Amsterdã

Mais certinha que doidona

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Amsterdã é a Bangkok do Primeiro Mundo – um lugar que provoca risinhos maliciosos quando você conta que vai para lá.

Para a imensa maioria dos visitantes, porém, o binômio sexo-drogas é quase irrelevante: rende um passeio rápido ao Bairro da Luz Vermelha e fotos de cafés esfumaçados – do lado de fora.

O que fica de uma temporada em Amsterdã é o encanto de estar numa cidade que é a um só tempo obra de arte e de engenharia.

Você vai querer estar de cara limpa (e sem luz vermelha por perto) para passear por seus canais concêntricos e atravessar algumas de suas 400 pontes, admirando as proporções peculiares de seus edifícios e aproveitando a simpatia do povo mais desencanado que vai encontrar na Europa.

Quando ir

É difícil pegar tempo bom na Holanda. Venha preparado para pegar alguma chuva em qualquer época do ano. O verão não chega a ser quente no sentido brasileiro da palavra; o inverno pode registrar temperaturas negativas.

O verão é gostoso para curtir a cidade ao ar livre. Mas se você quer ver os campos de tulipas de Keukenhof, venha no início da primavera: o parque só abre durante algumas semanas. Em 2015 vai ser de 20 de março a 17 de maio (o pico da floração é em abril).

Para encontrar clima de carnaval, venha no Dia do Rei (27 de abril) ou no fim de semana da Parada Gay, que em Amsterdã é aquática, pelos canais (em 2015 vai ser dia 2 de agosto).

Como chegar

A KLM tem vôos diretos de São Paulo. Todas as outras cias. aéreas que servem a Europa voam com uma conexão.

É conveniente chegar de trem se você vem de Paris (3h50), Bruxelas (2h30) e Colônia (2h40). De Berlim são 6h20: compare com o preço do avião para ver o que vale mais a pena. De todos os outros cantos da Europa, venha de avião.

Se estiver fazendo uma viagem picadinha, tente incluir Amsterdã na sua passagem transatlântica (a associação entre KLM, Air France e Alitalia torna isso ainda mais fácil).

Onde ficar

A localização mais privilegiada em Amsterdã não é em nenhuma região específica, e sim numa posição determinada: tente ficar à beira de um canal. Se passar por um canal for a primeira e a última coisa que você fizer no seu dia, a sua estada na cidade vai ser ainda mais bonita.

O bairro mais bacaninha da cidade é o Jordaan. O mais central para turistagens e noite são os arredores de Rembrantplein (mas pode ser barulhento). As imediações da estação central (incluindo a avenidona Damrak) não são muito bem encaradas. Se puder, evite.

Para alugar, tente o Jordaan. Ou invista numa casa-barco — serão os euros mais bem aplicados da sua viagem.

Daqui pra onde

Os moinhos de vento de Zaanse Schans estão a 20 minutos de trem; a pitoresca cidadezinha de Delft, a uma hora. Para ir ao Keukenhof, o parque das tulipas, pega-se um ônibus especial (1h30 de viagem).

Na Bélgica, Antuérpia está a 1h30, e Bruxelas, a 2h30. Mas Bruges continua distante demais para um bate-volta: são 3h40 de viagem, com baldeação em Bruxelas (deixe para fazer quando estiver a caminho de Paris). Colônia, a 2h40, é a porta de entrada para uma viagem pela Alemanha.

Amsterdã no Viaje na Viagem

22 comentários

Atenção: perguntas que já estejam respondidas no texto e comentários ofensivos ou em maiúsculas serão deletados.

Cancelar
Fabio Bernardino

Procurei nos sites de aluguel e por aqui mas não achei nada.

Alguém sabe se é possível (e onde) alugar uma e-bike (elétrica) em Amsterdam ?
Obrigado.

Leila
LeilaPermalinkResponder

Adoro as dicas do blog, graças a elas fiquei no Hotel Arena e achei ótimo. Se posso dar uma dica agora que voltei de lá é usar o aplicativo The Map, caminhei muito por lá sem me perder graças a ele, funciona offline e ainda tem a localização de museus, pontos turísticos e etc. Abraços!

Mariella Righetto

Bom dia Boia, me ajuda? Ir em inicio de Novembro é furada? Algum destino na Europa vale a pena nessa época?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mariella! Novembro é considerado um mês chuvoso na Europa, mas nada que vá atrapalhar a sua viagem. wink

Joel Antonio Balbuena

Gostaria de receber informações sobre campings se estão aberto no inverno, estaremos viajando para berlin amsterdam e paris entre os dias 19/12/14 e 08/01/15
agradesço desde ja

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Joel! Acampar significa se hospedar fora da cidade. No frio, a idéia não é das melhores. Prefira ficar em albergue. Dê uma olhada no HostelWorld: http://www.hostelworld.com/

ana lucia
ana luciaPermalinkResponder

Boa Noite!
Estou indo a Amsterdã em janeiro próximo e gostaria de uma dica de hotel que não fosse muito caro,mas tb não me deixasse longe do centro. Seria possível?
Fiz reserva em um mas depois de ler aqui que o local não era recomendado cancelei a mesma. Poderiam me ajudar?
Grata,
Ana

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Lucia! A hospedagem em Amsterdã é bastante cara. Veja os hotéis recomendados pelos leitores aqui: http://www.viajenaviagem.com/2011/06/hoteis-em-amsterda-os-relatos-dos-leitores/

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Bom dia, estou fazendo estágio em Marseille, o qual acaba dia 31 de dezembro e depois tenho 20 dias para viajar, dentro os destinos, queria conhecer Istambul, Berlim e Amsterdã, voltando para Paris (Paris não conta nos 20 dias). Consigo fazer outras cidades do leste europeu, ou é melhor ficar so nessas 3 cidades?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Arthur! Recomendamos pelo menos 4 dias inteiros para Berlim, 3 dias inteiros para Amsterdã e 4 dias para Istambul, sem contar o dia do deslocamento. Para Budapeste, Praga e Viena, 3 dias inteiros cada, fora o dia do deslocamento.

carlos oliveira

Boa tarde amigos do VnV!
Procurei uma página mais específica para esta pergunta, porém não encontrei.
Poderiam me dizer se em Amsterdam é comum as pessoas pedirem garrafa d`'agua na mesa nos restaurantes (água da torneira mesmo), tal qual na França? Ou lá sempre o povo paga pela água em restaurantes?
Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Carlos! Não é costume não:
http://chowhound.chow.com/topics/918894

Cezar Romero
Cezar RomeroPermalinkResponder

Quero saber se compensa em termos de passeio alugar um carro em Amsterdam para fazer o percurso Amsterdan - Eindhoven - Dusseldorhf - Colonia - Frankfurt

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cezar! Compensa não, a não ser que você vá à Europa para conhecer auto-estradas. Carro funciona em regiões delimitadas, onde você possa curtir as estradas secundárias, sem pressa. Carro e cidade grande tampouco combinam, é um stress só para entrar, ficar, se locomover e sair.

Leia:
http://www.viajenaviagem.com/2007/08/europa-aviao-trem-ou-carro

Nayla
NaylaPermalinkResponder

Vou passar 3 dias em Amsterdã. Quero ir a 2 museus, fazer walking tour pela cidade e pelo red light district.
Gostaria de saber se vocês acham que vale a pena fazer um passeio Zaanse-Schans-Windmills-Marken-and-Volendam que dura umas 6h. Estou indo no inverno, dezembro. Acho que o lugar deve ser incrível.
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Nayla! No inverno o seu corpo lhe dirá se está a fim de fazer passeios com longa exposição aos elementos. As condições do tempo devem ser decisivas para você ter vontade de fazer esse tipo de passeio ou não.

Lilian Sousa
Lilian SousaPermalinkResponder

Olá Ricardo, vou fazer meu 1º primeira viagem a Europa do dia 01 a 15/11/14. Comprei minha passagem chegando em Amsterdã e voltando por Paris (era o trecho que achei em promoção). Agora estou em dúvida como faço o roteiro e o meio de transporte. Pensei em ficar em Amsterdã (3 dias), Londres (4 dias), Roma (4 dias), Paris (4 dias). Poderiam me ajudar? Estou adorando seu blog. Desde já agradeço. Abraço.

Maria das Graças

Lilian Sousa, voce tem algum compromisso em Roma? Se não tiver deixe-a para outra viagem. Roma está fora da sua rota.
Voce pode usar o trem para ir de Amsterdam a Londres e de lá à Paris. Ou então vá de avião de Amsterdam e Londres e de Londres a Paris de Eurostar.

Gerson
GersonPermalinkResponder

Olá, gostaria de saber se eu consigo comprar uma passagem de trem entre Amsterdam a Paris e fazer um pit-stop em
Bruxelas sem precisar comprar duas passagens, ou seja, não quero comprar (Amsterdam - Bruxelas) e outra (Bruxelas - Paris) gostaria de uma só. Se tiver como, tem como me orientar? Agradeço.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gerson! Para fazer o pit-stop, você irá comprar 2 passagens: Amsterdã-Bruxelas e depois Bruxelas-Paris.