Que moeda eu levo para o Chile?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Pesos chilenos

A moeda corrente no Chile é o peso chileno. Depois de um bom tempo valendo em torno de 230 pesos chilenos, o real se desvalorizou também frente à moeda chilena, e hoje (julho/2015) vale em torno de 180 pesos. O dólar está em 645 pesos (julho/2015). Veja as cotações atuais no site do Cambios Santiago.

Vale a pena comprar pesos chilenos no Brasil?

Não é comum haver pesos chilenos à venda no Brasil, mas as maiores corretoras podem arranjar para você. É difícil, porém, que a cotação seja vantajosa. Informe-se sobre o câmbio usado e compare com a cotação informada em sites como Oanda.

Vale a pena levar reais para o Chile?

Nas casas de câmbio do Centro e de bairros importantes de Santiago costuma-se conseguir uma boa cotação por reais.

A principal rede de casas de câmbio do Chile é a Afex. Algumas sucursais que abrem todos os dias: na calle Catedral 1063, Centro (2a. a 6a. das 9h às 19h; sábado, domingo e feriados das 10h às 19h); na Estação Central (2a. a 6a. das 9h às 20h, sábado das 10h às 19h, domingo e feriados das 11h às 18h) e no shopping Parque Arauco (2a. a sábado das 10h às 20h30; domingo e feriados das 11h às 20h30). Na zona hoteleira de Providencia há a sucursal da Pedro de Valdivia 012 (2a. a sexta das 9h às 18h; sábado das 10h às 14h; fechada domingo e feriados). É bom lembrar que as cotações são mais vantajosas nos dias de semana, durante o horário bancário; depois que os bancos fecham, e também nos fins de semana, as cotações baixam um pouco.

Mas para saber se está mais vantajoso levar reais ou dólares a Santiago, você vai precisar fazer pesquisa e conta; leia aqui.

Caso você vá para o Atacama, Lagos Andinos ou Patagônia chilena, não vale a pena levar reais: a cotação não será boa como em Santiago.

Vale a pena levar dólares para o Chile?

Dólares têm cotação justa em casas de câmbio de todo o país (menos nos aeroportos, onde a cotação sempre é baixa). É bom lembrar que as cotações são mais vantajosas nos dias de semana, durante o horário bancário; depois que os bancos fecham, e também nos fins de semana, as cotações baixam um pouco.

Para saber se vale a pena comprar dólares em vez de levar reais, porém, você vai precisar fazer pesquisa e conta (veja aqui).

Além disso, podem ser usados para pagar conta de hospedagem -- no Chile, quando o estrangeiro paga hotel em moeda forte (dólar, euro ou cartão de crédito/débito internacional) ganha isenção do IVA, o ICMS local. (Em hostels ou hotéis muito simples, não-cadastrados no programa de incentivo, essa medida pode não valer.)

Se você vai para o Atacama, os Lagos Andinos ou a Patagônia chilena, dólares terão melhor cotação do que reais.

Vale a pena fazer saques em moeda local nos caixas eletrônicos?

Se você não gosta da insegurança de carregar dinheiro vivo, nem quer perder seu tempo valioso de férias procurando casa de câmbio, esta é a minha recomendação para conseguir o dinheiro para os gastos do dia a dia.

Para isso você precisa habilitar o seu cartão de banco para saques internacionais. Não é preciso que haja um caixa do seu banco para realizar os saques; normalmente todos os cartões funcionam em todos os caixas. O IOF é de 6,38% e há tarifas de uso do equipamento bancário -- por isso, faça retiradas sempre equivalentes a pelo menos 200 dólares (no Chile, 130.000 pesos), para que as tarifas não pesem.

O melhor de sacar dinheiro em caixa eletrônico é que sempre existem caixas no seu caminho, abertos 24 horas por dia, 7 dias por semana, oferecendo a mesma cotação em todos os horários.

Vale a pena fazer gastos com cartão pré-pago no Chile?

As vantagens são a segurança (você não leva dinheiro vivo) e a estabilidade cambial (você congela a cotação no momento da compra a moeda; se o real desvalorizar durante a sua viagem, você não é afetado). As desvantagem são duas: você paga 6,38% de IOF na hora de comprar a moeda; e, como você vai precisar carregar o cartão em dólar, ao usar no Chile haverá uma perda de até 5% no câmbio (semelhante à perda que você teria se fosse a uma casa de câmbio trocar fisicamente os seus dólares por pesos). Esse tipo de cartão vale mais a pena quando a moeda corrente é a mesma que está carregada no cartão (cartão pré-pago em dólar para usar nos Estados Unidos; cartão pré-pago em euro para usar na Europa, etc). Não existe cartão pré-pago carregável em peso chileno.

Vale a pena fazer gastos com cartão de crédito no Chile?

Eu continuo usuário fiel de cartão de crédito. A cotação sempre é mais vantajosa do que a do papel-moeda e do cartão pré-pago; no fim das contas, a diferença não é de 6%, mas de 3 ou 3,5% -- que volta facilmente para a minha conta sob a forma de milhas. A desvantagem do cartão de crédito está na instabilidade cambial: o dólar que vale é o do vencimento da fatura, não o do dia da despesa, então se houver desvalorização do real, você pagará mais caro pela viagem.

Onde conseguir pesos chilenos no aeroporto de Santiago?

As casas de câmbio que operam 24 horas no aeroporto usam uma cotação desvantajosa. Só faça câmbio em último caso. O melhor é usar os caixas eletrônicos para sacar pesos com o seu cartão de banco (habilitado para saques internacionais).

Os táxis oficiais do aeroporto aceitam cartão de crédito. A corrida sai entre 31 e 35 dólares.

Leia mais:

752 comentários

Rogerio Maciel

Viajo para Santiago em 02/04/15. Como marinheiro de 1ª viagem gostaria de saber melhor forma de adquirir moeda local.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rogerio! Você pode habilitar seu cartão de débito para fazer saques no Chile ou levar reais e dólares e trocar em casas de câmbio. wink

Aline Albuquerque

Rogério,

Duas coisas são certas e dificilmente mudam:
1)Não compre pesos no Brasil, pois vai pagar entre 20 e 30% mais caro do que se comprar em Santiago, 2) O comércio aqui não aceita reais.

Para ver cotaçao local e decidir quais (Qual) moeda(s) trazer, consulte o site www.guinazu.cl (quando cheguei estava melhor trazer reais do que dólar, mas isso pode mudar de um dia para o outro).

Aconselho também a desbloquear o cartão de credito para uso internacional, pois caso os preços por aqui te surpreendiam e a grana fique curta, o cartão pode te salvar.

Marina
MarinaPermalinkResponder

Vou para o Chile em Abril. Preciso comprar 500 dólares para o hotel, mas ele está a R$3,10. Será que compro os dólares esta semana ou espero até abril? Ou pago tudo em peso chileno com 20% de IVA?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marina! Impossível ter certeza sobre a trajetória do dólar. Se está com medo que suba, compre. A diária em peso ou em dólar será equivalente; se pagar em peso com IVA, pagará 20% a mais.

Alexandre
AlexandrePermalinkResponder

Olá, Bóia. Aproveitando o ensejo da pergunta da Marina: essa isenção do IVA vale para albergues também (hostels)?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alexandre! Há leitores que estão dizendo que mesmo nos hotéis mais baratos o desconto não é oferecido. Vale a pena perguntar no hostel.

Harlan Rodrigo

Rapaz, acabei de voltar do Chile (San Pedro de Atacama e Santiago) e nos dois lugares paguei em pesos e não tive que pagar a taxa de 19%. O dono de um dos estabelecimentos disse que esse imposto é basicamente para chilenos e estrangeiros não precisam pagar.

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Oi Harlan. Eu vou pro Chile agora em abril, vou direito pra San Pedro e só na volta passo em Santiago. Sabe me dizer quanto estão cotando o real em San Pedro?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! Ao Atacama, leve dólares.

Michelle
MichellePermalinkResponder

Olha, eu não tenho muito entendimento sobre, mas assistindo uma entrevista na globo news esta semana, e fizeram justamento esta pergunta, se tem alguém com viagem programada, e qual a melhor recomendação a respeito de adquirir o dólar, e o especialista recomendou que fosse comprando agora, pois no estado atual, a tendência é só subir, podendo chegar chegar até 3,20 (Esse valor já é absurdo, para o dólar de turismo seria em torno de uns 3,30).

Silvia G
Silvia GPermalinkResponder

Esse dolar alto interfere nos gastos em Santiago?
Digo com alimentação, passeios, compras...
Pq passagem e hospedagem estão garantidos já.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! Sim. O real está desvalorizando frente o peso chileno também.

Jarbas Pondé
Jarbas PondéPermalinkResponder

0Olá. Estou em Santiago hoje (17/03/15), também tinha muita dúvida sobre qual moeda trazer... acabei trazendo USD e R$... Ontem troquei reais aqui no bairro de providência, no metro Los Leones (um mini shopping acima da estação) tem um casa de câmbio que pagou $202 pesos chilenos por real, no aeroporto e patio bellavista pagaram apenas $185 por cada real, então em providência cotação bem melhor!! O dolar esta $615 no aeroporto e $630 em providência....
Segue a dica... Fresquinha!!!!!!

Vasco
VascoPermalinkResponder

Excelente dica Pondé, obrigadoo

douglas
douglasPermalinkResponder

Obrigado pela dica Jarbas estou indo em julho para Santiago.

Olimpio
OlimpioPermalinkResponder

ótimo post, estou indo pra santiago final de junho ate primeira semana de julho, ja fiz todo roteiro pegando as informações aqui, mas estou em duvida este estes 2 cartões "Visa Travel Money" ou "MasterCard Cash Passport". pq depende do local uma bandeira é mais aceita que outra. Qual dos 2 vcs me indica pra levar ???

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Olímpio! Ambos têm aceitação idêntica. Os que têm menor aceitação são os da American Express.

marcio
marcioPermalinkResponder

Olá.Estou com viagem marcada para santiago em Agosto. Possuo alguns Euros que sobraram de viagens. Consigo troca-los com facilidade em Santiago ??ou seria melhor levar Reais ??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcio! Casas de câmbio trocam dólares, reais ou euros.

Osvaldo
OsvaldoPermalinkResponder

Beleza de post que tirou minhas dúvidas. Vou em maio pela primeira vez ao Chile e não vou comprar dolar porque está muito alto.Vou de reais, saques em caixas e cartão de crédito. Um abraço.

Diego
DiegoPermalinkResponder

Olá pessoal. Estou em Santiago neste momento e a melhor cotação que consegui foi 190 pessoas em uma casa de câmbio na esquina da augustinas.

Marina
MarinaPermalinkResponder

Post maravilhoso!!!!! Tirei todas as minhas duvidas☺️

Vou apenas pernoitar em Santiago (chego as 23:20 e nisso voo para puerto montt é as 10:15). Alguem sabe de alguma casa de câmbio fora do aeroporto que seja 24h ou abra super cedo? Se não, alguém tem alguma alternativa além do saque?

Outra coisa.. Pra quem está por agora no Chile... Como está o tempo por aí? Precisaremos de muitos casacos???

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marina! Para os Lagos, leve dólares. Esteja preparadas para mínimas em torno de 10ºC no Sul.

Juliana Patricio

Olá!
Excelente post. Estou indo para Santiago e Atacama dia 10/04 e decidi levar reais para trocar em Santiago e habilitando os cartões para emergência.
Quanto a San Pedro de Atacama, seria melhor já levar os pesos cambiado em Santiago, certo?

Abraços,
Juliana

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Juliana! Sim, ou pesos comprados em Santiago, ou dólares para trocar em San Pedro.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

O assunto deste post é MOEDA e tem todas as dúvidas respondidas no texto, recomendamos ler com atenção.

Para informações adicionais sobre Santiago e o Chile, por favor consultem:

Primeira viagem a Santiago

http://www.viajenaviagem.com/destino/santiago

http://www.viajenaviagem.com/destino/lagos-andinos

http://www.viajenaviagem.com/destino/atacama

Larissa Spricigo

Olá! Gostaria de uma orientação: Vou ao chile agora no início de maio. Chego no aeroporto de Santiago e já embarco para Puerto Montt. Sabes me dizer se é mais vantajoso trocar reais no aeroporto ou em Puerto Varas? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Larissa! Em nenhum dos dois lugares. Só troque reais no centro de Santiago ou em Providencia. Leve dólares.

José Geraldo
José GeraldoPermalinkResponder

Olá, estive em Santiago entre os dias 01/04/2015 a 11/04/2015 e a melhor cotação do Real que encontramos foi de R$ 1,00 = 184,00 Pesos, isso na Rua Augustina onde existe vária Casas de câmbio. Acredito que nesses últimos dias o Real tenha valorizado um pouco.

Ana Paula
Ana PaulaPermalinkResponder

Olá,
Gostaria de uma ajudinha.. vou a Santiago sozinha agora em maio e não quero utilizar o cartão de crédito. Para o táxi do aeroporto até o hotel que fica no bairro Providência qual seria a melhor opção? Chego no vôo das 23 horas, tem casas de câmbio abertas, ou seria melhor eu levar dólares?
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Paula! Tem casa de câmbio aberta. Mas no aeroporto, e à meia-noite, a cotação vai ser tão ruim, tanto para dólar quanto para real, você vai perder bem mais do que os 6,38% do IOF do cartão de crédito.

Dayane
DayanePermalinkResponder

Obrigada pelas dicas vou pro Chile em outubro estou planejando tudo com antecedência.

Angelina
AngelinaPermalinkResponder

Estou com algumas notas de 100 dólares, mais antigas e me disseram que no Chile não aceitam. Só aceitam as mais novas em que a foto é maior.

WILTON BRITO
WILTON BRITOPermalinkResponder

Tenho Euros de uma viajem anterior para a Europa, troco no Brasil Euro por Dólar ou levo os Euros para Santiago ou troca lá?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Wilton! Leve os euros. A cada operação de câmbio você perde dinheiro.

Auberto
AubertoPermalinkResponder

Estou indo para Santiago dia 15 de agosto, hoje a cotação do dolar está em R$ 3,37.
Porem, nas casas de cambio eles estão fazendo a troca a R$ 3,55.

Quando compro com cartão internacional, qual preço eu pago, o oficial a R$3,37 ou R$3,55, alem dos 6,5% de IOF

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Auberto! A taxa de câmbio do cartão é semelhante à da casa de câmbio. A cotação oficial do jornal é a do dólar comercial, inacessível a viajantes.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Comentar novamente

Cancelar