Programão de 6a. em Fortaleza: jantar no Mercado dos Pinhões

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Mercado dos Pinhões, Fortaleza

Quando estive em Fortaleza no começo do ano, a querida Lili me chamou para um jantar pra lá de especial.

Le Marché, FortalezaLe Marché, Fortaleza

Le Marché, Fortaleza

O restaurante era o Le Marché, da chef alsaciana Marie-Anne Bauer, cuja fama em Fortaleza vem desde o tempo em que comandava o L'Ô.

Le Marché

A localização é mais do que especial: em frente ao Mercado dos Pinhões, um antigo mercado de carne com estrutura metálica, importado da França e que está estacionado nesta praça desde 1938. A estrutura foi toda restaurada há poucos anos e está um brinco.

E o momento do jantar era perfeito: toda sexta-feira à noite, tem música ao vivo no mercado. Todo iluminado, ele fica uma lindeza. O melhor pano de fundo para um jantar ao ar livre.

Mercado dos Pinhões

Gostei tanto, que nesta última passada resolvi repetir o programa.

Mercado dos PinhõesMercado dos Pinhões

Mercado dos Pinhões

O cenário estava tão bonito quanto da primeira vez, mas a música estava menos apropriada. Na minha primeira vez, era chorinho e seresta.

Mercado dos Pinhões

Na segunda, era samba. Nada contra samba: é que o volume do chorinho era mais baixo, e não atrapalhava em nada as conversas à mesa grin

Le MarchéLe Marché

Le Marché

A cozinha de Marie-Anne é clássica; espere encontrar filés super bem-executados, risotos e -- foi meu pedido as duas vezes -- moules, os suculentos mexilhões que podem ser preparados à la marinière (ao vinho branco) ou farcies (na manteiga com farinha de rosca). Delícia.

Mercado dos Pinhões

Mas não é preciso jantar à francesa para curtir o Mercado dos Pinhões iluminado e funcionando. Dentro do mercado há um pequeno restaurante. E do outro lado, uns três bares que põem mesas na calçada como o Le Marché.

E na noite de domingo (quando o Le Marché não funciona) acontece o outro evento animadão do mercado: é a noite do forró.

(E caso você esteja em Fortaleza na época do carnaval, fique ligado: o pólo mais descolado é aqui.)

Leia mais:

11 comentários

Mirella (@mikix10)

Eita... eu eu perdi isso quando estive por lá! Já vou avisar minha prima pra ficar de olho e me levar na próxima vez smile

Camila
CamilaPermalinkResponder

Adoro o Le Marché - ambiente aconchegante e comida top!

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

que raiva!!!! voce só dá essa dica agora? Estive em Fortaleza há 1 mes de passagem para Jeri e perdi esse programão!!! Tenho certeza que é uma programão porque suas dicas são sempre ótimas!!!

Lili-CE
Lili-CEPermalinkResponder

Riq querido, as fotos ficaram lindas! Parece até que o mercado estava mais iluminado e bonito do que da primeira vez! Beijos e volte sempre!

Ed
EdPermalinkResponder

As fotos e o post estão dando um bom up-grade no local. Achei bacaninha, mas não está com essa bola toda não (a vizinhança é bem mal-tratada). O problema é que faltam opções mais descoladas e com qualidade em Fortaleza, uma delas é a Vila Mosquito, não sei como está no momento).

Clara germana
Clara germanaPermalinkResponder

Podemos fazer ensaio fotográfico de 15 anos no espaço do mercado dos pinhões???

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Clara! Contate a administração para ver se há algum problema.

Maira
MairaPermalinkResponder

Ótima dica... Com certeza na próxima viagem irei conhecer rsrsrs. Fiquei com uma dúvida, os preços são camaradas ou é bom ir preparada ? Obrigadaa

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maira! As postagens da página do Le Marché no Facebook mostram pratos na faixa de 60 reais.

rosivaldo almeida

oi, gostaria que alguém me ajudasse em um roteiro de sete dias em fortaleza, pois levarei uma criança de três anos, queria saber sobre os locais de visitação, cinemas, restaurantes, e sobre as praias qual as melhores ou piores, minha viagem sera dia 25/07/18, volto dia 2 agosto, já reservei minha hospedagem na pousada eudorado café, em Iracema.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar