Porto Seguro

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Porto Seguro: o que fazer

Porto Seguro é uma excelente base de passeios de baixo custo. Mas a cidade também tem grandes atrações próprias, como a Cidade Histórica e a experiência indígena pataxó na Reserva da Jaqueira. Siga nossas dicas para aproveitar o que fazer em Porto Seguro:

A Bóia recomenda: o que fazer em Porto Seguro

Clique nos nomes em azul para ver os detalhes

A previsão é de dia nublado? Programe-se para ir à Reserva da Jaqueira

A previsão é de dia espetacular? Programe-se para o passeio à Praia do Espelho

Visite a Cidade Histórica (de manhã cedo ou meio da tarde)

Veja o calendário de abertura para programar um dia no Arraial Eco Parque

Dê uma escapada para ver a noite em Arraial d'Ajuda

Se for a Trancoso, curta o entardecer no Quadrado

Voltar | Topo

Praias de Porto Seguro

Porto Seguro: Cabana Hibisco

Praia do Mutá (Cabana Hibisco)

A BR 367 serve como avenida beira-mar a 20 km de praias entre o centro de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália. Todos os bons trechos de praia na região são ocupados por barracas de praia -- aqui chamadas "cabanas". Em 2019, novas regras de ocupação da areia obrigaram as cabanas a se requalificarem, então a grande maioria está com instalações recém-reformadas.

Além das cabanas comuns, há também três mega-barracas: Tôa Tôa (praia de Mundaí), Axé Moi e Barramares (praia de Taperapuã). As três funcionam como complexos de entretenimento, com sessões de lambaeróbica e shows de música e de humor.

Ônibus para as praias Porto Seguro

Vá de Uber ou de ônibus

Você pode ir à praia de Uber, de carro (estacione nas ruas laterais) ou de ônibus. Há várias linhas urbanas que percorrem toda a orla até a barraca Barramares, no final de Taperapuã. Se você vai à praia do Mutá ou a Coroa Vermelha, pegue a linha que vai até Santa Cruz Cabrália, que passa de meia em meia hora. A passagem custa R$ 4,75 (março/2020).

Praia de Coroa Vermelha

O que fazer em Porto Seguro: Praia de Coroa Vermelha

Praia de Coroa Vermelha

Já no município de Santa Cruz Cabrália, a praia de Coroa Vermelha é a mais perfeitinha da região: uma enseada de belo recorte, onde piscinas naturais são represadas na maré baixa (o fenômeno é mais acentuado em períodos de lua cheia ou lua nova). Por oferecer o melhor banho de toda a orla, é também a praia mais densamente ocupada: as barracas se sucedem, coladas umas às outras. Procure a Barraca da Jana, que tem mesas e cadeiras de madeira até na areia.

Coroa Vermelha tem duas atrações fora da praia: uma cruz que marca o local onde teria sido rezada a primeira missa em território brasileiro pelos descobridores, e uma feirinha de artesanato com vários stands de pataxós.

Praia do Mutá

O que fazer em Porto Seguro: Praia do Mutá

Praia do Mutá

Continuação (para o sul) de Coroa Vermelha, a Praia do Mutá não tem o mesmo desenho curvilíneo. Mas ganha da vizinha nos quesitos densidade demográfica (ainda há pontos semi-selvagens) e conforto (as melhores cabanas da orla estão por aqui). O mar costuma estar azul. Entre os melhores pontos para pegar praia estão o restaurante Recanto do Sossego e as cabanas Macuco e Hibisco.
Recanto do Sossego | BR 367, km 76, Praia do Mutá | Tel. (73) 99923-2654 | Instagram
Cabana Macuco | BR 367, km 76, Praia do Mutá | Tel. (73) 3677-1000 | Facebook
Hibisco Praia | BR 367, 12580, Praia do Mutá | Tel. (73) 3018-2020 | Facebook

Praia de Taperapuã

A praia de Taperapuã é a mais movimentada de Porto Seguro: tornou-se um bairro com residências e comércio próprios. O trecho da megabarraca Axé Moi costuma engarrafar por causa do tráfego de ônibus de excursão. Há várias cabanas-restaurantes na área, com destaque para a filial do Colher de Pau e a Barraca do Gaúcho, uma churrascaria-rodízio com serviço de praia. Está a 6,5 km do Centro.

Praia de Mundaí

Barraca Tôa Tôa

Barraca Tôa Tôa, Praia de Mundaí

Das praias mais freqüentadas da orla, Mundaí é a mais próxima do Centro (5 km). Neste ponto da praia, o mar às vezes fica turvo. O destaque do trecho é a megabarraca Tôa Tôa.

Voltar | Topo

Recife de Fora

A uma hora de barco da costa, o Parque Marinho do Recife de Fora é o passeio para quem não perde piscinas naturais. Trata-se de um aquário natural de 17 mil m². Apenas 3% da superfície é aberta à visitação. O horário de saída varia de acordo com a maré -- para que o mergulho de snorkel valha a pena, é preciso chegar ao recife durante a maré baixa, de preferência em períodos de lua cheia e nova, quando a maré seca mais. Leve um calçado que possa ser molhado (Crocs, Melissa) para andar sobre os corais (onde for permitido). Os barcos permanecem 2 horas e meia na área do recife. É um passeio para quem não é alérgico a multidões.

Voltar | Topo

Coroa Alta

Coroa Alta é o recife que fica à altura de Santo André. É menos visitado do que o Recife de Fora, então permite um mergulho com menor densidade demográfica. Os tours organizados costumam incluir uma parada na praia em Santo André e outra na Ilha do Sol, uma localidade no rio João de Tiba onde se pode tomar um banho de lama e há um centrinho de compras de artesanato e doces. Como é um passeio de dia inteiro, a ordem dos locais visitados é organizada de acordo com o horário da maré baixa no dia do passseio.

Voltar | Topo

Cidade histórica de Porto Seguro

Porto Seguro: Cidade Histórica

Igreja Nossa Senhora da Pena

Porto Seguro acabou se desenvolvendo na esquina do rio Buranhém com o mar, mas a cidade original ficava no alto da falésia. Moradores mais antigos ainda conhecem o centro histórico como 'Cidade Alta', mas hoje o mais comum é chamar de 'Cidade Histórica', mesmo.

O urbanismo colonial português, por ali, não foi desfigurado. Na praça principal estão a Igreja de Nossa Senhora da Pena, padroeira da cidade, a Casa de Câmara e Cadeia (funcionava como sede do governo no térreo e andar de cima, e como masmorra no porão) e o Marco do Descobrimento, a coluna de pedra com as armas portuguesas que serviam como certidão de posse de Portugal nos territórios conquistados -- e que aqui está devidamente protegido por vidro blindado. Caminhe até a beira da falésia: a vista é magnífica.

O que fazer em Porto Seguro: Cidade Histórica (Igreja de São Benedito)

Igreja de São Benedito

Há outras duas praças. A mais próxima da entrada do sítio histórico é um descampado onde está a Capela de São Benedito, junto às ruínas do colégio jesuíta. E a terceira praça tem a Igreja da Misericórdia, sempre fechada, e um farol que não é dos tempos coloniais.

Cidade Histórica de Porto Seguro

Cidade Histórica: o casario

As praças são ligadas por ruelas de casinhas coloridas, algumas transformadas em lojinhas. Infelizmente não há nada que funcione à noite.

O que fazer em Porto Seguro: Museu de Porto Seguro

Museu de Porto Seguro

Não deixe de entrar Museu de Porto Seguro, que funciona na Casa de Câmara e Cadeia. A sala mais interessante é dedicada a ornamentos e utensílios indígenas, com peças rituais provenientes de vários pontos do Brasil -- e urnas funerárias encontradas na região. A sala de instrumentos náuticos portugueses também impressiona. No porão, é possível entrar numa cela da antiga prisão (felizmente, os odores da época não foram preservados).

Porto Seguro: Cidade Histórica

Vista para a orla norte

O horário ideal para visitar a Cidade Histórica seria o fim da tarde, mas infelizmente o museu fecha às 15h. Para não fritar no sol, venha de manhã cedo, antes da praia. (Ou escolha um dia nublado.)

Museu de Porto Seguro
  • Endereço: Praça Pero Campos de Tourinho, Cidade Histórica
  • Telefone: (73) 3012-2782
  • Horário: diariamente 9h-15h
  • Ingressos: só cartão (débito ou crédito)
    • Inteira: R$ 10
    • Meia: R$ 5

Voltar | Topo

Reserva da Jaqueira

O que fazer em Porto Seguro: Reserva da Jaqueira

Reserva da Jaqueira

Fundada em 1998 por três irmãs pataxó, a Reserva da Jaqueira se caracteriza pela resistência cultural. As 34 famílias que ocupam a reserva fazem questão de usar ornamentos e pinturas tradicionais e de se comunicar entre si em patxohã, o idioma pataxó.

A comunidade vive do turismo: todas as manhãs recebe visitantes para um interessantíssimo programa de imersão no universo pataxó.

Reserva da Jaqueira: a chegada

Reserva da Jaqueira: a chegada

O horário marcado para o início da visita é 9h -- mas os primeiros 45 minutos não têm atividades fixas. Os visitantes podem zanzar pela área de circulação livre da reserva: dá para bisbilhotar a feira de artesanato, testar suas habilidades no arco e flecha, fazer pinturas faciais e tomar infusões de plantas da floresta.

Reserva da Jaqueira: a palestra

Reserva da Jaqueira: a palestra

Perto das 10h todos os visitantes se reúnem numa choça para ouvir a história do povo pataxó contada por uma das fundadoras da reserva. É um momento muito tocante: a primeira vez que muitos de nós terão ouvido o outro lado da história.

Reserva da Jaqueira: dança pataxó

Reserva da Jaqueira: a dança

Depois da palestra acontece um ritual com canto e dança -- no finzinho, os visitantes participam.

Reserva da Jaqueira: visita guiada à aldeia

A visita guiada à aldeia pataxó

Depois disso os forasteiros são divididos em pequenos grupos conduzidos por moradores da reserva. O passeio inclui paradas na escola comunitária (bilíngüe português-patxohã), no viveiro de árvores da mata primária, numa choça sagrada (onde não podemos entrar), na choça do pajé e num pequeno museu de arte patachó. Antes de ir embora, há uma provinha de peixe assado à maneira tradicional.

Reserva da Jaqueira

O pajé

É um passeio muito bem-organizado e cheio de qualidades. Abstraia o comportamento de alguns visitantes, concentre-se na bela demonstração de auto-estima pataxó, e você vai curtir o passeio tanto quanto eu curti.

Reserva da Jaqueira
  • Endereço: Acesso pela BR 367, na Praia do Mutá (2 km de estrada de chão)
  • Telefone: (73) 99979-5597 (Pataxó Turismo)
  • Horário: 2ª a sábado, 9h-15h
  • Ingresso: R$ 45 no local
  • Site da Pataxó Turismo

Voltar | Topo

Memorial do Descobrimento

Porto Seguro: Memorial Epopéia do Descobrimento

Memorial Epopéia do Descobrimento

No início da orla de Porto Seguro, num trecho sem barracas de praia, o Memorial da Epopéia do Descobrimento é um museu privado que tenta render homenagem aos descobridores e aos descobertos em igual proporção. Todas as visitas são guiadas. No primeiro trecho os monitores mostram árvores nativas da região -- entre elas, o pau-brasil. Num segundo momento, percorre-se um pavilhão que pretende explicar o contexto histórico das navegações, mas é muito, muito fraco, nível ensino médio e olhe lá. Você sai de lá para visitar uma oca pataxó, primeira parada realmente interessante do circuito (pena que está iluminada por dentro com luz branca de geladeira). O passeio termina com a visita (inclusive por dentro) à réplica da nau que trouxe Pedro Álvares Cabral ao Brasil. As duas últimas paradas (oca e nau) valem a visita, se você for com crianças.

Museu da Epopéia do Descobrimento
  • Endereço: BR 367, 800, Praia do Cruzeiro
  • Tel.: (73) 3268-2586
  • Horários:
    • 2ª a sáb: 8h30-12h e 13h30-17h
    • dom: 8h30-12h
  • Ingressos:
    • Inteira: R$ 30
    • 60+: R$ 15
    • Crianças até 12 anos: grátis
  • Site oficial

Passarela do Descobrimento

Porto Seguro: Passarela do Descobrimento

Passarela do Descobrimento

A avenida Portugal e a sua continuação, rua Assis Chateaubriand, paralelas à beira-mar do centro de Porto Seguro, formam o calçadão onde acontece o footing noturno da cidade. Originalmente batizada "Passarela do Álcool", de uns anos para cá vem sendo chamada de "Passarela do Descobrimento" pela prefeitura e por todos que promovem o turismo responsável. O nome antigo, além de chulo, não descreve mais o calçadão de maneira fiel. As barraquinhas de drinks, há 15 anos tomavam praticamente toda a extensão da Passarela, hoje se limitam a meia-dúzia, concentradas num único trecho. A imensa maioria das barracas vende artesanato, souvenirs e comidinhas. Os melhores restaurantes do centro da cidade estão nos arredores da Passarela, como o Banzé, o Galetus e o Casarão.

Noite no Arraial d'Ajuda

Noite no Arraial d'Ajuda

Beco das Cores, Arraial d'Ajuda

O footing noturno no Arraial d'Ajuda é bem mais charmoso do que na Passarela do Descobrimento. Atravesse pela balsa (R$ 5 por passageiro, cobrança só na ida) e siga de van (R$ 3,50 por passageiro) ou táxi (R$ 30 por carro) ao centrinho do Arraial. Há duas áreas de bares e restaurantes: a Rua do Mucugê, mais movimentada, e a Praça da Igreja, mais sossegada. Veja onde comer e beber no Arraial d'Ajuda.

Há também tours "by night em Arraial" que cobram R$ 60 por passageiro (incluindo traslado de/para o hotel).

Voltar | Topo

Arraial Eco Parque

Arraial d'Ajuda Eco Parque

Arraial d'Ajuda Eco Parque

O parque aquático do Arraial d'Ajuda é uma gostosura. Compacto, é repleto de verde (com bastante sombra) e está rente à praia, com acesso fácil à areia. Tem três toboáguas radicais, um tobogã tradicional, piscina de ondas, rio com correnteza e atrações para crianças pequenas (toboágua com bóia, tirolesinha, piscina infantil com brinquedos e mini-toboáguas). Caiaques para usar na praia em frente estão incluídos no ingresso. Não deixe de visitar o Projeto Coral, que tem um pequeno aquário de corais da região, com peixes, anêmonas e outros habitantes dos ambientes coralinos. Atenção para o calendário! O parque fecha em quase todos os domingos e segundas fora de feriados, e não abre nos meses de maio (depois do feriado de 1º de maio) e junho.

É muito fácil chegar ao parque por conta própria (veja aqui). Mas é possível também se encaixar em tours, com traslado de/para o hotel, por R$ 60 por passageiro.

Arraial Eco Parque
  • Endereço: Estrada da Balsa, km 4,5, Praia do Araçaípe
  • Telefone: (73) 3575-8600
  • Horários: 10h-17h nos dias de funcionamento - consulte o Calendário
  • Ingressos:
    • 12 a 59 anos: R$ 120 (1 dia), R$ 160 (2 dias), R$ 185 (3 dias)
    • A partir de 1 metro até 11 anos: R$ 90 (1 dia), R$ 120 (2 dias), R$ 140 (3 dias)
    • 60+: R$ 70 (1 dia), R$ 95 (2 dias), R$ 110 (3 dias)
    • Menores de 1 metro: grátis
  • Site oficial

Voltar | Topo

Bate-voltas a outras praias

Montar base em Porto Seguro para passear pelas outras praias da região tem uma vantagem estratégica: aqui é muito fácil se encaixar em passeios baratos de ônibus.

As vizinhas Arraial d'Ajuda e Santo André têm a logística mais simples. Trancoso também é um passeio relativamente simples. Já a Praia do Espelho e, sobretudo, Caraíva requerem mais tempo de deslocamento.

Bate-volta a Arraial d'Ajuda

Praia da Pitinga, Arraial d'Ajuda

Praia da Pitinga, Arraial d'Ajuda

Arraial d'Ajuda tem praias com aspecto um pouco mais selvagem do que as de Porto Seguro, porque nunca estão à vista da estrada. Cada trecho tem um astral próprio. Leia sobre as praias do Arraial d'Ajuda para escolher a sua.

Porto Seguro-Arraial d'Ajuda por conta própria

  • Atravesse de balsa (R$ 5, cobrança só na ida)
  • Pegue van ou ônibus, o que sair primeiro (R$ 3,50)
  • Caso queira ir à praia da Pitinga, precisa ser de van -- certifique-se de que vai até a Pitinga (R$ 7)
  • Se quiser ficar na praia do Araçaípe, peça para saltar próximo às barracas Coqueirão e Sting
  • Se quiser ficar no Arraial Eco Parque ou na Praia dos Pescadores, peça para saltar na parada do Arraial Eco Parque
  • Se quiser ficar na praia do Mucugê, desça no Centro do Arraial d'Ajuda e desça a pé pela Rua do Mucugê
  • Se quiser ficar na praia da Pitinga, vá até o fim da linha (certifique-se antes de entrar na van que o destino é Pitinga)

Caso faça o passeio de carro, a travessia da balsa custa entre R$ 18,60 e R$ 22,90 por carro (cobrança na ida e na volta) + R$ 5 por passageiro extra (cobrança só na ida).

Porto Seguro-Arraial d'Ajuda em tour

Os tours ao Arraial d'Ajuda normalmente levam à praia do Taípe, que fica ao sul da vila. Custa R$ 60 por passageiro.

Voltar | Bate-voltas | Topo

Bate-volta a Trancoso

Passeio a Trancoso

Quadrado em Trancoso

As praias de Trancoso, sozinhas, não justificam o passeio -- há praias mais bonitas no Espelho, e tão bonitas quanto no Arraial d'Ajuda. A jóia de Trancoso é o Quadrado, o adorável núcleo histórico do vilarejo.

Os tours organizados passam pelo Quadrado de manhã, quando está tudo fechado. O Quadrado só começa a ter vida lá pelo meio da tarde -- tente encerrar seu passeio por ali.

Veja o que fazer em Trancoso.

Porto Seguro-Trancoso por conta própria

  • Atravesse de balsa ao Arraial d'Ajuda (R$ 5, cobrança só na ida)
  • Pegue o ônibus Balsa x Trancoso da Águia Azul a Trancoso (R$ 13) -- veja os horários aqui
  • Peça para saltar no ponto mais próximo ao Quadrado
  • Atravesse o Quadrado e desça a pé a para a praia (a descida começa à direita da igreja)
  • Se quiser voltar ao Quadrado de táxi, a tarifa é fixa de R$ 20
  • O último horário da linha Trancoso x Balsa é 18h
  • O táxi de Trancoso à Balsa sai R$ 180

Caso faça o passeio de carro, você pode optar entre atravessar de balsa, num trajeto de 30 km com 13 km de estrada de chão, ou ir pela estrada (80 km). As tarifas da balsa são R$ 18,60 e R$ 22,90 por carro (cobrança na ida e na volta) + R$ 5 por passageiro extra (cobrança só na ida).

Porto Seguro-Trancoso em tour

Os tours a Trancoso custam a partir de R$ 65 por passageiro.

Voltar | Bate-voltas | Topo

Bate-volta à Praia do Espelho

Passeio à Praia do Espelho

Praia do Espelho

A Praia do Espelho é a Miss Sul da Bahia -- a mais bonita da região. Não é só uma questão de natureza: a ocupação é muito charmosa, com barracas que não poluem a areia com mobiliário de plástico. Como já devem ter avisado, os preços são paulistanos.

O ponto mais agradável da praia para ficar é o canto esquerdo, que tem o nome oficial de Curuípe. Na maré baixa, o mar forma pequenas piscininhas e é possível contornar a falésia até o trecho ao lado, conhecido como a href="/destino/espelho/o-que-fazer-espelho/#amores" rel="noopener" target="_blank">Praia dos Amores (ou Setiquara), emoldurado por uma falésia.

Pegadinha: quando um operador ou taxista diz que vai levar à "verdadeira Praia do Espelho", o destino do passeio muito provavelmente será alguma das barracas do meio da praia, que são menos bonitas que as de Curuípe.

Veja o que fazer na Praia do Espelho.

Porto Seguro-Espelho por conta própria

Só vale a pena se você estiver de carro alugado. Neste caso, saia de Porto Seguro em direção a Eunápolis e entre na BA 001, seguindo as placas para Caraíva. A praia do Espelho está a 100 km do centro, com 25 km em estrada de chão -- a viagem vai levar perto de 2h em cada sentido. O estacionamento em Curuípe custa R$ 20.

O passeio é muito complicado de ônibus. Você teria que atravessar a balsa, pegar um ônibus para Caraíva (que tem poucos horários) e saltar na porta do condomínio Outeiro das Brisas, seguindo a pé por 4 km até a praia. E na hora de chegar provavelmente você já vai precisar voltar.

Você pode negociar o passeio com ida, espera e volta com um taxista em Porto Seguro por R$ 400 a R$ 500.

Caso faça o passeio de carro, você pode optar entre atravessar de balsa, num trajeto de 50 km, ou ir pela estrada (90 km). As tarifas da balsa são R$ 18,60 e R$ 22,90 por carro (cobrança na ida e na volta) + R$ 5 por passageiro extra (cobrança só na ida).

Porto Seguro-Espelho em tour

Os tours à Praia do Espelho custam a partir de R$ 120 por passageiro.

Voltar | Bate-voltas | Topo

Bate-volta a Caraíva

Passeio a Caraíva

Beira-rio em Caraíva

Caraíva é um vilarejo cheio de personalidade. Você chega de canoa. As ruas são de areia e por elas não passam carros nem bugues. O "Quadrado" de Caraíva é a ruazinha à beira-rio.

O lugar encanta a quem curte rusticidade. Se esse não for o seu caso, pense duas vezes antes de ir: a viagem desde Porto Seguro leva entre 2h e 2h30, com 40 km de estrada de chão.

Veja o que fazer em Caraíva e onde comer em Caraíva.

A travessia de canoa custa R$ 5 por passageiro em cada sentido. Há também a cobrança de uma taxa de conservação de R$ 10 por visitante -- o pagamento é opcional.

Porto Seguro-Caraíva por conta própria

De carro alugado, saia de Porto Seguro em direção a Eunápolis e entre na BA 001, seguindo as placas para Caraíva. O estacionamento de Caraíva está a 120 km do centro, com 40 km em estrada de chão espere levar entre 2h e 2h30. O estacionamento custa entre R$ 15 e R$ 20. A travessia de canoa, R$ 5 por passageiro em cada sentido.

De ônibus, só saindo muito cedo. Atravesse a balsa para Arraial d'Ajuda (R$ 5 por passageiro, cobrança só na ida) a tempo de pegar o ônibus Balsa x Caraíva das 7h10 (R$ 24 - confirme horário aqui). A viagem pode levar 3h. O último ônibus para voltar parte de Caraíva às 16h.

Você pode negociar o passeio com ida, espera e volta com um taxista em Porto Seguro por R$ 500 a R$ 550.

Caso faça o passeio de carro, você pode optar entre atravessar de balsa, num trajeto de 65 km, ou ir pela estrada (105 km). As tarifas da balsa Porto Seguro-Arraial d'Ajuda são R$ 18,60 e R$ 22,90 por carro (cobrança na ida e na volta) + R$ 5 por passageiro extra (cobrança só na ida).

Porto Seguro-Caraíva em tour

Os tours a Caraíva custam a partir de R$ 160 por passageiro.

Voltar | Bate-voltas | Topo

Bate-volta a Santo André

Passeio de escuna

Passeio de escuna

30 km ao norte de Porto Seguro (com travessia de balsa desde Santa Cruz Cabrália), Santo André é o destino de tours que incluem ou um passeio de chalana pelo rio João de Tiba ou um passeio de escuna até o recife de Coroa Alta.

O passeio por conta própria vale a pena para quem quer curtir uma praia sossegada, sem som alto nem grandes barracas. Se esse tipo de praia fizer o seu gênero, um dia por aqui pode convencer você a fazer de Santo André o destino da sua próxima viagem.

Veja o que fazer em Santo André e onde comer em Santo André.

Porto Seguro-Santo André por conta própria

O melhor é ir de carro alugado. Saia de Porto Seguro em direção a Santa Cruz Cabrália (20 km) e pegue a balsa (R$ 18,60 a R$ 22,90 por carro + R$ 5 por passageiro extra -- veja horários aqui).

De ônibus dá um pouco de trabalho. Você precisa pegar o Expresso Brasileiro Porto Seguro-Cabrália que sai da Rodoviária, passa pelo Centro e percorre toda a orla (R$ 4,75) e atravessar com a balsa (R$ 5 por passageiro -- veja horários aqui). Na chegada da balsa você pode pegar carona ou chamar um táxi (R$ 20 até a praia ou a beira-rio).

Porto Seguro-Santo André em tour

Há dois tours que incluem uma parada em Santo André: o passeio de chalana pelo rio João de Tiba (a partir de R$ 100 por passageiro) e o passeio ao recife de Coroa Alta (a partir de R$ 120 por passageiro).

Voltar | Bate-voltas | Topo

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar