Andaluzia de carro: de Granada a Málaga, pelas Alpujarras

Trevélez, Alpujarras, Granada

A rota mais curta (cerca de 150 km) entre Granada e Málaga é pelo interior e pode ser aproveitada para um pit-stop na cidade histórica de Antequera.

Quando saímos com a Carmen em Barcelona, porém, ela comentou sobre as Alpujarras, um grupo de pequenos pueblitos espalhados ao pé da Sierra Nevada. Achei que o caminho valeria o desvio (e os 90 km a mais no trajeto). Não posso comparar com o que não vi em Antequera, mas pelo que vi nas Alpujarras valeu a pena, sim 😀

De Granada a Málaga via Las Alpujarras

Você parte de Granada pela moderníssima autoestrada que leva a Málaga, mas deixa a velocidade para trás aos 40 km do primeiro tempo, à altura de Lanjarón — onde é engarrafada uma famosa água mineral proveniente da montanha.

La Alpujarra

La Alpujarra

Lanjarón é grandota e não valeria mesmo a parada, mas no geral as Alpujarras valem mais pela topografia e pelas estradas do que pelo valor individual de cada cidade. São pueblitos blancos modestos, mas numa situação belíssima.

Pampaneira, Alpujarras

Um bom roteiro para curtir o melhor da estrada é pegar, imediatamente antes da entrada de Órgiva, a subida para Carataunas, Pampaneira e Pórtugos.

Pórtugos, Alpujarras

Este tramo da estrada leva pelo caminho mais bonito ao vilarejo mais alto da espanha, Trevélez — famoso por seu jamón e pela pesca no rio Chico.

Trevélez, Alpujarras

Trevélez vale uma paradinha — mas não ao pé da cidade, onde estacionam os ônibus. Continue até o Barrio del Medio, onde também dá para estacionar (na baixa temporada, pelo menos…) e dá para caminhar um pouco pelo Barrio Alto.

Trevélez, Alpujarras, GranadaTrevélez, Alpujarras, Granada

Para descer, siga em frente, e a paisagem do caminho será totalmente distinta — belos vales a perder de vista, e alguns trechos vertiginosos.

Antes de voltar à auto-estrada, ainda dá para parar em Órgiva, a maior das Alpujarras, um bom lugar para almoçar.

Órgiva, Alpujarras, Granada

De Órgiva lá são 110 km até Málaga — 100 km em excelente auto-estrada duplicada.

(Mas se você tiver mais uma noite em Granada, pode fazer as Alpujarras como bate-volta e seguir no dia seguinte por Antequera.)

Leia mais:

84 comentários

Olá, estou indo com minha irmã para Espanha em junho, chegaremos em Granada no dia 30/06 a noite e pegamos um carro. Temos duas diárias pagas em Granada, até 02/07. Dia 07/07 devemos chegar em Valencia, com mais dois dias. Dia 09/07 11h entregamos o carro e vamos para Madrid.
Gostaria que me sugerisse um roteiro e onde seria melhor dormir, dia 01 a tarde vamos conhecer Alhambra, fora isso queremos ir para Martos, cidade que tem o mesmo sobrenome que nós, Malaga, Almeria, cordoba, Murcia,Gibraltar e Sevilha.
Agradeço a atenção,
Adriana

Oi Boia! Muito obrigada pelas informações.

Realmente, fiquei pensando que ficaria corrido demais incluir Málaga e é Ronda a cidade que estou louca para conhecer. Mas será que a disposição de dois dias e meio em Sevilha versus 1 dia e meio em Granada está boa ou eu deveria reduzir Sevilha em meio dia p/ aumentar esse período em Granada?

    Olá, Talita! Sevilha tem muito mais o que ver do que Granada. Você poderia passar uma semana inteira em cada uma das duas, mas Sevilha merece mais tempo do que Granada.

Olá,

Estou montando meu roteiro para a espanha e gostaria da opinião de vcs.

Dia 1: Trem de Madri p/ Cordoba (pit-stop) – Sevilha
Dia 2: Sevilha
Dia 3: Sevilha
Dia 4: Ronda/Málaga (Carro)
Dia 5: Granada – Alhambra
Dia 6: Volta p/ Madri no final da Tarde de Granada.

Vale a pena retirar/acrescentar alguma cidade ou reduzir algum dia de alguma cidade para acrescentar outras que seriam mais interessantes do que essas que escolhi? Para um roteiro de 5 dias e meio posso melhorar minhas escolhas?

Obrigada!

    Olá, Talita! Se você vai de Sevilha a Ronda e Málaga num só dia, você não conseguirá fazer direito a Rota dos Pueblos Blancos.

    Mantemos a sugestão do texto: durma em Ronda, não vá a Málaga, vá direto a Granada.