Maceió: as 5 melhores barracas de praia

Hibiscus, Ipioca, Maceió

| Hibiscus, praia de Ipioca |

Depois de um tempo fechado, reabriu em junho de 2013 a mais bem localizada barraca de praia dos arredores de Maceió: o Hibiscus, em Ipioca.

Conheça este e mais outros quatro pontos em que a estrutura de praia fica à altura da beleza do litoral alagoano. Do norte para o sul:

–> HIBISCUS (Ipioca)

Hibiscus

[Hibiscus]

A localização do Hibiscus é luxo só: na extremidade de um condomínio de casas, num trecho pouquíssimo ocupado de Ipioca. O mar em frente é calmo e gostoso de entrar; à esquerda do clube, a praia faz uma curva linda de ver (e ótima para caminhar na maré baixa).

Quando abriu, em 2008, o Hibiscus tinha uma proposta mais sofisticada — mas sua localização acabou atraindo um público bem maior do que pretendia originalmente atender. No verão de 2013 o lugar foi reformulado, equipado para receber famílias (com buffet, área de recreação infantil e piscininhas). Depois de fechar outra vez, logo depois do verão, o Hibiscus reabre agora sob a administração da barraca Mar & Cia., de Paripueira (que não conheço, por isso não posso dar minha opinião). A maior novidade é um catamarã que, na maré baixa, leva às piscinas naturais de Ipioca.

A entrada custa R$ 15 por pessoa e não inclui o passeio de catamarã, que é cobrado à parte. Recomendo chegar cedo para pegar espreguiçadeiras.

Ipioca

[Praia de Ipioca à esquerda do Hibiscus]

Como chegar: o Hibiscus fica 24 km ao norte orla urbana de Maceió. Saindo pela beira-mar da Jatiúca você naturalmente vai dar na AL-101, que leva a todas as praias do norte. Para chegar ao Hibiscus é preciso entrar pela guarita do condomínio Angras de Ipioca. Para não se perder: fica menos de 2 km depois da portaria do hotel Danatureza.

Pós-praia: um almoço no Vila Chamusca, nos Altos de Ipioca (fecha às terças).

–> MILK BEACH PUB (Garça Torta)

Milk Beach ClubMilk, Garça Torta

[Milk, Garça Torta]

O Milk é o mais descolex dos clubes de praia de Maceió. Ocupa um terreno estreito à beira-mar da Garça Torta, um vilarejo praiano ao norte de Maceió. Você pode pegar uma mesa ou espreguiçadeira direto na areia ou ficar no quintal gramado do bar, onde há mesas, pufes e redes (e onde você curte melhor a trilha sonora, que é simplesmente ótima). O clima é alternativo (tem cerveja de garrafa 600 ml!) e vai agradar aos que sentem falta do antigo Bar Brasil da praia da Guaxuma. A praia é calminha e o cardápio é ótimo.

Garça Torta

[Praia de Garça Torta em frente ao Milk]

Como chegar: Garça Torta fica a apenas 10 km ao norte da orla urbana de Maceió. Saia pela beira-mar da Jatiúca e você vai naturalmente dar na AL-101 Norte. Garça Torta é o primeiro vilarejo passando a praia da Guaxuma. Entre na rua do restaurante Lua Cheia e siga em frente; o Milk fica um pouco antes do fim da rua, à sua esquerda.

Pós-praia: um almoço no vizinho Lua Cheia, de comida francesa clássica (abre de dia somente sábado e domingo) ou um filé no Restaurante do Zezé, em Riacho Doce, 3 km ao norte (abre de 4a. a domingo).

–> LOPANA (Ponta Verde)

Lopana

[Lopana, Maceió]

No trecho mais fotogênico do coqueiral da Ponta Verde, o Lopana é o que todo quiosque de praia gostaria de ser quando crescer. A equipe de garçons tira pedidos eletronicamente; bolsas térmicas com gelo substituem, com inteligência, os baldinhos de cerveja. Um catamarã (pago à parte) está a postos para mergulhos nas piscinas naturais da Ponta Verde (que têm poucos peixinhos, mas proporcionam um banho gostoso). Há um pequeno ambiente refrigerado (com vista para a praia) para quem quiser almoçar no friozinho. No verão e nos fins de semana, chegue cedo para pegar um lugar na areia. Funciona como bar no happy hour e à noite. Fecha 2ª feira.

Como chegar: o Lopana fica no lado de baixo, mais residencial, da Ponta Verde — que nada mais é que a continuação da Pajuçara. É a penúltima barraca antes da ponta; a transversal mais próxima é a José Freire de Moura.

Pós-praia: um café expresso no Nakaffa, atravessando a rua (no meio da quadra à esquerda).

–> KANOA (Ponta Verde)

O Kanoa é vizinho da Lopana, e seguiu o seu exemplo. Também tem uma área refrigerada, trilha sonora caprichada e happy hour disputado. O público tende a ser mais jovem e desencanado que o da Lopana. No verão e nos fins de semana, chegue cedo para pegar espreguiçadeiras ou mesas. Segue funcionando como bar à noite. Abre todos os dias.

Como chegar: o Kanoa fica na parte de baixo da Ponta Verde, à altura da rua Gaspar Ferrari. É a antepenúltima barraca antes da ponta.

Pós-praia: um café expresso no Nakaffa, atravessando a rua (no meio da quadra à direita).

–> PRAÊRO (Barra de São Miguel)

Praêro, Barra de São Miguel

[Praêro, Barra de São Miguel]

O Praêro foi a grande novidade do verão 2012/2013: finalmente um bar de praia decente para curtir a melhor praia ao sul de Maceió, Barra de São Miguel. Tem uma grande frente de praia, com mesas e espreguiçadeiras postadas tanto na areia quanto na área elevada do bar (onde há bonitas tendas). O banho de mar neste ponto da Barra é nota mil. Só não espere exclusividade: assim como o Hibiscus, o lugar recebe grupos.

Praêro, Barra de São Miguel

[Praêro]

Como chegar: a Barra de São Miguel fica 30 km ao sul da praia da Avenida, em Maceió. Basta sair pela orla central na direção sul e você naturalmente acaba na AL 101 Sul, que está duplicada até a Barra. Entrando pelo centrinho da Barra você acabará passando em frente ao Praêro. Caso venha a pé pela areia, fica logo à direita do núcleo central de bares de praia da Barra.

Pós-praia: na volta, almoce num dos restaurantes do canal da Massagüeira (acesso 10 km antes de Maceió); recomendo (eu e as torcidas do CSA e do CRB) o Bar do Pato.

[Transcrito manualmente de um post publicado em junho de 2013. Pedimos desculpas pelos comentários que não puderam ser transferidos]

Leia mais:

23 comentários

Estou no momento aqui, e o Hibisco está 55,00 por pessoa, mas é o melhor, aniversário do dia ganha entrada. O Beach Club Guarda Rios está 40 no dinheiro e 50 no cartão. Meu período 26/02/21 a 08/03/21. E os preços são bem salgados em toda Maceio

Praero não recomendo
Nunca fui tão desrespeitado quanto nesse local
Esperei por 1 hora e vi várias pessoas furando a fila

Em Ipioca, qual vale mais a pena? Hibiscos ou Guarda Rios Beach? O que podem dizer do Milagres do Toque em São Miguel dos Milagres?
Obrigado

    Olá, Pedro! Não recomendamos os receptivos de São Miguel dos Milagres. Enfeiam as praias com cadeiras de plástico. Recomendamos dormir uma ou duas noites numa pousada da região.

    Ainda não conhecemos o Guarda Rios Beach.

    Hibiscus tem uma infraestrutura melhor e o guarda rios um atendimento melhor.
    Hibiscus muda o cardápio do Lounge para a área de praia o que não faz o menor sentido Visto que é o mesmo lugar.na praia tem cerveja 600 ml no Lounge não é por aí vai. Quem vai em turma grande como eu fui acaba gastando o dobro de dinheiro é atoa porque vc já está pagando 300,00 em cada bangalo da área vip Mais as entradas de 55 por pessoa, então acabamos gastando quase mil reais só para entrar…e a cerveja ainda não estava tão gelada… O Day use dos dois é caro visto que não oferecem tanta coisa assim para uso e não tem preços tão acessíveis. Mas a cerveja do guarda rios tava gelada e os garçons são ótimos .Mas vale a pena ir pra conhecer é legal e a paisagem é linda

Amei Maceió e barra de são Miguel eu amei a melhor do sul . E mar e Cia em Paripueira a melhor do norte .

Olá! Atualizando sobre a barraca Hibiscus, o valor por pessoa agora na temporada jan/19 é de R$60. A infraestrutura está boa, atendimento OK. Porém a comida poderia melhorar.

As barracas de praia de Maceió tem estrutura semelhante às da Praia do Futuro em Fortaleza, com armário? Obrigada.

    Olá, Patricia! Talvez a Hibiscus tenha, mas não tenho certeza. As outras não têm não.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.