Santiago

Ordem e progresso

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

A capital do Chile é o espelho perfeito da trajetória recente do país.

Limpa, ordeira, afável,  moderna – Santiago é um modelo de eficiência. Constatar a existência de uma cidade tão civilizada nas nossas latitudes já vale a viagem. Se bem que, quando o fog dá uma trégua e deixa entrever a Cordilheira ao fundo, o adjetivo que vem à sua cabeça é: linda.

O Centro ainda conserva alguns prédios históricos, e praticamente monopoliza as atrações turísticas. Continuando pela Alameda chega-se a Providencia, um importante bairro comercial. Mais adiante, El Golf e Vitacura revelam a nova Santiago, de avenidas amplas e prédios moderníssimos; é a região dos negócios e do lazer da elite.

O Chile inteiro não cabe numa viagem só. Aproveite para descobrir um pouco mais de Santiago a cada visita.

699 comentários

Jessica
JessicaPermalinkResponder

Parabéns pelo postar, me ajudou muito.

Denis
DenisPermalinkResponder

Eu e minha esposa estivemos em Santiago entre 10 e 15/08/16. Seguimos as suas recomendações e saiu tudo perfeito. Chegamos na quarta no final da noite, utilizamos a Van compartihada,nos hospedamos no RQ Bosque Tobalaba (tivemos um pequeno problema com a água do chuveiro que não esquentava mas resolveram logo nosso problema nos trocando de quarto,na quinta pela manha pegamos o metro e fomos ate a Ski total para um dia em Valle nevado, na sexta Farellones, sabado regiao central, La chascona, Fenucular, Cerro San Cristovao,Cerro santa Lucia, Patio Bella Vista,La Moneda,domingo Concha y Toro + almoço no Bella Almoço+Sky Costaneira, os preços de tudo estavam um pouco alem do que esperavamos vai valeu a pena. Ahhhh!, na Van da Ski total em que estavamos haviam mais 2 casais , um do Curutiba e outro do Rio que tambem estavam seguindo as suas dicas. Parabens e obrigado,e por favor, mantenha atualizadas as dicas para Morro de São Paulo por que este será nosso proximo destino, rsrsrs....

Ylsef
YlsefPermalinkResponder

Santiago é uma cidade encantadora. Lindos monumentos, friozinho delicioso (principalmente pra quem vive no nordeste do Brasil, rsrsrs), ótima gastronomia, ótimos vinhos. Montamos o roteiro (eu e minha esposa) alicerçados pelas suas sugestões e o resultado... ADORAMOS! Muito obrigado por todas as dicas, foram-nos muitíssimo úteis. Fizemos quatro novos amigos (dois casais de Recife) e já estamos programando juntos um novo passeio.
Minha avaliação negativa sobre a cidade são (como já foi relatado aqui) os taxistas. Rotas maiores que o habitual, taxímetro que "rodava" mais rápido, enfim táxi em Santiago é coisa complicada.

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Acabo de voltar de Santiago . Viajei com duas amigas. A cidade vale a pena: comida boa, praças bonitas.Se puder escolher um bairro pra ficar: fique na Providência ou Lastarria. Vá preparado pra gastar muito dinheiro, pois tudo é muito caro . Viste o máximo de vinícolas que conseguir , todas valem a pena. Nunca pegue ônibus. Somente táxi e metrô. USE DOLEIRA sempre, pois fui roubada no metrô e minha bolsa estava fechada, até agora não sei o que aconteceu, os bandidos são profissionais e muito'' mão leve''.

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

É isso aí, Gabriela. Apesar do Chile ser, depois do Canadá, o país menos violento das Américas, os batedores de carteira chilenos são de excelência. É preciso estar atento, principalmente nos transportes e em restaurantes, e nunca perder a bolsa de vista, pois esses ladrões geralmente andam bem vestidos. Turistas brasileiros são alvos pois são mais relaxados, por estarem acostumados a crimes mais violentos. Mas eu prefiro andar de ônibus que metrô, para aproveitar a paisagem e conhecer mais.

Guilherme
GuilhermePermalinkResponder

Fui novamente a Santiago e voltei ainda mais encantado. Cidade organizada, transporte público funciona, cheia de atrações...e ainda tem o Valle Nevado ali pertinho.

Gostei demais da vista do Sky Costanera!!!

Mauro Jose
Mauro JosePermalinkResponder

Ola a todos!! acabamos de voltar de Santiago, fomos dia 30 e voltamos dia 03/09, passeio em familia, minha terceira vez em Santiago, objetivo era ver neve, porem, em Farellones, acabou ....somente em Vale Nevado, e para iniciantes é muito limitado, mais os filhos adoraram. Conforme a dica alugamos os serviços da Sousas Tour, desde transalados Aerop/Hotel e passeios, foram pontuais, atenciosos e preços justos. Ficamos na regiao da Las Condes, no hotel Plaza El Bosque San Sebastian, excelente localização, perto de restaurantes, metro, Costanera Center, casas de cambio...tem duas a 100m, consegui cotação no real a 191 e dolar a 670 no dia 2/09, uma dica, faça um teste com o cartao de debito do seu banco, no meu, mesmo com IOF, saiu uma cotação de 186, assim, evitamos sair com money...No hotel, alugamos uma suite com 2 quartos, o de casal ok, mais o com duas camas de solteiro, é muito pequeno, nao tem Tv, Ar condicionado( ainda bem que estava frio) o banheiro deste quarto é minusculo( lembra o de um cruzeiro)

Sylvia Lavor
Sylvia LavorPermalinkResponder

Oi gente. Cheguei hoje - 14/09/16, em Santiago. Meu voo chegou por volta das 5.30 pm. Demorei um pouco na imigração pq só tinham dois atendentes pra muitos passageitos! Mas depois colocaram mais dois atendentes e a fila andou mais rápido. Saí do aeroporto por volta das 6.30pm. Fiquei impressionada com o engarrafamento. Cheguei no hotel panamericano um pouco mais de 19.30. O tempo tava nublado. Tá um pouco de frio, mas agradável, 18°. Fui ao shopping cantonera de metrô. Super fácil com as dicas daqui! Comprei o chip pré pago da Virgin. Paguei 2mil pesos pelo chip mais mil pesos na recarga na farmácia. Super fácil! Não fui no mirante pq já estava escuro e quero ir no final da tarde. Voltei de metrô pro hotel por volta das 21.30. Não achei o Centro morto como muitos disseram. Tinha bastante gente na rua. Super tranquilo. Amanhã vou fazer o city tour. Espero poder ajudar com as minhas dicas....abraços

Sylvia Lavor
Sylvia LavorPermalinkResponder

Desculpa, o nome do shopping é costanera e não cantonera...erro do corretor ortográfico rsrsrs

Sylvia Lavor
Sylvia LavorPermalinkResponder

Fiz um city tour panorâmico pelo Centro de Santiago em uma excursão na quinta, 15.09. Confesso q não goste muito pq o passeio foi mais andando de ônibus e isso prejudicou conhecer os lugares e tirar fotos. O Centro de Santiago é perfeito pra se fazer a pé! E é isso a vou fazer amanhã.. . Quem puder, recomendo seguir as dicas daqui pra conhecer a cidade andando, no seu tempo, e não na correria da excursão. A tarde fomos pela vinícola concha y toro. É bem bacana lá, mas como estamos em setembro, as videiras não estavam na época da colheita e só vemos caules plantados. Vou voltar em dezembro só pra ver a colheita.. .rsrsrs. ganhamos uma taça após a degustação. Gostei tanto q comprei mais quatro taças a estavam em promoção: 6 mil pesos pelas quatro. O valor individual era 2 mil pesos. Não comprei vinhos lá pq saem mais caro q comprar no supermercado. A não ser q queira comprar vinhos mais especiais, q nem vendem em supermercado. Bom, é isso por hj ; )

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Oi Sylvia! Ótimos comentários. Mas não volte em dezembro, pois a colheita (vendima) das uvas no Chile vai do começo de março à primeira semana de abril. Todos os vales produtores aproveitam para organizar Fiestas de la Vendimia, sendo a principal em Santa Cruz (Colchagua). A Vendimia de Mendoza também é ótima.

Duvida
DuvidaPermalinkResponder

A CNH vale para entrar no pais?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Duvida! Não vale.

mila
milaPermalinkResponder

Olá, Ricardo e Boias!
Irei para Santiago em novembro e meu passaporte brasileiro venceu. Posso entrar (e sair do Brasil) com passaporte português? Ou só RG dá? O meu é de 2004; será que tem problema (está bem novinho)? É melhor fazer outro RG (passaporte provavelmente não ficará pronto a tempo, pelo que tenho ouvido)?
Desde já agradeço a atenção de vocês, a quem recorro sempre. Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mila! Pode usar o RG. Leve o passaporte português para o caso de encrencarem com a data do RG no embarque aqui no Brasil.

Elaine
ElainePermalinkResponder

Olá! Estou pensando em ir para Santiago em Novembro (ainda estou em dúvida entre Chile e Uruguai), e observo alguns comentários que Santiago é uma cidade cara. Podem me dar exemplos do que é considerado caro?

Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elaine! Tanto Santiago quanto Montevidéu são cidades atualmente com custo de vida parecido com São Paulo. A reclamação de preços tem duas causas:

1) quando o real estava sobrevalorizado, ambos lugares pareciam menos caros que as cidades caras do Brasil (já Punta del Este sempre foi mais cara)

2) reclamar de preços é o esporte preferido do turista

Quem começa a viajar para o exterior normalmente tem como referência viagens ao Nordeste, onde é praxe dividir pratos e os passeios são muito, muito baratos. No exterior os pratos são sempre individuais, os passeios têm preços internacionais e itens como refrigerante, água e cafezinho custam bem mais caro do que no Brasil.

Se você procura lugares na América do Sul com custo de vida menor do que no Brasil, pense em Peru e Colômbia, que são ligeiramente mais baratos. (Os passeios, porém, continuarão mais caros do que os do Nordeste.)

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Comentar novamente

Cancelar