Santiago: reaberto o teleférico do Parque Metropolitano

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Interditado em 2008 por problemas mecânicos (não, não foi por causa do terremoto de 2010!), o teleférico do Parque Metropolitano de Santiago voltou a funcionar agora no dia 26 de novembro (obrigado mais uma vez por avisar, Neftalí!).

Com 47 cabines novinhas e moderníssimas (acredito que iguais às do Valle Nevado), o teleférico oferece lindas vistas de Santiago (em dias claros) e leva com rapidez à maioria dos atrativos do Parque Metropolitano.

O circuito tem três estações: Inicial, Tupahue e Cumbre.

A estação Inicial fica no plano, junto ao acesso de pedestres Pedro de Valdivia Norte, no finzinho desta avenida: dá para vir a pé de Providencia. (São 15 a 20 minutos de caminhada desde a esquina da avenida Providencia com a Pedro de Valdivia).

A estação Cumbre fica no topo do Cerro San Cristóbal -- um lugar que já está incorporado ao circuito básico de Santiago, aonde se chega de funicular.

O passeio pelo teleférico de Santiago pode ser feito nos dois sentidos.

Se começar pela estação Inicial, você depois desce pelo funicular e visita La Chascona, a casa-museu de Pablo Neruda. Se tiver tempo, dá para continuar depois pelo Centro -- Mercado Central, Museu Pré-Colombiano, Plaza de Armas, Cerro Santa Lucía.

Se vier do Centro ou de La Chascona, você sobe pelo funicular e inicia o passeio na estação Cumbres. Salta na estação Inicial e então segue para Providencia (de repente, vai ao Sky Costanera).

Veja o vídeo do percurso completo do teleférico de Santiago feito pelo site Plataforma Urbana:

Teleférico do Parque Metropolitano de Santiago

  • Funciona de 3ª a domingo das 10h às 19h (no verão, até as 20h) | Tarifa de ida, 2 estações ('2 tramos'): de 3ª a 6ª, 1.910 pesos (crianças até 12 anos, mulheres acima de 60 anos e homens acima de 65 anos, 1.240 pesos); sábado, domingo e feriado, 2.290 pesos (crianças até 12 anos, mulheres acima de 60 anos e homens acima de 65 anos, 1.490 pesos) | Veja lista completa de tarifas aqui

Leia mais:

14 comentários

Izabella Zava
Izabella ZavaPermalinkResponder

Finalmente!!!! Quando fui lá em 2012 estava sem teleférico e sem funicular. E não vale a pena andar a pé pelo parque. Não tem nada pra ver no caminho e não é nada agradável. Que falta me fez esse teleférico...

Marcia Ramos
Marcia RamosPermalinkResponder

Estive em santiago no início de novembro e uma greve geral (já fazia 20 dias), fez parar tudo que era público no país. E a subida a San Cristoban estava fechada. A alternativa foi visitar o que não era público e usar o bus turístico

Edgar
EdgarPermalinkResponder

É possível subir pelo funicular e descer pelo teleférico até a estação Pedro de Valdivia? Espero que a greve citada pela Marcia Ramos tenha terminado, pois estarei em Santiago no início de janeiro.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Edgar! Esta possibilidade não apenas existe, como está recomendada no texto e ilustrada no mapa... Atente que existe uma caminhada de 15 a 20 minutos entre a estação Inicial do teleférico e a estação Pedro de Valdivia do metrô.

Luciana Selbmann

Ola, Na verdade, acho que onde diz: "Se vier do Centro ou de La Chascona, você sobe pelo teleférico e inicia o passeio na estação Cumbres. Salta".... a palavra teleférico deveria ser funicular.... por isso confundiu... Não seria isso?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luciana! Sim. Estou corrigindo já.

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

Descendo pelo teleférico, saio próximo ao parque bicentenário de la infancia?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudia! Não sai não, o parque fica pro outro lado. Estando no alto do cerro San Cristóbal é possível descer a pé, por escada e trilhas. Mas a entrada principal e que o site do parque recomenda fica na av. Perú 1001, metrô Cerro Blanco.

Lidiane Almeida

Boa tarde.
Ótimo post, bem esclarecedor!
Quero fazer exatamente a opçao de subir de funicular e depois pegar o bondinho... mas ficou uma dúvida, pegando o teleférico no cerro San Cristobal vou descer onde depois? No ponto inicial do mapa?
Não entendi muito bem, pq gostaria de voltar pelo mesmo caminho para ficar na região de Bella vista. Tem como fazer isso?
Obrigada pelas dicas!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lidiane! Para descer em Bella Vista, você vai precisar pegar o teleférico de volta para o Cerro San Cristóbal ou um táxi na saída do teleférico para Bellavista.

Anna
AnnaPermalinkResponder

Bóia, obrigada pelo post. Tenho uma dúvida que não encontrei em nenhum lugar. Pego o ticket de só ida pelo Funicular até Cumbre. Até aí tudo bem. Depois tem o ticket de teleférico Cumbre-Oasis (última estação) que daí eu pegaria só de ida também. Mas no meio de Cumbre-Oasis tem a estação intermediária de Tupahue, onde eu queria descer. Preciso saber se com esse mesmo ticket Cumbre-Oasis do teleférico posso descer em Tupahue e depois pegar novamente o teleférico até Oasis sem pagar nada além.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Anna! Não sabemos. Dê uma perguntadinha na bilheteria.

Débora
DéboraPermalinkResponder

Se eu pegar o teleférico na estação inicial (providencia), consigo subir com ele até a estação do funicular. Nesse caso, o funicular me leva de volta na estação inicial do teleférico, perto da providência?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Débora! Existem bihetes só de ida, só de volta ou de dia inteiro. Compre o que for mais apropriado para os seus planos.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar