Travessia dos Andes: até junho, prefira ir de Mendoza a Santiago

Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Ônibus Santiago-Mendoza

O trajeto de ônibus entre Santiago e Mendoza não é uma viagem rodoviária qualquer. As paisagens sempre impressionantes fazem das seis horas de estrada um super passeio. Por isso mesmo, escolher um horário diurno é fundamental -- o que, nos próximos meses, só será possível no sentido Mendoza-Santiago. Veja o alerta enviado pela Patricia:


Pessoal, seguindo as preciosas dicas deste site, vou a Santiago, Mendoza e Buenos Aires no final de março. Um dos pontos altos da viagem seria, para mim, justamente o trecho de ônibus entre Santiago e Mendoza. No entanto, parece que tal expectativa será, de certa forma, frustrada e resolvi dividir a informação aqui com outros eventuais interessados.

A estrada que liga Santiago e Mendoza estará em obras a partir de 7 de janeiro de 2013, com duração prevista de 5 meses. Nesse período, o tráfego Argentina-Chile será feito durante o dia, e o inverso, à noite. Ou seja, pra quem ainda não comprou passagens de avião, reservou hotel etc., e quiser ver esta paisagem linda das fotos do Riq, o mais indicado é ir de Mendoza a Santiago. Eu, aparentemente, precisarei de uma lanterna bem potente!

Obtive a informação num fórum do Trip Advisor que, por sua vez, dá o link para uma notícia. E os horários disponíveis no site da Andesmar e da Cata confirmam (foi o que me instigou a procurar os motivos). O ideal é ir acompanhando... De repente, até lá, os prazos das obras são cumpridos ou até terminam antes, hein?! wink

Obrigada pelo aviso, Patrícia!

A alteração no tráfego vai acontecer para obras de repavimentação dos Caracoles, realizáveis apenas fora do período de inverno. Entre 8 e 19h os veículos podem passar na fronteira no sentido Mendoza-Santiago. Entre 20h e 7h, no sentido Santiago-Mendoza. Nesses períodos, as vias do chamado Camino Internacional Los Andes-Mendoza funcionarão como mão única.

O leitor Russel foi pego de surpresa e decidiu fazer o trajeto de avião:

Como já tínhamos tudo planejado para chegar à tarde em Mendoza (horário normal do ônibus), ia ficar complicado viajar durante a noite e chegar 4 horas da manhã, sem ter hotel onde ficar e depois de uma viagem longa de ônibus (e cansativa, porque parece que as filas da imigração estão longas, ou seja, o sono ia ficar complicado).  Já que vamos pegar o passeio para ir de Mendoza até a Alta Montanha (Puente del Inca, Aconcágua, etc), conseguiremos ver a paisagem de qualquer maneira.

Valeu, Russel!

Leia também:

Paisagem na janela: de Santiago a Mendoza de ônibus

Primeira viagem: roteiro dia a dia em Santiago do Chile

Todas de Mendoza no Viaje na Viagem

Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire

Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email


198 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Viajante Oficial
Viajante OficialPermalink

Já fui de mendoza até santiago pela ANDESMAR. Maravilha.
Consegui comprar pela internet as poltronas da frente, em cima.

Josenildo
JosenildoPermalink

Ai ai... Lá se vai meu planejamento para fevereiro ! Vou chegar do Atacama cedo, estava planejando para chegar em Mendoza no mesmo dia. Uma péssima noticia pra mim, que não vou conseguir ver o trajeto. Mas enfim, faz parte !

Braga
BragaPermalink

Irei fazer essa travessia (Mendoza-Santiago) no final desse mês e queria saber qual o nome e a localização do terminal rodoviário de desembarque em Santiago.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Braga! Terminal Alameda.

Quenia Maia Lourenço
Quenia Maia LourençoPermalink

Meu marido e eu fizemos Santiago/Mendoza/Santiago em Maio de 2011. Fomos de carro e o aluguel é bem caro devido as taxas para cruzar a fronteira. É lindo, mas infelizmente não havia nadinha de neve.
Mendoza é uma cidade encantadora.
Quero deixar uma dica de hospedagem B&B Plaza Itália
www.plazaitalia.net, lugar charmoso, bem localizado, fomos muito bem recebidos. Vale a pena.
Consta em nosso blog http://viagens-porai.blogspot.com.br, no índice Chile - Atacama/Santiago.
Abraços
Quênia

eva
evaPermalink

Para quem pretende atravessar de carro é uma boa notícia. Não cruzar com caminhões enormes naquelas curvas estreitas...

Germano JS
Germano JSPermalink

O trajeto é lindo mesmo, recomendo. Fizemos num 1º de janeiro e na divisa estava bem friozinho, e havia alguns poucos lugares com gelo junto à estrada.

Silvia Andrade
Silvia AndradePermalink

Passei de carro em 2009 no sentido Mendoza - Santiago durante o dia (a viagem foi Santiago - Atacama - Norte da Argentina - Mendoza - Santiago). Nunca recomendaria a ninguém fazer o trecho á noite pois os caracoles assustam. Além do que, sair de Mendoza e poder ver a beleza daquele rio de águas verdes claro serpenteando as pedras, almoçar em Uspalatta, passar pela Puente del Inca (muitas fotos), Los Penitentes(prédios da estação de esqui que no verão estão fechados), paquerar o Aconcágua (em uma curvinha ou outra dá para ver), fazer a chatíssima alfândega (sentido Chile - não levar nada de carnes, lácteos ou frutas, pois vai pro lixo), atravessar o túnel internacional Cristo Redentor, descer aquelas perigosas curvas fechadas e ainda dar uma paradinha em Portillo (hotel - estação de esqui) para fotos do lago. Muitas saudades dessa viagem. Recomendo muito a todos. Só pularia o trecho norte da Argentina. De Salta/Jujuy (vale a pena conhecer Purmamarca e arredores) eu pegaria um vôo para Mendoza.

Danilo
DaniloPermalink

Estamos indo pra Santiago no final do mês... e estávamos nos planejando pra visitar Portillo... O caminho é esse q está interditado???

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Danilo! De dia, de noite está livre.

Só haverá neve lá por junho.

Danilo
DaniloPermalink

Justamente por não ter neve, estávamos pensando em fazer um bate volta... mas pelo jeito acho q não vai rolar... Valeu...

Thiago
ThiagoPermalink

Olá! Alguém saberia informar se nesses horários o trânsito estará completamente fechado, mesmo para carros de passeio, ou se vão operar no sistema Pare/Siga, e estão recomendando os horários apenas para reduzir o fluxo de veículos? Me parece bastante imprudente permitir o tráfego vindo do Chile somente no período noturno e durante a madrugada.

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Olá Bóia e tripulantes, também entrei na lista dos sem vista para os andes.
Pesquisando no site da Andesmar, tem um horário que sai de Santiago às 17:00 horas.
Será que saindo esse horário vou conseguir ver alguma paisagem interesssante. Na passagem pelos Caracoles já vai estar de noite?
Se eu for nesse horário vou ter que pagar uma diária a mais na cidade de Mendonza, visto que já fechei todos os hotéis com tarifas não reembolsáveis. Se não compensar posso ir no último horário das 23:45 que só chega em Mendoza de manhã. Aí posso guardar as malas no hotel e passear pela cidade enquanto aguardo o Check In.
Se alguem puder ajudar, desde já agradeço.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria Aparecida! Se for ainda no verão, você pegará alguma luz nos Caracoles.

Josenildo
JosenildoPermalink

Estou nesse mesmo caso, Maria!
Vou pegar esse das 17hrs também para não perder alguma visão, pelo menos, dos Andes. Ao chegar em Mendoza vou arrumar um lugar pra dormir e no dia seguinte partir para Buenos Aires.

Santiago do Chile – em busca da neve « A Simplicidade das Coisas — Augusto Martini

[...] Caso você queira ver a paisagem do caminho mas não pretenda esquiar, a barbada é pegar um ônibus a Mendoza (e seguir viagem de lá). O caminho é o mesmo. (Atenção: devido a obras na estrada, o percurso Santiago-Mendoza só será feito à noite entre janeiro e junho de 2013; as viagens diurnas serão somente no sentido Mendoza-Santiago — leia mais aqui [...]

orli carvalho
orli carvalhoPermalink

pois bem, voltei há dois dias do mochilão...
de fato a estrada está em obras e confirmo o dito acima; fiz de ônibus e o grande pé no saco é a passagem pela aduana: preparem-se e tenham paciência.
na ida santiago-mendoza, meu ônibus atrasou quatro horas para sair[o que tem sido comum]; o que me permitiu amanhecer na cordilheira [um bônus!]. na volta, saiu pontualmente, mas permaneceu 4h na aduana... tais fatos tem feito os percursos beirarem 11h de viagem de ônibus, aproximadamente.
ainda assim, recomendo...
comprei a passagem pelo site da cata internacional, foi seguro e correto.

aproveito para indicar a mariana denise (mariandenise@hotmail.com) como remis em mendoza; apesar de estar mochilando, optei pelo "luxo" desse passeio. sai caro de fato (cerca de 120 dólares, o dia), mas é garantia de chegar seguro nas vinícolas e ter pleno conforto durante o dia. é possível enviar email para os diversos remis indicados no blog; costumam responder prontamente e ae iniciam-se as negociações, escolhas dos passeios e tal!

boa viagem!!

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Olá Orli, a que horas vc saiu de Santiago? Estava muito frio na passagem pela alfandega? Na ida quanto tempo mais ou menos demorou na alfandega?

Inicialmente minha viagem estava programada com saida de Santiago às 09:00 horas, mas com as restrições atuais estou em duvida se saio às 17:00 horas ou se saio no ultimo horário as 23:45 horas ou se mudo tudo e vou de avião pela LAN.

Abraços

Carmen
CarmenPermalink

Josenildo e Maria Aparecida
Também estou no time dos sem vista para os Andes. Acabou atrapalhando boa parte do planejamento. Pensando na questão de ser dia 24 de fevereiro nossa travessia dos Andes e ter entrada no hotel dia 24 em Mendoza, e com relato de que podemos no horário das 17 horas ver alguma coisa dos carracoles, talvez compense chegar em Mendoza de madrugada já que temos hotel pra dormir. Bóia será que compesa fazermos isso?
Ah Maria os preços da Lan só para o trecho de ida esta bem caro, só compensaria se fosse ida e volta que estava por 164 dolares dias atrás.
Estarei em Santiago de 19 a 24 de fevereiro, caso alguém esteja na mesma data por lá.

Abraços,

Carmen
CarmenPermalink

Orli
Você comprou suas passagens no site da Cata com cartão de crédito com Virifeid by Visa?
Vi no site que só aceitam cartão de outro país desde que tenha o VBV.

Abraço

F Cristina F
F Cristina FPermalink

Estou em Valparaiso neste momento. Realmente a estrada esta fechada durante o dia para ir de Santiago a Mendoza. Vai ser tudo de noite. Levem algo para comer pois não há nada no caminho. O tempo de espera na fronteira e de duas horas aproximadamente, pois estou de carro. A quem fizer de carro abasteça na saída de Santiago pois não há nenhum posto até Mendoza. Demorei na vinda, cerca de oito hs, creio que a volta levara umas 10 hs. Como a fronteira só abre as 20 hs, pretendo sair as 16 hs de Santiago para não pegar fila muito grande. Quando vim para cá, no termino da serra, estava uma fila monstra e ainda faltava duas hs para a estrada abrir. Mas a travessia e maravilhosa. Venham com cuidado, curtam o visual e agradeçam a Deus essa oportunidade, pois e fantástica!!!!!!

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Olá Carmen e tripulantes,

Andei pesquisando no site da Andesmar e as saídas mais concorridas agora de janeiro são as das 16:30 horas e das 22:30 horas, mas as 23:45 também está bem procurada. Esse horário das 16:30 só tem em Janeiro, a partir de fevereiro começa só as 17:00.

Se está havendo grandes atrasos nas saídas, conforme divulgado acima, talvez mesmo comprando a saída das 17:00 horas se o atraso for grande, não vai adiantar.

A propósito gostaria de saber se o trecho entre Santiago e a fronteira é bem interessante, pois a unica vantagem de sair as 17:00 é poder curtir esse visual.

Carmen no site da Cata realmente informa que cartões fora da Argentina só se tiver o VBV, portanto, vamos aguardar a reposta do colega.

A Bóia bem que poderia abrir um perguntódromo de como está a vida dos tripulantes que estão utilizando os ônibus para fazer a travessia entre Santiago e Mendoza. Creio que muitos desistiram dos ônibus e partiram para a via aérea.

Abraços

Carmen
CarmenPermalink

Maria Aparecida.
Obrigada pelas dicas. Talvez o mais viável para nós seja sairmos as 23:45 e chegarmos de manhã a Mendoza, guardar as malas no hotel e começarmos a explorar a cidade.
Ainda não compramos as passagens, sem virifeid da pra comprar no site da Andesmar. Estamos na duvida dos horários, vamos comprar passagens no começo de fevereiro.
Maria quando vc vai estar por lá? Se der post as novidades.

Abraço,

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carmen! Olá, Maria Aparecida!

A única paisagem de tirar o fôlego no sentido Chile-Argentina é a dos Caracoles. Se você não chegar a este trecho ainda com luz, não verá nada.

Com certeza a viagem de ônibus nesse sentido só está valendo a pena pela economia; acrescente ao perrengue tradicional da aduana o novo perrengue da estrada em construção.

Há bancos brasileiros que participam do Verified by Visa. A aprovação ou não das compras com esses cartões, porém, é uma incógnita até hoje para nós.

Débora Amaral
Débora AmaralPermalink

Olá
Boa tarde. Alguém conhece a cidade de Playa Ancha no Chile? Estou pensando em passar um período por lá (coisa de 2 meses). Queria saber sobre a cidade e moradia por lá. Se alguém puder me ajudar agradeço muito. Obrigada.
Débora

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Débora! Se você que quer morar lá não sabe o que tem na cidade, imagina a gente, que nunca ouviu falar...

Carmen
CarmenPermalink

Valeu Bóia. Do jeito que estão os atrasos, melhor não inventar muita coisa e fazer o mais lógico e racional. Depois volto pra contar como foi.

Abraço,

Felipe Nähring
Felipe NähringPermalink

Também quero saber o teu retorno, Carmem.
Quero fazer essa trip (de carro) em maio e quero mais informações acerca desse trajeto, se há plena segurança, etc.

Obrigado e fico no aguardo!

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Carmen
A minha ida para Santiago é só dia 06 de março, portanto, Boa Viagem e não deixe de retornar para contar como foi a experiência da travessia e outas dicas devidamente experimentadas e aprovadas.
Bóia
Acredito que quase todos que estão fazendo a travessia por ônibus foram influenciados pelo post e pela oportunidade de ver lindas paisagens e não pela economia.

Provavelmente eu vá no horário das 17:00 ou das 23:45. No horário das 17:00 se o onibus atrasar para sair, pelo que a Bóia relatou perde-se o encanto. Já no horário das 23:45 se atrasar vc vai pegar um pedaço do trecho argentino ao amanhecer.

Boa travessia a todos e não esqueçam de voltar para relatar a aventura.

Silvana Chamusca'
Silvana Chamusca'Permalink

Estou indo para santiago em março, fico 5 dias em santiago e 4 dias em mendoza. Desisti dessa travessia, compro uma passeio la em mendoza para ver a montanha. Vou comprar de avião mesmo, está quase o mesmo valor de onibus. E ganho tempo para passear mais. Pela aerolines consegui ida e volta em voo direto por 274,00 reais. Sei que o avião não é lá essas coisas, mas são 35 minutos de voo.

Grande abraço,

Silvana chamusca

Daniel carlos
Daniel carlosPermalink

oi, vou viajar pra santiago dia 14 de fevereiro. vamos pra mendoza de onibus dia 17 e voltaremos de mendonza dia 20 no onibus das 6:30 da manha. o nosso voo de volta para o brasil sai de santiago as 20:50 do dia 20. sera que a gente corre o risco de pegar o onibus e perder o voo de volta as 20:30? ja que ha relatos de viagem de onibus com duraçao de 11 horas? o que vc pode recomendar pra gente?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Daniel! Sempre é uma temeridade sair de uma cidade distante para ir pegar o vôo de volta em outra. O que recomendamos, em qualquer caso, é pernoitar no lugar onde você vai pegar o vôo. Ainda que tudo dê certo, perder um dia nesse stress é terminar a viagem de forma pouco auspiciosa.

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Bóia, vou seguir os demais tripulantes e também vou optar em ir de avião, para evitar futuros problemas.
Somente uma duvida: Já comprei o trecho São Paulo/Santiago e Mendoza/São Paulo para o inicio de março. Tem algum problema comprar o trecho Santiago/Mendoza ida e volta, colocando a volta somente em abril, pra obter uma melhor tarifa, mesmo sabendo que não vou utilizar a volta? Tem chance de dar algum problema, especialmente porque vou comprar o trecho Santiago/Mendoza pela mesma companhia que já comprei os outros.

Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria Aparecida! Não há problema em não utilizar a volta, se a passagem não for vinculada à sua volta ao Brasil. Se fosse, daria problema.

Maria Aparecida
Maria AparecidaPermalink

Obrigada Bóia.

Por favor, desculpe se a pergunta é primária, mas como nunca aconteceu isso comigo, bate aquela preocupação.

Fiquei preocupada, pois minha volta de Mendoza para São Paulo está comprada para o dia 16 de março e as passagens que vou comprar no trecho Santiago/Mendoza a volta será dia 02 de abril.

Como estou comprando os trechos separados e em datas diferentes, então eles não são vinculados e não terá problema correto?

Abraços

Alberto Ribeiro
Alberto RibeiroPermalink

Caros Viajantes,

Sobre este tópico, vou dar o relato de minha recente viagem DE CARRO(!!!) (janeiro/2013) em agradecimento a ter 24 horas antes de minha viagem ter sabido do "fechamento da estrada", o que permitiu me programar melhor (embora não sem problemas, como será lido a seguir).
Ciente da abertura do sentido Santiago-Mendoza às 20:00 horas, sai de Santiago para chegar em Guardia Vieja às 19hs no dia 21/01(ponto de interrupção ainda no Chile - joguem no GoogleMaps: Los Andes - Guardia Vieja e deêm uma olhada, fica alguns km após a saída de Los Andes) Objetivo atingido. Porém, mesmo chegando 1 hora antes, fiquei a 3 km do ponto de interrupção. Na estrada, com vários outros carros (a enorme maioria argentinos) e ônibus sem qualquer estrutura (não há vendedor de biscoito Globo nem de água mineral - você não está mesmo no Brasil!) Banheiro? Ecológico, é claro! Os caminhões são retidos num apêndice paralelo à estrada. Mas depois, com o acúmulo de veículos, o engarrafamento vai além da entrada deste apêndice e fica tudo na mesma fila. Às 20:30, a fila começou a andar e pegamos Los Caracoles ainda de dia (mas já anoitecendo). Um espetáculo! Às 22 horas, paramos num engarrafamento enorme já de noite. Ao ver um brilho no céu, me deparei com a lua (quase totalmente cheia) iluminando um trecho das cordilheiras coberto de neve. Deslumbrante! Sim, há muita neve nos topos das montanhas. Não tinha ideia disso e por isso repito: há muita neve para se ver (não dá obviamente para tocar)no topo das montanhas. Fim do sonho - início do pesadelo!

Alberto Ribeiro
Alberto RibeiroPermalink

Continuação:
A fila anda muito lentamente, permanecendo parados a maior parte do tempo. Como vi várias pessoas saindo dos carros e caminhando (não sabia para onde), resolvi arriscar também e caminhar, deixando minha esposa na direção. Após algumas centenas de metros, chega-se no posto da fronteira (algo próximo a um galpão de vistoria do DETRAN aqui do Rio), onde consegui comprar algo para comer e beber e ir, finalmente, ao banheiro. Tendo finalmente chegado de carro neste ponto, lembrei-me de um antiga música do balão mágico: tem que ser selado, carimbado, ... se quiser voar! Haja carimbo, buRRRRRRocracia do carro alugado, seguro, passaporte,...)Resultado: às 3 horas da manhã (portanto 5 horas depois de ter chegado ao segundo engarrafamento), saímos da fronteira. Portava ainda um papel (tipo papel de pão) contendo a placa do veículo e carimbos indicando que naquele carro havia 2 pessoas. Pasmem: este papel é para ser entregue a um infeliz que fica a uns 15 km a frente, no meio da estrada, de madrugada, num frio de rachar os ossos (e era verão!!). Tive certeza de ainda estar no terceiro mundo. O tempo que levei não se deveu ao carro alugado, mas sim a enorme fila. Após anoitecer, é so breu e somente se consegue ver a estrada. Alguns km a frente, há um posto de gasolina salvador na localidade de Uspalata. Parada rápida para banheiro, café e lavar o rosto com água gelada. Ali, vi várias pessoas dormindo em carros. Não sei se derrotados pelo cansaço ou se aguardando a abertura da estrada no sentido inverso (que ocorre, teoricamente, às 8:00 da manhã (Uspalata é o ponto de retenção na Argentina, o que seria o correspondente a Guardia Vieja no Chile, porém é, de fato, uma localidade com outras ruas que não a estrada, tendo até hotel - Guardia Vieja é meramente uma parada com uma lanchonete/restaurante no meio da estrada e só para quem parou perto dela, o que não foi o meu caso). Continuando na estrada, chegamos (quase mortos) ao hotel em Mendoza às 5:30 da manhã. Ainda não havia amanhecido. Atenção: o meu GPS ("esse GPS!!!") em Uspalata me indicava a estrada velha para Mendoza. Como já tinha ideia do caminho e já escaldado por outras de suas pegadinhas, não obedeci. E foi minha sorte, como veremos no caminho de volta. Se faria de novo? Sim, se não houvesse outra forma - no meu caso já havia pago aluguel do carro, taxa de fronteira, hotel em Mendoza,..., portanto, era inadiável!
Fiquei com a impressão (mera sugestão) de que talvez fosse melhor sair de Santiago de madrugada, pegando o final da "janela" de horário no sentido Mendoza. A estrada fecha às 7:00 da manhã. Talvez chegar em Guarda Vieja por volta de 5:00 da manhã. Apenas uma alternativa.

Alberto Ribeiro
Alberto RibeiroPermalink

Final: A volta de Mendoza

Três dias depois e após várias Bodegas, almoços e vinhos mais que merecidos (recompensas para a chegada às 5:30 da manhã), partimos de volta para Santiago. Isso mesmo: carro alugado no Chile tem que ser devolvido no Chile. Não achei uma locadora que fizesse diferente. Como havia lido aqui algumas dicas sobre a estrada velha (https://www.viajenaviagem.com/2010/03/paisagem-na-janela-de-santiago-a-mendoza-de-onibus/ - comentário da Marcela de 10 de setembro de 2012 às 10:09) e o GPS (esse GPS!!!) nos indicava novamente este caminho, resolvemos arriscar. Saímos cedo de Mendoza, pela parte norte (e feia) da cidade. Não tivemos dificuldade de encontrá-la. Até o hotel Villavicencio, a estrada é muito boa. Corta-se neste trecho a Reserva Natural de mesmo nome. Como a estrada é extremamente vazia, pode-se trafegar devagar e, com o vidro aberto, você ouve o canto e vê os belos pássaros da reserva. Após o hotel, a coisa muda: a estrada é de terra até Uspallata. São mais ou menos 50 km de estrada de terra (na verdade, é formada por mini-pedras), onde se corta o que eles chamam de Caracoles argentinos (nem se comparam com a parte Chilena). Mas é também muito interessante: avistamos várias famílias de um certo animal muito parecido com as lhamas (não sei se eram elas exatamente) e desfrutamos de paisagens belíssimas. De dia, fantástico. Mas se fosse de noite, na vinda de Santiago... (esse GPS!!!) Fim da estrada de terra, chegamos em Uspallata e almoçamos no Hotel Los Conderes, seguindo viagem depois. Pudemos desfrutar das belas vistas da estrada que não foi possível na vinda em função da escuridão. Passamos pela estação de esqui de Penitentes e logo depois paramos para ver a impressionante Puente Los Incas, comprando artesanato local. Em seguida, paramos no nosso maior objetivo: o Parque Provincial do Aconcagua. Paga-se 10 pesos para entrar. Já dentro do parque, rodasse uns 2km de carro para chegar até o ponto do início da trilha que permite ver a Laguna de Horcones (cheia e linda com seus patos) e a Laguna Espejo (que estava praticamente seca), chegando-se ao mirante do Aconcagua. Pegadinha do destino: normalmente de tarde o tempo fecha e o Aconcagua fica escondido pelas nuvens. Foi possível apenas avistar a cadeia principal onde ele se aloja, mas não foi possível avistá-lo. Ficou a certeza de que ele ficou para a próxima vez . Detalhe: na trilha o frio é de rachar em função do forte vento. Chuto que a sensação térmica seja bem próxima de zero. Desfrutamos mais uma vez dos vários picos próximos cobertos de neve e voltamos para o carro. Pegamos a estrada e partimos para a fronteira. Como chegamos próximo ao final da “janela (penso que chegamos ali por volta de 17:00 horas) não pegamos a fronteira cheia. Acho que uma hora depois já seguíamos de volta para o Chile, buzinando no Túnel Cristo Redentor ao avistarmos a placa de bem vindos ao Chile em função de nosso carro chileno (na ida: foi um buzinaço tremendo dos argentinos ao avistarem a placa de bem vindos à Argentina). Logo após a fronteira, avistamos uma fila enorme de caminhões para descer Los Caracoles. Como os carros têm preferência, vamos cortando com cuidado (até porque teoricamente não vem carro no sentido oposto, mas sim, há carros de serviço das obras no sentido oposto) até um ponto em que a fila se torna, de fato, única, já bem perto do ponto de descida de Los Caracoles. Esta parte da estrada está toda quebrada e o trânsito é feito em meia pista (por isso somente pode ser num sentido). Após a descida, ainda paramos na belíssima estação de esqui de Portillo, com seu lago e seu clássico hotel fechado – apenas o restaurante estava aberto. Tomamos um expresso e seguimos para Santiago. Quando passei por Guardia Vieja já eram mais de oito horas da noite e ainda havia muitos carros e caminhões para descer. Ficamos pensando que horas a estrada abriria para Mendoza naquele dia e imaginamos que isso não ocorreria antes das 10 da noite.
Uma aventura. Maravilhosa com certeza!
Abraços e boas viagens a todos!

iracy pittorri
iracy pittorriPermalink

oi ricardo,a travessia de mendoza até santiago de van é uma boa ou não, se for é preciso reserva antecipada.
grato
iracy

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Iracy! Não temos relatos recentes sobre esse serviço. Nos parece um pouco precário e menos confortável do que o ônibus.

Note que a estrada está em obras até junho e está bem complicado fazer a travessia, com atrasos e filas. Neste semestre, faça a travessia de avião.

Cândida Moraes
Cândida MoraesPermalink

Riq e outros viajantes,

Eu e meu marido vamos para Buenos Aires em abril, de lá desejamos ir para Mendoza e seguir para Santiago de onibus, como vocês relatam acima provavelmente de dia, que ótimo! Quem pode informar como compro as passagens de onibus Mendoza-Santiago por aqui? Alguém sabe valores?
Cândida

Eduardo Rodriguesº
Eduardo RodriguesºPermalink

Galera,

qual é o terminal de embarque da Andesmar Santiago/Mendoza? Eu nao encontrei essa informaçäo!!

Agradeco

Monica Alvarenga
Monica AlvarengaPermalink

ola,estou em Santiago e acabo de tentar fazer a travessia de onibus para Mendoza. Nao conseguimos, o onibus retornou apos 3 hrs de viagem, pois caiu uma barreira e a estrada esta interditada! Nao sabemos se a estrada sera liberada amanha... quem estiver por aqui ou pretendendo fazer a travessia de onibus é melhor se informar. Estava com tudo planejado e engatilhado e agora voltei ao Hotel Mito, que alis é uma graça e nos recebeu super bem e vou tentar replanejar daqui... abs Monica

Monica Alvarenga
Monica AlvarengaPermalink

News: a noticia oficial que recebi é que a estrada ficará fechada por 3 dias... aproveito para agradecer as dicas daqui, pois há muito tempo que viajo com o seu suporte!! abs Monica

A Bóia
A BóiaPermalink

Obrigada, Mônica! Tomara que dê pra aproveitar a continuação das férias mesmo assim!

Monica Alvarenga
Monica AlvarengaPermalink

Oi Ricardo, demos uma cambalhota e viemos de aviao, a empresa Andesmar ficou de nos ressarcir. Vamos ver... parece que a avalanche foi grande. Obrigada mais vez. Agora vamos ao parque San Martin assistir os shows de jazz que vao rolar por la. Se descobrir algo interessante ecque ainda nao tenha lido, posto por aqui. bjo

claudio
claudioPermalink

Galera, estou de carro e estou preso em Los Andes, pois como disse a Monica, a estrada está fechada e trabalharao hoje na madrugada para tentar desobstruir a parte Chilena, contudo parece que a parte Argentina está mais prejudicada e pode demorar mais, realmente me passaram a previsao de tres dias, mas no meu caso é extra oficial,vou aguardar, por agora não há o que fazer.

Monica Alvarenga
Monica AlvarengaPermalink

olá a todos, ainda estou em Mendoza e as noticias hoje d jornal Los Andes é que a reabertura da estrada naão tem tempo determinado. Continuou chovendo na região...

Monica Alvarenga
Monica AlvarengaPermalink

Para fechar a história: a estrada reabriu hoje. E, a empresa Andesmar já me respondeu que vai estornar em 100% o valor das passagens. Bjos

A Bóia
A BóiaPermalink

Obrigada, Monica!

Liane Mufarej
Liane MufarejPermalink

Fiz a travessia Santiago-Mendoza dia 22 de fevereiro, uma sexta-feira, e foi uma roubada! Levamos 11 horas em um percurso que é feito em 7. Quatro horas parados na fronteira. Chegamos às 5 da manhã em Mendoza. Não recomendo o passeio, apesar da paisagem deslumbrante... Em Mendoza, gostaria de agradecer e indicar o Santiago Petenatti como remis (motorista que leva às vinícolas, faz as reservas e fica à disposição). Ele e sua equipe do Nossa Mendoza são excelentes!

Beijos a todos e boas viagens!

Marcos Vallim
Marcos VallimPermalink

Minha mulher e eu visitamos Mendoza durante o carnaval 2013. Foi uma viagem maravilhosa. A região é magnifica!. Seguimos a dica de de várias pessoas para contratar os serviços de remis do Santiago Petenatti. Foi excelente. Nós recomendamos também. Santiago e sua equipe (o sebastian e o Gabriel) são guias que conhecem muito bem a região,são muito pontuais, educados e honestos. O Santiago é bastante hospitaleiro e acaba se tornando um amigo.

gloria
gloriaPermalink

gostaria de saber qual o valor da passg mendoza/santiago rodoviaria pela cata.estou indo em abril e quero fazer essa viagem de onibus. alguem saberia o valor ? obrig pessoal

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Glória! Entre no site da CATA e poderá simular o preço.

http://www.catainternacional.com/

Carmen
CarmenPermalink

Estivemos em Santiago em fevereiro e como já haviamos programado toda viagem, mantivemos a viagem de onibus de Santiago a Mendoza.
Fomos de Cata no último horário e a viagem apesar de não ter a bela paisagem correu bem. Havia uma lua linda que iluminava a Cordilheira e deu um outro charme.Ficamos pouco tempo na aduana, chegamos 8 horas da manhã em Mendoza.Bem traquilo. O serviço da Cata é muito bom. Encontrei outros brasileiros que ficaram 4 horas na aduana. Graças a Deus tivemos sorte.
Adorei o Chile e Mendoza.
Pra quem já havia programado a viagem como nós sentido Santiago mendoza, recomendo fazer o passeio ao Cerro Aconcuagua. Vc percorre 160 km pela Cordilheira até divisa com Chile. Da pra ter um gostinho da cordilheira.
Ah detalhe: compramos as passagens com 4 dias de antecedência no guiche da cata no terminal alameda. Desvantagem: preço, pela internet antecipado sempre mais em conta.

Jose Genesio B Tiburcio

Bom dia,

Farei o trajeto Santiago/Mendoza no 24/08/13 e Mendoza/Santiago no 29/08/13. Gostaria de saber se é melhor subir para Mendoza ou descer para Santiago.
Na época como saber se a estrada estará nos dois sentidos as 24hs do dia.

Obrigado,

Zegenesio.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Jose Genesio! Até lá, as obras provavelmente terão terminado -- a previsão é de se encerrarem em junho.

Com o tráfego normalizado, siga as dicas deste post:

https://www.viajenaviagem.com/2010/03/paisagem-na-janela-de-santiago-a-mendoza-de-onibus/

marcia
marciaPermalink

Oi, estou com viagem programada para junho 2013 para Santiago do Chile. Entre os dias 17/06 até 19/06 quero conhecer mendoza na argentina, gostaria de saber o valor da passagem de ônibus desse trecho, quanto tempo de viagem e se 02 dias é suficiente para conhcer mendoza em seus pontos principais. será que a estrada já estará liberada nesta data?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Marcia! A previsão é de que em junho a estrada seja liberada, mas não se sabe quando. Leia mais sobre o trajeto: https://www.viajenaviagem.com/2010/03/paisagem-na-janela-de-santiago-a-mendoza-de-onibus/

Dois dias inteiros são suficientes se você quiser só fazer as degustações; três, se for incluir passeios de turismo-aventura.

Margot Amaral
Margot AmaralPermalink

Bom dia,estou com viagem programada para Santiago dia 15 de junho e a principio gostaria de atravessar a cordilheira de ônibus no dia 17. Se fosse no Brasil eu nem iria te perguntar mas será que até esta data a obra estará encerrada ? Existe algum site do governo chileno que eu possa verificar isto? obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Margot! Não foi anunciada uma data exata. Mais próximo de sua viagem, acompanhe as notícias.

Flávia
FláviaPermalink

Oi, Pessoal!
Acabo de voltar de Mendoza (encantada!) e fiz o percurso de Mendoza a Santiago de ônibus, para ver a paisagem. A paisagem é realmente linda e o ônibus super confortável, mas ficamos muuuuito tempo na Aduana (aproximadamente 5 horas) e a viagem se tornou muito longa e exaustiva. Na minha opinião, apesar da linda paisagem acho que não vale a pena tanto perrengue... Várias pessoas que estavam no ônibus não contaram com o tempo que perderiam na Aduana e perderam seus vôos de volta para casa. Nós passamos a noite em Santiago e pegamos o vôo de volta para o Brasil no dia seguinte, então não passamos por esse transtorno. Porém, como chegamos super tarde em Santiago, perdemos a reserva que tínhamos feito num restaurante e, como estávamos exaustos, acabamos nos contando com o serviço de room service do hotel. Não faria esta viagem de ônibus novamente.

Paulo Barreto
Paulo BarretoPermalink

Prezados, pretendo fazer o trajeto até Mendoza de carro alugado em Santiago, e devolução também em Santiago, entre os dias 26 e 31 de maio. Sabem se as obras em los caracoles já estarão concluídas?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Paulo! Atravessar a fronteira de carro alugado costuma ser encrencado. Para roteiros de carro, recomendamos alugar o carro num país, devolver o carro, atravessar a fronteira, alugar outro carro no outro país.

Não sabemos a data exata de conclusão das obras, mas a previsão é junho.

Marcelo
MarceloPermalink

Ola Galera!
Eu fiz essa travessia ida e volta no inverno em 2011, e foi muito massa!
RECOMENDO MUITO! E QUE SEJA DE CARRO!, pois de onibus perde-se de fazer as inumeras paradas, que devido ao visual sera mais que necessario.
Eu curti tanto , que ate parei em Portillo para dormir e continuar no dia seguinte. Em Portillo depois que acaba a programacao da noite, a grande sacada 'e sair do hotel e tomar uma no boteco do outro lado da estrada, quando vc entra, tem uma porcao de gente que ta hospedada no hotel, mas querendo ouvir os locais cantando. IMPERDIVEL, coisa que so pude presenciar devido ao fato de ter ido de CARRO.

pra quem se interessar botei algumas coisas no blog:

olhe o 12 DIA e o 13 DIA

http://vix-santiago.blogspot.com.br/search?updated-max=2011-11-19T11:59:00-02:00&max-results=30

Lali
LaliPermalink

Ai, tô morrendo de inveja desta sua viagem....rs. Mas como vc fez, foi de carro desde o Brasil?

helena
helenaPermalink

Olá, pessoal, alguém sabe se a dificuldade na aduana ocorre dos dois lados, ou seja, para os que estão entrando na Argentina e os que estão entrando no Chile. Minha dúvida é porque em minha viagem farei a travessia 2 vezes, nos dois sentidos, e um perrengue dá pra levar, mas dois já fica mais difícil.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Helena! A alfândega sempre é chata nos dois sentidos. Sempre recomendamos que, ao fazer este trajeto, se vá por um país e volte ao Brasil a partir do outro, sem retornar à cidade de onde fez a travessia.

Roque Lage
Roque LagePermalink

Prezados: Preciso saber como comprar antecipadamente passagem de ônibus de Santiago para Mendonça. Qual site?

marcelo
marceloPermalink

sim fui de carro desde o brasil

RECOMENDO!

tem a viagem toda la no blog

Evaristo Monteiro
Evaristo MonteiroPermalink

Estou planejando fazer a travessia em agosto e de carro, porém, gostaria de chegar e sair pelo Chile, em vôo direto. Aí pergunto, se é complicado atravessar a fronteira com carro alugado, dá pra trocar na fronteira? Qual a melhor opção? Outra dúvida é quanto ao clima, pois me disseram que no período escolhido (segunda quinzena de agosto) teria neve com céu azul ou sem chuva. Isto procede?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Evaristo! No inverno a estrada sofre interrupções por causa da neve. Não há nenhuma cidade no alto da montanha onde você possa devolver o carro, você teria que ir e voltar no mesmo carro. Recomendamos fazer o trajeto de ônibus, voar do Brasil a um país e voar de volta ao Brasil do outro.

marcelo
marceloPermalink

evaristo
pelo que sei vc nao conseguira alugar em um pais e devolver no outro

e parece que se vc quiser alugar em mendoza para atravessar para o chile, tambem nao conseguira pois nao tem locadora que permita isso

o que seria possivel : alugar no chile atravessar para a argentina e voltar para entregar no chile mesmo.

quanto ao fato da estrada fechar por causa da neve:

so faca a travessia se vc tiver tempo, pois a estrada pode ficar fechada por ate uns 5 dias devido a nevascas, porem quando reabrir nao tenha medo algum, pois vc encontrara uma estrada muito boa, vc so devera ter um pouco mais de cautela, mas andando devagar ( isso vc vai fazer por causa do visual ) e cuidado vc nao tera problema

eu vou fazer isso na segunda quinzena de agosto

vou para santiago
alugo o carro e se o paso estiver liberado ja atravesso para mendoza, passo uns 3 dias e atravesso de volta, farei isso para evitar atravessar de volta prestes a pegar o voo da volta em santiago, pois se o paso estiver fechado corre-se o risco de perder o voo

mas acredito que deve dar tudo certo

quando fui em ago/set 2011 fiz esse roteiro saindo do brasil e foi tudo super tranquilo, nao peguei o paso fechado nenhuma vez
uma dica 'e vc estar sempre de olho no site da gendarmeria e de portillo, nestes sites costuma ter a informacao se o paso esta aberto ou fechado e as condicoes climaticas

marcelo
marceloPermalink

http://www.gendarmeria.gov.ar/pasos/estado.html

paso cristo redentor

este site passa as informacoes climaticas e da estrada todos os dias do ano

http://www.skiportillo.com/

este so passa as informacoes no periodo de funcionamento do resort

marcelo
marceloPermalink

obs: nao 'e complicado atravessar a fronteira com o carro, mesmo que este seja alugado ( obviamente, vc devera ter toda a documentacao da locadora, coisa que a locadora que permite atravessar para a argentina normalmente providencia mediante o pagamento de uma taxa e pedido com no minimo 48 hs de antecedencia )

o que as pessoas relatam de complicado 'e a demora nas aduanas

quando eu fui planejei 1 dia inteiro de viagem para caso demorasse na aduana
acabou que a aduana foi bem tranquila nos dias que atravessei, tanto a chilena na ida quanto a argentina na volta

tempo que gastei nas aduanas : chile - ida: 1 hora

argentina - volta : 30 min

achei bem tranquilo

so demorou um pouco mais para entrar no chile, pois aproveitei para fazer cambio e o pessoal de la 'e mais chato com a questao sanitaria, mas tudo muito tranquilo

Thaís
ThaísPermalink

Estou programando ir no meio de Julho, eu gostaria de ir de Mendonza para Santiago de carro (alugar em mendonza e devolver em santiago).
Alguém já fez isso? É possível?
Precisa colocar corrente no pneu?
Obrigada,

Thaís

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Thaís! No inverno precisa colocar corrente. Mas você não vai conseguir nenhuma agência que te alugue num país para devolver no outro.