Onde comer em Lisboa: a lista do Phillip

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Noobai, Lisboa

Semana passada, o Philipp deixou numa caixa de comentários algo que intitulou, modestamente, Pequeno guia gastronomico de Lisboa e arredores. Só que o adjetivo "pequeno" não se aplica nem à extensão, nem à estatura do belíssimo guia que ele produziu, já com links e tudo. Sem dúvida uma das contribuições mais luxuosas já feitas a este site. O blogueiro e as Bóias, boquiabertos, agradecem e transcrevem na íntegra. Vai pelo Phillip:

--> Campo de Ourique, Amoreiras, Campolide (fora da Lisboa mais turística)

Coelho da Rocha: restaurante tradicional na rua de mesmo nome. Empadão de perdiz e carneiro.

O Bitoque: restaurante bem simples na rua Ferreira Borges. Leite-creme, a versão portuguesa da crème brûlée.

A Charcutaria: para bacalhau espiritual. (Tambem há na rua do Alecrim – a que vai do Largo Camões ao Cais do Sodré).

Cataplana & Companhia: ótimas cataplanas e bom carneiro.

Casa dos Passarinhos: restaurante tipicamente “alfacinha”.

Natraj: indiano na Rua do Sol ao Rato. Ambiente simples, mas com muitas receitas de Goa (com leite de coco), meu indiano favorito.

La Trattoria: Italiano com ambiente trendy, preco muito bom para o almoço.

--> Largo do Rato

La Brusketta: varios tipos de bruschettas

Os Tibetanos: uma das poucas opcoes para os vegetarianos.

--> Avenida da Liberdade e arredores

Ribadouro: marisqueira tradicional na Avenida da Liberdade.

Solar dos Presuntos: o nome diz tudo, é para comer presunto cru, mas tambem conta com outros pratos. É meio que para turista, mas ainda assim vale a pena.

--> Bairro Alto

Bota Alta: no meio do Bairro alto, uma opcao para comer e depois curtir o Bairro, fazendo um ‘bar hopping”.

As Salgadeiras: como acima, outra opção para comer e depois curtir o Bairro. Bons peixes.

A Tasca do Chico: IMPERDÍVEL, não pela comida mas pelo fado vadio (fado improvisado) de quartas e domingos (confirme isto antes). Mas vá com boa disposição e paciência (e de prefêrencia chegue cedo), pois muitas vezes fica MUITO cheio e a tasca é pequenita. Na minha opinião, muito melhor que as casas de fado que vendem para turista.

Pap'Açorda: Um dos mais famosos da cidade, mas prepare o bolso. A mousse de chocolate é imperdível.

--> Príncipe Real

Chafariz do Vinho-Enoteca: muito bom para tomar bons vinhos com petiscos, recomendo a tosta com queijo de cabra.

--> Chiado

La Brasserie de L’Entrecôte: Você escolhe se quer carne normal ou de seitan (opção veggie), escolhe o ponto e o vinho. Simples e delicioso. Muito próximo ao Largo Camõees. Ha uma filial no Parque das Nações.

Cervejaria Trindade: proximo às Ruinas do Carmo, esta cervejaria conta com salao enorme e excelente selecao de frutos do mar. Almêijoas à Bulhão Pato de entrada é minha dica, aos mais corajosos os percebes ou, à época, os caracóis.

Sacramento: no Chiado, tem ótimo bacalhau com broa.

Casa do Alentejo: decoração alentejana (mourisca) e comidas típicas da região de onde recebe o nome. Se não vai visitar Évora, vale a pena passar por aqui para ter um gostinho do Alentejo (e ficar com vontade de voltar a Portugal para visitar Évora).

--> Miradouro de Santa Catarina

Noobai Café: É um “sitio” perfeito para o final de tarde [a foto do post é de lá, N. do E.]. Sangria com uma tosta de queijo de cabra com vistas espetaculares.

--> Alfama & Castelo

Chapito: Se o orçamento está apertado e dá somente para um bom restaurante (leia-se caro), este é o lugar. Reserve com antecêdencia uma mesa “com vista” para o Tejo, de preferência ao pôr do sol.

--> Docas de Santo Amaro ao Cais de Sodré

Nas docas de Santo Amaro, não há nada de destaque pela gastronomia, são restaurantes turísticos médios, porém o visual junto ao rio Tejo e a Ponte 25 de Abril compensa a comida mais-ou-menos.

Tromba Rija: tradicional grupo que dispensa apresentação aos alfacinhas.

Meninos do Rio: junto ao rio Tejo, otimo para um dia de sol, nem que seja somente para umas “imperiais” (como eles chamam a draft beer) ou para umas tacas de vinho. Proximo há a Kapital e Kremlin (acredito que ambos do grupo K) que eram baladas boas, mas vale perguntar o que está na moda. Perguntem sobre o Urban Beach, um lugar super trendy que fizeram ano passado, mas que era apenas para temporada assim como era antes o Kubo.

--> Belém

Portugalia: uma rede. A localizacao proxima ao Padrão dos Descobrimentos, faz com que uma visita à pequena Torre de Belém, Padrão dos descobrimentos, Centro Cultural Belém (CCB), Palácio de Belém, Museu Nacional dos Coches e, claro, Mosteiro dos Jerónimos, termine ou comece no almoõo -- o que torna tudo mais conveniente. Não coma sobremesas aqui, deixe para comer os verdadeiros pastéis de Belém (se possível com um vinho do Porto).

Piazza di Mare: Italiano junto ao Tejo. Boas pizzas e durante o verao vale tambem o ambiente aberto junto ao rio para tomar uns drinks. Para os baladeiros, uma esticada ao BBC que esta logo ao lado e’ recomendavel.

--> Outros locais em Lisboa

A Tapadinha: Russo muito bom, fora do circuito turistico. Sempre que vou a Lisboa e tenho tempo passo por lá. Destaque para o bife tártaro (steak tartare), as ótimas cervejas russas e os drinks com vodka.

A Casa do Bacalhau: não preciso explicar o que comer aqui, várias opções do peixe mais consumido pelos lusitanos com um ambiente interessante. Única atração turística relativamente próxima é o Museu Nacional do Azulejo.

Portas do Sol:ótimo para um cha frio ou sangria no final de uma tarde quente, vistas sensacionais para o Tejo.

--> A 30 km, para quem realmente gosta de bacalhau:

Em Arruda dos Vinhos, uma cidadezinha a 30 km do aeroporto de Lisboa, o restaurante O Fuso é talvez a meca dos que gostam de bacalhau à lagareiro. Talvez uma boa pedida para quem estiver voltando a Lisboa pela A1.

Claro que há outras opções, mas queria aqui recomendar os que eu realmente gosto; sempre que volto a Lisboa (quase que todos os anos pois tenho familiares e muitos amigos lá) visito pelo menos um desta lista.

A lista motivou muitas contribuições. Vamos a elas -- e viva a blogagem participativa grin

--> Adendos da Eunice:

Cervejaria Ramiro (para frutos do mar) - Restauradores

Casa da Mó (pela sobremesa) - São Nicolau

Terraço do Bairro Alto Hotel (pela vista) - Chiado

--> Adendos do JotaPê:

Churrasco (para frango à pil-pil) - Baixa

A Valenciana (grelhados) - Campolide

Obrigadinho!

Leia também:

Página-guia de Lisboa no Viaje na Viagem

Chicago: as dicas do Philipp

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email
Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire
Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem


 

75 comentários

Merél
MerélPermalinkResponder

Fiquei doida com essa lista! grin

"Tromba Rija".................... rá!

Elisa
ElisaPermalinkResponder

Eu também, de que portão sai o avião mesmo, hein?

Adriana Pessoa

Acrescentaria o 100 Maneiras, no Bairro Alto, na rua do Teixeira, 35.

Wander
WanderPermalinkResponder

ah ah ! post salvo : em 2 semanas estarei em Lisboa. Já tinha visto a lista do Philipp no post de Lisboa e anotado alguns dos restaurantes indicados. Obrigado Ric, obrigado Philipp; e também a Eunice e JotaPê. É por isto que não dá pra se desligar do VnV !!!

Wander
WanderPermalinkResponder

oops : é Riq, claro.

José Augusto Viel Filho

O Pucaro na praia do guincho é uma otima indicação para fruto do mar.

Beto
BetoPermalinkResponder

É Frango à PIRI-PIRI(em Churrasco), Riq e/ou Bóia.

JP Soares
JP SoaresPermalinkResponder

Beto, actualmente em Portugal diz-se simplesmente frango de churrasco ou frango no espeto. À "piri-piri" caiu em desuso

Beto
BetoPermalinkResponder

É que junto ao link do restaurante, entre parênteses, tá lá "frango à pil pil", JP.

RosaBsb
RosaBsbPermalinkResponder

Junho/2012. Oba!!!!

Renata Luppi
Renata LuppiPermalinkResponder

Eu acrescentaria o restaurante Ti Natercia, que foi uma indicação de moradores e é super pequeno. Quando fui, a própria Natércia cozinhou para nós !

http://www.tripadvisor.com.br/Restaurant_Review-g189158-d1974738-Reviews-Ti_Natercia_Restaurante-Lisbon_Estremadura.html

Fabi
FabiPermalinkResponder

Adoro o Chapito! Ja estive la 2x... Adorei tb o Nariz de Vinho Tinto... No Porto IMPERDIVEL é o Adega Presuntaria Trasmontana!! Que bacalhau!!!! Fica ao lado da Sandeman em Vila Nova de Gaia... excelente jantar com vinho da casa para 2 pessoas sai por 55 euros.

Philipp
PhilippPermalinkResponder

Ja havia estraido tantas informacoes preciosas daqui que precisava compartilhar.

Como disse ha demasiadas opcoes em Lisboa e claro que esqueci de varios, relendo a lista acima, XL e Eleven sao 2 "high end" que notei a falta, enfim, tomara que outros ajudem aqui e deixem mais preciosas dicas para expandirmos a lista. grin

Marcia
MarciaPermalinkResponder

Noooooossa!! que lista maravilhosa!! vc deve ter ficado muito tempo lá, né? Fiquei com saudades de Lisboa de novo...

Philipp
PhilippPermalinkResponder

Morei la por pouco mais de 3 anos, tempo suficiente para fazer esta lista e um pouco mais wink

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Riq e Dona Boia,

eu to ficando muito boa de VnV, quando li tanto o comentário do passeio ao lago de Como quanto a lista de restaurantes de Lisboa eu pensei...vai virar post.

Alias to doida pra usar as dicas, pena que vai demorar muito pra uma próxima viagem.

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Gente, no Casa da Mó eu gostei de tudo! hummmmm... A comida, a sobremesa e o vinho. Tb adorei o ambiente do La Valenciana. Mas tudo o que descobrir de restaurante lá foi meio que sem querer. Em Lisboa, fiz questão de comer sem preconceito. Entrava em qualquer restaurante ou "tasca" que me parecesse arrumadinha e com um cardápio que me agradasse. Sempre perguntava o que era recomendado e poucas as vezes (apenas uma, na realidade) me decepcionei. Mas esta lista está realmente muito boa, vale a pena conferir!

Eunice
EunicePermalinkResponder

Philipp. Dois casais de amigos que viajam agora, dia 20, para 7 dias em Lisboa, já estão com sua lista em mãos, radiantes de felicidade. Além dos restaurantes, não podemos nos esquecer das Pastelarias, Cafés, Confeitarias e dos bares ou chás dos hotéis de luxo, a exemplo do chá do Pestana Palace e do bar do Hotel Ritz. Minha "pastelaria" - que não é pastelaria como entendemos aqui, mas uma especie de café, é a Suiça. Sempre retorno lá. Também adoro as vendedoras de castanha com seus carrinhos pelas ruas. Um saquinho de castanha assada acompanhada por uma ginja - minha preferida "A Ginjinha Registada" do Rossio ( no Largo da Tolerância ) é , ao meu ver, uma experiência gastronomica inesquecível.

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

vontade de ir a Lisboa... e aí... como conseguir tempo suficiente para provar todas estas delícias?

Eunice
EunicePermalinkResponder

E do outro lado do Tejo, com vista para Lisboa, quem tem referencias de bons restaurantes?

Philipp
PhilippPermalinkResponder

Tem o Amarra ao Tejo em Almada. Nunca fui mas ja tive boas referencias:

http://www.tripadvisor.com.br/Restaurant_Review-g189158-d850655-Reviews-Amarra_o_Tejo-Lisbon_Estremadura.html

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Eunice, gosto muito do Maré Viva que fica em Porto Brandão. A decoração não é das mais bonitas, mas a comida compensa (fondue de marisco é espetacular)! Além do mais, ver Belém da outra margem do Rio é encantador!!
Pegue a embarcação em Belém que vai para Trafaria, e passa em Porto Brandão.
http://restaurantemareviva.com/
http://www.transtejo.pt/

Eunice
EunicePermalinkResponder

Obrigada, Philipp e Gabriela.

JP Soares
JP SoaresPermalinkResponder

Tem também os clássico "Ponto Final", em Cacilhas, caminhamdo um pouco a pé junto ao rio, depois do sair do "cacilheiro"
http://www.lifecooler.com/Portugal/restaurantes/RestaurantePontoFinal
e o "Atira-te ao Rio", ao lado
http://atirateaorio.pt/

Pessoalmente prefiro o primeiro

Eunice
EunicePermalinkResponder

Obrigada, JP.

Amadeu Barbosa

Não se vê Lisboa, mas vai à Azóia, almoças na Fátima umas boas sardinhas e com tudo incluído pagas cerca de 8,00€ (inclui o famoso pão de Alfarim)de seguida e bem perto visitas o Cabo Espichel.

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Hummm...esse papo está dando água na boca! Não resisti e vim cá sugerir mais alguns lugares que gosto muito em LX…

Belém,
- Subindo a Calçada da Ajuda, fica o "Coisas de Comer" (ótima opção pelo ambiente, pelo atendimento, e é claro, pela comida! O bife wellington é divino!!) http://www.coisasdecomer.pt/

Príncipe Real,
- O vegetariano "Terra" (buffet variado e delicioso, com esplanada espetacular!) http://www.restauranteterra.pt/Terra/Bem_vindo.html

- O "Pavilhão Chinês" (um ambiente surreal! Para o início ou fim de noite, a pedida é cafés, chás, drinques…) http://barpavilhaochines.blogspot.com/

Alana Dias Mendes

O Solar dos Presuntos tem um òtimo Bacalhau ao Lagareiro e Lagosta. As mulheres recebem um belo cravo vermelho na saída.

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Uau, grande pesquisa de campo! Favoritado!

Clara
ClaraPermalinkResponder

O Restaurante Zé Varunca não pode faltar nessa lista de jeito nenhum!

Fica na mesma rua do Solar dos Presuntos, apenas 1 ou 2 quarteirões antes(pela mão da rua). Comida alentejana muito boa. Recomendo enfaticamente.

Eugênia
EugêniaPermalinkResponder

Depois de Roma, etc, estarei em Lisboa por dois dias, antes de retornar. Ficarei hospedada na Avenida da Liberdade. Para um bacalhau ótimo, na região da Liberdade, a que restaurante devo ir? Quem pode me indicar? Obrigada, Eugênia.

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Deu fome... esse Tromba Rija é bom mesmo smile
Quando fui, adorei!

Valdinho Pellin

Olha essa lista do Philip é fantástica. E pensar que ele postou respondendo uma pequena dúvida minha. Na hora ia sugerir ao Riq transformar em um post. Mas fiquei com uma curiosidade: destes restaurantes todos quais são os melhores e menos turísticos? ou seja, quais são os mais frequentados pelos locais?

Clara
ClaraPermalinkResponder

Vi locais no Zé Varunca, sim. Lembro bem, porque era aniversário de alguém.

Lívia Maria
Lívia MariaPermalinkResponder

Um loosho essa lista... perfeita !

Senti falta do tão cantado Antigo 1 de maio !
http://restaurantetascadomanel.pai.pt/

Acrescentaria, pelos docinhos, a Confeitaria Nacional.
http://confeitarianacional.pai.pt/

Em Sintra, na praia de Adraga, o Restaurante Adraga, amêijoas e peixe no carvão, perfeitos.
http://www.restaurantedaadraga.com/

Amadeu Barbosa

Na Adraga, dizer que o peixe é bom é pouco, porque sabe a maresia.Posso estar enganado, mas o peixe nem tem tempo nem passe social para ir à docapesca(Marl, mas tens de ir carregado de €€€€

Lívia Maria
Lívia MariaPermalinkResponder

Com certeza, foi o melhor peixe que já comi na vida. E as amêijoas a Dona Suzete, perfeitas... os $$$$ foram consequência, e diga-se de passagem, justíssimos !

Ronaldo Lisboa

Sugiro acrescentar alguns restaurantes que abriram de 2009 pra cá e são muito recomendáveis:Alma-Assinatura-Tasca da Esquina-Cervejaria da Esquina-Taberna Ideal-De Castro-Manifesto-Pedro e o Lobo-100 Maneiras.Mas a melhor dica é comprar -logo na chegada- o Guia de Restaurantes de Lisboa editado pela Time Out que lista 150 indicações.Custa 9.90 euros e vale cada centavo.É o Lebey de Lisboa.

Amadeu Barbosa

Quem gosta de peixe e do Bairro Alto/Chiado, antes de ir para a noite vai comer um peixinho grelhado ao Sea Me na Rua do Loreto.Cerca de 20,00€.Durante a semana arriscas-te a encontrar o ministro, ao almoço.

Amadeu Barbosa

Hoje comi no balcão do Sea Me por 13,00€.Prato do dia ( 2ª. a 6ª Fª)cavala em cima de um puré + 2 sardinhas-divinal prato do dia. de zero a dez - nota 9

André
AndréPermalinkResponder

Boas dicas gastronômicas.

Estou indo em lua de mel para Lisboa, Porto, Cascais, Fátima, Aveiro, Coimbra em março de 2012.

Montei grande parte do roteiro através dos posts desse blog.

pedro bexiga
pedro bexigaPermalinkResponder

sendo lisboeta, vou recomendar alguns dos que eu considero dos bons restaurantes de lisboa, e que não estão nesta lista:

por zonas:

Baixa: pinóquio - marisco, cerveja e um fantástico pica pau

Campo de Ourique - o imperdivel Stop do Bairro. tudo lá é bom.
Tasquinha da Adelaide, polvo no carvão

Santa Apolónia - Casanova, a melhor pizzaria de Lisboa, com esplanada junto ao rio

Santos: Petiscaria Ideal e Taberna Ideal, petiscos tipicamente portugueses, com influencia do sul do país

S. Bento - Cantinho da Paz, indiano da variante goesa, um espectáculo.

Xabregas - a Maritima de Xabregas, o melhor bacalhau assado.

espero que ajude e que gostem.

Cleber Lucas
Cleber LucasPermalinkResponder

Estaremos indo pela primeira vez à Lisboa. Onde poderemos comer um bom Bacalhau à Brás? E qual vinho recomendas? Abraço, Cleber

Philipp
PhilippPermalinkResponder

Tanto o restaurante quanto o vinho depende do bolso, mas sinceramente eu tentaria outras opções, pois o à Brás encontramos no Brasil, mas isto é pessoal. Eu lembro que o das Salgadeiras era ok.

Quanto aos vinhos tem para todos os bolsos, desde os vinhos da casa à opções mais puxadas. Qualquer vinho na faixa de EUR6-8 no supermercado já será bem aceitável (EA, Marquês de Borba, etc). Gostava também muito do Quinta das Cerejeiras de Óbidos.

Caso caiba mais no bolso, talvez um Cartuxa, um Post Scriptum ou mais ainda um Quinta da Leda. Lembro que a Fundação Eugénio de Almeida produziu em 2004 uma série que gostei muito chamada Cerca Nova, se encontrar acho que vale a pena.

Caso esteja em dias quentes, eu recomendo um Muralhas ou um Alvarinho!

Ali
AliPermalinkResponder

Endosso a indicação do Pinóquio e do seu fabuloso lombo pica-pau. Atenção, o visual do restaurante não é nada atrativo, ele parece apenas mais um pega-turista entre tantos outros na área...Mas não é! O público é de famílias portuguesas, o cardápio é curto e super autêntico. O serviço é rápido e gentil. Vale a pena.
Outra coisa: a sorveteria Santini é imperdível, uma instituição!
Não desanimem com a fila, ela anda. Volte várias vezes smile

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Gente, depois de alguns dias rodando pela Italia e Portugal, já estava morrendo de saudades de comida brasileira, e pra minha surpresa encontramos em Lisboa um restaurante especializado em comida mineira, simplesmente FANTASTICO, comida maravilhosa, ambiente super agradável,atendimento impecavel com direito a feijão preto , pururuca e música ao vivo...Tudo de bom, vale a pena conferir..
Restaurante UAI,End. Rocha Conde de Óbidos,Cais das Oficinas,Armazém 114

Fred
FredPermalinkResponder

Olá! Vou fazer conexão em Lisboa, chegando 11h e saindo 19h. Portanto, tenho tempo suficiente pra matar a saudade da terrinha com um bom almoço, sem pressa: vinho, bacalhau e vista panorâmica! Podem me ajudar?

Philipp
PhilippPermalinkResponder

O tempo é suficiente se tudo correr no tempo. Sem vista panorâmica esta a Casa do Bacalhau que recomendei acima que fica no Beato, voce poderia almoçar lá e depois ir ao Panteão Nacional, ou ao Miradouro das Portas do Sol (ou qualquer outro na região).

Outra alternativa é ir no próprio Noobai café, mas não será uma almoçarada das grandes.

Não lembro se no Restô do Chapitô há bacalhau, mas vale a pena pela vista e passeio em Alfama.

Gostei também da dica da Eunice do Terraço do Bairro alto (que vou tentar ir da próxima vez que for a Lisboa que deve ser mais no final do ano).

Se a vista é realmente necessária, e dinheiro não é muito problema, talvez o Eleven (www.restauranteleven.com/eleven/) seja uma boa alternativa.

Fred
FredPermalinkResponder

Olá, Philipp! Acho que vou tentar o Eleven, que segundo o Google Maps está a 15 minutos do aeroporto e tem na "ementa" um promissor bacalhau à brás. Obrigado pela dica!

Fred
FredPermalinkResponder

Ops, mudança de planos! A patroa optou pela tradição da Casa do Bacalhau!

RosaBsb
RosaBsbPermalinkResponder

Minhas experiências gastronômicas, fresquinhas:
A Padaria Portuguesa - Av. Elias Garcia nº 96, telefone 217 977 778 (tem outras, essa foi a 1ª);
Costelão Gaúcho - Restaurante Rodízio - Av Elias Garcia nº 13, Campo Pequeno, telefone 217 977 077 ou Rua Martens Ferrão 28, Picoas, telefone 213 563 278 (pra quem vinha de Istambul e Paris, o rodízio foi muito bem-vindo, não deixa nada a desejar em relação ao Porcão, Fogo de Chão e outras).
Capricciosa Pizza - Av. Marginal, Praia de Carcavelos - Sector Nascente, telefone 21 457 56 08, na areia, com belíssima vista.
Os Arcos Restaurante - Rua Costa Pinto, 47, Paço de Arcos, telefone 21 443 33 74 (o prato bem típico é Açorda de Gambas, lembra um vatapá de camarão. Eu gostei mais das entradas, sempre deliciosas).
Restaurante "O Forno" - Largo da Praça de Touros, 23, Almeirim, telefone 243 592 916 (a sopa de pedra e as sardinas são divinas).
O tempo foi curto para tantas opções, agora, é ficar com saudades e aguardar a próxima ida, em 2013...

kelly
kellyPermalinkResponder

ahah! obrigada por colocar o restaurante o Fuso na sua lista.
afinal Arruda é a minha terra!
o fuso é uma espécie de lenda por causa das postas de bacalhau gigantes a nadar em azeite. wink

val
valPermalinkResponder

preciso acrescentar o Aqui há Peixe, pertissimo da Cervejaria Trindade! delicia...e a encharcada de sobremesa é de chorar!

fabio
fabioPermalinkResponder

Alfaia, no Alto.

Kamo
KamoPermalinkResponder

RESTAURANTE 100 MANEIRAS , menu degustação , 10 pratos e 5 vinhos MARAVILHOSOS !

Eduardo Ladeira

Um amigo indicou o restaurante Atira-te ao Rio, em Almada. Alguém já esteve lá?

Luciana
LucianaPermalinkResponder

Essa lista me ajudou MUITO!!! A TASCA DO CHICO foi realmente o ponto alto... Gostamos tanto que fomos 2 vezes! E o Chico estava lá nas duas, muito simpático!
Conseguimos ir no Chapito, Cervejaria Trindade e tentamos o Solar dos presuntos mas estava fechado no domingo! Mas andando pelo bairro alto encontramos o SEA ME aberto e deixo ele como minha sugestão aqui! Uma experiência e tanto! Não é barato mas valeu muito a pena...

Fred
FredPermalinkResponder

Há alguns anos, comi um inesquecível Leitão à Bairrada, em Mealhada, a caminho do Porto! Onde posso encontrar um bom Leitão à moda da Bairrada em Lisboa?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fred! O Bota Feijão é especializado em leitão à bairrada!

http://restaurantebotafeijao.pt/pt

Fred
FredPermalinkResponder

Olå, Bóia! Por incrível que pareça, o Bota Feijão não abre aos sábados e domingos! Alguma outra sugestão?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fred! Infelizmente não temos.

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Acabei de voltar do Solar dos Presuntos e confesso que me decepcionei. Achei extremamente turístico, atendimento péssimo e comida apenas OK. Mas o que mais me impressionou e quase me fez desistir foi um grande aquário repleto de lagostas logo na entrada do restaurante. Estas lagostas ficam agonizando e sao capturadas e levadas vivas às mesas, para que os clientes façam suas escolhas. Achei esta cena desnecessária. Beira à tortura o que estes bichos sofrem até morrer...
Quanto aos outros restaurantes sugeridos, sao maravilhosos!

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Ah...pois foi exatamente isso que me fez ficar no restaurante.
Comi comida fresca.
Sou carnívoro e adoro carne fresca...mesmo que seja, fruto do mar!!!

RoseCS
RoseCSPermalinkResponder

Cervejaria Ramiro é uma maravilha para mariscos, camarões, como já disseram. Eles ficam à vista de todos. Meus pais já tiraram fotos com as sapateiras (um caranguejo grande muito bom!) Bem fresquinhos!

O gelado (sorvete de massa) preferido é do Santini, no Chiado. Tem no centro de Cascais também.

E gosto muito do Mesón de Tapas que fica no El Corte Inglés.

Nora Maria Kramer Porto Stein

Olá Bóia, estou em Portugal desde o dia 27 de setembro e adorando tudo o que tenho visto, e o sucesso da nossa viagem tem muita a ver com o VNV pois há muito tempo, desde que conheci este site, programo minhas viagens com a ajuda daqui e sempre deu tudo certo! Depois, como de costume, vou dar o meu depoimento falando dos hotéis e lugares que fui.Tenho uma dúvida e queria, se possível, vc ou algum viajante que já tenha vindo por aqui, me esclarecesse. Queria levar pros meus filhos e alguns amigos,uns doces portugueses. Posso levá-los numa mala pequena comigo dentro do avião ou corro o risco de ter que deixá-los na saída de Portugal? Nas malas que vou despachar, acho que teria menos chance de dar zebra, mas temo não chegar com um doce inteiro! Volto ao Brasil no dia 13. Um abraço pra vcs.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Nora! Não é permitido entrar com esse tipo de alimento no Brasil, por normas da vigilância sanitária. Entenda: http://www.infraero.gov.br/images/stories/guia/2014/guiapassageiro2014_portugues.pdf

Vivianne Gusmao

Hum, esse post me deixou com água na boca. Sempre que vou a Lisboa, além da Tasca do Chico comer um chouriço, tomar um vinho e um caldo verde e ouvir um bom fado vadio, não deixo de ir ao Restaurante Securas (escadinhas do Duque) comer um delicioso arroz de marisco. O lugar é uma delícia e a comida entao... nem se fala. Super recomendo.

Sukhjinder Singh

Bengal Tandoori é um restaurante indiano em Lisboa
http://bengal.pt

Marilia
MariliaPermalinkResponder

Fantástica lista!
Valeu!
Marília

Maria Rodrigues

Lisboa começa o ano mais doce!

A Queijadaria Lisboa abre portas dia 7 de Janeiro, próximo da rotunda da Estefânia (Rua Pascoal de Melo 140A).

Um espaço amplo, em tons claros e acolhedor.
Na Queijadaria vai poder encontrar vários produtos tradicionais portugueses, mas são as queijadas, de fios de ovos, doce de abóbora e noz, nutella, doce de leite e muitas mais, que dão o nome ao espaço. Feitas de modo artesanal, estas queijadas prometem fazer as delícias de muitos. Porém, nem só de queijadas se faz a Queijadaria!

Aqui também poderá encontrar refeições ligeiras, desde cordon bleu servido em pão de espelta, hambúrgueres vegetarianos às saladas e ainda tostas em pão escandinavo.

A Queijadaria tem ainda a perder de vista um jardim interior e, tudo isto, mesmo no coração da cidade.

Esperamos pela sua visita.
Até breve!

Tânia Maria Granzotto

Em 2015 fomos jantar no Sacramento, no bairro Chiado e achamos a comida maravilhosa. Não se assuste com a entrada porque não impressiona, mas o interior é muito agradável e bonito. O atendimento é excelente.

Guida Abreu
Guida AbreuPermalinkResponder

Phillip , o restaurante “ A Charcutaria “ está em Campo de Ourique, na rua Francisco Metrass n. 64. Com comida tradicicional portuguesa.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar