!!! A proximidade, o horário e os posts daqui pesaram na escolha.
Já na entrada fomos recepcionados por um senhor muito simpático que nos levou onde emprestam os tradutores, mas em português seria através do celular (teríamos que fazer uma ligação) e optamos por ficar sem tradução e realmente não foi necessária!
Antes de vc entrar no "teatro" (pois não tem nada de igreja, é um teatro lindo!), uma mulher pergunta que horas vc pretende sair e vai indicando onde ficar de acordo com isso (para q vc não atrapalhe ninguém).
Começou pontualmente às 10:00 e terminou quase 11:00 (qdo fomos embora). Tem um telão onde passa a letra da música, ou seja, qdo vc vê, vc está batendo palmas, se balançando, cantando a música toda e chorando! É, na 1ª música eu já comecei a chorar (e meu marido tb). Ficamos muito emocionados! Adorei a energia do lugar! E sou espírita, não gosto de ir à igreja... Mas, qdo voltar a NY, voltarei lá com certeza!
Qdo começou a pregação, saímos (até pq não entenderíamos muita coisa) sem nenhum problema...
Ah, tem um culto a tarde tb.. só não me lembro se é às 16:00 ou às 17:00...
Indico!!!!!

Flávia
FláviaPermalinkResponder

Ah, fomos no dia 18/09/2011.

Lúcia Lima
Lúcia LimaPermalinkResponder

Fui, em maio/2012, à Times Square Church. Gostei, mas minha experiência foi um pouco diferente. O pessoal foi bem atencioso, mas, como não íamos ficar as duas horas de culto, tivemos que ficar em pé lá em cima.
O coral é muito legal e contagiante. Dá vontade de cantar e bater palmas. A pregação foi fraquíssima.
O teatro é muito bonito.
Obrigada pelas dicas.

Joao Mauricio Barretto

Estou em NY e gostaria de assistir uma missa gospel, infelizmente os programas parecem ser todos no domingo e estou indo embora no sábado.
De toda forma gostaria de parabenizar a todos pelas excelentes dicas e informações, oferecidas de forma democrática e gratuita
Muito obrigado
God bless you allsmile
JM

Paulo Lopes
Paulo LopesPermalinkResponder

Adorei as dicas.. desembarcaremos em NY, pela 1a vez na vida, em 06/11..
Com certeza vou seguir a dica da Flávia.. tb somos espíritas, mas queremos sentir a energia e boas vibrações emitidas numa cerimônia desse tipo.

Obrigado !!

Karol
KarolPermalinkResponder

Recomendo o show Gospel, no BBking da Times Square.
Fantástico!
As músicas são bem conhecidas e o grupo já se apresentou em teatros famosos, como o Radio City.
Também já cantaram para o Obama e para o Beato Papa João Paulo II.

Maria Cristina

Gente,

Acabei de chegar de NY, e segui a dica de assistir ao culto na Times Square Church. Foi lindíssimo!!!
Muito obrigada pela dica, pois foi uma das melhores coisas que fiz na viagem.
Beijim

Flavia Mprais
Flavia MpraisPermalinkResponder

Olá,

Realto minha experiência no meu blog! Muito obrigada pelas dicas e pelo excelente blog! Bjos

http://www.anoteadica.com/2012/01/gospel-em-nova-york.html?spref=fb

ADÉRCIO DIAS
ADÉRCIO DIASPermalinkResponder

Fui à batista Abyssinian em novembro de 2010. A missa das quartas feiras às 19 horas é super tranquila e não enfrentei fila. Fui de metrô e cheguei bem cedo, por volta de 17 horas. Tinha duas pessoas consertando alguma coisa na entrada da igreja e me informaram que eu só poderia entrar exatamente às 19 horas. Aproveitei para explorar o bairro. Encontrei uma peixaria de um chinês que frita camarões na hora. Jantei. Pontualmente às 19 horas fui à igreja. Tinha muitos turistas. Mas a maioria era de fiéis. Linda apresentação. Fantástico. Recomendo.

Alexandre
AlexandrePermalinkResponder

Adércio, boa noite. Li seu post sobre a igreja e gostaria de uns esclarecimentos. O culto da quarta feira tem as musicas com o coral? Vc sabe dizer se é diferente das missas de domingo?
Abç

Diana
DianaPermalinkResponder

Oioi, vcs sabem se tem alguma missa Terça ?? Especialmente, amanhã?
Obrigada
Abs.

Fabricio Scaff

Boa tarde amigos ...

estou indo para N.Y. em março de 2013 , e me desculpem a redundancia , mas como os posts são praticamente de 2011 , e apenas 02 de 2012 , eu gostaria de saber se alguem foi recentemente nesses maravilhosos cultos , e quais est~ao mais " bacanas " para turismo e ouvir musica e os corais.

Obrigado e grande abraco

Fabricio

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabricio! O mais recente é este:

https://www.viajenaviagem.com/2012/09/nova-york-culto-gospel-no-brooklyn/

Procure depoimentos recentes sobre os outros em foruns como TripAdvisor.

Anna May
Anna MayPermalinkResponder

Gente,
Lendo os posto acima fica super inclinada a visitae o brooklyn tabernacle e/ou o culto em times square. Alguem sabe me dizer se esses ou qq outro legal tem servico em outros dias? Eu nao vou estar em NY num domingo sad

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Anna May! O dia dos serviços com gospel é domingo. Se você quiser, pode pegar um tour que acontece às quartas-feiras e inclui uma sessão de gospel para os turistas.

http://www.harlemspirituals.com/harlem-gospel-tours.php

Mauro
MauroPermalinkResponder

Hj fui ao Greater Refuge Temple. Chegamos quase na hora de iniciar o serviço, entramos sem fila e nos sentamos no 2o andar. Ficamos durante 1,5 hora acompanhando os cantos e Hallellujah do pastor e coro. Ninguém entrou em transe, mas a cerimonia é tocante e alegre. Valeu muito. O lado menos original é o processo de gentrificação do Harlem. Fomos até a 145st e boa parte do clima local se perdeu. Bom para os locais que ainda podem pagar o custo mais alto da moradia.

Nova York – Como é um culto com música gospel no Brooklyn | Viciada em viajar

[...] cultos gospel em Nova York, principalmente no bairro do Harlem, o que mais concentra negros. Eu havia lido algumas críticas de brasileiros que foram a cultos no Harlem e não foram bem recebidos (aliás, alguns foram até proibidos de entrar no culto e foram hostilizados). Cheguei a cogitar [...]

solanger frota-mayer

A igreja batista Mount Moriah de fato tem momento que pede para os turistas sairem. Como fiquei porque fui sozinha, participei de um culto de verdade. Daí percebi q faziam somente apresentaçao para os turistas, claro invadem a igreja somente como um passeio turístico. O coral que diversas vezes assisti no Rio de Janeiro, nao existe, a igreja é pequena e o coral mais ainda, 17 pessos, mas as vozes espetaculares. Valeu!

luiz silveira
luiz silveiraPermalinkResponder

ABYSSINIAN CHURCH - Foi a minha pior experiência nos Estados Unidos. Tinha enorme expectativa , pois sou Cristão e amante da boa música. ELES TRATAM OS TURISTAS COM ABSURDA GROSSERIA E ARROGÂNCIA!!! Pedi ao orientador da fila, que mais parecia um soldado louco e mal educado , que tratasse os turistas com mais educação e ele me forçou a sair da fila. Algumas pessoas vieram a meu favor . Só assim me deixaram entrar. Mandei um e-mail para a direção da igreja, que nem sequer deu resposta. O que sugere que esta seja a orientação habitual.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar