Onde comer em Natal

Guia de Natal

Onde comer em Natal

Mar e sertão se encontram à mesa em Natal.

Os restaurantes mais famosos, como o Camarões Potiguar, o Mangai e o Nau, têm salões enormes e funcionam como atrações turísticas.

Mas você também vai encontrar bistrôs e bons representantes da cozinha mediterrânea, além das tapiocas e de uma hamburgueria singular.

Veja nossas dicas de onde comer em Natal:

A Bóia recomenda

Mapa: onde comer em Natal

Peixes e frutos do mar

Camarões Potiguar

O primeiro restaurante de Natal a conquistar status de atração turística foi o Camarões Potiguar. Apesar do erro de concordância do nome (alguém explica?), a casa é super bem-montada, com atendimento afiado, que consegue dar conta de atender o salão lotado com até 400 clientes.

A fama do lugar não se deve às dimensões dos camarões — são de tamanho médio — e sim à variedade de receitas: são 30 versões oferecidas no cardápio. A maioria, infelizmente (para o meu gosto), carrega em cremes e queijos.

Algumas trazem ingredientes regionais (mas entre eles normalmente está a nata fresca, o que aumenta a incidência de molhos pesados). Procurando bem, no entanto, dá para encontrar camarões salteados, grelhados e servidos em moqueca.

Todos os pratos servem duas pessoas, mas a casa também prepara qualquer prato em porção individual, cobrando 70% do valor (é um bom negócio; melhor do que ter que se conformar em dividir um prato que um dos comensais vai gostar mais do que o outro).

A espera — que é longa nos jantares de 5ª a sábado e nos almoços de fim de semana — é amenizada por porções de pastéis de camarão. Querendo encontrar menos fila, vá à matriz da rede, ali pertinho: o Camarões Restaurante. Uma curiosidade: sabe a rede Coco Bambu? Começou a bombar depois que abriu uma casa na Beira-Mar de Fortaleza copiando descaradamente o Camarões (no início, usou inclusive o nome, até ser proibida pela Justiça).

  • Camarões Potiguar | R. Pedro Fonseca Filho, 8887 – Ponta Negra| Tel. (84) 3209-2425 | Instagram
  • Camarões Restaurante | Av. Eng. Roberto Freire, 2610 – Ponta Negra | Tel. (84) 3209-2424 | Instagram

Nau Frutos do Mar

Proveniente de João Pessoa, o Nau é o restaurante de peixes e frutos do mar do poderoso grupo Mangai. Em Natal, se instalou num ponto a meio caminho entre a cidade dos natalenses e a dos turistas, perto do campus da UFRN.

É um lugar que se impõe pela arquitetura — a caixa de concreto e vidro poderia abrigar um museu de arte, que ninguém estranharia.

Os pratos principais (moquecas, camarões, lagosta, bacalhau, paella) servem de 2 a 3 pessoas. Mas atendendo a pedidos, agora existe uma seção de pratos individuais.

  • Nau Frutos do Mar | Av. Odilon Gomes de Lima, 1772 – Capim Macio | Tel. (84) 3026-6333 | Instagram

Lotus Fusion

Se a sua fome for de comida japonesa e você não se contentar com a temakeria mais próxima, o Lotus Fusion é o japa a escolher.

Seus omakase (menu-degustação a critério do sushiman) custam R$ 189 por pessoa (há descontos nas noites de terça e quarta, quando podem custar a R$ 149 por pessoa, num grupo de 4 pessoas).

Usando o cardápio, dá para escolher entre as preparações tradicionais e as autorais do chef.

  • Lotus Fusion | R. Hélio Galvão, 299 – Ponta Negra | Tel. (84) 3217-3451 | Instagram

Regionais

Tábua de Carne

Se você não mora no Nordeste, não volte para casa sem provar uma carne de sol com todos os acompanhamentos, preparada numa churrascaria autenticamente nordestina.

A rede Tábua de Carne é original de Campina Grande e continua a melhor do Nordeste na sua especialidade. A carne de sol pode vir com cinco acompanhamentos à sua escolha.

Sugiro o arroz de leite, o feijão de corda, a paçoca, a macaxeira cozida e o pirão de queijo.

Há duas filiais em Natal. A mais agradável é a do finzinho da Via Costeira, perto da orla central, com vista para o mar.

  • Tábua de Carne | Av. Sen. Dinarte Mariz, 229 – Via Costeira | Tel. (84) 3202-7353 | Instagram

Farofa d’Água

Outro nome tradicional da cozinha nordestina em Natal, o Farofa d’Água nos últimos anos ampliou o seu cardápio: além da carne de sol e especialidades sertanejas, serve também camarão e peixe.

Oferece traslado gratuito de/para os hotéis de Ponta Negra e Via Costeira.

  • Farofa d’Água | Av. Praia de Ponta Negra, 8952 – Ponta Negra | Tel. (84) 3219-0851 | Instagram

Mangai Ponta Negra

Aberto em 1989 como uma bodega de produtos regionais em João Pessoa, o Mangai começou sua trajetória como restaurante servindo a ceia nordestina – uma espécie de café da manhã reforçado servido no início da noite, com carnes, cuscuz, inhame, batata-doce e macaxeira, acompanhados por café com leite.

De 20 anos para cá, tornou-se o modelo de restaurante típico nordestino, com buffets quilométricos (que até hoje não permitem fotografar!) e grande sucesso até mesmo fora do Nordeste, nas filiais de Brasília e São Paulo.

Em Natal, depois de muitos anos instalado no bairro da Lagoa Nova, distante dos turistas, o Mangai abriu uma filial no coração de Ponta Negra, praticamente vizinho do Camarões Potiguar.

Venha com fome e prove um pouquinho de tudo para ter um panorama da culinária do sertão (spoiler: para isso acontecer, você vai precisar fazer repetecos).

  • Mangai | R. Des. João Vicente da Costa, 8861 – Ponta Negra | Tel. (84) 3026-6335 | Aberto sem interrupção das 11h30 às 22h | Instagram

Mediterrâneos & Pizza

A Família Praia

Tocado por uma… família (claro!) de imigrantes sérvios, A Família Praia é o melhor restaurante da orlinha de Ponta Negra.

A cozinha, genericamente descrita como do “sul da Europa”, combina pratos comuns entre os países dos Bálcãs, a Grécia e a Turquia, resultando em refeições leves porém muito saborosas.

Homus de beterraba e molho tzatziki, à base de coalhada, acompanham kebabs à moda sérvia e gyros gregos no prato. Da grelha saem também o ‘trem sérvio’ (churrasco dos Bálcãs), tentáculos de lula na brasa (servidos com vinagrete) e chevapchichi (kafta servida com iogurte).

A Itália sempre comparece com alguma massa, e a Península Ibérica, com o ‘camarão pil pil’ (no azeite picante). Se estiver no cardápio, divida como entrada um ‘pita’, folhado sérvio recheado com carne moída e bechamel.

  • A Família Praia | R. Rua Erivan França, 3180 – Ponta Negra | Tel. (84) 99808-3952 | Abre para jantar a partir das 18h; almoço sábado e domingo 13h-15h | Instagram

Gennarí

O chef napolitano Paolo Passariello está há 12 anos em Natal. Seu ótimo Gennarí ocupa uma casa de ares residenciais no bairro de Petrópolis.

Da cozinha saem pratos veramente italianos, como berinjela à napolitana; zuppeta de pesci (caldeirada do mar); um spaghetti all’amatriciana e outro alla carbonara feitos da maneira correta; risotos; filé Porcini e peixe à calabresa (com alcaparras e batatas ao alecrim). De sobremesa, tiramisú ou pannacota.

Não se deixe impressionar negativamente pela oferta de massas que misturam frutos do mar com queijo ou creme de leite (algo inimaginável na Itália): são poucas, e estão no cardápio como concessão ao gosto local.

  • Gennarí | R. Mipibu, 523 – Petrópolis | Tel. (84) 2010-5512 | Abre para jantar de 3ª a sábado; almoço 6ª e domingo; fecha 2ª e um domingo por mês | Instagram

Cipó Brasil

“Massa fina, recheio farto e borda com gergelim. Assada no forno a lenha.” Assim a pizzaria Cipó Brasil define suas pizzas – e não há o que corrigir.

Mas dá para acrescentar: funciona em ambiente pitoresco e mantém sua marca registrada de vinte anos: as caipifrutas servidas em cumbuquinhas de coco.

  • Cipó Brasil | Endereço | R. Aristides Porpino Filho, 3111 – Altos de Ponta Negra | Tel. (84) 99190-8589 | Abre para jantar de 4ª a domingo | Instagram

Piazza dei Fiori

As mesas na calçada da Praça das Flores são o grande trunfo do Piazza dei Fiori, em Petrópolis. Prepara pratos italianos de grande apelo – lasanha à bolonhesa, filé à parmigiana, spaghetti com camarão e pesto – e pizzas de massa fininha.

  • Piazza dei Fiori | R. Seridó, 720 (Praça das Flores) – Petrópolis | Tel. (84) 98184-1858 | Abre de 4ª a domingo | Instagram

Bistrôs

Cozinharia

Um dos restaurantes favoritos da cidade, o Cozinharia faz sucesso com seus filés, camarões e peixes servidos com risotos e massas castiços.

Os camarões crocantes podem vir acompanhados de arroz com pesto de manjericão e molho de tomate ou de risoto de brie com redução de frutas vermelhas. Escalopes de filé ao molho madeira vêm com spaghetti ao molho de parmesão e bacon.

Há um peixe ao pesto com risoto de limão siciliano e camarão crocante. O polvo à galega é salteado em confit de tomate e acompanhado de batatas rústicas com páprica. De sobremesa, uma clássica mousse de chocolate.

  • Cozinharia | Av. Praia de Muriú, 9132 – Ponta Negra | Tel. (84) 99423-6625 | Abre de 3ª a sábado para almoço; sábado e domingo também para almoço | Instagram

Manary

Se salões enormes não fazem o seu gênero, então você vai amar o restaurante do hotel Manary. Escondidinho na zona de hotéis baixos de Ponta Negra, o Manary atende seus clientes junto à piscina, num ambiente a um só tempo arejado e intimista.

Entre os destaques do cardápio estão o Fideuá Potiguar (macarrão cabelo de anjo picadinho com camarões graúdos), o Carré Patriota (cordeiro da fazenda Patriota com purê de maçã verde, farofa de castanhas e molho cítrico), Dourado Pará Poró (medalhões de dourado regados na manteiga, com castanhas-do-Pará, limão siciliano, nhoque de banana da terra, juliana de legumes e crispy de alho-poró) e o frango caipira com risoto e farofa de panko.

Se quiser uma entrada, comece com a Jalea do Mar (camarão, lula e polvo empanados, servidos com macaxeira e vinagrete peruano) ou um Manaryche (ceviche com pimenta Sriracha e abacaxi). Termine uma torta Dirmantêlo (de chocolate belga com crosta de castanha e sorvete de creme). Atenção: não-hóspedes precisam reservar.

  • Manary | R. Francisco Gurgel, 9067 | Tel. (84) 3204-2900 | Reserva obrigatória para não-hóspedes | Site

La Brasserie de la Mer

Hospedada no hotel Best Western Premier, a La Brasserie de la Mer tem supervisão de Erick Jacquin — antes mesmo de ele ser superstar do MasterChef.

O cardápio passeia por clássicos franceses como bouillabaisse, steak tartare, camarões à provençal, magret de pato com laranja e entrecôte com batatas à dauphinoise, mas também tem curiosidades como um atum com mil-folhas de mandioca e uma interpretação de Jacquin para a ginga com tapioca do mercado da Redinha.

O almoço de 6ª tem menu executivo a bom preço.

  • La Brasserie de la Mer | Av. Eng. Roberto Freire, 8860 | Tel. (84) 3642-7007 | Instagram

Tapioca

Ginga com tapioca no Mercado da Redinha

A tapioca mais exótica que você vai comer na sua vida de tapióquer está no Mercado da Redinha.

Ali tapioqueiras tradicionais espetam e fritam um peixinho miúdo chamado ginga. A fritura vira o recheio de uma tapioca que não é café da manhã nem lanche — mas uma bela desculpa para abrir uma cerveja gelada.

Passe aqui na volta do seu passeio ao litoral norte ou depois de pegar praia na Praia do Forte, do outro lado da ponte

  • Mercado da Redinha | Largo João Alfredo | Tel. (84) 88513168 | Facebook

Casa de Taipa

Pensando num jantar levinho? A tapiocaria Casa de Taipa Tapiocaria é o templo da tapioca em Natal – desde o tempo em que funcionava no Alto da Ponta Negra.

Agora numa esquina da av. Roberto Freire, está bem mais perto da maioria dos hotéis. Uma boa combinação: peça um cuscuz (com ovo e queijo coalho) e depois rache uma tapioca doce (como a de morango com chocolate).

  • Casa de Taipa | Av. Praia de Ponta Negra, 8868 | Tel. (84) 3219-5798 | Instagram

Hamburger

Rapadura

O nome completo do lugar é Rapadura Hambúrguer Brasileiro, mas poderia muito bem se chamar “hamburger nordestino”.

O cardápio tem sotaque potiguar. O pão pode levar rapadura, jerimum ou macaxeira. Picles de maxixe e de chuchu estão entre os acompanhamentos. E há uma versão em que o queijo coalho substitui o mussarela.

De vez em quando volta ao cardápio o Rapatacho — um burger de rapadura cortado ao meio e mergulhado num prato de molho cremoso de queijo. Para beber, cervejas artesanais ou cajuína.

A loja principal fica em Petrópolis. A loja de Ponta Negra foi substituída por um container mais próximo da zona hoteleira do bairro.

  • Rapadura Hambúrguer Brasileiro | R. Trairi, 522, Petrópolis | Tel. (84) 2226-0600 | Container: Tel. (84) 2040-1781 | Fecha 3ª | Instagram
  • Rapadura Container | R. Cabo de São Roque, 8869, Ponta Negra (ao lado da tapiocaria Casa de Taipa) | Tel. (84) 3219-5798 | Fecha 4ª | Instagram

Receba a Newsletter do VNV

Serviço gratuito

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.