St Maarten

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

A hotelaria não é o ponto forte de St. Maarten. Boa parte dos visitantes chega de navio. O parque hoteleiro do lado holandês é, em geral, antiquado; as novas construções são de condomínios para time-sharing e aluguel por temporada (alguns funcionam como apart-hotéis). Do lado francês os hotéis são, na média, mais bem conservados -- mas não espere encontrar nem os hotelões de Cancún ou Aruba, nem os resortões de Punta Cana.

Os três hotéis top da ilha, que seriam cinco estrelas em qualquer ponto do Caribe, são o Belmond La Samanna (do braço hoteleiro do grupo Orient-Express), o Westin Dawn Beach e o Riu Palace St.-Martin (antigo Radisson Blu).

O eixo Maho-Cupecoy-Marigot-Grand Case é, na minha opinião, a melhor região para se hospedar. Por ali você está perto da melhor praia (Mullet Bay), do melhor pólo gastronômico (Grand-Case) e tira do seu caminho de todo dia os trechos mais engarrafados (Aeroporto-Philipsburg e Philipsburg-Marigot por dentro).

Em Maho, o Maho Beach é velhinho mas está do lado da praia e em frente a um shopping com muitos restaurantes. A três minutos de carro, os flats de Cupecoy são uma boa opção: considere o Sapphire Beach Club (à beira-mar), o The Summit (beira-lagoa) e o The Tower (beira-lagoa).

No início do lado francês, o canto esquerdo da belíssima praia de Baie Longue é dominado pelo já citado Belmond La Samanna.

Na beira da estrada que leva a Marigot, o Mercure St.-Martin foi todo renovado recentemente. O centrinho de Marigot tem uma boa opção econômica, o Centr'Hotel.

O centrinho de Grand-Case é perfeito para quem quer jantar bem e eventualmente cair na night sem precisar pegar estrada (nem enfrentar a lei seca francesa). O bochinchado Love Hotel, pé na areia, oferece uma boa relação preço x charme. Se estiver podendo, cacife o novinho Bleu Émeraude ou o Le Shambala, que tem um quê de pousada de charme da Bahia. Mas se for para economizar, o modesto Hévea andou ganhando um banho de loja e está valendo a pena.

Em Anse Marcel, entre Grand-Case e Orient Beach, o Riu Palace St.-Martin ocupa as instalações do antigo Radisson Blue. A praia é privativa (e belíssima). À diferença de outros hotéis da rede, o sistema não é all-inclusive.

Orient Beach tem muitos hotéis baixinhos de ótimo padrão, posicionados logo atrás dos clubes de praia. Estão ali o Esmeralda, o Alamanda, o L'Hoste e o La Plantation. Os hotéis do lado nudista são tão naturistas quanto a praia: o velhusco Club Orient fica pé na areia, enquanto o hotel-boutique Club Fantastico está no alto de uma colina.

18 comentários

camilla
camillaPermalinkResponder

Boa noite.Qual é o melhor local para se hospedar e aproveitar uma praia bonita e calma de noite,com opção de restaurantes e comércio próximos?muito obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Camilla! Nossas dicas de melhores locais pra hospedagem estão neste post mesmo. Aí é você quem precisa pesar qual das combinações é mais interessante. smile

Tatielli
TatielliPermalinkResponder

Olá boa noite! Gostaria de saber qual hotel é o mais próximo do aeroporto Princesa Juliana. Desde já agradeço.
Obs: Acho que é Princesa Juliana mesmo.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tatielli! É o Sonesta Maho Beach.

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Gostei muito de ficar no Radisson, nao precisa pegar muita estrada p jantar a noite, e durante o dia vc acaba sai do com carro mesmo p percorrer a Ilha.

Jairo
JairoPermalinkResponder

Em 2008 escrevi uma resenha sobre o Alamanda e as proximidades, uma excelente experiência que tive...mais em: http://www.tripadvisor.com.br/ShowUserReviews-g1073588-d250510-r19413185-Alamanda_Resort-Orient_Bay_Saint_Martin_St_Maarten_St_Martin.html#mtreview_19413185

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Olá, pq vc não fala sobre o Sonesta neste post ? Estou entre Bahamas e St. Maarten, qual destino é melhor ? Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! O Sonesta é o Maho Beach, o link caiu, vamos consertar.

Não existe um destino "melhor" em si. Tudo depende do uso que você vai fazer dele, e do que espera como hospedagem. Se você está pensando no Atlantis, não há nada remotamente comparável em St. Maarten. Se você quer a experiência de visitar várias praias e comer à francesa, St. Maarten será melhor que as Bahamas. Se você quer mergulhar, Bahamas será melhor que St. Maarten.

raquel
raquelPermalinkResponder

oi ricardo, estou indo pra st martin no inicio de marco. fiquei meio preocupada com um comentario que li sobre o risco de ser roubada na areia qdo for dar um mergulho. isso acontece lah msm? tambem gostaria de saber como eh essa coisa de lei seca lah, se tem blitz e se dah para escapar disso....nao tenho planos de "cair na night", mas um jantar com vinho eh essencial! por ultimo gostaria de saber onde vc recomenda ficar lah. eu nao sou do tipo grandes hoteis/ resorts all inclusive....prefiro coisas menores, mas com certo conforto. fui a st barth duas vezes jah, adorei e toh meio cabreira de ficar tecendo comparacoes o tempo td entre os dois lugares....obrigda desde jah. raquel. ps: adoro o seu blog!!!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Raquel! Tomar cuidado para não ter suas coisas furtadas é fundamental em qualquer destino. Se você sabe fazer isso numa praia no Brasil, vai tirar de letra fazer lá também. smile
Hospedar-se no centrinho de Grand-Case é ideal para o combo restaurante + balada sem precisar pegar estrada. Há algumas dicas de locais aqui na seção "Onde Ficar" mesmo.

luiz b
luiz bPermalinkResponder

estou em dúvida entre 3 hoteis, o Flamboyant le village condominium , o Simpson bay resort and marina ou o centr hotel , qual a melhor localização?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luiz! Veja a opinião de ex-hóspedes do Centr'Hotel (que fica no centrinho de Marigot), do Le Flamboyant - Le Village Condominium (que fica em Baie Longue) e do Simpson Bay Resort and Marina (que fica em Philipsburg) no Booking. Para o Ricardo Freire, o eixo Maho-Cupecoy-Marigot-Grand Case constitui a melhor região para se hospedar.

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Oi Ricardo...eu não tenho carteira de habilitação internacional...apenas a do Brasil. Eles pedem isso na hora de retirar o carro? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! Você consegue alugar um carro e dirigir em St. Maarten com a habilitação brasileira. Não precisa da carteira internacional.

Norma Cristina

Olá!

Estou programando minhas próximas férias e St. Maarten está na minha wish list. A questão é q nem eu nem a minha parceira de viagem sabemos dirigir. Isto é realmente um problema na ilha? Vcs desaconselham a viagem pra quem estiver sem carro. Li no post sobre táxis. Sabem dizer se são mto caros por lá? Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Norma! É caro. Não é prático. Você não vai encontrar pontos de táxis nas praias. Toda vez vai ter que chamar e esperar. E vai ter que disputar a frota com os cruzeiros, que chegam diariamente e tendem a absorver os taxistas para passeios dos passageiros. É como estar em Florianópolis sem carro, só que ainda pior. Desafio você a encontrar um relato que seja na internet de férias sem carro em St. Maarten fazendo o tipo de turismo que brasileiro gosta -- explorando a ilha inteira, indo a todas as praias.

http://www.st-martin-vacation.com/IconsandGifs/taxi-fares2011.pdf

marcos correa
marcos correaPermalinkResponder

boa noite ,não li nenhum relato sobre (visto ) como temos que passar por miami é preciso visto de transito .
e qual é a linguá originaria local .
dês-de já agradeço

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcos! Você precisará de visto americano. Fala-se inglês, francês e holandês na ilha.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar