Fortaleza: 8 praias na cidade e arredores

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Praias em Fortaleza: Vila Galé

Praia do Futuro, em frente à barraca Vila Galé

As praias centrais de Fortaleza -- Iracema, Meireles e Mucuripe)são bonitas, porém impróprias para banho. Para um dia na praia, você vai precisar ir pelo menos até a Praia do Futuro. Praias próximas também são destino de bate-voltas que podem ser feitos com carro alugado ou em passeio organizado. Os passeios podem ser comprados na recepção do seu hotel ou em agências de turismo receptivo da Beira-Mar.

Fortaleza e Aquiraz

Praia do Futuro
Praias em Fortaleza: Praia do Futuro

Fica a pouco mais de 10 minutos de carro da Beira-Mar: você sai por Mucuripe, segue pelo região portuária e logo estará na av. César Cals, que é paralela à praia. Vire em qualquer transversal e você dará na av. Zezé Diogo (renomeada oficialmente Clóvis Arrais Maia), a beira-mar da Praia do Futuro. São 6 km de praia reta e com faixa larguíssima de areia, onde estão instaladas as megabarracas que são uma das marcas registradas de Fortaleza: são pelos menos 30. Além do serviço de praia, todas têm restaurantes cobertos (em dois ou três casos, refrigerados!). Playground para crianças não são incomuns (algumas têm até piscina). As mais estruturadas têm mais cara de clube do que de barraca de praia.

O que eu curto mais na Praia do Futuro: está completamente a salvo de carros, bugues e quadriciclos na areia.

A barraca mais mega é a Crocobeach (nº 3.125). Outras barracas com boa estrutura para crianças são a Itapariká (nº 6.801), a Chico do Caranguejo (nº 4.945) e Atlantidz (nº 5.581).

Para um clima menos família, com música de DJ, tendas e sofazões, escolha entre a Órbita Brasil (nº 3879), que é a mais nova e mais charmosa, sem nenhum móvel de plástico nem mesmo sobre a areia, a Guarderia Brasil (nº 4.451) e a Sunrise Brasil (nº 4.959).

Numa linha mais saúde, a Santa Praia (nº 3.345) tem quadras de tênis de praia.

Se você for do time LGBT, então sua barraca é a Cabumba (nº 3.911).

Mas o que você procura é sossego? Pois não. A barraca do hotel Vila Galé (ponha no Waze o hotel Vila Galé Fortaleza) tem bom restaurante e está num ponto em que se formam piscininhas na areia na maré baixa.

ATENÇÃO: não caminhe no calçadão ou na praia por áreas ermas; há muitos relatos de assaltos. Nas barracas e no seu entorno imediato, porém, a segurança é total (só não deixe seus pertences de bobeira, claro).

Nas noites de 5ª feira, muitas barracas funcionam com o combo caranguejada + show de humor.

Porto das Dunas
Beach Park

Barraca do Beach Park

A 25 km da Beira-Mar na direção leste, Porto das Dunas é a praia onde está o Beach Park. Em termos de paisagem e características do mar, não há diferença em relação à Praia do Futuro. O que não existem aqui são as megabarracas em fila: a praia serve basicamente aos hóspedes dos hotéis. A exceção é a própria barraca do Beach Park, colada ao parque aquático. Fica num belo coqueiral e tem uma área vip, um 'bubble lounge' patrocinado pela Chandon. Mesmo na área plebéia, os preços são mais caros do que os das barracas da Praia do Futuro. Agências oferecem o traslado em van ou ônibus ao Beach Park por R$ 30 por pessoa, ida e volta (julho/2017).

Prainha
Prainha

A 32 km da Beira-Mar (ou 10 km adiante do Beach Park), a Prainha é a melhor opção de 'praia rústica' pertinho de Fortaleza. Por 'rústica', entenda: barracas normaizinhas, sem produção. Uma característica interessante aqui é que a faixa de areia é bem mais estreita do que na Praia do Futuro ou no Porto das Dunas, por isso as mesas ficam mais próximas da água. Se você for, aproveite para dar uma passada no Centro das Rendeiras. Evite ir no fim de semana.

Litoral leste

Águas Belas
Águas Belas

A 62 km da Beira-Mar(saia da CE-040 em Pindoretama), Águas Belas, em Caponga, entrou há pouco tempo no cardápio dos turistas, oferecida pelas agências de receptivo. E de fato as barracas que recebem os ônibus e vans estão num ponto excelente para banho, no encontro de um rio de águas azuis com o mar. Agências oferecem o passeio a R$ 40 (julho/2017).

Morro Branco
Labirinto de Falésias

Labirinto de Falésias

A 85 km da Beira-Mar na direção leste (saia da CE-040 em Beberibe), Morro Branco tem uma das atrações mais fotogênicas do Ceará: o Monumento Nacional das Falésias, um lindo caminho que se faz a pé por dentro de um desfiladeiro de falésias de diferentes tons. (A mais famosa das aberturas do Fantástico foi gravada ali, na encarnação passada.) Para almoçar e pegar praia depois do passeio, eu fugiria da área bagunçada das barracas de Morro Branco e farofada junto às bicas da vizinha Praia das Fontes e iria direto ao restaurante do hotel Bougainville, que fica no alto de uma falésia na Praia das Fontes. Querendo ir em excursão, agências oferecem o passeio a R$ 45; preço de julho/2017. (Minha dica: o passeio 3 Praias, que custa R$ 65 e inclui também Canoa Quebrada, não vale a pena. Você chega a Canoa com a praia já na sombra e, dependendo da maré, com o mar tendo comido boa parte da areia. Faça esse passeio só se você ficar em Canoa -- aí sim, vale a pena, porque você terá visitado Morro Branco sem ter alugado carro. Dá para voltar pela mesma agência que te levou, por R$ 45; preços de julho/2017.)

Litoral oeste

Cumbuco
Cumbuco

A 30 km da Beira-Mar na direção oeste, o Cumbuco é uma praia de dupla personalidade. Para o turista de Fortaleza, é uma central de passeios de bugue e quadriciclo, num circuito que vai logo depois da vila até a lagoa do Banana. De julho a dezembro, na temporada dos ventos, a praia ganha outros freqüentadores: kitesurfistas do mundo inteiro, que fazem do Cumbuco a kitesurf town mais próxima de Fortaleza. O bar de praia mais transado da zona urbana é o do hotel Duro Beach (r. Beatriz Correa, 64, tel. 85/3318-7213). Nos fins de semana da temporada funciona o badaladérrimo Café de la Musique, num futuro resort na ponta oeste da cidade (r. das Rosas, tel. 85/996-925-599). Vale avisar, contudo, que a beleza do Cumbuco está no colorido das velas de kite: a água do mar nunca está azul como nas praias de Fortaleza. Agências vendem o passeio por R$ 35 (julho/2017). No Cumbuco, o passeio de bugue sai R$ 280 para até 4 pessoas. É também possível sair de bugue já de Fortaleza, por R$ 350 até 4 pessoas.

Lagoinha
Lagoinha

A 110 km da Beira-Mar na direção oeste, a Lagoinha tem o cantinho mais instragramgênico do litoral do Ceará. É difícil tirar uma foto mais bonita que a duna do lado direito, com os coqueiros cuidadosamente espetados, como num jardim japonês. Pena que, ao rés do chão, a praia não seja tão gostosa -- é mais um pedaço que o Ceará perdeu para os bugues e quadriciclos. Ainda assim, acho que vale percorrer os 16 km desde a CE-085 (ou seja, 32 km ida e volta) para apreciar (e registrar) a vista do mirante. Agências vendem o passeio a R$ 50 (julho/2017).

Flecheiras & Guajiru
Guajiru

Guajiru, em frente ao Rede Resort

A 144 km da Beira-Mar na direção oeste, as praias de Trairi ficam um pouco longe demais para ir apenas passar o dia. Mas se você é rato de praia (e de estrada), o caminho é desimpedido, com 70 km em estrada duplicada. Originalmente a estrela desse trecho era Mundaú -- mas suas dunas perderam o apelo ao ganhar cataventos eólicos. Tanto Flecheiras quanto Guajiru (5 km adiante) oferecem um banho gostoso e a salvo de grandes farofagens. Escolha uma das barracas da vila de Flecheiras ou, para uma experiência mais charmosa, use como base o bar do Rede Resort de Guajiru. Na ida ou na volta, dê aquela passadinha para fotografar a Lagoinha smile

Se em vez de bate-volta você optar por ficar uma ou mais noites, além do Rede considere também o luxo exótico do Zorah Beach, o excêntrico Orixás Art Hotel ou, pegando mais leve no bolso, a Vila Vagalume (pé na areia em Guajiru) ou a Janelas do Mar (de frente para a praia em Flecheiras). À noite, o point é o Restaurante do NôNô em Flecheiras, com uma passadinha antes ou depois na galeria Vila Bonita.

Flecheiras é uma boa parada para quem continua viagem para o oeste. Icaraizinho de Amontada está a 90 km; Jericoacoara (ou melhor, Jijoca), a 175 km.

Leia mais:

33 comentários

Cristiano Neckel

Olá! Alguma dica de agência que faz esses passeios para Morro Branco e Praia das Fontes?
Parabéns pelo site! Tem sido a minha bíblia! E o Ricardo é o meu Jesus do turismo!!!!
Abraços
Cristiano

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cristiano! Tem duas agências citadas no começo do texto. Não testamos, porém.

Tatiana Wolff
Tatiana WolffPermalinkResponder

Que pena saber que Lagoinha virou isso... Estive lá quando não havia praticamente nada, até comer à noite era difícil... Era uma delícia, me apaixonei! O que falta pro governo proibir - ou fiscalizar, se já for proibido - o trânsito de veículos na areia??

Ricardo Freire

Tatiana, não faltam leis que proíbam o trânsito de carros na praia, mas na maioria dos lugares não são respeitadas. O quadriciclo não é visto como um veículo. O cearense está acostumado a usar suas praias como uma BR, infelizmente é a cultura local. Até Jericoacoara degringolou total. Eu fico falando para as peredes, sou uma voz isolada.

Cleide
CleidePermalinkResponder

Ricardo, sou cearense e posso te dizer que, na verdade, a maioria dos que conduzem quadriciclos e outros veículos em nossas praias são turistas.

Ricardo Freire

Cleide, quadriciclos e bugues com certeza estão ali para uso dos turistas. Mas os jipões, carros comuns e motos são de cearenses. Isso da areia ser uma estrada natural é um dado cultural entranhado não só na elite como também nas camadas emergentes.

Márcia
MárciaPermalinkResponder

Esse problema de carros na areia, infelizmente, existe em muitas praias do Brasil. Quando morei por 2 anos próximo à Curitiba, passei a frequentar a Praia do Leste no Paraná e ficava horrorizada com os carros fazendo da areia pista de corrida. Nunca tinha visto aquilo, pois sempre tinha morado no Rio de Janeiro, onde pelo menos não tínhamos este tipo de problema. Não sei como está agora, pois já voltei ao Rio há mais de 15 anos.

Camila
CamilaPermalinkResponder

O Onna Beach no Cumbuco tá bem caído. Tentei ir nesse feriado, mas estava bem mal cuidado, mal frequentado, acesso ruim.

FERNANDA MENDES

Moro aqui em Fortaleza, indico a Barraca Santa Praia, excelente som ambiente, e preço amigos. Na Lagoinha existe uma pérola que poucos conhecem a Lagoa da Almécegas um paraíso dentro da Reserva das Pedrinhas, tem redes na água, e uma caipirinha de Pitanga fenomenal.

Odimar Feitosa

Bem lembrado Fernanda! A Lagoa das Almécegas é linda!!! Fica bem próxima da praia, quem for a Lagoinha poderá pegar o catamarã e chegar e atravessar a lagoa, na outra margem tem restaurantes, lound, etc. As agências locais fazem o traslado.

Kelly
KellyPermalinkResponder

Olá, Ricardo!
Em fevereiro/2015 eu e meu namorado fomos à quase todas as praias que você mencionou.
Achamos Canoa Quebrada bonita, mas esperávamos mais.
Gostamos de águas calmas e fomos à Mundaú na maré baixa, excelente visibilidade para prática de snorkel e sem o 'assédio' dos vendedores ambulantes. Foi a mais sossegada e mais rústica que fomos. Talvez para quem quer fugir da badalação e curtir as piscinas que se formam seja uma ótima pedida!
Outro detalhe é que em Lagoinha a vista do mirante não consegue ser tão bela e exuberante, pois há várias construções na encosta do mirante e o visual acaba perdendo um pouco da graça.
Parabéns pelo site, muito bom, completo e condiz muito com o que o turista vai encontrar, sem falações.
Continue contribuindo, vcs ganharam uma leitora assídua da página smile

Marcelino
MarcelinoPermalinkResponder

Temos que conhecer.

Ana Paula
Ana PaulaPermalinkResponder

Olá Ricardo ou Bóia! Eu, meu filho de 14 anos e um amigo queremos ir para o Nordeste pegar um sol em julho (fugir do frio com chuva do sul) smile Pensamos logo no Ceará, mas ficamos um pouco decepcionados quando lemos sobre tantos carros, bugues e quadriciclos na praia... E nos disseram que em Cumbuco, nossa primeira idéia, a praia tinha areia dura e água barrenta... Procede?? Alguma outra dica boa em julho no Nordeste? Mar azul, viarejinho para passear à noite, pouca chance de chuva? Pode ser hotel ou resort... Muito obrigada!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ana Paula! O mar no Cumbuco é turvo não porque a água seja barrenta; é areia que levanta do fundo por causa do vento e do desenho da praia.

Leia sobre Barra Grande do Piauí:
http://www.viajenaviagem.com/destino/barra-grande-do-piaui

Marisa
MarisaPermalinkResponder

Oi pessoal do "Viagem", ouvi comentários a respeito do Orixás Art Hotel, em Flecheiras, de que estaria mal conservado, não valendo a pena o "investimento". Vocês têm notícias recentes de lá? Saberiam fazer uma comparação entre ele e o Vila Selvagem, em Pontal do Maceió? Especificamente, quero saber sobre os hotéis, pois as praias eu conheço! Abçs e obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marisa! O Orixás é uma casa grande, com vários quartos, alguns com pequenas piscinas privativas, na varanda ou no pátio. Está pé na areia, mas é uma casa, um predinho. O Vila Selvagem tem um terreno maior, gramado, piscina convencional, e os apartamentos estão em chalés. Veja qual tipo de hotel faz mais o seu gênero, e pesquise as resenhas do Booking, que são um guia seguro de experiências recentes e realmente verificadas.

Em Flexeiras, considere também o luxuoso Zorah ou o simpático Rede (que está no melhor trecho da praia em Guajiru).

Cassinha
CassinhaPermalinkResponder

Estou encantada com este site, e agradecida pela iniciativa, amo viajar apesar de não conseguir fazer muito, mas quando faço gosto de pesquisar e acho que já encontrei o lugar de pesquisa. Obrigada!

Felipe R. Moitinho

Olá, comprei um pacote para Fortaleza para maio deste ano, vou ficar na praia do futuro, fui ler sobre e sinceramente fiquei assustado, muita gente falando sobre assalto na praia do futuro, lendo uns 50 comentários todos diziam a mesma coisa, que é praia linda, excelente infraestrutura mas o grande problema é a criminalidade, todas as pessoas são assaltadas? praia realmente é assim?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Felipe! Se todas as pessoas fossem assaltadas, não haveria 30 megabarracas lotadas de gente todo fim de semana... Apenas não se recomenda caminhar entre as barracas.

Paula
PaulaPermalinkResponder

Felipe, é o seguinte: apesar de ter uma concentração considerável da rede hoteleira na praia do Futuro, não é um lugar legal para ''passear'' a noite. Então as barracas são bem movimentadas durante o dia, mas não tem aquela orla para passeio como tem na Praia de Iracema, Náutico, enfim. O local, infelizmente torna-se um pouco deserto a noite. Então para você curtir a cidade, terá que pegar um táxi e se deslocar para esses locais que citei anteriormente.

jandira
jandiraPermalinkResponder

Bom dia Felipe! realmente dizem isso da Praia do Futuro, mas minha filha está morando há 3 anos em Fortaleza e pertinho da Praia do futuro, na qual ela vai praticamente todo final de semana e graças a Deus nunca viu e nem aconteceu nada com ela, portanto cautela é sempre bom, pois a violência está em todo lugar. Curta bastante a praia do futuro que é muito linda, e não deixe de ir em Lagoinha. Bom passeio.

SHEILLA
SHEILLAPermalinkResponder

PARABÉNS pelo blog. Tudo que eu precisava saber sobre praias em Fortaleza encontrei aqui. Tudo muito bem explicado. Sem rodeios.Bom demais.

ederson scaramussa

salinas no pará uma praia linda porem divide-se espaco carro com pessoas, muito perigoso para criancas

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

Para ficar na região de Trairi vale a pena ir de carro? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Patricia! Sim, vale.

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

AH! A Desbravo não opera mais sad

Felisberto Cunha da SilveiraI

Realmente!
A praia do Futuro, tanto a I como a II, a noite é o reduto dos assaltos. Estou morando na Praia do Futuro II, e testei se realmente havia assaltos eu minha esposa fomos correr a beira mar , às 1730h próximo a barraca vila Galé fomos assaltados por 3. A nossa sorte é que não tínhamos nem alianças! Valeu o susto e fica a dica!

Luiz Rocha
Luiz RochaPermalinkResponder

Vá a prainha, local muito bacana e não tem carro na praia, não Vi nem bugre lá

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Quem puder esticar mais um pouco deve ir a Peroba, um pequeno paraíso ainda resistente a bugres e carros. Aliás, poucas praias de lá tem ruas com acesso a carros. Peroba fica no município de Icapui, a 197km de Fortaleza, depois de Canoa Quebrada. Lindas praias, mar tranquilo, pousadas aconchegantes e lagostas a um preço de dar água na boca!

Carlos
CarlosPermalinkResponder

Em Lagoinha fica a dica para almoçar no restaurante Mirante. Em frente ao Mirante. Preços módicos bem camaradas. Comida de excelente qualidade! Farta para duas pessoas. O melhor baiao de dois que comemos em todos os lugares. Peça o trio (peixe , camarao VG e lagosta) tudo na brasa! Depois, peça um brownie com sorvete! O atendimento é super cortês e agradavel. De zero a dez, nota ONZE!

Luciana
LucianaPermalinkResponder

Adorei todas as praias mas canoa quebrada sem dúvida e muito linda

Bruna Coelho
Bruna CoelhoPermalinkResponder

A praia Iracema continua sendo imprópria para banho? Qual o melhor lugar para se hospedar, gostaria de acesso fácil a praia e um local que possa frequentar à noite, sem correr riscos! Obrigada e parabéns pelo site

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruna! De vez em quando aparece um fortalezense dizendo que a praia de Iracema é OK para banho, mas olhe, não é uma coisa que muita gente de lá acredite. Senão já teriam montado estrutura de apoio.

Leia sobre onde ficar e o que fazer em Fortaleza:

http://www.viajenaviagem.com/destino/fortaleza/onde-ficar-fortaleza

http://www.viajenaviagem.com/destino/fortaleza/o-que-fazer-fortaleza

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar