Praia em novembro: onde não pegar chuva no Brasil e no Caribe

  • 0
Viaje na Viagem
por Viaje na Viagem

Praia em novembro: Praia da Laje, AL

Querendo pegar praia em novembro, sem risco de pegar chuva? Chegou ao lugar certo. Nosso Praiômetro compila as médias históricas de precipitação em 42 destinos de praia do Brasil e do Caribe.

  • Barra amarela | Praia no Brasil
  • Barra lilás | Praia no exterior
  • Barra rajada | Risco de furacão

praias-novembro-brasil-caribe-praiometro-

Para começar, confira na tabela acima os locais ordenados por média histórica de chuva em novembro. Quanto mais no alto da tabela, menos costuma chover; quando mais ao pé da lista, mais chuva deve cair no mês. As barras rajadas significam risco de furacão.

É 100% garantido?

Não. Meteorologia não é uma ciência exata, o clima está passando por mudanças e sempre tem um El Niño ou La Niña para atrapalhar. Mas as médias históricas são o guia mais confiável para programar férias na praia com menor risco de pegar chuva. Se você escolhe um lugar com tempo seco e chove, tem todo direito de mandar uma reclamação a São Pedro... Mas se você escolhe um lugar onde costuma chover, não pode reclamar da chuva.

Para visualizar a situação meteorológica de forma mais clara, vamos agora ver no mapa. Primeiro a situação do Brasil em novembro, depois a do Caribe.

Praia em novembro no Brasil

  • Sol brilhando | Até 100mm de chuva no mês: vá!
  • Sol entre nuvens | De 100mm a 200mm de chuva no mês: pode ir
  • Sol com chuva | De 200mm a 300mm de chuva no mês: melhor não ir
  • Chuva | Acima de 300mm de chuva no mês: não vá!

Vá!

A estrela de novembro é a mesma de outubro: o Nordeste. Do Maranhão até Sergipe, a chuva só vai ameaçar suas férias caso São Pedro esteja de perseguição com você.

Estoque o protetor salar para viajar ao Maranhão, ao Piauí, a Jericoacoara e Fortaleza), a Natal e Pipa, a João Pessoa, a Fernando de Noronha (onde já pode começar a entrar o swell dos surfistas), a Recife e Porto de Galinhas, a Maragogi, Rota Ecológica/Milagres e Maceió e a Aracaju.

Pode ir:

Com médias históricas de precipitação entre 100mm e 200mm, a Bahia continua um pouquinho mais úmida em novembro do que os outros estados nordestinos. Mas vale a pena ir aos destinos da Costa dos Coqueiros -- Salvador, Costa do Sauípe, Imbasssaí e Praia do Forte) -- e à Costa do Dendê (Morro de São Paulo, Boipeba, Barra Grande/Maraú, Itacaré e Ilhéus). Já a Costa do Descobrimento (Porto Seguro, Santo André, Arraial d'Ajuda, Trancoso, Espelho, Caraíva) tem tempo predominantemente bom em novembro, mas pode sofrer com frentes frias ou vórtices tropicais.

A mesma situação da Costa do Descobrimento vale para o Espírito Santo e o estado do Rio (Búzios e o Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Ilha Grande), assim como para a Ilha do Mel, para Santa Catarina (Balneário Camboriú, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba/Praia do Rosa) e Torres, no Rio Grande: a média de chuvas não é alta, mas o tempo pode embaçar.

Melhor não ir:

O extremo sul da Bahia (Corumbau, Cumuruxatiba e Prado) costuma ter nesse mês sua mini-estaçãozinha predominantemente chuvosa.

E na Rio-Santos, Paraty, Ubatuba e São Sebastião) continuam registrando mais chuva do que você gostaria.

Punta del Este, no Uruguai, pode voltar a dar praia -- mas a muvuca só volta em cartaz no Natal.

Praia em novembro no Caribe

  • Sol brilhando | Até 100mm de chuva no mês: vá!
  • Sol entre nuvens | De 100mm a 200mm de chuva no mês: pode ir
  • Sol com chuva | De 200mm a 300mm de chuva no mês: melhor não ir
  • Chuva | Acima de 300mm de chuva no mês: não vá!
  • Árvore vergada | Risco de furacão: pense bem

Vá!

Durante toda a estação dos furacões, as ilhas de Aruba, Curaçao e o arquipélago Los Roques são uma escolha segura. No último trimestre você encontrará o tempo mais nublado do que nos outros meses, mas as chuvas costumam ser rápidaas.

Pode ir:

Com um pouquinho mais de 100mm de precipitação no mês, mas fora da passagem dos furacões, considere Barbados, Tobago e Cartagena.

Melhor não ir:

San Andrés e Panamá estão fora da passagem de furacões (San Andrés está erroneamente marcada com risco de furacão na tabelinha do Praiômetro mais acima), mas de todo modo registram mais de 200mm de chuva em novembro.

Pense bem: risco de furacão

Novembro é o último mês da temporada de furacões no Caribe (leia sobre furacões aqui). A probabilidade de um furacão visitar exatamente a ilha onde você está é pequena, mas existe. O transtorno mais comum de acontecer, no entanto, é que a formação de uma tempestade tropical nas redondezas (que na grande maioria das vezes nem evolui a furacão) deixe os céus carregados por quatro, cinco dias a fio, atrapalhando suas férias no paraíso.

Na região sujeita aos furacões, os destinos com tempo mais firme de novembro são Cuba e Miami (se não fosse pelos furacões, estariam na categoria "Vá!"). St. Maarten, St. Barth e Anguilla e Punta Cana e Cancún, se não fosse pelos furacões, estariam na categoria "Pode ir".

Leia mais:

Praias do Brasil e do Caribe, mês a mês

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar