Como furar fila (legalmente) na Europa e Nova York

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Como furar a fila legalmente em locais como o Vaticano

Só existe uma coisa pior do que ficar horas na fila para entrar num museu ou subir a um mirante: saber que outros turistas como você conseguem entrar sem filas (e muitas vezes pagando a mesma coisa ou até menos). Existem várias maneiras perfeitamente legais de furar a fila em alguns dos lugares mais concorridos do planeta. Aqui vai uma listinha atualizada dos atalhos:

Paris e Versalhes

Sua arma em Paris para furar fila no Louvre, no Quai d’Orsay e no Palácio de Versalhes se chama Paris Museum Pass. É vendido nas lojas Fnac e em outros pontos de vendas, custa entre €48 e €74, e dá direito a 2, 4 ou 6 dias consecutivos de acesso a praticamente todos os museus importantes, com entradas exclusivas e sem filas nos mais disputados (em Versalhes a fila da bilheteria chega a duas horas; você pula essa, mas ainda precisa passar pela fila do raio-X). É possível também comprar ingresso para a Torre Eiffel pela internet. Há lotes com hora marcada disponíveis na bilheteria online, tanto para o segundo andar quanto para o topo.

Roma

Compre o Roma Pass, vendido por €28 (versão de 48 horas) e €38,50 (versão de 3 dias) nos postos de turismo. Com ele você entra no Coliseu sem passar pela bilheteria, que costuma ter filas longuíssimas. As piores filas de Roma, porém, estão no Vaticano – mas podem ser evitadas se você comprar seu ingresso com antecedência no site oficial; o ingresso custa €17, e a taxa de reserva, €4.

Florença e Pisa

Use a bilheteria online dos museus de Florença para não passar mais tempo na fila do que dentro dos museus. Tanto a Galleria Uffizi quanto a Accademia vendem ingressos online. O ingresso da Uffizi custa €20; da Accademia, €8. Há uma taxa de reserva de €4 por ingresso.

A Torre de Pisa também vende parte dos ingressos com antecedência pela internet; custa €18.

Milão

Não há filas intermináveis para ver a Última Ceia de Leonardo da Vinci em Milão, simplesmente porque todos os ingressos são vendidos pelo Cenacolo Vinciano. Programe-se com antecedência: o site avisa quando as entradas de cada par de meses começam a ser vendidas. O ingresso custa €10, mais €2 de taxa de reserva (a reserva online é obrigatória mesmo para o primeiro domingo de cada mês, quando a entrada é livre).

Caso você perca o lote à venda online, pode tentar por telefone -- a gente explica como aqui.

Granada

A Alhambra pode ser o ponto alto de sua viagem à Andaluzia – isto é, caso você consiga entrar, porque o número de visitantes é limitado por dia. É preciso reservar um turno para a visita e ver os palácios Nazaríes.

Berlim

É seu estilo de viagem que vai definir qual o melhor passe turístico em uma viagem à Berlim. As opções são simples de usar, sem pegadinhas. O Berlin WelcomeCard tem versões que variam em duração e área de abrangência e inclui transporte público ilimitado e desconto em atrações (o de 72 horas custa 46 euros). O Berlin CityTour Card é semelhante, mas pode ter ainda melhor custo benefício para quem não se importa muito com museus. Sai por 24,70 euros o bilhete de 72 horas incluindo as zonas ABC. Com mais dias, vale pensar no Berlin Museum Pass, que custa 29 euros.

A visita ao Bundestag, o Parlamento Alemão, que costumava formar filas imensas, tem reserva com hora marcada obrigatória, e só pode ser feita online. A confirmação vem por email e a visita continua gratuita.

Lisboa

Lisboa oferece opções tanto para quem vai conhecer os pontos turísticos por dentro quanto para quem só quer andar pela cidade usando os autocarros, eléctricos e metrô. O Lisboa Card tem uso ilimitado do transporte público e entrada gratuita e sem fila em vários monumentos importantes, como o Mosteiro dos Jerônimos e o Arco da Rua Augusta (além de descontos em diversos outros), ajudando a ganhar tempo e euros para comer mais pastéis de Belém. O passe de 24 horas custa €19; o de 48 horas, €32 e o de 72 horas, €40 (o mais recomendável).

Viena

As duas opções de passes para quem visita Viena - o Vienna Card (que sai por €13,90 a versão de 24 horas, € 21,90 a de 48 horas e € 24,90 a de 72 horas) e o Sisi Ticket (que custa € 29,90) - são interessantes em economia para os turistas. Para fugir da fila dos palácios Hofburg e do Schönbrunn, mas ainda precisar de um passe para circular de transporte público pela cidade, aposte no Sisi Ticket. Já o Vienna Card tem transporte ilimitado e vários pequenos descontos em museus, atrações e lojas.

Amsterdã

Eu gostei muito de usar o passe I Amsterdam City Card, mas ele não poupa você de passar pela bilheteria (é o bilheteiro que passa o cartão magnético pelo leitor e imprime a sua entrada). Caso você não use o passe, então vale a pena comprar ingresso para o museu Van Gogh online; custa €17. De todo modo, a atração com a maior fila de Amsterdã, a Casa-Museu de Anne Frank, não está coberta pelo passe; para não passar pelo menos uma hora na fila, compre seu ingresso pela rede com alguns dias de antecedência; sai €9 mais taxa de reserva de €0,50.

Londres

A melhor coisa dos lerês de Londres é que todos, todos, todos os museus têm visitas grátis (há urnas para fazer doações, mas nada obrigatório). E por incrível que pareça, o efeito colateral disto é que -- não há filas para nenhuma exibição permanente, vai entender. É chegar e entrar. Agora a má notícia: tudo o que não é grátis é bastante caro, e em libras. E algumas dessas atrações bastante caras em libras também vêm com extensas filas. Para subir à ("voar na") roda gigante LondonEye, compre o ingresso ("cartão de embarque") com antecedência; por £ 22,45 você vai direto para a fila normal de embarque (sem passar pela bilheteria, e já no horário do seu "vôo"), e por £32,45 você pega a "fast track", uma fila expressa vip. Se você vai com crianças, pode comprar um pacote combinando a roda gigante com o Aquário (que fica em frente), o museu de cera de Madame Tusseau, o London Dungeon e outras atrações. A outra fila enorme da cidade se posta em frente à Torre de Londres; ela pode ser evitada se você achar que vale a pena comprar um London Pass, que custa a partir de £62 conforme a quantidade de dias que oferece e dá direito a outras atrações, como Westminster e o Castelo de Windsor. (Faça as contas antes de comprar; este é um passe que só vale a pena se você fizer uma programação bastante intensa.)  E se você for a Londres em agosto ou setembro, pode aproveitar para visitar os salões do Palácio de Buckingham, que só são abertos nesta época; reserve seu ingresso aqui, a partir de £23.

Atenas

O novo Museu da Acrópole já nasceu com ingressos com hora marcada pela internet. Segundo o Alessandro A., as filas não são grandes, mas não custa nada fazer sua reserva pela rede.

Nova York

Em Nova York, enfrentar as filas do Empire State tira boa parte da graça da visita. Uma das filas é inescapável: a da segurança. As outras são evitáveis: comprando online você não precisa passar pela bilheteria; custa US$ 34. Por US$ 60, você tem acesso ao deck principal (no 86º andar) e é poupado também da fila do elevador, que costuma ser enorme. Por US$ 54 (ou US$ 80 para não pegar a fila do elevador), você tem acesso ao deck principal e ao observatório no 102º andar . Se você tiver sangue-frio turístico e quiser evitar totalmente a confusão do Empire State, pode ir a seu maior concorrente, o Top of the Rock, que não é tão alto mas proporciona uma vista linda do Central Park (e é o único mirante do qual se enxerga... o Empire State). O ingresso para entrar sem fila custa US$65.

387 comentários

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Riq, parece que quem compra online os tickets para o Top Of The Rock, do Rockfeller Center em NY tb tem essa boiada. Eu comprei e depois te conto se funciona mesmo.
Em todo o caso, sem compra por esse site:
http://www.topoftherocknyc.com/

André Lot
André LotPermalinkResponder

Eu recomendo fortemente trocar o Empire State pelo Top of The Rock! Além de a fila ser menor e o preço também, o local parece mais acholhedor para gastar um tempo tirando fotos. Como é mais ao norte que o Empire State, tem-se uma vista estupenda do Central Park. A muvuca é bem menor, também, e o deck de observação maior. Recomendo fortemente!

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Fora que dá para ver o próprio Empire de lá, o que é bacana.

Alex Melo
Alex MeloPermalinkResponder

Eu sei que se conseguir meu visto, pretendo ir é nos 2. Afinal, independente da fila, vai saber quando volto wink

Natalie
NataliePermalinkResponder

Paula,
dá pra furar a fila do Top of the rock tranquilamente sim. Nós compramos esse ticket pela internet e subimos direto pra fila da segurança. Foi super tranquilo. smile

Alessandro A.
Alessandro A.PermalinkResponder

Riq, complementando suas excelentes dicas, deixo aqui mais uma:

Acabei de voltar de Atenas e para visitar o novo Museu da Acrópole é possível fazer reserva pela internet e garantir uma fila menor, apesar de não ser tão grande assim. Site: http://www.theacropolismuseum.gr/

Emília
EmíliaPermalinkResponder

E aí, Alessandro, o que achou do museu? Fui um pouco antes de inaugurar e fiquei curiosa...o projeto parecia lindíssimo.

Alessandro A.
Alessandro A.PermalinkResponder

Emília, o museu é muito interessante. Tudo é lindo e o prédio moderno torna tudo mais bonito ainda. Ficou show!!!
Além disso, é muito barato: €1.
Se quiser ver as fotos, já fiz um post no meu blog: http://wazari.wordpress.com/2009/07/20/atenas-museu-da-acropole/

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Esta semana saiu uma tira com este assunto , assinado por ti , no O SUL .

Laura
LauraPermalinkResponder

No Versalhes também se pode comprar o bilhete nas máquinas de autoatendimento. Só precisa de cartão de crédito internacional. Não sei se por desconhecimento, mas não tinha ninguém quando comprei o meu.

Laura
LauraPermalinkResponder

ops.. no Louvre, não no Versalhes.

Ricardo Pimenta

É em Versailles mesmo... Lá tem tem uma casinha do lado esquerdo antes de chegar à entrada do Palácio. Lá só se pode comprar por cartão em máquinas automáticas. Há monitores para auxiliar e as filas são bem menores.

Gabriel
GabrielPermalinkResponder

O Museu Van Gogh, em Amsterdã, tem a mesma barbada: http://www.vangoghmuseum.nl/

Fiquei um tempão na fila morrendo de inveja do pessoal que tinha sido mais inteligente que eu.

Danielle Castro

Gente, nessa segunda ida a NY, optamos pelo Top of the Rock e não nos arrependemos. Pegamos um por-do-sol maravilhoso, com vista linda do Central Park e com a objetiva, ainda conseguimos uma foto da Estátua da Liberdade ! Uma beleza ! Fora que consegue-se ver o jogo de luzes do Empire State, que também dão belíssimas fotos ! Eu recomendo !

Leila Azevedo
Leila AzevedoPermalinkResponder

Londres:
- para não entrar na fila da Torre de Londres, comprar o London Pass, entra por um portão diferente
- comprando ingresso conjunto de Madame Tussaud e da Loondon Eye vc se livra das filas e ainda paga menos
Amsterdam - Casa de Anne Frank - comprando pela internet vc se livra de uma fila enorme

Denise Mustafa

So um adendo: No Uffizzi agora tem que pagar os 10 euros do bilhete completo, que inclui a exposicao temporaria. Eles nao estao deixando comprar so o bilhete da exposicao normal pq pra sair do Museu tem que passar pela temporaria. Vale a mesma coisa pra Accademia (a exposicao temporaria, do Robert Mappletthorpe, ta misturada com a oficial, entao tem que pagar o bilhete inteiro). E se for reservar por telefone nao liguem aos domingos: o sistema nao funciona dia de domingo! Mas vale super a pena... eu nao reservei exatamente por causa desse problema do domingo (tentei mas nao dava) e passei 1h30min na fila... O que se pode fazer tb eh: se enfrentar a fila do Uffizi pode-se comprar ja o bilhete pra Accademia por la. E ai so enfrenta uma fila!
(desculpem a falta de acentos.. estou num pc que o teclado esta desconfigurado)

Sílvia Soares

Na London Eye, dá pra comprar um fast track na internet, que sempre tem preços promocionais.

http://www.londoneye.com/

Joao Barcelos
Joao BarcelosPermalinkResponder

Pessoal,
sou muito adepto desses passes. Em Paris, usei o Museum Pass e valeu cada centavo: não só pelas filas, mas porque as coisas acabam saindo mais baratas mesmo.
Em NYC, usei o NY CIty Pass. Na época paguei 68 dolares (hoje está 79): c tem direito ao Empire state, museu de historia natural, MoMA, Met, Guggenheim e ainda a um tour de barco pelo sul da ilha. Vale cada centavo. E o melhor é que não tem período, na verdadeele é um bloco com vários vouchers que você usa dentro de 1 ano, se não me engano. Quando comprei, tinha sobrado o Guggenheim. Voltei alguns meses mais tarde e usei!!
abs,

Augusto
AugustoPermalinkResponder

Uma maneira mais econômica de não passar tanto tempo na fila da Torre Eiffel é subir os dois primeiros andares de escada. São cerca de 600 degraus, mas não é necessário ser atleta. Subi com meus dois filhos de 8 e 10 anos sem problemas.
Ao chegar ao segundo andar pode-se pegar o elevador para o terceiro andar. Basta comprar mais um ticket. A conexão do segundo para o terceiro andar é independente.
Os turistas que chegam ao segundo andar por elevador são obrigados a desembarcar. Passeiam um pouco e entram em uma nova fila para pegar o elevador para o terceiro andar, compartilhada por todos que chegaram ao segundo andar, independente se por elevador ou por escadas.
Não aconselharia a pessoas com problemas no joelho ou com doenças cardíacas.

Zé
PermalinkResponder

Puxa, este post tá ficando ótimo! Informações muito úteis de tudo quanto é lado grin

Ricardo Freire

Orgulhe-se! Foi você que começou o trend aqui no blog, lembra?

Zé
PermalinkResponder

Lembro sim, Riq! E tenho muito orgulho por isso! Mas só que agora minhas dicas já estão um pouquinho caducas, desatualizadas, hehe. Mas se tudo der certo, ano que vem volto à ativa (pé na estrada) e volto a contribuir com dicas novas (pretensão minha, huh? Não tenho mais cacife pra competir com os Trips novos que, por sinal, estão mandando muito bem. Mas tudo bem, mesmo que eu não tenha nada pra dizer ou acrescentar, continuo voltando aqui, sempre, pra fazer uma baguncinha, hehe. Afinal, eu virei um asset seu e vai ser difícil de você se livrar de mim lol lol lol

Marilia Pierre

Eu segui as dicas do Zé ao pé da letra
sem filas em Veneza:
-ingressos antecipados pela internet para o tour secreto dos dodges no Palácio Ducale;
-e furei a maior fila da minha vida em pleno domingo ensolarado na porta da Basílica de San Marco, foi só reservar o horário, sem custos
eternamente grata Zé

Fabio Lima
Fabio LimaPermalinkResponder

Vou ficar 1 tarde + 2 dias inteiros + 1 manhã em Amsterdã. Considerando as observações do Riq, acho que o I amsterdam card não é uma boa opção para mim pelo tempo da minha estada.

Não sei se daria tempo para fazer, de forma avulsa e de maneira civilizada ("não-maratonística"): Anne Frank, Van Gogh, Rembrandt e Rijksmuseum. Se acharem que dá, ótimo. Mas se for para cortar um deles, qual seria?
(Vejam se esse raciocínio tem lógica: se há algumas obras interessantes de Rembrandt no Rijksmuseum, o museu que leva o nome do primeiro poderia ficar para uma segunda oportunidade, não?)

Não comprei ainda, mas lá vai onde se encontra tickets online para:

Rijksmuseum
http://ticketing2.wheretocard.nl/rijksmuseum/ctrl/orderentry?language=en

Rembrandt
http://www.rembrandthuis.nl/2004/ticket_02_en.html

abs!

Ricardo Freire

Fabio, os dois museus que demandam tempo e atenção são o Van Gogh e o Rijks. Faça um deles por dia.

As demais atrações cobertas pelo I amsterdam Card não demandam tanto tempo e podem ser tranqüila e prazerosamente encaixadas no seu roteiro pela cidade. O museu Rembrandt é a casa dele; vale como uma oportunidade de entrar numa casa mantida como há três séculos. A Sinagoga Portuguesa vale a entrada, assim como a Nieuwe Kerk e a Oude Kerk -- talvez você acabasse não entrando em nada disso se não fosse o passe.

O passe também inclui um passeiozinho-padrão de barco (mas nesse quesito há outros melhores) e transporte público pela duração do passe.

Eu compraria um passe de 48 horas (que começam a valer, de forma corrida, a partir do primeiro uso) e marcaria a casa de Anne Frank (que não está coberta) para antes ou depois da validade do passe.

Fabio
FabioPermalinkResponder

Valeu Riq!
Como Amsterdam ainda têm bicicletas, bateção de perna, coffeshop, red district, vondenpark, etc, estava achando que fazer 5 ou 6 museus no tempo que falei poderia ser muito corrido. Vou analisar melhor a possibilidade do I amsterdam card.
Obrigadão!

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Riq, vale um fuja-da-fila brazuca? Não me lembro de já ter visto essa dica aqui.

O trenzinho do Corcovado pode ser adquirido via web, no site www.corcovado.com.br, que te direciona para o http://www.ticketronic.com.br. Não é a melhor das ferramentas, o site é meio confuso e eles não emitem o ticket online, e sim entregam no endereço que vc fornecer - em no mínino 7 dias! Deve ser bom de usar durante o verão, quando vc tem duas certezas: que o tempo vai estar bom qualquer dia, e que as filas estarão quilométricas.

Agora em julho as filas estavam enormes, mas o tempo está horrível e não dá pra arriscar comprar com essa antecedência toda. E a fila semana passada, por volta das 13h, estava demorando 1 hora, pra você poder comprar o ticket pra 1h30min depois - 2h30 de espera, ninguém merece....

Continuo na espera de um fim de semana bonito para enfrentar a fila, agora sabendo que vou levar um livrinho pra me acompanhar!

Paulo Oliveira

Riq, acompanho silenciosamente seu blog desde tempos jurássicos... agora aqui e tb no twitter. Muito obrigado pelas inúmeras dicas que eu já aproveitei por aqui!
Então... estou indo pra Roma mês que vem e fiquei curioso: será que se eu comprar o RomaPass já no aeroporto, eu já posso usá-lo para não pagar o trem até a Termini?
abs

Ricardo Freire

Paulo, eu recomendo comprar o Roma Pass já no aeroporto para não precisar procurar um posto de turismo no centro histórico (caso esteja em falta no aeroporto, porém, o mais central é um ao lado da piazza Navona).

Mas infelizmente o passe não é válido no trem, não. Você só consegue usar o passe de transporte público nos ônibus e metrô.

Doug
DougPermalinkResponder

oi...para a ultima ceio em milao o site esta dizendo q esta suspenso as vendas....se for direto la eu entro?? ou so pela internet mesmo q consigo ingresso???

Ricardo Freire

Pelo que eu saiba, pelo preço oficial só pela internet mesmo, ou por telefone, com o próprio Cenacolo.

Se eles suspenderam as vendas, ou estão com problemas técnicos ou estão já vendidos por muito tempo. Dá pra tentar comprar via o hotel em que você estará hospedado, mas saiba que vai ter um sobrepreço salgado.

Doug
DougPermalinkResponder

entao ricardo, mas me tira uma duvida, mesmo eu nao comprando pela net na hora posso comprar la numa bilheteria mesmo....e quais outros museus na italia preciso reservar ou comprar antes pela net os ingressos...vou em milao, veneza, florenca e roma...valeu pelas dicas....ah o q vc indica de guia de viagem...valeu

Ricardo Freire

A Última Ceia não dá pra comprar na hora, não. Tem que ser pela internet ou telefone, e com a maior antecedência possível (três meses é ideal).

Os outros que devem ser comprados antecipadamente são a Uffizi e Accademia em Florença e o Vaticano em Roma.

Para cobrir a Itália inteira, em português, leve um guia visual da Folha.

flavia morozetti

Finalmente consegui comprar meu ingresso pra Uffizi , para setembro. Eles dizem no site que aceitam mastercard, mas eu ja tinha tentado o meu e o da minha irmã e nao tinha conseguido. Só consegui com o Visa do meu marido. Agora estou na duvida. O mais cedo que eu consegui foi 15:45 hs. Será que vai dar pra ver tudo sem correria? Se não me engano o museu fecha as 19 hs...

Doug
DougPermalinkResponder

ah valeu mesmo pelas dicas nem sabia disso....como so vou em março ainda estou com tempo para isso....entao compro tudo pelos sites dos proprios museus....vc teria os sites ai corretos, para eu nao comprar coisa errada....minha 1º vez na Italia, estou meio perdido com isso...quando fui para Paris nao tive problema nenhum la em museu, inclusive entrei no louvre em menos de 10 min, entrei pela entrada do metro e foi uma maravilha....valeu de novo

Ricardo Freire

Os links estão certos e atualizados aí no post.

O Cenacolo Vinciano deve estar de férias... agosto na Itália é broca.

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Riq não sei quanto ao Orsay e Louvre, porque nós entramos tarde e não tinha fila, mas no Palácio de Versalhes tenho uma má notícia... não tem mais aquela parte separada para quem tiver o Paris Museum Pass entrar direto. Perguntei a todos da parte de informações, tirei foto para te mostrar depois... tudo agora é uma fila só. A nossa sorte é q estava pequena (meia hora a 45 min). Inclusive quero comentar com vc sobre isto depois. Tivemos poucas filas na Europa toda. Acho q é ainda reflexo da crise. E para quem vai em agosto e setembro para Paris, Lisboa ou Roma (principalmente)um aviso: chapeu (ou bone) roupa leve, muita água e protetor solar. O calor está impossível. Só em Versalhes tinha mais de 3 ambulancias atendendo casos de desmaios por causa do calor....

Ricardo Freire

Você precisou enfrentar a fila da bilheteria?

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Não. Isso realmente vale não só para Paris como para Roma. Quando vi a fila do Coliseo quase ajoelhei agradecendo pelo meu passe. Mas numa foto antiga sobre Versalhes mostrava uma entrada separada para entrar direto com o pass.Isso não rolou.

Ricardo Freire

Encontrei no site do Paris Museum Pass a seguinte informação:
Priority access with the PARIS MUSEUM PASS could be interrupted during short periods for security reasons. Thank you for your understanding.

De repente deve ser isso. Mas não passar pela fila da bilheteria já é um negócio e tanto...

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Não entendi bem...em Paris e Roma pegou muita ou pouca fila?

Monica
MonicaPermalinkResponder

Oi Ricardo, td bem? To querendo viajar por 4 dias agora em set ou out com uma amiga. Somos solteiras e heterossexuais e gostaria de saber onde vc nos recomendaria para irmos. As possibilidades sao o Breezes do sauípe, jericoacoara Ou Arraial däjuda.

Comprei seu livro das 100 praias e amei. Sempre acompanho seu blog e os artigos da revista.

Bjs e obrigada

Ricardo Freire

Jeri vai estar mais animada e com tempo firmíssimo. Eu adoro Arraial mas o tempo é imprevisível. Breezes e resorts em geral funcionam para famílias.

Eduardo T
Eduardo TPermalinkResponder

Ricardo, o Vaticano fecha na eopoca das festas? Vejo que so tem reservas ate dia 18 de dezembro!

Ricardo Freire

Não. Aqui estão as datas: http://mv.vatican.va/3_EN/pages/z-Info/MV_Info_Orari.html

Em dezembro o Vaticano fecha dia 8, 25 e 26. (Ops: e aos domingos, como lembrou a Luisa logo abaixo.)

De duas uma: ou há um limite de 60 dias de antecedência para venda de ingressos, ou os ingressos depois do dia 19 estão esgotados.

Volte amanhã para ver se o dia 19 já está disponível...

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Eduardo T.

Em dezembro, segundo o calendario oficial, os museus do Vaticano fecham so no dia 08 (Sant'Ambrogio), dia 25 (Natal) e dia 26 (Santo Stefano). Ah, e nos domingos, como sempre.

http://mv.vatican.va/2_IT/pages/z-Info/MV_Info_Calendario.html

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Ops, Riq
Desculpae. Nao tinha visto que vc ja tinha respondido.
E corrigindo: Sant'Ambrogio è em Milao. eekops:

Ricardo Freire

Hehe, no Vaticano acho que é por Nossa Senhora, mesmo smile

Douglas
DouglasPermalinkResponder

oi....alguem pode me ajudar....to tentando comprar o ingresso para A Ultima ceia em Milao...mas o site nao existe...nao ebre, sei lá....tem outro jeito de comprar???

Ricardo Freire

http://www.cenacolovinciano.net . Abre sim. (Desculpe, o link estava errado. Corrigi.)

Douglas
DouglasPermalinkResponder

valeu Riq....por esse Vivaticket eu tinha conseguido, porem nao esta dispovinel para comprar para os proximos meses...vou em maio e ja queria reservar o meu logo....sera q nao consigo mais pelo site....mas se deixar para o dia acho q nao consigo tbm.!!

Ricardo Freire

Será que não tem uma janela de 90 dias? Pode ser isso.

Douglas
DouglasPermalinkResponder

Riq, será q é seguro comprar por esse site aqui, vc conhece: http://www.tickitaly.com , pq nele tem o ingresso da Ultima Ceia, mais caro q no site q vc indicou, porem la nunca esta disponivel...o cara do hotel q eu reservei me disse q esta dificil mesmo comprar pelo site...q é melhor por agencia de turismo la, mas tenho medo de nao conseguir no dia...e so vou ficar 1 dia em milao....inclusive nesse site ai tem ingressos para varios museus e lugares da italia...valeu abs

Ricardo Freire

Uma busca na internet traz poucas queixas, e em algumas delas evidencia-se a desatenção dos clientes.

Imprima todos os emails e leve todos os códigos de confirmação com você.

Luisa
LuisaPermalinkResponder

Douglas, infelizmente essas agencias de turismo e sites de revenda compram a maior parte dos bilhetes para a Ultima Ceia e deixam os turistas independentes sem opçoes.

Jà usei o tickitaly.com e nao tive problemas. Eles me mandaram um voucher por email, daì è sò imprimir e aparecer na Ultima Ceia com antecedencia para retirar os ingressos. Nao precisa de muita antecedencia, apenas o suficiente para lidar com alguma fila e/ou mà vontade das atendenttes do balcao que podem te fazer perder tempo e consequentemente perder o horario da visita.

Tem uma agencia de turismo em Milao, chamada Zani que vende o tour completo pela cidade + a Ultima Ceia e cobra (cobrava pelo menos, nao sei se subiu) 50 euros. Apesar de nao serem muito simpaticos, costumam cumprir o que prometem. Jà tentei negociar com eles para comprar sò os ingressos, mas nao teve conversa. È tudo ou nada: nem pagando os 50 euros para ter sò os ingressos eles me liberavam do tour!

Douglas
DouglasPermalinkResponder

Riq e Luisa, valeu pelas dicas e auxilios....acho q vou acabar pagando mais caro mesmo e comprando pelo site dessa ticktitaly...pois o q eu queria mais ver em Milao é a Ultima Ceia....o resto nem to tao empolgado de ver....

Desculpa o off topic aqui, mas eu consigo comprar todos os bilhetes de trem quando eu chegar na primeira cidade da Italia (Milao)....consigo ir na maquina de vendas e comprar para todas as cidades que eu vou...ai é so validar o bilhete entes de entrar no trem, é isso mesmo?? grato

Ricardo Freire

Sim. Mas eu preferiria ir no guichê; achei a maquininha troppo complicada.

Se você tem Visa Travel Money, tente comprar com ele no trenitalia.com. Tem gente que não consegue comprar com cartão que consegue com VTM.

Douglas
DouglasPermalinkResponder

Riq, consegui comprar para os dois de Florença, sem probelmas nenhum....mas da Ultima Ceia nada mesmo...mandei e-mail para o hotel que reservei e eles me informaram que as agencias de turismo de lá compram todos, antes mesmo de dar disponibilidade no site...ai vendem pelo dobro...ele me indicou uma agencia q esta pedindo Euro 18,00 por ingresso, sendo q no site do cenacolo esta euro 8,00.....isso me cheira cambista de final de campeonato de futebol...hehehe

Ricardo Freire

Se o ingresso for quente, não está caro.

Cecilia
CeciliaPermalinkResponder

Não sei se já foi comentado aqui, mas outra forma de não ficar em filas e não pagar ingressos em Nova York é ser funcionário das empresas que patrocinam os museus públicos. Você se dirige ao setor de Members , apresenta o seu crachá de identificação ( pode ser de qualquer país) , recebe ingressos para você e sua família e não precisa ficar na fila.
É totalmente legal e vale para o MOMA, História Natural ( onde você só paga pelas exposições extras ) e Metropolitan.
Acabamos de usar e valeu muito a pena, pois além da economia, a fila no MOMA para a exposição do Tim Burton era enorme!

DanielaCP
DanielaCPPermalinkResponder

Oi, gente,
Pôxa, fiquei preocupada agora.
Tentei comprar essa semana (10 março) os ingressos dos museus de Florença para final de abril e não consegui mais.
Cara, to pensando em fazer o seguinte: acordar mega cedo, e já ir para a fila às 8h da matina. É mto loucura??? Tenho pouco tempo em Florença, inclusive uma segunda-feira (q os museus estão fechados) e tenho medo de perder tempo com filas.
Obrigada!!

Alessandra Fiorini

Daniela
Eu fui em junho de 2009, verão, e a fila para o Uffizzi e para a Accademia estava gigantesca, mas gigantesca MESMO. Eu sou paranóica com fila, então acho que vc deve ir cedo sim.
Só queria ressaltar que comprar com antecedência vale muito a pena, em Florença vc apresenta seu voucher em uma das portas do Museu e depois vai para uma entrada especial, separada completamente da muvuca.
A única coisa chata que vi foi um grupo de estudantes que aproveitavam quando as portas de saída se abriam e entravam por lá, e não tinha segurança nestas saídas. Muito feio.

Denise Mustafa

a fila é GIGANTESCA, como já disse a Alessandra. Vc espera, no mínimo, 2h. Compre pela internet. Tem uma taxa pela compra on-line, mas se seu tempo está suuuper corrido vale a pena!

Carlos
CarlosPermalinkResponder

Socorro, pessoal. Quem pode me dar a dica para conseguir entradas para Alhambra. É que tentei reservar para o dia 29 deste mês e não consegui, pois havia acabado. E agora? Sem reserva prévia não terei como comprá-las? Obrigado,
Carlos

PêEsse
PêEssePermalinkResponder

Deixei minha experiência com a compra antecipada de ingressos para os Museus do Vaticano lá no post genérico sobre roma, em https://www.viajenaviagem.com/europa/roma-ricardo-freire/#comment-66547

marly helena
marly helenaPermalinkResponder

Gente, chego em Paris dia 26 de abril e fico só até dia 30. Adoraria conhecer Versalhes e claro passar pelo Louvre. Sei que [e pouquissimo tempo. Vale a pena comprar o passe para dois dias....aqui no Brasil.... Obrigada pela resposta. Vou fazer Amsterdan, Bruges, Paris, eurostar (já tenho a passagem) e Londres. è a primeira viagem para a Europa. Quem puder me ajudar, agradeço.

Camila
CamilaPermalinkResponder

Riq,
Estou comprando os ingressos pra Accademia e pra Uffizi, em Florença, mas não entendi os preços. Tá escrito assim no site:

Full price: €6.50
Reduced: €3.25
In conjunction with the exhibit “Splendour and Reason”, full ticket price € 10,00, reduced € 5,00.
Reservations
Booking fee: € 4,00.

Posso pegar alguma destas tarifas mais baratas?

Obrigada,
Camila

Ricardo Freire

Reduced é pra quem tem carteira de estudante européia ou idosos.

Denise Mustafa

em julho, esse preço de 6,50 sobe pra 10 euros.
Pelo menos foi assim no ano passado. O preço some na alta temporada.

Denise Mustafa

em some leia-se SOBE.

Fabio Lima
Fabio LimaPermalinkResponder

Riq,

Como não vi Madri nem Barcelona no texto "fura-fila legalmente", queria saber se, em julho, é bom também já garantir pela internet entradas para Museu do Prado, Reina Sofia, Santiago Bernabéu e para as atrações de Barcelona, incluindo o Camp Nou.

Nem digo os passes, que você já disse que, em Madri, não vale a pena, mas compras avulsas mesmo. É bom garantir algumas atrações dessas cidades pela web?

abs,
Fabio

Ricardo Freire

Disso tudo só dá pra comprar o Bernabéu. (O Camp Nou eu não pesquisei, pode ser que sim.)

Rafael
RafaelPermalinkResponder

Como possa chegar a Lourdes-Fr saindo de Madrid em transportes coletivos?

Ricardo Freire

Rapaz... Lourdes é um lugar bem difícil de chegar por conta própria. É mais aconselhável ir em algum tour religioso organizado.

De Madri o jeito menos complicado de ir por conta própria é pegar um trem às 22h30 na estação Chamartín, descer em Valladolid à 1h20 da madrugada, pegar novo trem em Valladolid às 1h54, descer em Hendaye às 7h10 e pegar um terceiro trem às 7h45 que chega a Lourdes às 10h10.

O aeroporto mais próximo é Toulouse. De lá se chega em 2 horas a Lourdes, de trem ou de ônibus. Tente comprar a passagem aérea até Toulouse.

Mayara
MayaraPermalinkResponder

Ricardo,

no post vc diz que tem ver se vale a pena o London Pass, estava planejando em comprar, mas agora fiquei na dúvida!!
Pretendo visitar os seguintes atrativos: Parlamento, Abadia, JewelTower, London Eye, Palácio Buckingham, Sherlock Holmes Museum, Madame Tussauds, Catedral St Paul, Globe Theatre, Tate Modern,Torre de Londres, Tower Bridge, Estádio do Chelsea, Museu de historia natural e Kensigton palace e Estádio de Wimbledon.

Vc acha que vale a pena comprar o London Pass??

Obrigada!!!

Cinthya Rachel

Fui agora a NY e comprei o Top of the Rock na hora, sem fila, sem stress, o melhor é q vc pode ficar qto tempo quiser, ver o por do sol e as luzes se acendendo. Se comprar junto com o MOMA tem desconto. A vista é linda, tem fotos e videos aqui http://cinthyarachel.com/?p=650

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Uma dica legal pra quem quer ir ao Coliseu sem filas é ir antes ao Palatino antes, onde há bem menos fila e comprar o ingresso conjugado: Palatino + Coliseo (sai 12 EU). Depois você pode visitar o Coliseu e pegar uma fila bem menor pra quem já tem ingresso.
Não sei se alguém já havia postado esse dica aqui, mas sempre vale a pena.

Denise Mustafa

Verdade, Paulinha. A fila do Palatino é sempre menor!

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Acho que peguei essa dica por aqui sim...mas o que fez realmente diferença foi o horário...pois indo ao Palatino primeiro vc acaba deixando o Coliseu pra depois e assim ele vai estar bem mais vazio (consequentemente menos filas)
Alias percebi isso para todas as atracões em Roma...quanto mais tarde melhor

Marcos Koga
Marcos KogaPermalinkResponder

valeu Riq, grande dica.
seu site é sensacional.

abs.

Marcos Koga
Marcos KogaPermalinkResponder

E nao se já está por aí mas só pra constar comprei o ticket pra torre eiffel por aqui online toureiffel.fr

abs

Ricardo Freire

Uia! Essa é NOVA! Vou fazer um post, obrigado.

Regis
RegisPermalinkResponder

Acho que vale citar também os tours guiados do Bundestag. Além de grátis, são excelentes para furar a fila para conhecer a cúpula envidraçada. Eu enviei o e-mail para o serviço de assistência do parlamento e recebi uma rápida e educada resposta, com a data da minha visita. Mais informações no site http://www.bundestag.de/htdocs_e/visits/infohinw.html

Cinthya Rachel

Notei que todo mundo só falou dos meses de verão, e no inverno na Europa, as filas continuam imensas? Mesmo em janeiro é preciso comprar com antecedência? E é sempre bom calcular o ingresso das atrações que vc quer ver, pq às vezes o passe só vale a pena pra quem quiser visitar muuuuuita coisa.

Viaje na Viagem

Inverno tem menos filas, mas em lugares como Florença e Vaticano é bom reservar.

Cinthya Rachel

obrigada!

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Em dezembro passado fui à Europa (com o roteiro feito aqui, claro!). Comprei os ingressos pela internet para o Vaticano e para os museus em Florença. O Vaticano foi fundamental. Nem acreditei quando passei de toda aquela fila enoooorme e entrei direto. Acho que eu teria desistido se tivesse que ficar na fila. Em Florença não havia filas na Uffizi nem na Accademia. Comprar pela internet não fez diferença no dia que eu visiteis os museus. Boa sorte!!!

Cinthya Rachel

obrigada Georgia! Eu vou ficar vários dias em cada cidade e a princípio não queria reservar e calhar de ser um dia bonito, imagina, passar o unico dia de sol no inverno de Paris dentro de museu? Minha amiga foi agora pra Roma e deu uma dica ótima do Vaticano, comprar num guichê ao lado um ingresso para grupo, marca hora, se encontra, acho q é so 5 euros a mais e não pega fila, vou ver com ela. Beijos

Georgia
GeorgiaPermalinkResponder

Cinthya
Entendo a sua preocupação em não engessar o programa e compartilho mesmo dessa premissa. Mas só pra te tranquilizar com relação aos dias de inverno. Já fui 2 vezes à Europa no inverno, totalizando uns 32 dias. Desses dias só peguei um dia de chuva em Roma. Todos os outros dias foram lindos! Sobre a dica do Vaticano de comprar o ingresso para grupos, tb é uma opção. A taxa de 5 euros vai existir de qualquer forma. Se reservar pela internet, também. Boa viagem pra vc!

Cinthya Rachel

Obrigada pela atenção, Georgia! Eu vou ficar 20 dias com meu marido, é nossa primeira viagem pra Europa, iremos para Paris, Lausanne (Suiça), Florença e Roma. Vou ver se reservo pelo menos o Vaticano e alguma coisa em Florença, e também pretendo sair daqui com todos os trechos de trem entre as grandes cidades já comprados e pagos, mas sempre deixo um espaço aberto para o improviso. Um beijo

Carlos A. Ranzani

Com estas novas reformas no seu site, que no geral estou achando otimas, as vezes fico meio perdido onde colocar alguns comentarios, assim se este estiver mal colocado, me avise....
Mas o motivo do comentário é para fazer um grande agradecimento a todos os trips, ao Ricardo e em especial ao PêEsse.
Agora em julho passado, fizemos uma sensacional viagem para Portugal( 10 dias) e Italia ( 20 dias). Fomos eu, minha esposa, meu filho de 10 anos e meus pais ( ele com 84 anos e ela com 79 anos) e todo o roteiro e a logistica foi feita com dicas daqui, ate o bate e volta Roma --> Pompeia ensinada pelo Riq ( PERFEITO).
Tudo foi otimo, uma delicia, perfeito e embora tenhamos andado muito, meus pais deram conta do recado em tudo, graças as boas dicas de vcs.....muitissimo obrigado.
Agora a dica do PêEsse, apresentada em 09 de abril, aqui.....foi SENSACIONAL.

Ricardo Freire

Obrigadão pelo fidibeque, Carlos!

Carlos A. Ranzani

Completando o comentário acima.....ver a Capela Sistina com apenas 10 a 20 pessoas la dentro....não tem preço, podem fazer que vale muito a pena. Ficamos mais de uma hora la dentro, curtindo, admirando tudo aquilo, vendo detalhes e no maior sossego. Muito obrigado ao PêEsse !!
As dicas e informações da Patricia, do Turomaquia, sobre Portugal tb foram de grande valia.....são otimas, apoio e assino embaixo.
Por estas e por muitas outras que cada vez mais volto aqui, agora com o novo Perguntódro me sentindo mais a vontade de opiniar e tb ajudar e poder retribuir o que aqui tenho recebido.
Muitisssimo obrigado ao Riq e a esta explendida trip
Carlos

NINA
NINAPermalinkResponder

OLÁ QUERIA SABER DE VOCE , VOU PARA MADRI,BARCELONA,ROMA,VENEZA,FLORENÇA,PISA,VERSALHES E PARIS PELA CVC EUROPAMUNDO PELA PRIMEIRA VEZ , DIA 23 DE SET , QUERIA SABER SE A EUROPAMUNDO COMPRA ESSES INGRESSOS E NOS REPASSA AO GRUPO OU TEMOS QUE COMPRAR INDIVIDUALMENTE ? POIS NÃO RECEBI NENHUM ESCLARECIMENTO DE QUEM VENDE PACOTE (CVC)E FIQUEI PREOCUPADA , TENHO POUCO TEMPO EM CADA CIDADE , POIS SÓ CITEI AS CIDADES MAIS BADALADAS..ME AJUDE E ME RESPONDA...OBRIGADO E PARABÉNS , ADOREI OS RELATOS E EXPERIÊNCIAS DE TODOS ...

Viaje na Viagem

Nunca escreva em maiúsculas na Internet. Maiúsculas = GRITAR.

Leia as letras miúdas do seu contrato e se não encontrar essa resposta pergunte à operadora.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar