Chegando em Lisboa: chip e Uber no aeroporto

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Lisboa: chip no aeroporto

Lisboa é a porta de entrada da Europa para muitos viajantes brasileiros, graças às rotas diretas da TAP desde 10 cidades do Brasil (e, mais recentemente, da Azul desde São Paulo e Campinas).

  • Lisboa: chip no aeroporto

O aeroporto de Lisboa é perfeito para quem já quer estar com internet local desde o primeiro instante. A Vodafone tem uma loja oficial no saguão de desembarque. Ali você compra um chip (simcard, em europês) que pode oferecer conexão à internet também nos próximos destinos europeus da sua viagem.

A loja abre diariamente às 8h. Se você chegar pelos vôos diretos do Brasil da TAP ou da Azul, deve estar imigração feita e malas na mão por volta das 7h, 7h15. Precisando enrolar até a loja abrir, aproveite para tomar um segundo café da manhã numa das lanchonetes do desembarque.

O procedimento de compra do chip é simplérrimo e, se não houver fila, toma mais que 5 minutos. Em Portugal não é preciso sequer apresentar documentos.

Chip em Lisboa: peça com plano de roaming europeu

Em setembro de 2017, pedi um simcard pré-pago e o vendedor me ofereceu um chip com 5 giga de dados com validade para 30 dias, por 20 euros. Eu perguntei se dava direito a conexão em outros países da Europa (aproveitando a nova lei de roaming intra-europeu sem custo extra). Então ele explicou que, nesse caso, poderia me vender um simcard pré-pago de 2 giga de dados, também válido por 30 dias, por 10 euros. (É muito barato, senhoras e senhores.)

Lisboa chip aeroporto

Basta tirar o chipzinho brasileiro (que o atendente cola com fita adesiva para você não perder), e colocar o simcard europeu no lugar. Seu celular vai então pedir para você desbloquear o novo simcard com o número PIN que você raspa na embalagem do chip. Pronto. Seu simcard europeu já está habilitado e pronto para uso em Portugal.

Fazendo o chip funcionar em roaming

Quando desembarcar em outro país europeu, não esqueça de habilitar o roaming internacional de dados, para que o chip funcione por lá também. (O meu está funcionando perfeitamente em Paris, de onde escrevo este post.)

E qual é a primeira coisa que você pode fazer com seu celular europeu conectado à internet? Chamar um Uber para sair do aeroporto!

  • Lisboa: Uber no aeroporto

Dá para sair do aeroporto de Lisboa até de metrô. Mas em Lisboa o táxi é tão barato, que não sair de táxi do aeroporto é só mesmo para quem está contando tostões.

De vez em quando, porém, surgem reclamações de leitores quanto à malandragem de taxistas lisboetas, sobretudo os que fazem ponto no aeroporto. Para não correr esse risco, o melhor é aproveitar o seu chip recém-instalado e já chamar um Uber.

A corrida em UberX entre o aeroporto de Lisboa e o centro histórico (av. da Liberdade, Chiado, Baixa, Príncipe Real) sai entre 7 e 10 euros -- ou seja, entre 28 e 40 reais, já com o IOF do cartão (câmbio de setembro/2017).

Ao confirmar a corrida, o aplicativo vai mandar você esperar o carro no setor de embarque do Terminal 2. Nesse momento vai bater aquele pânico -- meu Deus, onde é que é isso? Mas calma, titio Riq mostra o caminho pra você.

Lisboa Uber no aeroporto

Ao sair da loja da Vodafone, já com o seu chip instalado, você vai ver o saguãozão principal do aeroporto. Suba as escadas rolantes. Chegando ao segundo andar, saia por qualquer porta à sua esquerda. Você vai dar na calçada do embarque. Atravesse pela passadeira (faixa de pedestres) e você vai chegar a uma estrutura oval protegida por uma marquise -- é um local de embarque/desembarque de passageiros, que pode ser usada por até 10 minutos por qualquer carro. É ali que o seu Uber vai chegar.

De nada, estamos aqui pra isso.

Com trânsito fluido, você estará no seu hotel em 20 minutos.

Leia mais:

48 comentários

Izabella Zava
Izabella ZavaPermalinkResponder

Estou em Lisboa agora e peguei o plano GO da Vodafone assim que cheguei no Porto. Plano só do dados: 30Gb por 15 euros por 15 dias. Adicionei 5 euros para ter 5 dias a mais. É possível adicionar por até 30 dias. Só funciona em Portugal. Vale muito a pena. Nada como um Google e um Maps sempre disponíveis smile

Izabella Zava
Izabella ZavaPermalinkResponder

E sobre o uber no aeroporto não penso que valha a pena porque o metrô em sua forma mais cara (o bilhete unitário) sai por 1,45 (não conto os 0,50 do cartão porque ele já vai ficar pra viagem) e você chega ao hotel tranquilo em 45 min. Se você já colocar o passe diário então...aí é quase de graça!

Ricardo Freire

Izabella, o custo x benefício de você sair do aeroporto depois de um vôo de 10 horas enlatado na classe econômica, daí simplesmente colocar sua mala dentro de um carro, então viajar tranqüilamente no banco de trás sem nenhum receio de ser engambelado ou de ter seus bens subtraídos, e ainda por cima ser entregue na porta do seu hotel numa cidade que você não conhece, POR MENOS DE 10 EUROS, é incomparável. Não há destino no exterior (e nenhum no Brasil!) em que você consiga isso. Qual foi a última vez que você pagou um táxi do aeroporto com prazer? Essa é uma corrida que a gente paga sorrindo. Precisa ser patologicamente muquirana para não dar valor a isso.

Agora veja o script alternativo: entender-se com a máquina de tickets do metrô, num sistema que você está vendo pela primeira vez, logo depois de uma noite maldormida e de uma passagem estressante pela imigração, e depois ainda fazer uma inevitável baldeação (não existe linha direta entre o aeroporto e o centro histórico), daí carregar sua mala para dentro de um vagão cheio (como deverá estar na baldeação), e de quebra portando passaporte, dinheiro e cartões, estando sujeito à ação de batedores de carteiras, e na seqüência ainda ter que arrastar mala, com a possibilidade de ser ladeira acima, e sendo obrigado a caminhar com um olho no GPS do celular para encontrar o caminho, só para economizar a fortuna de 7 euros? Será que 28 ou 30 reais vão fazer tanta falta assim na viagem, a ponto de justificar não se dar um conforto merecido depois de viagem longa? Por que a gente precisa se punir por viajar? Não acho que seja um conselho que se dê, assim, sem nenhuma ponderação, para pessoas que não sabem todos os perrengues envolvidos no trajeto.

Antonio
AntonioPermalinkResponder

Com certeza !! Nesse valor, muito barato !! Vale a pena o conforto !!

Ines Martins
Ines MartinsPermalinkResponder

Nossa Riq, você foi perfeito! Aliás, mais que perfeito! Em qualquer lugar para onde viajo prefiro me dar ao descanso de pegar um taxi ou uber. Amei o "Por que a gente precisa se punir por viajar?".

Hugo
HugoPermalinkResponder

Táxi/transfer privativo na chegada/saída de uma viagem internacional não é gasto, é investimento.

Até mesmo porque, além das 10 horas de viagem, tem o tempo que você precisou esperar no aeroporto. E quem mora fora do eixo RJ-SP normalmente tem um trajeto ainda maior e cansativo.

Esse é um dinheiro que gasto com alegria.

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Pegar transporte público com mala é coisa de gente masoquista (ainda mais se for em horário comercial).

Diógenes Resende

O ruim da loja da vodafone é que ela abre as 8h ou 9h , não me lembro. E os vôos do Brasil chegam as 6h da manhã, mesmo pegando a mala e fazendo imigração ja estamos fora antes das 7h da manhã. Estou com o plano da vodafone com 3gb e roaming em toda europa por 10 eutos

Ricardo Freire

Bom ponto, Diógenes. Fui ver agora, e a loja abre às 8h. Os vôos diretos da TAP costumam chegar por volta das 6h, mas dificilmente você sairá com as suas malas antes das 7h, mas em casos mais complicados pode demorar mais. Tendo em vista que você não conseguirá subir ao quarto do seu hotel antes das 15h, dá para enrolar uma horinha tomando um café melhorzinho do que o oferecido a bordo.

Welma
WelmaPermalinkResponder

Comprei o chip da Vodafone emPortugal recentemente numa viagem, mas qd fui Para Madrid ele não funcionou de jeito nenhum mesmo habilitando os dados de roaming.

Ricardo Freire

Welma, de duas, uma: ou o seu plano não dava a direito a conexão (mais provável), ou você não desbloqueou o roaming internacional de dados.

Note que no texto eu explico que o primeiro plano que o vendedor me ofereceu, com mais gigas, não permitia roaming.

Gabriela Pacheco

Riq, te amo! Vc é fera!!!

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Que ótimo!
Eu cheguei no aeroporto de Lima em julho e me ofereceram um chip com plano para 20 dias a mais de 100 dólares; disseram que estrangeiro não consegue comprar chip nacional e precisam de um para estrangeiro. Achei absurdo e não comprei. Na hospedagem, me disseram que era mentira e que se precisasse, eles compravam para mim

Ronald
RonaldPermalinkResponder

Muito boa as dicas. Grato.

Vanuska
VanuskaPermalinkResponder

Riq, como faz com o simcard da Vodafone se a viagem for superior a 30 dias (quando aí o chip perderá a validade) e/ou os 2GB (versão para uso na Europa, não só em Portugal) acabarem? Existe a possibilidade de eu recarregar/pôr créditos à distância, quando já estiver, p. ex., na França ou na Noruega?

Ricardo Freire

Vanusca, teoricamente, como a recarga é feita pela internet mesmo, você poderia fazer em qualquer lugar. Mas não sei se a geolocalização impediria a transação fora da área da compra do simcard. Se houver algum problema, é só comprar outro chip depois que a franquia de dados acabar. Note que o roaming internacional oferecido pelas operadoras brasileiras custa 39,99 (equivalentes a 10 euros) por DIA. Mesmo que o próximo chip não seja tão barato quanto o português, continuará valendo a pena.

Se você quiser se precaver, pode fazer uma recarga antes de sair do país onde comprou o chip. Não é preciso esperar esgotar o pacote de dados para fazer recarga.

Essa situação de roaming pós-junho ainda é nova e vamos abrir uma enquete para coletar mais experiências com chips comprados em outras praças. Mas vamos deixar a coisa amadurecer um pouco mais, para que mais gente possa contribuir.

Perla
PerlaPermalinkResponder

Oi Riq, comprei meu simcard na Alemanha recentemente e funcionou perfeitamente na Áustria.

Felipe Mortimer

Riq... em relação da nova lei do roaming.. um dia após a lei eu estava na Europa, com um chip Lebara comprado na Alemanha. Jurava de pés juntos que os chips e planos da lebara não seriam validos nessa lei, mas usei normalmente minha franquia em Paris, fiquei mais 3 dias lá, pena que tinha torrado quase toda a franquia nos dias anteriores (pelo motivo acima). Abraços

Dora F Faria
Dora F FariaPermalinkResponder

Já comprei chip da Moche , uma empresa da MEO, por 2 semanas por 3 euros. Num shopping pequenino em Carcavelos.
E já paguei este preço por 2 vezes. Então, nem vou olhar a Vodafone...

Antonio Carlos da Silveira Junior

Estive em Lisboa e Madrid em agosto e considerei duas opções disponíveis de SIMCARD em Portugal: Vodafone e MEO. Sabia que a Vodafone seria mais fácil, pois é possível comprar já no aeroporto, mas preferi a MEO, pois queria ter um número português para ligar para o Brasil (para telefones convencionais, sem uso da internet... como meus pais são idosos, fica difícil uma comunicação por aplicativo). O simcard da MEO custou 15 euros e meu dava, além de 2Gb de internet, 60 minutos de ligação para o Brasil, o que foi suficiente para dar notícias por 15 dias... o da Vodafone, similar que também possui ligações para o Brasil, custava 20 Euros, também tinha internet, mas a franquia era de apenas 30 minutos em ligações...
A compra não foi tão simples, mas não foi algo que eu tenha ficado encanado, procurando a todo custo. No primeiro dia, eu tinha uma conexão meio longa em Lisboa e precisei aguardar algumas horas para o voo até Madrid, então fui até a região do Oceanário / Parque das Nações. Há duas lojas MEO na região, uma ao lado da Estação Oriente (maior) e uma dentro do Centro Comercial Vasco da Gama (bem menor, de shopping). Mas as duas são extremamente cheias e a fila demora bastante... então não comprei nesses lugares. Dei a sorte de perguntar em uma lojinha dentro da estação Oriente (logo na entrada, que vende de tudo para celular) e eles vendiam o mesmo plano para turistas disponível na loja, só que sem fila nenhuma...
Então funcionou em Lisboa, nesse dia, e depois em Madrid (só que somente o plano de dados - em Madrid não funcionou a telefonia), e quando voltei para Portugal para mais 10 dias, funcionou perfeitamente, inclusive em Porto, Coimbra, etc... internet e telefonia.

nereujr
nereujrPermalinkResponder

Esse esquema da vodaphone é matador! Tivemos 15 dias de lua-de-mel com esses chips. pagamos 15 euros por 30Gb de dados.
Quanto ao Uber, recomendo fortemente - Em agosto de 2017 Fomos ROUBADOS por um taxista do aeroporto na chegada a Lisboa, que deu um jeito de desligar o taxímetro antes do destino e cobrou 25 Euros do aeroporto até o Eurostars das Letras ( a corrida de volta, do mesmo lugar custou 6 euros no uber). Na confusão de conversão e no cansaço, pagamos sem reclamar (nem anotar a placa do ladrão).
Essa foi a única experiência negativa que tivemos em Portugal, mas infelizmente foi traumática e destoa demais da receptividade lusitana.

Marina
MarinaPermalinkResponder

Caso haja fila na loja da Vodafone do desembarque, também tem uma loja no piso de cima, no embarque , que costuma ficar mais vazia

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Riq, você não estava de férias????

Dalton
DaltonPermalinkResponder

A primeira vez q estive em Lisboa, nao pesquisei antecipadamente como ir ao hotel. Quando vi q havia metro fiquei feliz e encarei a empreitada. Ai aconteceu tudo q foi cutado. Maq pra comprar, baldiaçao no metro com requinte de crueldade por conta de escadaria na estaçao de metro e depois fou a vez da ladeira pra chegar no hotel. Obviamente com uma chuvinha recem iniciada. Na volta ao aeroporto, quando fui de taxi e paguei 10 euros, percebi a bobagem q havia feito na ida. Nunca mais. Ja retornei outras 3 vezes e em todas fui e voltei de taxi. Na proxima, usarei o Uber

Lore Nascimento

Comprei um SimCard da Vodafone na Espanha no final de Agosto de 7GB por 20 euros, e funcionou perfeitamente em Londres, Paris e na Itália. Acho que foi a melhor coisa que fizeram, pois não tem preço estar conectado em toda a Europa por tão pouco!

João Branco
João BrancoPermalinkResponder

Voltei de Lisboa na semana passada e fiz exatamente como o Riq falou: Vodafone com atendimento rápido, 10 euros de 3GB, que foram suficientes para os meus 5 dias na cidade e Uber do aeroporto. Mais fácil que comer bacalhau em Lisboa!

Caroline Michalski

Ola
Dúvidas com chip na Europa..
Estarei na França (Chamonix - Lyon - Paris) voando Campinas-Lisboa-Genebra.
Meu voo sai de Lisboa 8:10h, assim não conseguirei pegar a loja da Vodafone aberta. O que você sugere de telefonia?
Muito obrigada
Abraços

Ricardo Freire

Caroline, compre no próximo destino. Pergunte por um simcard que tenha validade européia, se comprar em Genebra, para poder usar também na França.

Nati S.
Nati S.PermalinkResponder

Riq, complementando a informação: o chip comprado na Suíça que funcione também na França vai ser bem mais caro, porque infelizmente o país não entrou no acordão do fim de cobrança do roaming europeu (não faz parte da UE) e os planos de dados com roaming na europa são caríssimos por aqui... Neste caso eu acho melhor comprar direto na França mesmo!

Luiz Alberto
Luiz AlbertoPermalinkResponder

Em julho estive em Portugal. Ao chegar, a loja da Vodafone do desembarque estava ainda fechada, mas tem outra loja no embarque que abre um pouco mais cedo (não tenho certeza, mas deve ser 07h30. Deixei minha esposa com as malas no desembarque e comprei os SIM cards tranquilamente, ao voltar a loja do desembarque ainda estava fechada, e já com uma pequena fila. Então vale tentar a outra loja da Vodafone.

Fabio Lima
Fabio LimaPermalinkResponder

Assim como muitos brasileiros que viajam pela TAP, vou apenas fazer conexão em Lisboa para outros destinos da Europa (no meu caso Paris e Croácia). A dica da compra do simcard da Vodafone no aeroporto lisboeta permanece ou é melhor comprar no primeiro destino que vai se hospedar?

Ricardo Freire

Fabio, dependendo do seu tempo de conexão em Lisboa, pode ser que você nem saia para o saguão do aeroporto. Se não der para comprar em Lisboa, compre no próximo destino.

Izabella Zava
Izabella ZavaPermalinkResponder

Ok, então eu sou uma muquirana patológica rsrsrs
Mas acho que vale a dica pra quem for muquirana como eu: é muito tranquilo ir de metrô do aeroporto pro centro de Lisboa. Ou quem, como eu, não estiver chegando de 10h de vôo, já que fui de carro de Lagos e passei no aeroporto para devolvê-lo. Alguns podem estar vindo do Porto (apenas 1h de vôo).

ANNA SUSY GOLDSCHMIDT GONCALVES

Izabella, quando li sua sugestão imaginei mesmo que poderiam haver outras situações que vale a pena o metrô, além do seu caso, como: chegar sem muita bagagem, conhecer já a cidade, etc. Me coloquei no seu lugar quando o Ricardo respondeu(com bastante rigor), e claro que as vezes não vale muito sacrifício por alguns trocados, mas achei legal você colocar sua experiência, super valida!!

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

O mercado está se ajustando.

Meu primeiro palpite é que no próximo verão todo aeroporto que recebe vôos intercontinentais terá algum quiosque de operadora de telefonia já acostumada a clientes estrangeiros, ou então farão parcerias com as lojas que vendem outros acessórios de viagem como adaptadores elétricos e carregadores (power banks) portáteis. Será mais caro do que comprar na rua, em loja normal (como é mais caro comprar no aeroporto um kit de higiene miniaturizado que no supermercado), mas resolverá problemas de idioma, ativação etc.

Joseph Torres
Joseph TorresPermalinkResponder

Obrigado pelas dicas. Em fevereiro estarei conhecendo Portugal e é ótimo saber do chip, com certeza tomar um táxi ou Uber desde o aeroporto até o hotel por um preço desses é uma ótima notícia.

Liliane Reis
Liliane ReisPermalinkResponder

Estivemos em Lisboa no final de Agosto e compramos o simcard pré-pago de 2G por 10 euros, entretanto o rimming internacional não funcionou. Fomos para Espanha e lá tivermos que comprar outro com as mesmas características, mesmo valor e fomos avisados que o anterior não funcionaria naquele País. Vou escrever p a Vodafone p saber e depois informo pois guardei tudo referente às duas compras. I valor não é absurdo mas a informação não foi correta.

Ricardo Freire

Liliane, você se lembrou de desbloquear o roaming internacional de dados no celular ao chegar à Espanha?

Yessmin E. Helayel

Boa Tarde!
Cheguei de uma viagem por 3 países da Europa. Comprei o chip na lj Vodafone do saguão do aeroporto de Lisboa, enqto esperava conexão para Viena.
3 gigas, só dados (Brasil e todos os países da Comunidade Europeia) e com direito a telefonar para fixo só para o próprio país que estivesse (Áustria, Itália e Portugal). Paguei €10.
Abusei das ligações via wsap por 20 dias. Falei com o Brasil, França, Alemanha, Áustria, Itália e Portugal. E nem precisei acionar o roaming, era automático.
Funcionou perfeitamente.

Eduardo
EduardoPermalinkResponder

Ótimo e instrutivo texto.
Tenho uma conexão de cerca de 5 horas em Lisboa. É possível e/ou recomendável sair para o saguão, comprar o chip na Vodafone e depois retornar? Certamente terei que passar por controlo de segurança novamente, correto?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eduardo! Você precisará passar de novo pelo controle de segurança, mas não mais por imigração, porque o segundo vôo será 'doméstico'.

ELIZABETE
ELIZABETEPermalinkResponder

Oi Ricardo, pegar táxi em Lisboa não é nenhuma maravilha não. Lá como cá existem muitos motoristas picaretas. Cheguei em Lisboa no dia 17/09 bem cedinho e peguei aquela fiiiiila enorme para o táxi. Dei azar de pegar um chofer jovem num Mercedes bem velhinho e batendo lata, que parecia um piloto de provas. Deu até medo. Meu hotel ficava no B. Santo Antonio, distante só a 5 km do aeroporto e bem próximo da Pça. Marques de Pombal. Ao final da corrida o taximetro marcou 6,90 Euros mas o picareta tirou uma tabela do quebra sol e me cobrou 25 Euros. Dias mais tarde peguei outro taxi na porta do hotel por volta das 2 da manhã e a corrida ficou em 11,20 Euros. Depois disso sempre consultava o taxifare para saber o preço da corrida, já que saí diversas vezes por aquele aeroporto e ao entrar no táxi já ia dizendo mais ou menos o preço, ao que o motorista me respondia: ah, mais ainda tem o custo pela mala (que era entre 2 e 3 Euros). E olha que ela só pesava 13kg. Assim, não fiz deslocamento nenhum em que a corrida ficou abaixo de 10 Euros. Da próxima vez vou tentar o Uber.

Luis Gustavo
Luis GustavoPermalinkResponder

Boa noite !!
Vou estar em Portugal com minha esposa entre 19 e 29 de outubro 2017.
Pretendo ficar uns dias em hotel e outros na casa de amigos.
Como faço para comprovar isso na imigração ?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luis Gustavo! Você precisa de uma carta-convite dos seus amigos para os dias em que estiver hospedado lá.

Elaynne
ElaynnePermalinkResponder

Oi Ricardo, o chip funciona tb no UK?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elaynne! Teoricamente, sim. Mas o Ricardo Freire só testou na França, mesmo.

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

Ricardo, que maravilha esse seu post, como sempre. Farei uma conexão rápida no aeroporto de LIS, chego naquele horário de 6 e pouco, o voo para Paris (ORY) é tipo as 9. Tu achas que vai dar tempo, nessa conexão ? E será que passo perto dessa loja da Vodafone? Porque os planos estão mais em conta que os da Orange e similares francesas, sem falar que ficarei em Lisboa antes de regressar para o brasil duas semanas depois.. beijos

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudia! Quem responde é A Bóia. É bastante apertado. Você precisa estar no portão de embarque do seu segundo vôo pelo menos 40 minutos antes do embarque. E se sair para o saguão vai ter que passar pela segurança e andar até o seu portão, que pode ser longe. Essa economia de 30 euros no chip pode custar uma passagem nova.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar