Compras no exterior: conheça limites, isenções e impostos

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Camarillo Outlet, a 70 km de Los Angeles

1. Qual é o limite de compras no free shop da ida?

Não há limite de compras no duty-free shop do aeroporto em que você embarcar no Brasil. A loja pode vender o quanto você quiser comprar. Tudo o que for comprado na ida, porém, já é considerado compra no exterior. Não há uma isenção específica para essas compras; na volta você pode ter que pagar imposto sobre artigos eletrônicos (leia mais no item 3).

2. Qual é o limite de compras nos free shops do exterior?

De maneira geral também não há limite para compras nos duty-free shops de aeroportos por onde você passar no exterior, seja em Ezeiza, no Panamá, em Dubai, em Cancún ou onde for. Alguns países limitarão a quantidade de bebida e cigarros que você pode comprar, mas não há um limite para os gastos que você pode fazer. Saiba, porém, que essas compras só estão isentas de impostos no país do free-shop; ao chegar ao Brasil os eletrônicos comprados em free shops estrangeiros ainda estarão sujeitos a impostos (leia mais no item 3).

3. Qual é o limite de compras no exterior?

Podemos trazer um total de US$ 500 em compras no exterior em viagens realizadas por via aérea (ou US$ 300 por via terrestre).

Durante um bom tempo, esses US$ 500 se referiam apenas a produtos eletrônicos. Roupas e objetos de uso pessoal passavam invariavelmente sem problemas.

Desde o final de 2011, no entanto, a Receita tem apertado a fiscalização, sobretudo em vôos provenientes dos Estados Unidos. E quando quer, o fiscal pode aplicar esse limite de US$ 500 a todas as compras, incluindo roupas (e atingindo especialmente enxovais de bebê).

Ao pé da letra da lei, ficam de fora da cota alguns eletrônicos (leia o próximo item), 20 souvenirs até US$ 5 (desde que não haja mais de 10 itens iguais) e mais 10 outras peças acima de US$ 5 (no limite de 3 iguais).

A maioria das pessoas continua conseguindo passar com todas as suas comprinhas de roupas sem maiores problemas. Mas se o seu vôo for escolhido para cristo, prepare-se para pagar multa sobre os não-eletrônicos também.

4. É verdade que câmeras, celulares e relógios estão isentos?

Desde o ano passado uma nova regra passou a permitir que você traga, uma câmera, um celular e um relógio fora da cota dos US$ 500.

Mas atenção: a lei fala em UMA câmera, UM celular e UM relógio. Se você trouxer três relógios, dois deles vão contar para a cota dos US$ 500.

E tem pegadinhas: essa câmera, esse celular e esse relógio precisam estar fora da caixa e já usados.

Então, se você está pensando e comprar uma supercâmera lá fora, ou deixe a velhinha no Brasil, ou abandone a usada antes de embarcar de volta.

5. Notebooks e iPads estão isentos também?

Não estão não. Nem computadores, nem iPads, nem iPods, nem filmadoras. Não me pergunte por quê; não fui eu que escrevi a regulamentação shock

6. Essas isenções valem para Ciudad del Este, Rivera ou Chuí?

Não. A regra que isentou uma câmera, um relógio e um celular do pagamento de impostos usou como desculpa a possibilidade do viajante precisar usar esses equipamentos durante a viagem.

Em viagens pá-pum de compras a Ciudad del Este a Receita não acredita que você não possa ficar uma tarde sem celular ou câmera. Então todos os eletrônicos, incluindo câmeras, relógios e celulares, contam para a cota de US$ 300 para viagens por via terrestre.

7. E o que exceder o limite de US$ 500 de compras de eletrônicos no exterior?

Se você declarar na alfândega ao voltar -- eu recomendo! --, você paga 50% de imposto sobre o que exceder. Por exemplo: se o seu iPad custou 750 dólares, você paga o equivalente a 125 dólares (50% sobre o excedente de 250 dólares).

Caso você não declare e seja pego no raio-X, você vai pagar 100% de multa sobre o excedente da cota dos US$ 500.

O pagamento pode ser feito em cheque ou cartão de débito na agência bancária do aeroporto.

8. Qual é o limite de compras no free shop da volta no Brasil?

No free shop do aeroporto em que você desembarcar no Brasil, e só nesse, você tem direito a comprar US$ 500 além da cota, sem se importar se é eletrônico ou não, se é de uso pessoal ou não.

Essas compras vão acondicionadas em caixas próprias do free shop, com a nota colada pelo lado de fora, e passam direto pela alfândega.

9. Posso registrar antes de viajar os eletrônicos que já tenho?

Não pode mais não. Ao liberar geral, a Receita criou essa pequena arapuca: fechou os postos dos aeroportos em que você podia esquentar muamba simplesmente fazendo o registro de saída.

Ou seja: se você tem um iPad não-tropicalizado e sem nota, e viajar ao exterior com ele, quando voltar pode ser taxado, se não conseguir comprovar que o bichinho já é rodado...

10. É verdade que há fiscalização no aeroporto de Foz do Iguaçu?

Sim. A polícia federal faz fiscalização seletiva no embarque. Você pode ter passado longe de Ciudad del Este, mas se eles desconfiarem de algum equipamento, você vai ter que rebolar para provar que já tinha antes de viajar para Foz.

11. Como funciona a devolução de imposto de compras no exterior?

Na Europa e na Argentina existem lojas credenciadas que emitem notas fiscais especiais para turistas, que podem deduzir o IVA (imposto de valor agregado, o equivalente ao nosso ICMS) ao sair do país. É preciso fazer uma compra mínima no estabelecimento (o limite varia por país), preencher um formulário e passar no posto da devolução de imposto no aeroporto antes de embarcar (você pode ter que mostrar suas compras). Dá trabalho, mas você pode receber até 15% do valor das compras de volta, creditado no seu cartão.

Na Argentina há postos em Ezeiza, no Aeroparque e no terminal Buquebus. Na Europa faça a sua declaração consolidada no aeroporto de saída do último país do seu giro.

Leia mais:

732 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

TACO
TACOPermalink

Olha, acho que o celular que vce trouxer tem que estar atividado com uma operadora. Ou não? Qual a condição que o celular de uso pessoal, comprado lá fora, tem que entrar no Brasil? Alguém sabe?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Taco! Compre um desbloqueado e insira o seu chip brasileiro nele.

TACO
TACOPermalink

OK Boia, mas se fôr um iphone que necessita um chip especial (mini SIM). Fica a dúvida? Abs

Gustavo
GustavoPermalink

Corte o chip, coloque no Youtube que vc vai ver os tutoriais.

Amaro - Recife
Amaro - RecifePermalink

Rick e Bóia,

tem novidades da Receita Federal sobre a DBA (Declaração de Bagagem Acompanhada):
Pelo que eu entendi, quem trouxer menos de 500 doletas não precisa preencher mais a declaração. Mas se passar do valor e for pego, a multinha é a mesma...

Biazita
BiazitaPermalink

Olá pessoal!!

Tenho uma dúvida a respeito dessas taxas: viajarei agora para os EUA e tratei um iPad + capinha.

O preço do iPad foi US$499 sem taxas, mas a nota final está em US$570 (valor do iPad + da capa + taxas do estado da California). O eletronico em si foi abaixo da cota.
Tenho q declarar??

Obrigada!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Biazita! Pelos conformes, sim. O preço total é com taxas.

Biazita
BiazitaPermalink

Tava apreensiva com isso, obrigada Bóia!

João Paulo
João PauloPermalink

Oi pessoal, uma dúvida q tenho. Vou chegar pelo galeão queria comprar algumas bebidas p minha formatura. Qtos litros posso levar nas mãos sem precisar despachar? Pq qd vim de buenos aires em setembro comprei 6 l de vodca e disseram q tinha q despachar, qd chegou em fortaleza 2 estavam quebrados. Alguém sabe me dizer? Ah, chego pela copa no rio, mas meu voo de volta é pela azul. Obgd pela ajuda! João Paulo oliveira

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, João Paulo! É proibido embarcar com líquidos, e ponto. Só frascos com até 100 ml embalados em embalagens transparentes e herméticas.

Nanna
NannaPermalink

Bóia, essa informação está errada. Pode SIM levar líquidos na mão, mas somente nos vôos domésticos, como é o caso da pergunta de João Paulo. Nos vôos internacionais é que não pode.

João Paulo, você quer comprar bebidas no free shop do Rio e depois levar pra fortaleza na mão, é isso? Me falaram que o limite de levar na mão em vôos domésticos era de 6 litros, mas nunca vi isso escrito em nenhum lugar. No panfleto da ANAC não fala em litros, só faz a restrição do tamanho e do peso. (talvez por isso que me falaram em 6 litros, já que mais que isso pesaria mais do que 5 kg permitidos pra bagagem de mão). Eu se fosse você deixava um espaço na mala pra colocar a bebida enrolada nas roupas, a chance de quebrar diminui e levava as outras na mão.

Rejane
RejanePermalink

Gente, voltei de NYC por Cumbica e no free shop de la comprei 04 garrafas de bebidas. Se podia carregar comigo nao sei, mas foi o que aconteceu. Na hora do check-in, parte de minha bagagem estava no guarda-volumes, inclusive as bebidas, pq eu iria ao centro de SP ainda e voltaria para embarcar para minha cidade no final do dia.

Tive muita sorte na alfândega, pois eu tinha montanhas de roupas, cosméticos, bolsas, óculos e mais um iPad 2 (que uso nesse momento). Sempre jogo com a sorte. Nunca declaro nada... e sempre compro bebidas no free shop da chegada.

Gabriel
GabrielPermalink

Olá, gostaria de tirar uma duvida. Estou passando 3 meses em Londres e estou comprando muitos cds e dvds. Isso pode dar problema na hora da alfandega?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gabriel! Não são artigos com os quais os fiscais impliquem. Você teria que ser escolhido para inspeção e ainda por cima pegar um fiscal cricri, que achasse que você está trazendo muamba para revender.

Wagner Felix
Wagner FelixPermalink

Olá pessoal! Fui no BB hoje pegar informações sobre os custos de compras no exterior pelo B. do Brasil. INformaram Para SAQUE:
- 2,50 dolares por cada saque;
- 1% da taxa de conversão do real para moeda local;
- 2,5% para o BB;
- 2,5% para o Banco da cidade q vc sacou dinheiro;

+ IOF ( agora me enrolei se é 6,38% ou 0,38%)

Compras no CARTAO DE CREDITO:
Só o IOF de 6,38% mais a conversão do dolar do dia.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Wagner! O IOF para saque é 0,38%.

Wagner
WagnerPermalink

Valeu, A Bóia!!! como sempre, presente!!
Até mais.

Marcelo
MarceloPermalink

Uma dúvida. O limite de USD 500, e a regra de poder trazer 1 camera, 1 relógio e um celular é por pessoa, certo? Um abraço a todos.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Marcelo! Sim, é por pessoa.

Marcelo
MarceloPermalink

Obrigado!!

André R
André RPermalink

pessoal,
As roupas tbm entram na cota, assim como tudo o que voce estiver trazendo (brinquedos, calcados, cosmeticos, tudo ! ) Uso pessoal é AQUILO QUE O PASSAGEIRO PRECISOU USAR DURANTE A VIAGEM, conforme o video do pessoal da receita no site deles. Se voce comprou a roupa e usou, ta liberada. Se voce tá trazendo pra usar aqui, entra na cota. ALem do mais, sáo 20 itens !!!

Bia
BiaPermalink

Joao Paulo, em voos domésticos é possível levar bebidas na mão sim. Viajei em dezembro levando duas garrafas de vinho na bagagem de mão. Para saber a quantidade e peso exatos, é melhor você entrar em contato com a companhia aérea.

GTBAHIA
GTBAHIAPermalink

Ola, com quantos perfumes posso passar no aeroporto de foz? preciso ser escolhido na fiscalizaçao ou eles revistam todos? e se posso ir ate cascavel posta nos correios? é isso, flws

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, GTBAHIA! Muitas unidades de um mesmo produto pode caracterizar intenção de revenda, o que dá encrenca na alfândega. Perfumes não são taxados quando são para uso pessoal.

GTBAHIA
GTBAHIAPermalink

Obrigado amigo, Então posso sair com uns 15 e minha namorada tbem com 15? e se eu distribuir bem entre as malas de despache e de mão posso passar tranquilo? e tem como driblar essa fiscalisação?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, GTBAHIA! Esta quantidade já caracteriza intenção de revenda.

Reinaldo
ReinaldoPermalink

Ola amigo. Recentemente ouvi uma informação de um amigo que a cota de compras mudaria de 500 dólares para 3 mil dólares. Voce sabe algo sobre isso? Será que a crise americana e a entrada do etanol brasileiro no mercado americano proporcionaram essa mudança?
Obrigado

Luiz Eduardo
Luiz EduardoPermalink

Boia e Pessoal,

Estou com uma enorme dúvida e gostaria doa auxílio de vocês...

Volto de Buenos Aires em 24/02. Meu voo é de Ezeiza - Porto Alegre chegando as 08:50. Em Porto Alegre faço conexão as 10:50 para o aeroporto do Galeão - RJ.

Minha dúvida é: Aqui no Brasil na volta qual o free shop vou usar? O de Porto Alegre? Ou o do Galeão?

Tenho esta dúvida, pois em Porto Alegre vamos ficar somente 02 horas. Ou seja, se for o free shop de Porto Alegre, não teremos muito tempo para comprar com calma...

Em contato com a cia aérea GOL fui informado que não poderei utilizar nenhum dos dois Free shops no Brasil... Nem Galeão e nem Porto Alegre...

Me ajudem por favor.............

Abs,

LUIZ EDUARDO

Nelma
NelmaPermalink

O free shop de Ezeiza é melhor que os do Brasil, porque não faz tuas compras là?

Luiz Eduardo
Luiz EduardoPermalink

O problema é que meu voo de Ezeiza sai as 06:15... Será que estará aberto?

Nelma
NelmaPermalink

Ache o site do free shop e verifique os horarios. De uma olhada no Google!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luiz Eduardo! Seu vôo internacional é Ezeiza-Porto Alegre. A imigração e o free shop serão feitos em Porto Alegre.

Bruno Luiz
Bruno LuizPermalink

E aí Eduardo,

Só pode usar o free shop de porto alegre mesmo.. Diga o que aconteceu... Eu estou voltando amanhã e gostaria de saber a resposta..

Alguem sabe dizer se só se tem direito ao free shop de porto alegre?

Sydney
SydneyPermalink

Estou indo para Santiago-Chile...e quero comprar uma bike! valor total próximo de R$4.000,00. Deverei pagar impostos? ou não precisa? tem como "escapar" de imposto...caso incida? abç

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sydney! A cota é de 500 dólares para itens que não sejam de uso pessoal ou que não se enquadrem naquelas exceções listadas. Não recomendamos tentar escapar do imposto não -- pode ser pior. wink

O Viajante
O ViajantePermalink

Eu vou estar em Foz do Iguaçu e pretendo fazer umas comprinhas no Duty Free (P.Iguazu). Em que momento eu vou ser eventualmente fiscalizado? na saída do duty free?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, O Viajante! Você pode ser fiscalizado na passagem da fronteira para o Brasil e também no aeroporto de Foz de Iguaçu (mesmo vôos domésticos).

Priscila
PriscilaPermalink

Como funciona a devolução de imposto de compras no Chile?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Priscila! Não há devolução de imposto no Chile.

Mas o Chile oferece isenção de IVA para estrangeiros no pagamento de hospedagem em moeda estrangeira (ou cartão de crédito internacional).

nadja
nadjaPermalink

Olá Boia!
Tenho uma semana em Orlando,e tenho outra para ir a qualquer lugar da Europa,aceito sugestão.Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Nadja! Minha sugestão é que você pesquise bastante para fazer bom uso da sua semaninha de férias. Explore o site, você vai encontrar ótimas idéias.

Alexandre
AlexandrePermalink

Mais uma dúvida... Como posso ter a devolução do IVA em Buenos Aires?

Alexandre
AlexandrePermalink

Obrigado. valeu pela dica.

Anônimo
AnônimoPermalink

Olá ,
Não sei se eu entendi direito mas vou tentar explicar a minha situação:
Eu no futuro ( não muito longe, nem muito perto , :S) vou para o Canadá, e eu estava interessado em comprar um Iphone 4S ou dependendo um outro iphone mais sofisticado se tiver disponivel... Ele será considerado como celular e NÃO será taxado?
Duvida grande aqui...
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Anônimo. Um iPhone é um celular. Se você não tiver nenhum outro celular com você no momento da fiscalização, poderá passar com ele sem pagar impostos.

Cady
CadyPermalink

Oi,
Uma duvida:
Minha esposa está gravida de gêmeos e vou pros EUA fazer o enxoval..
E estava com a duvida sobre a politica nova da receita federal que diz que só posso comprar 20 itens acima de 10 dolares e 20 itens de menos de 10 dolares
Ou seja, só posso comprar 20 itens acima de US$10, por exemplo: só posso comprar 10 roupinhas pra cada um?!? Sem contar o carrinho de bebe?
E se for parado, o q for acima dessa cota, eles não deixam entrar?
É isso mesmo?
Abraços

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, CAdy! A fiscalização não tem sido uniforme. Alguns vôos são parados com rigor, já outros passam com facilidade. Caso seja parado e caso o fiscal implique, você sempre pode pagar o imposto e a multa e liberar as compras.

Cady
CadyPermalink

Obrigado pela resposta..
Mas, a minha duvida não é pagar ou não o imposto .. a duvida é se comprar mais de 20 itens, eles vão reter as mercadorias em excesso ou se é só pagar uma multa e entro com elas?
Abraços

A Bóia
A BóiaPermalink

Pagará multa entrará com elas, Cady grin

Daniel Valim
Daniel ValimPermalink

Mas o que a receita diz é que acima do valor quantitativo os produtos são retidos (apreendidos) e não sugeitos ao pagamento de multa. Perde-se os produtos. Alguem ja passou por isso?

Ane Andrade
Ane AndradePermalink

Os produtos serão apreendidos. O que estiver acima dos 20 itens, não há cobrança de multa porque os produtos ficarão retidos na Receita. A Folha de São Paulo fez uma matéria sobre esse assunto: Cumbica barra cada vez mais 'bagagem extra' dos turistas (29/02/2012)

tigrão
tigrãoPermalink

olá bom dia, estava querendo ir ao perú, o sistema de declaração é a msm dos outros paises? tipo: EUA?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Tigrão! É o mesmo.

Teresa
TeresaPermalink

Bom dia, meu laptop de uso pessoal foi comprado em 2009, e ja viajei com ele 2x, e nunca registrei. Agora nao posso mais fazer isso. Tenho a NF da compra e ele custou 650 us. Sera que eles vao dar em cima de um laptop tao usado? Sds.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Teresa! Dificilmente vão implicar. Mas se você pegar um desses vôos fuinhas em que todo mundo é taxado, você pode ter que vir a pagar. Mas não perca seu sono por isso.

Ulisses
UlissesPermalink

Eu simplesmente ODEIO a receita federal! Sem critérios e sem noção!

Danielle
DaniellePermalink

Boa noite, qual é a melhor forma de pagamento para compras feitas no Panamá e Cancun? Dolar,cartao debito ou credito (Visa ou Master?)?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Danielle! Todas as modalidades têm vantagens e desvantagens.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2011/08/a-melhor-moeda-para-levar-para-o-exterior-seu-cartao-do-banco/

Thalita
ThalitaPermalink

Ei Boia,
Estou voltando dos EUA para o Brasil e comprei um laptop aqui no valor de 870 dolares com as taxas. Se ele nao estiver na embalagem, existe a possibilidade de eu passar ele como algo que eu ja tinha no Brasil e nao pagar as taxas?
Outra coisa, o que acontece se eu tiver que pagar uma taxa sobre isso mas nao tiver nenhum dinheiro comigo ou cartao de credito?

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalink

Claro que nunca passará como usado, senão todos fariam isso. Se não tiver dinheiro o produto fica confiscado. Se não pagar em X dias, vai a leilão.

Fabiola
FabiolaPermalink

Thalita,
minha sobrinha comprou um tablet em NYC, tirou da embalagem, colocou na bagagem de mão e passou tranquila..

Amaro - Recife
Amaro - RecifePermalink

Eu não consigo entender essa 'síndrome do esperto' do brasileiro: Todo mundo sabe quanto é a cota, compra o produto lá fora que é bem mais barato que aqui (e mesmo pagando o imposto continuará mais barato), e ainda tenta arrumar um jeito de 'enrolar' a Receita.
Porque não declarar e pagar o imposto?

"Ah, mas eu não concordo com as regras...".
Então não compra. Simples assim.

rafael
rafaelPermalink

Amaro, o fato é que muitos, ou quase todos, não aguentam mais ficar pagando impostos para a "companheirada" lá de Brasília ficar vivendo bem. De fato, penso que você possa, inclusive, ser um desses "cumpanheiros" que vive do imposto dos trabalhadores deste Brasil, pois essa é a única explicação para seu comentário.

amandita
amanditaPermalink

Estou viajando para Natal proxima semana de fèrias,sou residente na Italia,tenho um IPAD 2 que ja uso a mais de 5 meses,e tenho tb a nota fiscal de 700 euros.Gostaria de saber se tem que pagar alguma taxa ao entrar no Brasil????

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Amandita! Traga provas de que você reside na Itália só para não esquentar a cabeça.

Fer
FerPermalink

Galera
Em relação ao que foi postado sobre enxoval do bebe eles estão de olho sim, meu esposo acaba de chegar de miami com 1 carrinho+bebe conforto e duas malas sem excesso de bagagem com as roupinhas e acessórios, nada repetido!!!!!!!!Poi é para o nosso bebe mesmo. E....reviraram as malas e tributaram em 800 reais, isso sem trazer baba eletronica, não veio nenhum eletronico, bouncer, cadeirinha, berço, nada disso!!!!!!! já fiz a lista baseado na cota e mesmo assim sem nenhuma justificativa tributaram!!
Detalhe o carrinho+bebe conforto custou 300 dolares!!!
um absurdo

Carlos .E
Carlos .EPermalink

Bóia vou morar na florida e meu tio sempre que vem para o brasil ele traz 2 notbooks uns 4 relogios,muitaa roupa e outros eletronicos por encomenda..
quero saber se eu tiver morado la posso trazer pelomenos 150 camisas pra vender deixando soh isso de bagagem como ropa de uso pessoal?.. passa batido ou é muito?
Abraço!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carlos! Por aqui nosso assunto é viagem de turismo. Falamos de compras, mas só nesse contexto.

Mari
MariPermalink

Gente, me tira uma dúvida q não entendi..

Por exemplo, estou na Inglaterra e comprei um xbox aqui.. usado mas com cara de novo no site da amazon, ele veio com 4 jogos de brinde.. mas na nota só vem falando xbox 250 e o valor.. no caso 208,00 libras.

Ai aproveitei e comprei uns acessórios, o kit Band Hero, por 90,00 libras, um jogo q vem com uma prancha de skate, por 16 libras e um jogo q vem com o volante do xbox por R$ 14 libras.

EIS A MINHA DUVIDA: A cota de 500 dolares, é calculada por exemplo.. somando no caso o valor de todos os produtos OU, no caso, 500 dolares para cada produto?? POr exemplo.. 500 dolares para o xbox, 500 dolares para o KIT Band Hero... como funciona?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Mari! A cota total é de 500 dólares, não por produto.

cleberson
clebersonPermalink

ola tenho so um ciclista quero encomenda uma dos stados unido ala aqui a bike é 8.000 mil reais lá sai por 1.200 reais ela nao passa pela alfandega ?

A Bóia
A BóiaPermalink

Passar passa, Cleberson. Mas paga imposto grin

Adolfo
AdolfoPermalink

Cleberson,

Se vc for atleta, é possível ter isenção de imposto. Não sei como acontece, mas é POSSÍVEL. Não se esqueça que os fiscais têm maneiras estranhas de verificar isto.

lucas
lucasPermalink

ola e no caso de importaçao se aplica as mesmas regras?
quero importar roupas direto do fornecedor da china mas sempre ouço falar que se eu comprar mais de 50 dolares eu sou taxado em 60% :/

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Lucas! Não entendemos de importação, só de turismo.

Adolfo
AdolfoPermalink

Lucas,

As importações pelo correio estão limitadas a USD 3.000 e até USD 50 (incluindo frete) são isentas de impostos, assim como importação de livros, periódicos e alguns outros produtos.

O imposto de importação é de 60%, e ainda deve-se adicionar o ICMS, o que dá uns 25-30% adicionais. Você corre o risco de ter sua remessa retida se for considerada para comercialização e aí ter de prestar esclarecimentos.

Pode eventualmente acontecer de a Receita não achar que o produto é passível de tributação, aí não há cobrança, mas neste caso é muito difícil (aconteceu comigo quando comprei uma camiseta, alguns CD's, etc).

Amélia
AméliaPermalink

Vou para Foz no feriado de 01 de Maio, alguèm sabe o que abre e fecha no Paraguai/Argentina/Brasil?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Amélia! O comércio de Ciudad del Este não funcionará na sexta nem no domingo. Todo o resto estará aberto e à espera dos turistas.

Amélia
AméliaPermalink

smile

Larissa
LarissaPermalink

VOu viajar pra NY em maio. Pretendo trazer uns 3/4 relogios pra mim.
Acho que vou trazer na bagagem de mao.
Quando chegar em Cumbica/SP...a minha bagagem passa por algum raio X que pode detectar?
E seu eu colocar no meu bolso da calça?

Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Larissa! O limite é um relógio só e não vai ter muito como esconder caso a alfândega resolva verificar o que você está trazendo.

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalink

Agora estão com raio-x de corpo: http://www.falandodeviagem.com.br/viewtopic.php?f=224&t=2968

Larissa
LarissaPermalink

Pelo que ando lendo...agora mudou.
É possivel traze ate 3 relogios, certo?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Larissa! Então pergunte lá onde você anda lendo grin

Por aqui, não temos essa informação.

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalink

Você anda buscando informações no local errado.

Marcos
MarcosPermalink

hehehehe
Anda mesmo...

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalink

Eu reparo que alguns leitores querem ler o que desejam, então adoram encontrar sites com informações erradas para depois voltarem aos outros sites e realizarem perguntas como esta acima, da Larissa.

Toledo
ToledoPermalink

Tenho uma enorme duvida!
Estou indo para a Itália em agosto. Tenho um iPad primeira geração e estou sem nota fiscal, gostaria de leva-lo comigo, terei o risco de pagar imposto por ele quando voltar?
Estou interessado em comprar um iPhone 4S, se eu andar com ele no bolso e com um chip da vivo nele, terei que pagar imposto na Alfândega quando chegar ao Brasil?
Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Toledo! Sim, você poderá ter que pagar imposto sobre ele na volta, se for fiscalizado.

rafael
rafaelPermalink

Se eu comprar 3 malas mochilas (duas grandes para despachar e outra de mão) no exterior, quando eu retornar ao Brasil, estas malas entram no cálculo da cota de 500 US$?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rafael! Tudo entra na cota e tudo pode ser vistoriado.

rafael
rafaelPermalink

Vou insistir no assunto: se eu viajar para os EUA com duas mochilas velhas (uma de mão e outra para despachar). Deixá-las por lá e, no lugar destas, voltar com 3 mochilas novas (uma nas costas e as outras duas para serem despachadas), no retorno, minhas mochilas, no caso, servindo como malas, entram nos 500 US$ da cota???

Hugo
HugoPermalink

A receita federal fala que as "roupas e bens de uso pessoal, desde que usados", não entram na cota.

Na minha opinião, nada é mais pessoal e usado do que as malas (mochilas) efetivamente utlizadas durante a viagem.

Lógico que o fiscal pode ter um entendimento diferente, mas na minha opinião incluir esses itens na cota seria absurdo e ilegal.

Julio
JulioPermalink

Ola ! Se eu comprar uma camera fotografica em ciudad del este posso ter problemas no aeroporto de foz do iguacu ? seria prudente pagar o imposto da maquina ? ( o problema eh que eh uma maquina de 2k USD ). Como eh essa fiscalizacao do aeroporto de foz, por amostragem ou tudo que passa no raio - x de embarque ? ...e se despachar a bagagem ? obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Julio! Pode, sim. Mas a fiscalização é aleatória.

Valéria
ValériaPermalink

Julio, no aeroporto de Foz tem um posto da Receita e todas as bagagens passam pelo Raio-X. Ser parado ou não, vai depender da sua sorte ou do humor do fiscal...

Larissa
LarissaPermalink

Vcs acham mta coisa uma pessoa voltar de NY com duas malas medias de 32 kg + a bagagem de mão?

Vou chamar mta atenção na alfandega?

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Larissa! Todo mundo volta carregado dos Estados Unidos. Ser escolhido para a sintonia fina da vistoria -- ou estar num vôo escolhido para fiscalização individual de todos os passageiros -- é questão de sorte/azar.

Renata
RenataPermalink

Olá!
Estou indo para NY com uma filmadora Sony espanhola sem nota e sem DBA. Comprei ela em 2008, paguei menos de 500 dolares e já fui outras vezes para Europa com ela sem problemas, mesmo depois da mudança da alfandega.
Queria saber se existe alguma forma de ir segura com ela ja que não existe mais declaração de saída. Pois pagar imposto em uma maquina usada e ultrapassada é duro!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Renata! Não há mais como esquentar mercadoria muambada em viagens anteriores. Se você pegar um fiscal muito fuinha, ele pode, sim, encrencar.

Alexandre
AlexandrePermalink

Boa tarde,
Estou indo para o Paraguai comprar uma camera de U$900 e uma lente avulsa. Como citado, não há isenção de uso pessoal devido ao caráter "bate-volta" da viagem.

Pergunto agora: E se eu me hospedar em Ciudad del Este durante um ou dois dias (pagar uma ou duas diárias de hotel e tudo mais). Tenho direito a isenção de imposto para a máquna fotográfica, e um eventual relógio ou celular?

Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Alexandre! Não cremos que colará.

Alessandro
AlessandroPermalink

Boia , conselhos valiosos Parabens pelo site..
minha duvida é ,
vou comprar uma bike triatlon dentro de 10 dias ela virá desmontada numa mala especial de carregar bike.
e quero declarar ela.
mesmo declarando o preço é 50% do que pagaria aqui. então vale a pena e acho justo pagar por isso.
quero tb comprar o rack e os 2 trilhos para por no carro e transportar as bicicletas e isso não chega a 500 dolares
o rack e os trilhos como serão taxados ? passo sem declarar / declaro só a bike . declaro tudo ??
grato pela ajuda
abraço

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Alessandro! Recomendamos declarar.

Alessandro
AlessandroPermalink

vc poderia responderia responder alem do site no e-mail aleraposo9demaio@hotmail.com ?
novamente agradecido.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Alessandro! Infelizmente não podemos oferecer esse serviço.

Maria Lucia Zarif Cecilio

Oi,Boia.
Volto de Miami para São Paulo com conexão no Rio de Janeiro.A Alfandega sera no Rio.O que desejo saber eh sobre o peso das malas.Vale o internacional ja que eh continuação do voo?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria Lucia! Se as passagens forem vinculadas, valerá o limite internacional.