Aracaju

A certinha da turma

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Aracaju é um desses lugares que despertam no forasteiro a sensação de ter descoberto um lugar onde morar pode ser ainda mais interessante do que visitar.

A cidade se espalha entre dois rios caudalosos, o Sergipe e o Vaza-Barris. O rio Sergipe é sua fronteira norte; a cidade nasceu ali. Imediatamente ao sul está 13 de Julho, o bairro mais elegante, cuja avenida principal bordeja um manguezal viçoso transformado em parque. A ilhota da Coroa do Meio conduz à praia da Atalaia, que ganhou uma belíssima urbanização nos últimos anos – e que é sucedida por vinte quilômetros de areias semisselvagens até a praia do Mosqueiro, no Vaza-Barris.

A novidade é que a cidade não é mais contida pelos rios: duas pontes construídas nos útimos anos ligam a capital às praias do norte e do sul.

Quando ir

O tempo é mais firme entre setembro e março, quando dificilmente você vai perder algum dia de praia. Entre maio e julho pode chover mais do que você gostaria.

O diferencial de Aracaju, porém, está justamente em proporcionar mais do que praia, e por isso pode ser visitada o ano inteiro. No inverno é quando a paisagem do Cânion do Xingó, em Canindé do São Francisco (a 220 km da capital), fica mais bonita.

As festas juninas de Sergipe estão entre as mais animadas do Brasil. Aracaju monta dois pólos – o Arraiá do Povo, uma cidade cenográfica na Praia de Atalaia onde é possível até aprender a dançar forró, e o ForróCaju, um palco no centro da cidade onde se realizam os mega-shows com as maiores estrelas do gênero.

No fim de janeiro a cidade se agita com o Pré-Caju, normalmente a última grande micareta antes do Carnaval.

Como chegar

Aracaju é servida por vôos diretos de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Salvador, Recife e Maceió.

Por via rodoviária, Salvador está a 270 km de Aracaju, pela excelente e desimpedida Linha Verde, usando a nova ponte Gilberto Amado.

Maceió está a 280 km. Se a BR 101 sergipana está em bom estado, o mesmo não se pode dizer do lado alagoano. O melhor é deixar a 101 ainda em Sergipe seguir por Neópolis, atravessando o São Francisco com a balsa para Penedo.

Chega-se a Canindé de São Francisco pela Rota do Sertão, via Itabaiana, com asfalto tinindo. São 220 km desde a capital (conte em gastar 3h30min no percurso).

Onde ficar

A praia da Atalaia é a principal zona hoteleira da cidade; os hotéis têm estrutura para atender tanto viajantes a trabalho quanto turistas.

Os que viajam à cidade para trabalhar, por sinal, são muitíssimos: Aracaju é uma das capitais da indústria petroquímica nacional. Quem não quiser a tentação da praia próxima pode se hospedar em bons hotéis fora da orla – alguns estão próximos ou mesmo interligados a shopping centers.

O maior resort fica em Barra dos Coqueiros, no litoral norte, a vinte minutos da cidade pela ponte do rio Sergipe.

Se você está pensando em esticar até o Cânion do Xingó, considere a hipótese de dormir uma ou duas noites em Canindé do São Francisco ou em Piranhas, do lado alagoano. Só assim você terá tempo para poder ver tudo o que há por lá.

Uma seleção de hotéis que eu recomendo em Sergipe você encontra neste post.

O que fazer

A Orla da Atalaia é diversão garantida. Tem passarelas de madeira (que servem de atalho até a proximidade da rebentação), ciclovia, parquinho e até um bom Oceanário.

Ao cair da tarde peça para um amigo levar você a um dos bares rústicos da Orlinha do Bairro Industrial. À noite escolha entre os restaurantes do calçadão da Atalaia ou na zona boêmia da Passarela do Caranguejo, na outra calçada.

Duas das cidades mais antigas do Brasil estão nos arredores : São Cristóvão, 23 km ao sul, e Laranjeiras, 30 km ao norte.

Aracaju é uma excelente base para passeios. Ao norte, Pirambu (34 km) tem a base pioneira do Projeto Tamar; Pacatuba (115 km) é a porta de entrada para o Pantanal sergipano. Ao sul, Praia do Saco (65 km) e Mangue Seco (110 km) podem ser combinadas numa mesma viagem.

Aracaju no Viaje na Viagem

44 comentários

cirinéia jorge Coelho

Boa tarde
Gostaria de receber informações sobre Aracaju. Tenho 65 anos e vou viajar sozinha. Meu interesse é me hospedar em um hotel ou posada que posuam todo o conforto necessário para poder desfrutar de uma temporada de um mesmcom preçs razoåveis.
A localização deverá ser previlegiada e muito proxima a locais onde ofereçam um ambiente familiar e descontraido. De preferencia perto do mar com praia que ofereça toda a infraestrutura que minha idade exige.
Nao aprecio muquifos.
Desde ja agradecida pela informação fico no aguardo. Minha preferencia é no mes de marçomde 2015
Atenciosamente
Cirineia j. Coelho

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cirinéia! No post acima, indicamos os melhores bairros par ase hospedar. Para hotéis em Aracaju, siga as recomendações do item "Onde ficar?", ou se preferir pesquise sites como o Booking. Lá você pode ver fotos e ler resenhas de ex-hóspedes.

Edson
EdsonPermalinkResponder

Estive em Aracaju em novembro. Aconselho o Aju Hostel e Pousada. Fiquei em quarto privativo com todo conforto. Fica perto da orla, eles têm traslado. Em Pirambu fiquei na Pousada Praia do Sol. As duas pousadas são excelentes e os proprietários são super atenciosos.

Reinaldo Fernandes

Olá....
Consegui uma boa promoção voe.gol.com, e em abr/14 estarei indo para Aracaju/SE.
Pelo que tenho visto em minhas pesquisas, Aracaju simplesmente é show.
Vou com minha familia, esposa e dois filhos de 10 e 09 anos, e não vi muita nada direcionado para familias nos sites.
Gostaria de ajuda, principalmente em relação a hospedagem. Tipo se há gratuidade para meus filhos?
Gostaria de saber se loco ou não veículo, pois quero fazer os principais passeios, em especial o do canion do velho chico. Então melhor contratar os passeios ou ir de carro proprio.
Enfim, o que posso fazer em 7 dias em Aracaju?
Se eu sair de Aracaju, é preferivel ir para Alagoas ou para Bahia, qual possui um paraízo mais próximo?
Agradeço a ajuda!!!
Apaixonado pelo nosso lindo nordeste

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Reinaldo! Para ter ideia dos passeios e da necessidade de carro para cada um deles, assim como para ver sugestões de hospedagem na cidade e em seus arredores, leia este post - http://www.viajenaviagem.com/2012/12/guia-praias-sergipe-aracaju-barra-coqueiros-canion-xingo/
Cada hotel tem suas próprias condições, mas, pelas idades, seus filhos já devem pagar taxas específicas para dividirem o quarto com vocês.

Tatiana Castro

Boa tarde! Qual o telefone da barraca Com Amor Beach. Quero saber o valor para a festa de ano novo

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tatiana!

Encontrei este telefone no Facebook do bar: 79/3219-2069

Edson
EdsonPermalinkResponder

Estive recentemente em Aracaju. Fiquei hospedado no Aju Hostel Pousada, perto da orla, Um dos melhores que fiquei hospedado até hoje. Tem traslado para aeroporto. De Aracaju, peguei um bus na rodoviária nova e fui para Piranhas, onde fiquei hospedado no Solar dos Rodrigues. Vale a pena em Piranhas pegar um barco pesqueiro e andar pelo rio, conhecer a trilha do Lampião e seu bando. Férias perfeitas unindo Sergipe e Alagoas, rio São Francisco, praia e muito sol e muita comida boa. Aconselho pegar um bus e ir até Pirambu e conhecer a Lagoa Redonda. Essa viagem que fiz foi seguindo os conselhos do Viaje na Viagem.

Samuel Alencar

Boa noite gente tudo bem?
Estou organizando de viajar no começo do ano de 2015,eu e minha namora,porem estou numa duvida cruel em Aracaju e Natal,o que vcs sugere .
Eu queria um lugar triangulo em segurança e prias bonitas e limpas se possível, porem movimentada ,gostamos de sair ,e prefiro lugares de pessoas simpáticas.
Se vcs poder me da ums dicas ficarei muito agradecido...

Samuel Alencar

Outra coisa que acho muito importante tambem..preços mais acessíveis ,qual seria melhor

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Samuel! Aracaju é uma cidade mais segura e mais tranqüila. Oferece ótimos passeios fora da cidade.

Em termos de praias, Natal é superior.

VICTOR SAMUEL DA SILVA

Boa noite!
Estamos planejando férias em Aracajú em fevereiro.
Casal e filho de 2 anos e meio.
Gostaria, por gentileza, de sugestões de roteiro para casais com crianças; Melhores opções de aluguel de carro; Passeios não recomendados para quem tem criança desta idade; Enfim, dicas para uma boa estada em Aracajú. Ps. Previsão de 7 a 8 dias livres.
Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Victor! Infelizmente não temos como produzir roteiros individuais. Mas vale você dar uma lida nos posts que temos sobre a região:
http://www.viajenaviagem.com/2012/12/guia-praias-sergipe-aracaju-barra-coqueiros-canion-xingo/
http://www.viajenaviagem.com/2011/06/aracaju-um-almoco-no-mercado/
http://www.viajenaviagem.com/2010/10/aracaju-um-passeio-ao-parque-dos-falcoes/
http://www.viajenaviagem.com/2010/09/pacatuba-o-pantanal-sergipano/

E você pode pesquisar preços de aluguel de carros de várias locadoras com a nossa parceira RentalCars

Elaine Matos
Elaine MatosPermalinkResponder

Olá, estou com viagem marcada para Piranhas, AL em 3 de jan/15. Pretendo conhecer o Cânion de São Francisco e a rota do cangaço. Piranhas é uma boa localização? O Rio está navegável? Estou preocupada por causa da seca. Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elaine! Piranhas é a melhor base. Não temos reclamações sobre a navegabilidade do rio neste trecho. Ligue para sua pousada para informações atualizadas.

Flávio
FlávioPermalinkResponder

Uma boa dica para diversão e o que fazer na cidade é usar o aplicativo:

www.agendaju.com

maria nubia pereira barboza

Por favor, gostaria de viajar no reveillon nesse fim de 2014 para Aracaju e passar em Caninde do São Francisco. Gostaria de saber se haverá alguma festa por lá nesse dia.Por favor me respndam

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maria Nubia! Ainda não recebemos informações de leitores sobre o Réveillon por lá. Entre em contato com o seu hotel e faça uma consulta.

Valéria
ValériaPermalinkResponder

Olá!
Eu e meu noivo estamos planejando uma viagem para Aracaju no final de setembro deste ano e gostaríamos de saber o melhor lugar (boa localização) para nos hospedar, uma vez que não teremos carro para nossa locomoção. Não fazemos questão de hóteis caros, já que a maior parte do tempo não estaremos nele. Então queríamos em local onde pudéssemos ir para os pontos principais a pé.
E queria saber também se conseguimos transporte fácil para irmos a outros pontos da cidade.
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valéria! Leia o item "Onde ficar", por favor.

Lorena
LorenaPermalinkResponder

Independentemente de onde você vá se hospedar, é impossível visitar todos os pontos de interesse a pé. O mais recomendado é que se hospede na orla, um hotel muito bom que recomendo é o ViaMar Praia hotel, super bem localizado e com um ótimo café da manhã. Lá na orla mesmo, você poderá visitar a pé a feirinha de turismo, conhecer o oceanário e fazer uma caminhada entre os lagos da orla, além de conhecer a passarela do caranguejo e seus inúmeros barzinhos. Recomendo fortemente o bar/restaurante/casa de forró Cariri. Aracaju está toda interligada por sistema de aluguel de bicicletas, o Cajubike. Se gostarem de pedalada, dá pra ir até o centro da cidade pelas ciclovias, passando pelo calçadão da 13 de Julho e parando na praça da Catedral onde há varias barracas de artesanato. Seguindo ainda a mesma avenida (chamada popularmente de rua da frente) em linha reta, que margeia o rio, vcs chegarão no Mercado central, que também vale a visita. Não deixem de almoçar no restaurante Caçarola, comida deliciosa e barata, e vista para o rio. Daí vocês também poderão avistar a ponte que liga a cidade de Aracaju à Barra dos coqueiros. Um pouco mais adiante fica a orlunha do bairro industrial, com vários restaurantes e barzinhos. Se quiserem ter uma vista do alto, visitem a igreja do bairro santo antonio, mas nesse caso recomendo pegar um taxi saindo do mercado. É próximo, mas tem umas ladeiras consideráveis.

Em Aracaju as melhores praias são Aruana e Sarney, pra chegar lá vocês podem tomar um taxi. Recomendo a barraca Paraíso do Baixinho, pois não fica tão distante e, se quiserem almoçar em algum lugar mais especial após a praia, o ótimo restaurante Sollo fica do outro lado da rua, dentro de um hotel chamado Aruanã. Para visitar praias mais afastadas como Praia do Saco, melhor procurar algum passeio no hotel. A Crôa do Goré é outro passeio imperdível. Para chegar lá pegue um ônibus até a orla pôr do sol e, de lá, tome uma lancha pra a "crôa", onde a atração é bar flutuante e mesas e cadeiras que ficam parcialmente dentro da água. Após retornar do passeio, curta o pôr do sol na orlinha.

Se houver tempo, o melhor passeio a se fazer pelo interior do estado é o do cânyon de xingó, contratando-se alguma empresa especializada.

Alex Souza
Alex SouzaPermalinkResponder

Boa tarde. Estou planejando uma viagem para abril de 2015. Como é o tempo em Aracaju? Tem muitas chuvas?
Obg

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alex! Leia o tópico "Quando ir", no texto.

Leia também:
http://www.viajenaviagem.com/2012/10/praiometro-nordeste-caribe/

Juliane
JulianePermalinkResponder

Olá!
Sou de Curitiba/PR, vou tirar férias em junho e estou pensando em fazer um "tour" pelo Nordeste, para aproveitar as praias e conhecer o famoso São João.
Ainda não tenho nada programado, mas pensei em ir de avião até Aracaju, alugar um carro, ir até Fortaleza pelo litoral e voltar pelo interior.
Primeiramente gostaria de saber tua opinião, se é uma viagem que vale a pena ou se fica muito cansativo e com isso aproveitaremos pouco os lugares.
E segundo, queria saber se há algum lugar no site com dicas de roteiro para esse tipo de viagem, com as principais cidades e pontos para se conhecer.
Desde já, obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Juliane! É uma viagem que parece muito mais interessante no papel do que na vida real. Não perca suas férias na estrada. Escolha um São João e aproveite as praias próximas. Lembre-se que junho é época chuvosa em todo o Nordeste.

Amarilis
AmarilisPermalinkResponder

Aracajú é belíssima!!! Vale a pena conhecer suas belezas! Extremamente recomendável alugar um carro (pela CB Locadora com serviço impecável) e conhecer todas as praias do litoral sul e norte. Das que não forma mencionadas e vale a visita destaco Pirambú no norte só com cuidado com o sol já que não tem sombra alguma e a caminho do Xingó, agendar uma visita ao Parque dos Falcões em Itabaiana, seguir viagem e ficar 1 noite em Piranhas para fazer o passeio logo cedo. Logo cedo deve ser o passeio à Croa do Goré para ver os carangueijinhos que dão o nome ao local.
Imperdível o Museu da Gente Sergipana!! De primeiro mundo!!
Não deixem de ir à lagoa Azul e ver os tambaquis comendo na sua mão.
Aproveitem pois do Nordeste é um dos lugares mais espetaculares devido à diversidade que oferece!!!

Cássia
CássiaPermalinkResponder

Boa noite,
Estou em Pacatuba-Se e estou planejando ir para o Xingó, gostaria de saber qual o melhor caminho sai do de Pacatuba. Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cássia! É por Glória.

Richard Stambuk

Olá

Vou ter 9 dias completos em Aracaju, gostaria de dicas de roteiro. Creio que seria muito longe para incluir Maceio no Roteiro. To pensando em 2 dias no Xingo, 3 em Aracaju. Vale a pena passar uma noite em Mangue seco? O que mais sugere?
Somos um casal jovem e gostamos de ficar mais tranquilo, sem muita correria. Pretendo alugar um carro.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Richard! Com três dias inteiros (duas noites) no Xingó (fique em Piranhas) você verá tudo por lá. Do Xingó vocês podem ir a Penedo e fazer o passeio da Foz do São Francisco, voltando então para Aracaju. Tendo tempo, um pernoite em Mangue Seco é interessante, sim.

Richard
RichardPermalinkResponder

Pretendo ir no final de março. Sabe se a seca afetou os passeios pelo São Francisco?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Richard! Não temos notícias, o que é uma boa notícia.

Richard stambuk

Em relação ao passeio até mangue seco, o que recomenda? Vi que muitas pessoas pegam um barco para depois disso pegar um buggy e acaba saindo bem caro!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Richard! Há um tour organizado de barco que passa pela praia do Saco, segue pelo Rio Real até Mangue Seco. Lá chegando há bugueiros esperando para levar à praia oceânica e cobram à parte.

Se você estiver de carro, pode ir até o vilarej do Pontal, estacionar e esperar o barco-lotação que vai a Mangue Seco e custa baratinho. A praia está a uma distância caminhável (20 minutos) se você não quiser pagar o bugue.

Chris
ChrisPermalinkResponder

Olá, Riq / Bóia / viajantes!
Estou programando minhas férias rumo ao nordeste em Outubro de 2015.
Já é certo de uma parte da viagem estar com uma amiga que tem família em Aracaju, onde ficaremos uns dois dias e em seguida irei de carro com ela para um resort em Imbassaí.
Quero aproveitar o restante da viagem sozinha conhecendo outras praias do nordeste e pensei em ir à Itacaré ou outro destino bacana, mas estou um pouco perdida - será minha primeira viagem sozinha e queria optar pelo melhor custo/benefício em termos de deslocamento desses pontos que já estão em meu roteiro.

Itacaré valer a pena ser um terceiro destino ou é muito contramão? Sugerem outros lugares que valham a visita e que tenha acesso mais fácil para uma viajante solitária e sem carro?

Obrigada!!! Abraços! wink

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Chris! De Salvador direto a Itacaré a viagem não é tão simples: ou você atravessa de ferry a Bom Despacho e segue de ônibus a Itacaré (umas 6h de viagem no total) ou voa a Ilhéus e vai de ônibus ou trânsfer a Itacaré (1h).

Um roteiro mais simples é ir de catamarã a Morro de São Paulo, passar uns dias e, se quiser, continuar a Boipeba, Barra Grande ou mesmo Itacaré, saindo de Valença.

Leia:
http://www.viajenaviagem.com/2012/12/praias-bahia-itaparica-morro-sao-paulo-boipeba-barra-grande-marau-itacare-ilheus-una-comandatuba-canavieiras

Andreia
AndreiaPermalinkResponder

Acabei de voltar de Aracaju com esticada ao Cânion do Xingó e queria compartilhar minha experiência sobre Canindé do São Francisco e Piranhas (Cânion Xingó):

1) Vale MUITO a pena passar no mínimo 2 dias lá, porque os 2 passeios mais importantes levam 1 dia cada (para fazer tranquilamente): o Cânion do Xingó e a Rota do Cangaço. Fiquei só 2 dias e não consegui visitar a usina hidrelétrica de Xingó, outro lugar interessante.

2) Hospede-se em Piranhas (Alagoas). A cidade é pequenina e charmosa.

3) O passeio ao Cânion é feito por uma empresa super organizada (R$ 84,00/pessoa), mas depois de fazê-lo, conheci um pessoal que pagou lancha rápida (cap. 7 pessoas) para fazer o mesmo passeio. Vantagem: mais tempo para ficar no mesmo local, além de conhecer um pedaço do rio que o catamarã não vai. Infelizmente não peguei os dados...

4) Sobre o passeio Rota do Cangaço, atenção. Este é um passeio que vc vai de barco até certo ponto do Rio São Francisco, onde tem uma praia fluvial e um restaurante. Após chegar, quem quiser, faz um percurso à pé no meio da caatinga até a Gruta do Angico, local onde Lampião e sua turma foram emboscados e mortos. Aí vem a GRANDE diferença, na minha opinião. Descobri, meio que em cima da hora, que existem 2 passeios (empresas) que fazem isso, sendo que em uma vc anda 1,3 km só para chegar na gruta (quase 3km ida e volta!!), e em outra, anda METADE disso (+- 650 metros). O passeio mais curto, além de ser menos sofrido (acredite, é MUITO quente), é o verdadeiro percorrido pelos soldados que estavam atrás de Lampião (passam no Alto das Perdidas, local onde os soldados se separaram, e o restaurante fica na frente da casa original do coiteiro Pedro de Cândido; o passeio mais longo não passa nesses lugares). Vão tentar te vender o de 1.3 km porque o barco tem uma rede que vc fica deitado para se banhar (sinta-se um peixe de arrasto), mas não vale a pena... eles não param na mesma praia fluvial e no mesmo restaurante (Angicos). Eu fiz o mais curto, e o visual da praia que ficamos... incrível! Além de não sofrer tanto na caatinga e fazer o verdadeiro percurso! Dados da empresa de menor percurso: (82) 8871-0439 - Célio Rodrigues - Catamarã São Francisco - https://www.facebook.com/espacoangicos.

5) Para chegar em Canindé de carro: não use GPS. Fiz o caminho que os ônibus de turismo fazem e deu certo. As estradas são de mão dupla, mas bem conservadas. Levamos 3 horas, porque ao passar pelas cidades tem muito quebra-mola + trânsito local (motoristas muuuuito sossegados e alguns caminhões). Vá seguindo as placas de cidade em cidade, assim:
Pegue a BR 101 sentido Maceió. Vá em direção à AREIA BRANCA e siga para ITABAIANA (passa por fora da cidade). Entre em RIBEIRÓPOLIS (a única que vc vai entrar). Logo vc vai ver um farol com uma placa indicando à ESQUERDA Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora da Glória e Canindé. Entre aí, e vá seguindo as placas para estas 2 primeiras cidades. Depois destas, as próximas cidades que vc deve seguir são MONTE ALEGRE DE SERGIPE, POÇO REDONDO e por fim, CANINDÉ do São Francisco.
É isso. O lugar é fabuloso e vale cada gota de suor pra chegar smile

Ah! Não deixe de visitar o PARQUE DOS FALCÕES em Itabaiana. Trabalho lindíssimo de recuperação de aves que depende única e exclusivamente dos ingressos dos visitantes. É emocionante (vá de chapéu/boné + protetor).

Simone
SimonePermalinkResponder

Boa noite, gostaria de saber se alguem pode me ajudar, pois estou querendo ir para Aracaju de ônibus pela linha verde quais são os horários e em que lugar posso pegar.obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Simone!

Águia Branca faz a rota Salvador-Aracaju. Não sabemos se é pela Linha Verde, entre em contato para saber.

https://www.aguiabranca.com.br/

Katia Pontes
Katia PontesPermalinkResponder

Boa tarde,
Estivemos em Aracaju em fevereiro/2015, durante uma semana e gostaria de compartilhar a indicação de um restaurante:
MANGARÁ - fica na av. Beira Mar, 1024
Este restaurante "lembra" o Mangai, com a comida regional, decoração típica..... porém, acho que chega a ser mais autêntico, com astral leve e simples do povo nordestino!
Simplismente Adoramos!! Parece que o restaurante não está muito na mídia mas, para quem quiser conhecer a culinária local, vale a pena procurar

Luciene
LucienePermalinkResponder

Boa tarde,
Quero saber qual o melhor caminho para, saindo do Cânion do Xingó, chegar a Penedo. Se for pela rota traçada no Google Maps perco muito?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luciene! Vá por Neópolis, atravessando de balsa.

Fatima Khaddour Atieh

Vou estar em Aracaju pela terceira vez, e já fiz vários passeios, desta vez gostaria de ir de carro para praia do forte, é muito longe?? , qual a rodovia melhor se valer a pena..obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fátima! São 250 km -- umas 3h30/4h de viagem. Saia de Aracaju pela Rodovia José Sarney, atravesse a ponte Joel Santana e siga pela Linha Verde sergipana, que emenda na Linha Verde baiana. Para valer a pena, passe umas duas noites por lá.

Leia:
http://www.viajenaviagem.com/2012/12/praias-bahia-salvador-guarajuba-itacimirim-praia-forte-imbassai-sauipe-mangue-seco

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Comentar novamente

Cancelar