Grand Oca Mararogi, all-inclusive ou meia-pensão em praia top

Miramar Maragogi

O Grand Oca Maragogi foi inaugurado em 2006 como o primeiro all-inclusive de Maragogi; na época, chamava-se Miramar.

Hoje o hotel funciona num regime misto (all-inclusive e meia-pensão convivendo juntos). Ainda não visitamos depois de ter se tornado Grand Oca, mas o básico — as instalações e a lindíssima praia — continua lá.

A localização

Miramar Maragogi

O Grand Oca está á beira da praia de Ponta de Mangue, 15 km ao norte do centrinho de Maragogi. É um trecho não-urbanizado, onde os coqueirais predominam e há poucas construções à beira-mar. Maragogi está exatamente na metade do caminho entre os aeroportos de Maceió e Recife; são 125 km para cada lado.

A praia

Miramar Maragogi

A costa norte de Maragogi é a mais bonita do município. Burgalhau, Barra Grande e Ponta de Mangue têm mar azul-bebê o ano inteiro.

Miramar Maragogi

Na gestão Grand Oca, a área de praia foi refeita: derrubaram a mureta de concreto e substituíram as espreguiçadeiras por outras muito mais bonitas. (Vi por fora e gostei muito.)

Miramar Maragogi

As instalações

Miramar Maragogi

O terreno do Grand Oca vai da estrada (AL 101) até a areia. A recepção fica nos fundos da propriedade. Blocos de bangalôs e apartamentos e a piscina ocupam o terreno até as proximidades da praia, onde estão as áreas sociais: restaurantes, spa, área de shows, bar, kid’s club, discoteca. Uma larga faixa de areia (contida pelo tal muro) estende-se por toda a frente do terreno, sob o coqueiral, fazendo as vezes de praia.

Os apartamentos

Miramar Maragogi

Das 228 unidades, 108 ocupam bangalôs (miniblocos térreos, com dois a quatro apartamentos geminados), postados ao longo da piscina, e 120 distribuem-se em quatro blocos de dois andares, sem elevador, no lado direito do terreno. Os quartos são básicos, sem frufrus.

Miramar Maragogi

A piscina

Miramar Maragogi

À moda de Porto de Galinhas, tem formato de rio, e vem serpenteando dos fundos do terreno até quase a praia. Tem decks molhados, área infantil, partes com diferentes profundidades e bar molhado. Por ali há música e atividades.

Miramar Maragogi

Miramar Maragogi

Na área dos apartamentos também há duas pequenas piscinas, para quem quer sossego.

Miramar Maragogi

Kid’s club

Miramar Maragogi

Fica do lado esquerdo, próximo ao mar. Quando passei por lá havia poucas crianças, então não deu para ver as atividades.

Refeições

Miramar Maragogi

O hotel funciona sob dois sistemas: all-inclusive (todas as refeições, lanches — exceto crustáceos –, bebidas alcoólicas e não-alcoólicas incluídos) e meia-pensão (café da manhã, jantar e uma bebida não-alcoólica no jantar incluídos). A cor da pulseira diferencia o regime de hospedagem de cada hóspede.

As três refeições são servidas no buffet do restaurante principal, com boa variedade. À tarde é servido um chá completo.

Existe um restaurante à la carte sob o coqueiral da frente, que funciona para o jantar. Reservas são obrigatórias.

Miramar Maragogi

Miramar Maragogi

Miramar Maragogi

A sala de ginástica

Miramar Maragogi

Divide o ambiente com um salão de jogos e é bem limitada.

O centro de mergulho

É operado pela Explorer Diving.

O spa

Miramar Maragogi

Há salas para massagens e tratamentos numa ala perto da praia. Ali perto, um tablado coberto serve para aulas de ginástica, sessões de ioga e capoeira.

Entretenimento noturno

A boate funciona todas as noites e na temporada há shows noturnos.

Os passeios

O hotel opera seus próprios passeios de barco às Galés de Maragogi.

Na palhoça de atividades (em frente à recepção) trabalham representantes de duas agências de receptivo. Esses são os passeios operados pela Tropicana (os preços são de 2011, espere pagar um pouco mais caro): Praia dos Carneiros, R$ 55; São Miguel dos Milagres, R$ 40; Porto de Galinhas, R$ 65; Recife e Olinda, R$ 80; Maceió com Gunga e Pontal da Barra, R$ 75.

Um cantinho

Miramar Maragogi

A quadra de vôlei de praia debaixo do coqueiral.

O hotel Grand Oca, em Maragogi…

  • É para você: que procura um resort numa praia linda e calma.
  • Talvez não seja pra você: que prefere resorts mais estruturados ou com apartamentos mais luxuosos.

Miramar Maragogi

Leia mais:

Passagens mais baratas para Maceió no nosso parceiro Kayak

Encontre seu hotel no Booking

Faça seu Seguro Viagem na Allianz Travel

Alugue carro em Maragogi na Rentcars em até 10 vezes

272 comentários

Ricardo

130,00 fora o combustivel??Desculpe se a pergunta é boba mas nunca aluguei carro e nao sei como funciona.

Obrigado e Abraço!

Ricardo
Estou indo agora em Março p/ o Miramar Maragogi e gostaria de saber se consigo alugar um carro no proprio resort.Nao tenho ideia de preço,pois sou marinheiro de primeira viagem.Se vc puder me dar uma ideia de quanto custaria em media e como funciona…!!Com relação a refeição do resort andam falando muito mal dela,é isso mesmo??Fiquei assustado!E sem querer abusar mas ja abusando gostaria que vc indicasse algum opção de bons restaurantes proximos do mesmo..!!

Abraço e parabens pelo excelente trabalho!!

    Olá, Ricardo! É possível alugar carro em qualquer resort. Pense em gastar uns R$ 130,00 por dia, incluindo seguros. Ligue para o resort e eles certamente vão pôr você em contato com o guichê da locadora.

    Este resort é all-inclusive, comer fora é desperdiçar o seu investimento!

Riq, tava procurando na tabela de resort no menu de procura e o Miramar tá sem a Boia e linka direto com o site do resort. Como não desisti e coloquei ali na procura acabei achando o post. Só um lembretinho para ir colocar a bóia, para quem estiver procurando no lá nas sessões ache o post direto. 😉

Fiquei no Miramar. A praia é bonita.O resort não é luxuoso mas atende. A comida é ruim e bebidas e aperitivos bem caros(água 4,00-refri 6,00-cerveja sol 6,00-Cheeseburger 19,00).O lugar é isolado e o hospede fica sem alternativa.Não gostei.Achei caro para o que oferece.

Caramba essa praia parece ser demais!!!!Para se chegar nesste ponto da praia só consegue quem está hospedado no resort???

    As praias são públicas. Basta continuar de carro ao norte de Maragogi e pegar caminhos de terra para estabelecimentos em Ponta de Mangue ou Burgalhau. A estrada passa a 1 km da praia.

Me hopedei na rota ecológica na maravilhosa Pousada Cajú, mas passei um dia na praia do resort, pois não resisti de curiosidade depois de ler um comentário postado pelo Riq no Freire’s sobre o mar azul-calcinha… E não é que era um azul fantástico mesmo, ofuscante, sem dúvida uma experiência caribenha… E como se não bastasse além da água mais linda, foi a mais quentinha de várias praias visitadas em Alagoas, parecia uma água termal em meados de Outubro, a praia muito sossegada e um coqueiral lindíssimo. Porém, como nem tudo é perfeito, ao contrário da rota ecológica lá a rodovia passa muito próxima, a infra de outros pontos da praia é precária, pelo que ví é só o resort mesmo, casas abandonadas…, partes da praia com lixo na areia (O que não acontece na rota ecológica, por conta do cuidado dos donos de pousadas), a areia é mais batida e a praia seca muito na maré baixa, só pude aproveitar a água quando a maré encheu, senão teria que ir em alto mar para que a água batesse na cintura… No geral é linda mesmo e vale muito a pena.

Normalmente não vou a resorts nas minhas férias, mas conheço quase todos do Brasil por causa de seminários e convenções e eles sempre me lembram ….seminários e convenções KKKKK, hotéis bonitos, confortáveis, grandes, mas com praias ruins ou no máximo médias, muitas crianças, comida de bufet e animadores de resorts. No ano passado, meu marido não pode viajar nas férias comigo e resolvi passar uma semana em algum lugar da rota ecológica, que eu adoro com minha tia. Como eramos duas mulheres sozinhas abri mão, meio mal humorada, das pousadas simpáticas pela segurança de um resort e qual não foi minha surpresa ADOREI!!!!A praia é fantástica, a piscina simpática, pouquíssima animação de resort, comida razoável para bufet ( vamos confessar bufet nunca é legal), petiscos e bebidas bem honestos, ou seja super relax, quartos podem não ser luxuosos, mas dá para o gasto e eu voltei totalmente zem.

Bom dia
Fiquei com o meu marido no Miramar no final de novembro 2010. AMEI o resort, os funcionários são super atenciosos,a praia da de 10 a zero em relação a praia do Salinas. Só não gostei da comida, não tinha sabor algum, nada, nem o basico arroz com feijão dava pra comer. Ficamos comendo os petiscos que eram bem melhores que a comida. Tirando esse fator vale muito a pena ficar lá. Se me perguntarem se eu voltaria? Sim, com certeza, a praia e o resort valem muito a pena!!!

Fiquei no miramar logo após sua inauguração. Fui muito feliz, o mar é lindo mesmo, a comida era mto boa e só tinha argentinos, aliás a língua falada até pelos funcionários era espanhol.

Riq, pela foto, a caipirosca parece ser de cajá, não? Que é diferente do umbu-cajá… Acho q cajá melhor, inclusive.
Não conhecia ainda esse resort… Fica p/ o próximo ano…
Nesse fui na Pousada do Caju, por sua causa, e fiquei com vontade de morar lá…

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.