Ushuaia

Guia de Ushuaia

Ushuaia

Localizada no arquipélago da Terra do Fogo, repartido entre Chile e Argentina, Ushuaia se autoproclama a cidade mais austral do planeta (embora o povoado de Puerto Williams, do lado chileno, fique um tantinho mais ao sul).

A partir de julho de 2022, vai ser ligada ao Brasil por voos diretos de São Paulo, duas vezes por semana.

Por que ir a Ushuaia

ushuaia lobos marinhos

Em um momento da história, Ushuaia já foi um lugar onde ninguém queria viver – o famoso presídio, hoje museu, foi construído ali como estratégia de repovoamento.

E agora é um lugar que todos querem visitar: para ver pinguins, lobos-marinhos e muitas espécies de pássaros bem de perto; para emular as viagens dos primeiros exploradores e partir em expedição ao Chile, ou à Antártida; para aproveitar a melhor temporada de neve da América do Sul.

Ushuaia não é aquela cidade alpina fofinha que fica com cara de Disney quando cai neve. Mas oferece experiências que você não vai viver em Bariloche.

Seja bem-vindo à pontinha do mapa-múndi!

Quantos dias em Ushuaia?

parque nacional tierra del fuego

Tanto no verão, quanto no inverno, 3 dias inteiros (ou seja, 4 pernoites) são o mínimo que se deve dedicar a Ushuaia, para não deixar nenhum dos principais passeios de fora.

  • No verão, com 3 dias inteiros em Ushuaia você visita o Parque Nacional Tierra del Fuego, faz a caminhada com pinguins na Ilha Martillo e a navegação pelo Canal de Beagle, para ver lobos-marinhos e cormorões.
  • No inverno, com 3 dias inteiros em Ushuaia você esquia no Cerro Castor, faz alguma atividade num centro invernal (trenó com cachorros, moto de neve ou quadriciclo) e a navegação pelo Canal de Beagle, para ver lobos-marinhos e cormorões.

Adicionando mais dias no verão, você consegue encaixar passeios alternativos como voo de helicóptero, passeio aos lagos Fagnano e Escondido e trekking à Lagoa Esmeralda.

No inverno, mais dias vão proporcionar mais oportunidades de esqui no Cerro Castor ou de atividades nos outros centros invernais.

Quando ir a Ushuaia

pinguins ushuaia

A melhor época do ano para se visitar Ushuaia é durante o verão, quando os dias têm mais horas de sol e são menos gelados. Fica mais agradável fazer o passeio pelo Parque Nacional Tierra del Fuego e, principalmente, é durante o verão que se vê mais pinguins na Ilha Martillo.

A temporada de pinguins em Ushuaia vai de outubro a março, e a colônia dos bichinhos aumenta em janeiro.

cerro castor ushuaia

Vá a Ushuaia no inverno se o principal objetivo da viagem for esquiar e fazer atividades na neve. Ushuaia tem a temporada mais longa das estações de esqui da América do Sul, e a neve é garantida do fim de junho ao fim de setembro. Mas saiba que durante o inverno não há pinguins em Ushuaia — e apesar de a navegação para ver lobos-marinhos continuar funcionando, e o Parque Nacional Tierra del Fuego se manter aberto, essas são atividades mais prazerosas em dias de verão.

O que levar na mala para Ushuaia

Em qualquer estação do ano, é importante levar a Ushuaia todo o seu arsenal de inverno: segunda pele térmica, cachecol, gorro, luvas, calçado impermeável e de solado antiderrapante, casaco fleece, jaqueta corta-vento.

Filtro solar, protetor labial e óculos escuros também são indispensáveis.

No inverno, se precisar alugar roupas de esqui, uma boa loja no centro de Ushuaia é a Jumping.

Câmbio em Ushuaia

Leia tudo sobre câmbio na Argentina na nossa página Que moeda levar.

Como chegar a Ushuaia

De avião

Novos voos diretos São Paulo-Ushuaia

Em julho de 2022 a Aerolíneas Argentinas vai inaugurar sua nova rota de voos diretos entre São Paulo e Ushuaia. Os voos fazem uma parada técnica em Buenos Aires na ida e na volta, mas os passageiros não descem do avião.

Os voos começam dia 4 de julho, com saídas de São Paulo na madrugada de 2ª e 6ª feira. A volta acontece domingo e 5ª feira.

  • São Paulo-Ushuaia – 2ª e 6ª, saída 1h10, chegada 8h15
  • Ushuaia-São Paulo – domingo e 5ª, saída 22h10, chegada 4h45

Os voos são também vendidos pela Gol.

Voos via Buenos Aires

A rota tradicional a Ushuaia inclui uma conexão em Buenos Aires. O voo de Buenos Aires a Ushuaia leva 3h30.

Pegadinhas:
  • Num vôo Brasil-Buenos Aires-Ushuaia, a imigração é feita em Buenos Aires. É preciso retirar a bagagem, passar pela alfândega e redespachar as malas. Não compre passagem com intervalo menor que duas horas entre os vôos – nem passagem que envolva troca de aeroporto em Buenos Aires (você precisaria de duas horas para se deslocar com segurança entre Ezeiza e Aeroparque).
  • Se você comprar os dois trechos (Brasil-Buenos Aires-Brasil e Buenos Aires-Ushuaia-Buenos Aires) separadamente, durma em Buenos Aires para não dar chabu na conexão. Quando os trechos não estão vinculados numa mesma passagem, se um voo atrasar e você perder o outro, nenhuma das duas cias. aéreas vai se responsabilizar.
  • Passagens mais baratas São Paulo-Ushuaia no Kayak
  • Passagens mais baratas Rio de Janeicro-Ushuaia no Kayak

Voos de outras cidades patagônicas

Antes da pandemia, Ushuaia era ligada por voos diretos, durante a temporada de verão, a El Calafate, Trelew e Bariloche. Atualizaremos aqui quando essas rotas forem retomadas.

Chegando (ou saindo) pelo Chile

De avião: antes da pandemia a DAP ligvaa Punta Arenas a Ushuaia por turboélice em meia hora. Vamos acompanhar se a rota vai ser retomada.

De ônibus: entre outubro e abril a Bus Sur faz a rota entre Ushuaia e Punta Arenas (11 horas), seguindo a Puerto Natales, onde estão as Torres del Paine (mais 3 horas).

De barco: entre setembro e abril a Cruceros Australis opera cruzeiros de 3 a 7 noites entre Ushuaia e Punta Arenas, no Chile. Os mais curtos, de 3 ou 4 noites, servem para se deslocar de um país para o outro. Leia nosso relato aqui.

Como ir do aeroporto de Ushuaia ao hotel

ushuaia

O aeroporto de Ushuaia fica a apenas 6 km do centro. De lá você pode ir ao seu hotel de táxi (no taxímetro), de remis (carro com motorista; valor fixo, por região), ou já sair com um carro alugado.

A diferença entre o remis e o táxi não é tão grande assim, mas, para hotéis no centro, vale mais a pena pegar táxi. Estime pagaro equivalente entre 10 e 15 dólares.

Não há transporte público ou serviço de shuttle regular entre o aeroporto e o centro.

De ônibus

Se estava pensando em vir de ônibus desde Buenos Aires – bem, esqueça, a menos que queira enfrentar 3.100 km de estrada. Não há ônibus diretos da capital. É preciso ir de Buenos Aires a Río Gallegos (36 horas de viagem, pela Andesmar, ou 40 horas, pela El Pingüino) e seguir de Río Gallegos a Ushuaia (12 horas de viagem, pela Taqsa/Marga).

El Calafate está a 880 km (são 12 horas de Ushuaia a Río Gallegos pela Taqsa/Marga, mais 4 horas de Río Gallegos a El Calafate pela Andesmar ou Taqsa).

Transporte em Ushuaia

centro de ushuaia

Se você estiver em um hotel bem localizado no centrinho de Ushuaia, só vai usar qualquer tipo de transporte na hora de fazer passeios.

Restaurantes, lojas e agências de receptivo estarão a uma distância perfeitamente caminhável. De toda forma, quando a chuva apertar, ou der preguiça de subir as ruas íngremes da cidade, há um bom número de táxis circulando pelo centro de Ushuaia (é só fazer sinal), além das agências de remis, como a Remis Carlitos (San Martín, 891).

Alugar carro só vale a pena se o seu hotel for afastado do centro, ou se você quiser conhecer o Parque Nacional Tierra del Fuego de maneira independente, sem excursão, no seu próprio tempo.

Pesquise preços de aluguel de carro em Ushuaia e reserve com antecedência. (Lembrando que, durante o inverno, circular de carro não é nada recomendável.)

tour organizado ushuaia

Os tours organizados ou incluem transporte, buscando cada passageiro em seu respectivo hotel, ou partem do porto turístico. É a maneira mais prática de se fazer passeios.

onibus linea regular ushuaia

Como alternativa, o serviço de ônibus chamado de línea regular leva ao Parque Nacional Tierra del Fuego, ao início da trilha ao Lago Esmeralda, à base do Glaciar Martial e a centros de inverno de maneira mais econômica.

Os ônibus partem em horários fixos de um pequeno terminal na esquina das ruas Maipú e Juana Genoveva Fadul, em frente ao posto de gasolina YPF. Consulte os horários no posto de informações da Secretaria de Turismo (Avenida Prefectura Naval, 470).

Onde ficar em Ushuaia

No centro

avenida san martin

O melhor lugar para se hospedar em Ushuaia é no centro, e quanto mais perto do porto turístico, melhor. Nas imediações ficam o posto de informações da Secretaria de Turismo e as agências de receptivo, e dali saem as navegações pelo Canal de Beagle.

O comércio da Avenida San Martín, a principal de Ushuaia, também vai estar à mão, além de bons restaurantes. E ainda: quanto mais perto do porto você estiver hospedado, menos ladeira você vai precisar encarar para ir e voltar do hotel todos os dias.

hotel cilene del faro ushuaia

O bem localizado Cilene del Faro é um apart-hotel com suítes equipadíssimas e espaçosas. Todos os apartamentos têm cozinha completa (com geladeira, fogão, microondas) e sala de estar separada do quarto. É como estar em casa, em Ushuaia. E o melhor: sem precisar lavar a louça do café da manhã, que é servido no restaurante do hotel.

Na quadra de trás, o careta Tierra del Fuego requer enfrentar uma subidinha na volta para o quarto.

hotel lennox ushuaia

Entre os hotéis na avenida principal de Ushuaia, o Lennox é o mais interessante. Fica bem no miolinho do centro, onde está o melhor do comércio, e é enxuto, mas tem quartos confortáveis.

Praticamente em frente, o Hotel de los Andes tem quartos pequenos e bem-decorados (mas uma pizzaria funcionando no térreo).

hotel canal beagle ushuaia

O Canal Beagle é um dos hotéis mais antigos de Ushuaia, não está exatamente entre os mais charmosos e tem um café da manhã que não impressiona. Em compensação, está bem mantido, tem tarifas razoáveis e localização excepcional: logo em frente ao porto turístico, na Avenida Maipú.

Fueguino Hotel Patagónico Ushuaia

Um pouco mais afastados, mas ainda no centro, considere também o simpático Fueguino Hotel Patagónico e o básico Los Naranjos.

Alto Andino

A vista no terraço e o ambiente moderninho são as maiores credenciais do Alto Andino – mas saiba que um táxi vai ser necessário, de vez em quando, para se poupar do sobe e desce de ladeiras.

Fora do centro

Só vai valer a pena se hospedar fora do centrinho se a sua intenção for escolher um hotel entre os mais bacanões, com estrutura de lazer e quarto com vista, para aproveitar nas horas livres – como o elegante Arakur, ou o mais clássico Los Cauquenes, ou ainda o Las Hayas, que tem estrutura de resort.

Para esquiar

O Cerro Castor não dispõe de estrutura de resort como outras estações de esqui. Se você é um esquiador experiente e planeja sair pouco das pistas, pode considerar se hospedar no Castor Ski Lodge. Do contrário, fique no centro de Ushuaia, e vá e volte da estação a cada dia; são apenas 26km de distância.

Onde comer em Ushuaia

centolla

Come-se bem em Ushuaia. A especialidade local são os frutos do mar, principalmente a centolla — o caranguejo gigante que habita as águas frias da Terra do Fogo. A centolla não é apenas fresca: é ‘pescada’ na hora, direto dos aquários dos restaurantes do centro.

restaurante el viejo marino ushuaia

O concorrido El Viejo Marino (Maipú, 227/229, tel. 2901/41-8000) é um restaurante familiar que serve centolla de todo jeito – desde o modo mais clássico, apenas cozida (e acompanhada por tesouras), à nada ortodoxa centolla a la parmesana. Com atendimento cortês, ambiente simples e pratos fartos, costuma ter fila na porta.

restaurante maria lola ushuaia

Frutos do mar também são o melhor do Maria Lola Restó (Gdor. Deloqui, 1048, tel. 2901/42-1185). O cardápio é criativo e os pratos, bem apresentados. As mesas altas junto às janelas têm uma bela vista para a cidade.

restaurante almacen de ramos generales ushuaia

Misto de bistrô, padaria e café, o Almacén de Ramos Generales (Maipú, 749, tel. 2901/42-4317) é o maior barato. Funcionou como venda, há décadas atrás, e é todo decorado com objetos antigos. O cardápio do restaurante muda diariamente, mas se o filé com mil folhas de batata estiver em cartaz, não hesite em pedir.

restaurante bodegon fueguino ushuaia

Já o simpático Bodegón Fueguino (San Martín, 859, 2901/43-1972) é uma ótima pedida para aquelas comidinhas reconfortantes, como milanesas e massas. Para a sobremesa, tem panqueca de doce de leite.

Os cafés mais charmosos do centro para uma bebida quente no meio da tarde são o Ovejitas de La Patagonia e o Dublin (San Martín, 741), que tem um segundo endereço com o mesmo nome, mas funcionando como pub (9 de Julio, 168, tel. 2901/43-0744). As cervejas artesanais locais são a Beagle e a Cape Horn.

E se você gosta do estilo, saiba que desde o fim de 2016 Ushuaia tem seu próprio Hard Rock Café (San Martín 594, tel. 2901/43-0511).

O que fazer em Ushuaia

Como contratar passeios em Ushuaia

navegações em ushuaia

Em geral, não há necessidade de reservar os passeios em Ushuaia com antecedência – com exceção da caminhada com pinguins na Ilha Martillo, que tem número bastante limitado de visitantes por dia e deve ser garantido online, antes da viagem. Use o dia de chegada para agendar os demais tours.

As navegações pelo Canal de Beagle são vendidas diretamente no porto turístico. Em frente ao posto de atendimento da Secretaria de Turismo (Prefectura Naval, 470) você vai encontrar um conjunto de casinhas coloridas – cada uma representa uma agência de receptivo ou uma embarcação.

Os escritórios principais das agências de receptivo em Ushuaia ficam no centro, na Avenida San Martín e redondezas. Lá são vendidos os demais tours. Algumas agências que você pode procurar em Ushuaia: Latitud (Rivadavia 130, sala 110, tel. 2901/42-2808), Piratour (San Martín, 847, tel. 2901/42-4834), Brasileiros em Ushuaia (San Martín, 870, tel. 2901/43-3453), Tierra Turismo (Onas, 235, tel. 2901/43-3800).

Os preços dos passeios não costumam variar de agência para agência, para excursões semelhantes.

As excursões incluem a companhia de um guia. Algumas incluem traslado desde o hotel; outras saem do porto turístico.

Ushuaia no verão

ushuaia

Durante a temporada de verão, são 3 os passeios que não se pode perder em Ushuaia:

Você pode programar cada tour para um dia diferente da viagem, ou condensar os três passeios em dois dias, fazendo a navegação pelo Canal de Beagle à tarde, depois de visitar a Ilha Martillo ou o Parque Nacional. Assim, um terceiro dia de viagem fica liberado para um passeio extra.

caminhada com pinguins ushuaia

Caminhada com pinguins: os ônibus saem do porto turístico em direção à estancia Harberton, uma das fazendas pioneiras em Ushuaia. De lá partem os botes em direção à Ilha Martillo, onde se desembarca depois de 15 minutos de navegação.

Na ilha você é recebido pelos pequeninos pinguins de Magalhães (nada tímidos!), e pode passear entre eles por uma hora – que vai certamente passar voando. O grupo é pequeno (de até 20 pessoas) e é instruído por um guia sobre como se comportar na presença dos animaizinhos.

Também podem ser vistos pinguins da espécie Papúa e, com sorte, um ou outro pinguim-rei. No auge da migração, entre janeiro e março, a ilha recebe até 20 mil pinguins. É um passeio absolutamente imperdível. Inclui também uma voltinha pelo museu Acatushún, com esqueletos de mamíferos marinhos encontrados na Terra do Fogo.

Operado apenas pela agência Piratour, o tour deve ser reservado com antecedência.

parque nacional tierra del fuego ushuaia

Parque Nacional Tierra del Fuego: bosques deslumbrantes a apenas 12km da cidade, às margens do Canal de Beagle. É no Parque Nacional Tierra del Fuego que está o Trem do Fim do Mundo.

E também a agência de correios mais austral do planeta. Leve seus postais já escritos e endereçados; a fila é grande!

Há muitas maneiras de se visitar o parque. As excursões mais tradicionais são práticas e dão um bom panorama geral. O circuito é feito em ônibus, com paradas para caminhadas curtas e de baixa dificuldade, geralmente ao mirante e à baía Lapataia, pelo lago Roca e pela enseada Zaratiegue, onde está o Correio.

Há oportunidade de combinar a excursão tradicional com um trecho no Trem do Fim do Mundo (que é caro, talvez até dispensável, mas percorre um pedaço bastante bonito do parque).

Outras excursões oferecem trechos mais longos de caminhada, e podem incluir passeios de caiaque. Se preferir fazer o seu próprio roteiro, você também pode visitar o parque de carro alugado, com remis, táxi, ou tomando os coletivos da línea regular, no terminal que fica na esquina das ruas Maipú e Juana Genoveva Fadul, em frente ao posto de gasolina YPF.

Apesar de estar aberto durante todo o ano, o melhor período para aproveitar o Parque Nacional Tierra del Fuego é durante os meses de verão.

Duração (excursão tradicional): meio dia. Período: ano inteiro. Saídas: pela manhã.

navegação no canal de beagle

Navegação no Canal de Beagle: passeios de catamarã, iate ou veleiro, que saem do porto turístico de Ushuaia. As navegações são curtas e prazerosas, e levam ao encontro de moradores ilustres de Ushuaia: lobos-marinhos e cormorões. Diferente dos pinguins, eles podem ser avistados o ano todo

O farol Les Eclaireurs, símbolo da cidade de Ushuaia, também está no roteiro. Algumas excursões incluem caminhada em ilhotas próximas, mas não faz falta.

Caso você não consiga vaga para a caminhada com pinguins, dá para fazer uma navegação mais longa, que inclui também a Ilha Martillo, mas sem desembarque – os pinguins são vistos só de longe.

Duração: de 2 horas e meia a 3 horas, com catamarã. Período: ano inteiro. Saídas dos catamarãs: empresas Tolkeyen e Rumbo Sur, às 9h30 e 15h30; Canoero, às 9h30 e 16h15.

Navegação pelo Canal de Beagle – Verão – Brasileiros em Ushuaia

Cruzeiro de catamarã pelo Canal de Beagle ao farol e ilha de lobos-marinhos  – Viator

Passeios alternativos em Ushuaia

presidio de ushuaia

Sobrou um tempinho livre? Aproveite as atrações do centro de Ushuaia, ou escolha mais alguma excursão para completar o seu roteiro.

plaza islas malvinas

Centro de Ushuaia

Além de ver as vitrines na Avenida San Martín (Ushuaia é zona franca; vale a pena dar aquela passadinha no free shop!), use o seu tempo livre para visitar a bonita Plaza Islas Malvinas, tirar uma foto na placa do Fim do Mundo e visitar o antigo presídio de Ushuaia.

Trekking

Os mais populares são ao Glaciar Martial e à Lagoa Esmeralda (no Inverno / Lagoa Esmeralda (no verão), que podem ser feitos em excursão com guia, ou de maneira independente, usando os ônibus da línea regular. Duração: meio dia.

lagos fagnano e escondido

Circuito de lagos

Passeios aos lagos Fagnano e Escondido, com belas vistas panorâmicas. Os passeios podem ou não incluir almoço (geralmente, churrasco em um refúgio dentro do bosque). Algumas empresas oferecem tours em caminhonetes 4×4 e outras complementam a experiência com remada em caiaques.

Duração: meio dia, ou dia inteiro.

Voo de helicóptero

A Heliushuaia faz sobrevoos de 7, 15 ou 30 minutos para ver Ushuaia do alto, ou com duração e roteiro a combinar. As paisagens podem incluir a Lagoa Esmeralda e o Monte Olivia.

Ushuaia no inverno

Trem do Fim do Mundo

No inverno, o Parque Nacional da Terra do Fogo, os passeios de navegação pelo Canal de Beagle, o Trem do Fim do Mundo e os passeios de helicóptero continuam funcionando. Leia sobre esses passeios na seção Ushuaia no verão. (Não espere, porém, avistar pinguins no inverno; eles só vêm a Ushuaia de outubro a março.)

Cerro Castor

Esqui no Cerro Castor

O maior dos ‘centros invernais’ de Ushuaia é a principal razão para você ir ao fim do mundo no inverno. Aqui a neve é garantidíssima do primeiro ao último dia da temporada (em 2017, vai de 2 de julho a 2 de outubro). E por estar a apenas 1.057 metros do nível do mar, é o caso raríssimo de uma estação de esqui que não provoca nenhum desconforto de altitude.

No Cerro Castor você pode praticar esqui e snowboard, inclusive em modalidade fora da pista. O complexo tem escola para adultos e crianças — e um Snowpark para aperfeiçoar manobras.

Para tarifas, consulte o site oficial. O Cerro Castor fica a 26 km da cidade; há trânsfers organizados que buscam os esquiadores nos hotéis.

inverno em ushuaia

Passeio de trenó

Os trenós puxados por huskies siberianos são a maior atração do inverno em Ushuaia para quem não esquia. Você pode encontrar esse passeio nos centros invernais Valle de Lobos e Valle Tierra Mayor.

Caminhadas com raquetes

Com calçados adaptados com telas que lembram raquetes de tênis é possível fazer trekkings guiados pelos bosques nevados. Procure nos centros invernais Ushuaia Blanca e Haruwen.

Quadriciclo Ushuaia

Motos de neve e Quadriciclos

Se o seu sonho é pilotar bólidos na neve, faça seu passeio de snowmobile (moto de neve) no Ushuaia Blanca ou no Haruwen; ande de quadriciclo no Valle de Lobos, no no Ushuaia Blanca ou no Haruwen.

Trenó deslizador

No Haruwen você desliza pela neve num trenó em que vai deitado.

Helicóptero Ushuaia inverno

Leia Mais

Onde ficar em Ushuaia: 10 hotéis bem-localizados

22 hotéis em Ushuaia comentados pelos leitores

Ushuaia no verão: o que fazer (antes de embarcar num cruzeiro)

Ushuaia no inverno: como chegar e como se esquentar

Inverno em Ushuaia: passeios e atividades

Cerro Castor: a estação de esqui do fim do mundo

Como organizar a mala para uma viagem de esqui

Patagônia: como se deslocar de avião, ônibus e barco

Patagônia: o roteiro Argentina + Chile da Miriam

Verão: um cruzeiro pelos fiordes da Terra do Fogo

Cruzeiro Australis, ida: de Ushuaia a Punta Arenas

Stella Australis, de Ushuaia a Punta Arenas: o relato (de 2015) da Miriam

Cruzeiro Australis, volta: de Punta Arenas a Ushuaia

Cruzeiro Australis: qual percurso é o mais interessante?

5 roteiros para combinar Argentina e Chile na mesma viagem

Primeira viagem a Buenos Aires: um roteiro completo

Receba a Newsletter do VNV

Serviço gratuito

    292 comentários

    Olá,ótimas informaçoes ,como sempre,,sou fã!
    Vale a pena fazer o passeio da Ilha Martillo para ver os pinguins no inicio de novembro?Obrigada.

      Olá, Marisa! Informe-se localmente para saber se os pinguins já chegaram.

      Marisa, os pinguins só aparecem no verão, assim só a partir de dezembro.

    Fomos agora em Julho e já queremos voltar. Ficamos 6 dias e pegamos o primeiro voo direto de SP a Ushuaia. Nos hospedamos no Las Lengas, chegamos muito antes do check in e nos colocaram em um quarto. O hotel é bom, quarto muito confortável, o café é repetitivo, mas já tinha lido avaliações sobre isso. Fica um pouco distante do centro, mas tranquila caminhada. Fizemos praticamente todos os passeios, com exceção do Cerro Castor, pois tinham nos informado que só poderíamos andar no teleférico se fossemos esquiar… informação errada. Um motivo para voltar rs. Chegamos com bastante neve, pegamos até nevasca no Paseo Garibaldi. O restaurante El Viejo Marino de fato é muito bom. E fomos várias vezes no Bodegon Fueguino, melhor custo benefício. Compramos as roupas na Decathlon, com exceção da calça impermeável, o que nos arrependemos. Aluguel caro e lojas sem estoque praticamente. Melhor coisa é comprar aqui, principalmente jaquetas e botas que fazem toda a diferença. Outro ponto que não tinha pesquisado aqui e o Ricardo fala com muita propriedade é o câmbio. Levem reais ou dólares. Lá eles pagam o dobro do câmbio oficial se pagar em real. Não nos atentamos e levamos peso daqui. Não usem cartão. Alugamos um carro por 1 dia e fomos visitar o naufrágio que tem no Cabo San Pablo há 180km do centro, um espetáculo. Vimos raposas vermelhas, ovelhas e guanacos pelo caminho que parecia Nárnia. Já nos programando aqui para Jul/2023 de forma mais autônoma agora, fazendo os passeios por conta.

    Olá, Bóia! Estão a venda voos diretos de Bariloche – El Calafate ou sentido contrário (domingo, quartas e sextas), a partir de dezembro de 2023. Também há voos diretos entre El Calafate – Ushuaia ou sentido contrário todos os dias da semana.

    Tenho casaco que usei em Londres e outros paises europeus no inverno,serve para substituir um corta-vento?

      Olá, Jackson! Talvez sim. Se não servir, você compra um corta-vento lá. Se não quiser arriscar, vá à Decathlon e compre um antes da viagem.

    O site do Valle de Lobos está fora do ar e no Instagram há pessoas denunciando maus tratos aos cães e que o local teria sido multado ou fechado. Não consegui identificar se a notícia procede, vocês sabem se a informação confere? Porém, há agências que ainda oferecem o passeio.

      Olá, Georgia! Ushuaia permaneceu dois anos sem turismo. Teremos uma noção melhor com o reinício das atividades agora.

    Estive em março/22 em Ushuaia, que é um lugar realmente fantástico.
    Infelizmente, minha agência me colocou no hotel Los Cauquenes, que é longíssimo do centro. Sim, eles tem um transfer, mas os horários são espaçados demais, não dá pra dar um “pulinho” no centro e voltar: você fica mofando no “ponto” de parada (que não tem sinalização) esperando para voltar ao hotel.
    O quarto em que me colocaram era no 1° andar, de fundos, totalmente devassado por estar no nível da rua e com casas em frente (não dava nem para abrir as cortinas!), dando também uma insegurança monstro (e se alguém quebrasse o vidro da janela?). Apesar do restaurante excelente, da vista maravilhosa (que não pude usufruir do meu quarto, e dos funcionários super gentis, não recomendo.
    Seria bom avisar que as lojas não ficam abertas o dia todo: existe um longo intervalo em que ficam fechadas.
    Quanto ao free shop, quase nada de variedade de mercadorias (a técnica de encher as prateleiras repetindo mercadorias foi bem usada), e o pouco que tinha com preços mais caros que os dos free shops de aeroportos.

    Conheço Bariloche e grande parte da Cordilheira dos Andes, aliás quase toda Argentina e parte do Chile. É espetacular. Recomendo. Povos muito educados e receptivos.

    tenho bastante vontade de conhecer o extremo sul argentno,. Ja estive em Bariloche e gostei muito. Tenho planejado visitar Ushuaia e El calafate ha algum tempo. Mas pelo que venho acompanhando percebo que Ushuaia é bem mais caro tudo e tem menos atrativos que el Calafate, estou errado?

      Olá, Chayme! Vá a Ushuaia no verão para ver pinguins e leões-marinhos e fazer passeios de barco pelo canal de Beagle. Não vá a Ushuaia achando que vai encontrar uma outra Bariloche ou uma franquia do glaciar Perito Moreno.

    Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.

    Assine a newsletter
    e imprima o conteúdo

    Serviço gratuito