Vai por mim: Punta del Este

Hotel Serena, Punta del Este

Punta del Este é provavelmente o destino uruguaio mais desejado pelos brasileiros. Nem sempre, porém, é bem compreendido por quem planeja viajar ou dar uma passadinha por lá. Vamos aos básicos, pois.

O que é Punta del Este? Onde fica?

Punta del Este é o mais badalado dos balneários do Uruguai. No verão, é invadido por argentinos e, ultimamente, também por brasileiros (além dos gaúchos, que já freqüentam o lugar há décadas). Fica a 120 km de Montevidéu, por estrada duplicada (e de velocidade controlada; vai-se em uma hora e meia desde o centro, ou uma hora desde o aeroporto da capital).


View Punta del Este in a larger map

O nome significa “Ponta do Leste” e descreve a situação exata do lugar: na extremidade oriental do Uruguai. A pontinha da península marca a divisão entre o Oceano Atlântico (o mar aberto) e o Rio da Prata (a baía).

Punta del Este

Quem vai a Punta del Este?

Ao contrário da lenda, não é só ricaço que vai a Punta. O público é bastante eclético. O grosso da população na temporada é composto por famílias de classe média sólida que vão veranear, em apartamentos próprios ou alugados, fazendo compras no supermercado e levando geladeirinha para a praia.

Mas a fama de ímã de ricos, famosos e metidos em geral não é descabida. Basta passar em frente aos novos edifícios da orla da Playa Brava ou se embrenhar pelas ruas do Bosque e de Beverly Hills para ver o dinheiro respeitável que está enterrado por ali. Outro indicador preciso do PIB do pedaço são as contas dos restaurantes, que conseguem ser mais altas do que em São Paulo.

Outro público importante na temporada, e que ajuda a definir a personalidade de Punta, é a moçada baladeira. Punta del Este no verão é uma festa que começa ao entardecer na praia e segue madrugada afora nos clubes.

Playa Bikini, Punta del Este

Quando é melhor ir a Punta del Este?

Punta del Este só acontece de verdade entre o Natal e o Carnaval. É quando a cidade inteira está funcionando. O top do cúmulo do auge é em janeiro, quando a cidade fica abarrotada, e os engarrafamentos em La Barra não ficam nada a dever aos de Florianópolis. Querendo curtir uma Punta del Este menos cheia, mas ainda positiva e operante, vá em fevereiro, fora da semana do Carnaval. Na Semana Santa a cidade volta a encher — mas sem agito na praia nem balada.

Hotel Fasano Las Piedras

Como é Punta del Este fora de temporada?

É vazia e levemente melancólica, como todo balneário de clima temperado na baixa estação. Praia no frio — quem curte? Fora da Península (= o Centro), a maioria dos hotéis e restaurantes estará fechada. Também não espere agito em meses temperados fora da estação — março, abril, maio, setembro, outubro, novembro, início de dezembro.

Ao visitante sobram, nesta época, um passeio pelo bairro das mansões, uma foto na escultura dos cinco dedos enterrados na praia, um pôr do sol na Casa Pueblo e a jogatina no cassino do hotel Conrad. Mas a eletricidade que faz Punta ser Punta estará desligada.

Vale pernoitar? Só se você estiver no clima. Muitos habituês gostam dessa calma da Punta del Este fora de temporada, e vão para descansar e freqüentar seus restaurantes favoritos (os do Centro, notadamente os da região do portinho, permanecem abertos o ano inteiro). Os hotéis longe da praia também conseguem burlar a sazonalidade, porque acabam funcionando perfeitamente como hotéis de campo (o exemplo mais bem acabado é o lindíssimo Fasano Las Piedras). E para quem quer ir a Punta especificamente para uma temporada de cassino, a baixa temporada oferece preços imbatíveis.

Playa Bikini, Punta del Este

Como é a praia?

Só é melhor do que a que você tem perto de casa se você morar na Argentina ou no Rio Grande do Sul. A água é fria e turva (o lado mais azulzinho é o da praia Mansa, na baía do Rio da Prata). Os pontos mais positivos são a limpeza, a organização (algumas tem quiosques bem charmosinhos) e o verão relativamente seco, com sol até tardíssimo (não é incomum ir à praia às cinco para ficar até as nove da “tarde”).

Montevidéu: roteiro completo
Roteiros prontos:

Itinerários de 2 a 7 dias pelo Uruguai: como combinar Montevidéu, Punta del Este, Colonia (e Buenos Aires)

Península + playas Mansa e Brava


Playa Mansa, Punta del Este

A Península, o coração de Punta del Este

O centro da cidade fica na “ponta” propriamente dita. Começa no porto, onde se você trocasse os letreiros dos restaurantes poderia fingir que está em algum vilarejo menos famoso da Côte d’Azur. A rua principal do comércio, a Gorlero, vai pelo interior da península, paralela às duas margens. Muitos hotéis tradicionais (e básicos) ficam por ali.

Da Peninsula partem duas praias extensíssimas. A Playa Mansa, de águas calmas, é banhada pelo rio da Prata. A Playa Brava, de ondas, está em mar aberto. Ambas têm quiosques e paradores. O estacionamento pode ser dificil para quem chegar tarde.

O point mais badalado da Mansa é o bar do hotel Serena. O mais animado da Brava é a Parada 30.

A Mansa é voltada para o oeste, então toda é apropriada para contemplar o pôr do sol. Dá para ver da areia ou na orla próxima ao porto. Querendo serviço de bordo, além do hotel Serena indico os bares Virazón e Guappa (na temporada, reserve).

Demais regiões

Casapueblo, Punta del Este

Punta Ballena, a outra ponta


View Punta del Este: Punta Ballena in a larger map

Continuando pela Mansa em direção a Montevidéu você chega à Punta Ballena. Nenhum turista passa por Punta sem dar um pulinho na Casa Pueblo, a kasbah greco-mediterrânea construída pelo artista Carlos Villaró e que funciona como galeria, hotel e mirante para ver o pôr do sol. É o Corcovado e o Pão de Açúcar de Punta.

A região tem também um hotel chiquérrimo, o Cumbres. Vale a pena fazer uma reserva para o chá da tarde e ficar para o pôr do sol.

La Barra, o agito do verão

Ponte entre a Península e La Barra


View Punta del Este: La Barra in a larger map

Clericó no Le Club, Playa de la PostaContinuando pela Brava na direção oposta a Montevidéu você chega ao rio Maldonado. Do outro lado da ponte ondulada está La Barra. No verão, este é o playground da garotada em Punta. Por aqui ficam as praias mais escondidinhas (Playa de la Posta, por exemplo) e as mais fervidonas (Montoya, Bikini) — além das baladinhas mais descoladas.

A ruazinha principal — engarrafada o verão inteiro — tem cafés, sorveterias, restaurantes (não perca o peruano Sipán).

José Ignacio, rústica e chic

La Huella, José Ignacio


View Punta del Este: José Ignacio in a larger map

Continuando para além de La Barra, a 40 km para lá do centrinho de Punta del Este você chega a José Ignacio, que costumo definir como “a Trancoso de Punta”. Os hotéis aqui são discretos e com ares zen. A “Estrela d’Água” do pedaço é o Parador La Huella, um restaurante na entrada da praia onde os habituês batem ponto (em janeiro, nem apareça sem reservar).

La Huella, José Ignacio

No verão também funciona outro parador, mais democrático 😀

Na direção do interior você chega a Laguna Garzón e Laguna Escondida (onde costuma rolar um dos Réveillons mais disputados de Punta).

José Ignacio, a 40 km de Punta del Este

Punta del Este sem carro é possível?

Há ônibus entre a Península e La Barra, mas a vida dos sem-carro em Punta del Este é bastante complicada. O táxi é caro (e, na temporada, cobra as corridas em dobro, incluindo a volta vazio). Na temporada, reserve o seu carro o quanto antes, seja em Punta, seja em Montevidéu.

Hotel Serena, Punta del Este

Leia mais:

Passagens mais baratas para Punta del Este no Kayak

Encontre seu hotel no Booking

Faça seu Seguro Viagem na Mondial Assistance

Alugue carro em Punta del Este na Rentcars em até 12 vezes e sem IOF

Passeios e excursões Punta del Este com a Viator

646 comentários

Ola, boa noite!

Li algumas publicações sobre Punta del Este e fiquei na dúvida se vale a pena irmos agora em outubro ( de 09 a 16 ), pois uns dizem que lá, fora de temporada, não é ideal pois a cidade fica “vazia” e outros dizem que não faz diferença, mesmo porque seria feriado.

Queria uma opinião se seria ideal irmos mesmo. Não pretendemos grandes agitos, mas também não seria legal um lugar sem muitas opções.

Estamos pretendendo ficar 03 noites em MVD no Hotel Crystal Palace e 04 noites em Punta, no Hotel Mantra, este é bem localizado?

Seria ideal a quantidade de dias para conhecermos os pontos mais interessantes? Como é o clima? O que acham?

Agradeço a atenção,

Sherry Teles

    Olá, Sherry! A alta temporada vai do Natal ao Carnaval, com repique na Semana Santa. Fora dessas datas a cidade é morta. Vale apenas para descansar ou jogar no cassino. Veja se este é o seu caso. Senão, fique em Montevidéu e faça um bate-volta.

Teresa,

Irei em dezembro para roteiro similar, e fiz uma reserva de carro na Multicar, pegando em Montevideu no hotel e devolvendo em Colonia no Porto. A taxa para a devolução em uma cidade diferente foi de USD 100, mas, como somos quatro pessoas, vale o conforto de não ter que ir à rodoviária em Montevideu e mudar o transporte (o que traria desconfortos desnecessários para o grupo).

Cabe uma avaliação do que deseja para o passeio, pois, para mim, acho que ir direto Punta-Colonia será muito mais prazeroso que pegar o ônibus no meio do caminho.

Caso alguém conheça a Multicar locadora, gostaria de saber informações a respeito dela, como sua credibilidade, qualidade dos veículos e serviços, atendimento etc.

Agradeço.

Kléber, Punta é um destino muito bacana, mas se o lance foi curtir as baladas locais, sugiro que considere bem a época.
Visitei a cidade em novembro e a maioria dos bares e baladas estavam fechadas.
Punta é uma cidade que literalmente dorme fora da temporada de verão propriamente dita que começa na véspera de Ano Novo.

Estou indo para Punta com um grupo de amigos do dia 15 a 22 de dezembro de 2012…gostaria de saber se teremos boas opções de baladas nesses dias, já que ouvi algumas pessoas dizendo que muitas baladas só abrem após o natal. Obrigado

    Olá, Kleber! A sua pergunta vai para o Perguntódromo! Aguarde dicas dos leitores!

    Ricardo, tudo bem cara? Sabe de algum motorista em Punta que eu possa contratar? Abraço,

    Olá, Pipo! Aqui quem responde é A Bóia! Não temos contatos, mas o seu hotel provavelmente terá! Entre em contato com eles!

Olá Ricardo, A Bóia e colegas viageiros,

Estou de viagem marcada para o Uruguai e Bs As em novembro e preciso de algumas dicas.
Meu roteiro é Montevidéu-Punta-Colônia-Bs As. Gostaria de alugar um carro e até já vi algumas dicas aqui no site. Mas, precisaria saber de locadoras que possibilitam a retirada em MVD e a devolução em Colônia.
Outra coisa, dá para pegar uma praia em Punta nessa época. Vi em alguns sites que a temperatura da água é por volta de 17º.
E o clima nessa época é frio, ameno ou quente?

Fiquei fã do site. Um grande abraço e parabéns.

    Olá, Teresa! Pega-se praia em Punta apenas no alto verão, e mesmo em janeiro a água é gelada. Praia é no Brasil, Punta é badalação, e badalação é no verão.

    É provável que cobrem sobretaxas para devolver o carro em Colonia. Talvez seja mais indicado entregar o carro em Montevidéu e ir de ônibus.

Como sempre, Ricadro Freire, não viajo sem dar uma passadinha por aqui. Amo seu blog. Parabéns!!!
Dúvidas: Estamos indo em dezembro de 13 a 16 para Punta, eu e meu marido em uma mini lua de mel de 10 anos de casados.
Queria sugestões de restaurantes para a ocasião, além de saber se vc acha q vale a pena passar um dia em montevidéu. Em Punta tem cassinos?
Enfim, o q vc faria a 2 em 3 dias?
Obrigada,
Priscila

    Oi Priscila,

    tomei a liberdade de te ajudar. Em Punta há alguns cassinos aim. Tem o tradicional Conrad (www.conrad.com.uy) e o Mantra (www.mantraresort.com), por exemplo.

    Dicas de restaurantes:
    O’Farrell (http://www.ofarrellrestaurant.com/)
    Lo de Tere
    Incanto (http://www.incantopunta.com/)

    Se vc tem pouco tempo pra viagem, então acho legal focar em Punta mesmo. Tem várias atrações legais. E não perca o por do sol na Casapueblo! É muito romântico!

    Um abraço,
    Debora

Bom dia a todos e obrigado pelas dicas. Estou com o Conrad reservado em punta e gostaria de saber como é no carnaval… será que é cheio demais e será incomodo? muito tumulto? é verdade também que para quem se hospeda de graça as festas são de graça??
obrigado

    Olá, Pablo! Punta lotada é tudo de bom, é quando a cidade funciona a todo vapor. O único problema é o trânsito para ir e voltar das praias de La Barra, mas isso é muito melhor do que encontrar a cidade vazia e desolada.

Acabamos de chegar de Punta, ou seja, no inverno. Estava mt mt mt frio num dia, como uns 8 graus e no outro esquentou e fez sol. Mesmo assim amamos a cidade e já queremos ir no verão pq deve ser demais. Tinha mt coisa fechada, mas conseguimos comer no Virazón nas ramblas e ficamos num hotel ma-ra-vi-lho-so, o Awa.
abs

Boa tarde.

Vou passar o Réveillon com um grupo de amigos em Punta esse ano, pela primeira vez.
Gostaria de saber como faço pra conseguir comprar o ingresso para o La Fiesta, alguém sabe?
Dá pra conseguir por algum site com antecedência ou só lá mesmo? Faz tempo que estou procurando, porém, só vejo os relatos dos que estiveram lá e recomendam a festa.
Grata.
Maria.