Melbourne com vertigem: Melbourne Star e Skydeck 88

Viaje na Viagem
por Viaje na Viagem

Melbourne Star

Melbourne Star

Enviado especial | André Urso

Se você tem medo de altura, alguns dos mais famosos programas de Melbourne não são recomendados pra você. Duas atrações apresentam a cidade de outro grande ponto de vista: do alto.

Para começar de maneira mais suave a sua jornada para o alto e avante, uma boa dica é visitar a Melbourne Star, que fica na região de Docklands, facilmente acessível usando o tram. Essa impressionante roda gigante panorâmica foi reinaugurada em dezembro de 2013, depois de cinco anos de reconstrução. Com pouco mais de um mês de vida, já recebeu mais de 30 mil visitantes e está rapidamente se tornando um dos marcos da cidade.

Melbourne Star

A Melbourne Star é uma das 3 únicas rodas gigantes do gênero existentes no mundo (a LondonEye de Londres e a Singapore Flyer de Cingapura são casa das outras duas). Seu diferencial está no design inspirado mais no desenho de uma estrela do que numa roda de bicicleta. As cabines são totalmente vedadas e têm ar condicionado.

A estrutura da Melbourne Star impressiona. Para sua construção foram necessários mais de 1700 toneladas de aço especial. Sua altura equivale a um prédio de 40 andares. E em suas 21 cabines cabem até 420 passageiros.

O programa tem duração de 25 minutos, que é o tempo que a roda gigante leva para dar uma volta completa. A rotação é bastante lenta, o que diminui muito a sensação de vertigem de altura.

Melbourne Star

Lá de cima, a vista impressiona e dá pra ver o skyline da cidade, a zona costeira, o porto com seus barcos, o Rio Yarra, que corta a cidade e muitas das suas atrações. A visibilidade melhora muito em um dia de sol com céu limpo. Lembre disso se for se aventurar por lá. O ingresso para adultos custa A$ 32; há descontos para crianças e ingressos combinados para famílias (veja aqui).

Eureka TowerEureka SkydeckThe Edge

Eureka Tower | Skydeck 88 | The Edge

Outra grande maneira de ver Melbourne do alto é o Eureka Skydeck 88, que fica no alto da Eureka Tower, um arranha céu de 297m e 92 andares. O Eureka Skydeck se gaba de ser a mais alta plataforma de observação do hemisfério sul. E o detalhe é que esse edifício tão alto não é comercial como muitos pensariam, mas residencial.

Skydeck 88

Como o próprio nome diz, o observatório funciona no 88º andar do prédio e sua estrutura toda de vidro proporciona algumas das vistas mais privilegiadas de Melbourne em 360º .

Skydeck 88

Skydeck 88

Mas a grande atração do Eureka Skydeck é mesmo o The Edge, uma sala de vidro que se projeta para fora do edifício. Na entrada,
essa estrutura tem os vidros encobertos por uma camada de material não transparente, mas quando a sala se projeta em seu ponto máximo, a camada é retirada e então os vidros ficam transparentes deixando a sensação de se estar suspenso no ar. É de tirar o fôlego.

The Edge

Essa é uma atração bem fácil de visitar e não exige grandes deslocamentos, já que fica na margem sul do Rio Yarra e bem próximo da Federation Square, centro da cidade. O horário de funcionamento é das 10 da manhã às 10 da noite. Os ingressos custam A$18. Caso você queira entrar no The Edge, paga mais A$12 extras. (US$ 1 = A$ 1,15)

Viagem feita a convite do Tourism Australia.

Leia mais:

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar