Feriadões 2021

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Feriadões 2021 no Brasil: viagens sem aglomeração

2021 é mais um ano pródigo de feriadões. O quanto -- e como -- vamos aproveitar, no entanto, vai depender da evolução da pandemia e da vacinação. Mas é possível viajar com responsabilidade, usando máscara e fugindo das aglomerações. Programe-se a partir deste guia de feriadões 2021:

Tabela de Feriadões 2021

Feriadões 2021: o panorama do ano

2021 é um ano bastante proveitável para viajar em feriado. São pelo menos 9 feriadões emendáveis (em algumas cidades esse número pode chegar a 10 ou 11). A maior limitação é a pandemia, que requer cuidados dos viajantes (veja aqui) e não permite programar viagens internacionais.

Os únicos feriados nacionais desperdiçados são 21 de Abril (Tiradentes), que cai numa quarta, e 1º de Maio (Proclamação da República), que cai num sábado. (O 21 de Abril ainda pode virar um superferiadão no estado do Rio de Janeiro, onde 23 de Abril, sexta, é o feriado de São Jorge). Todos os outros feriadões caem em dias de semana.

Entre os feriados municipais/estaduais, este ano não será possível emendar o feriado da Consciência Negra (20 de Novembro), que cairá num sábado.

A melhor notícia é que a trinca de feriados que caem no mesmo dia do segundo semestre (7 de Setembro, 12 de Outubro e 2 de Novembro) este ano cairá na terça-feira, criando 3 feriadões de 4 dias. Até lá talvez já dê até para pensar em viagens internacionais.

Por enquanto não é recomendável programar viagens ao exterior, porque não temos como saber se as fronteiras estarão abertas (e os destinos, funcionando) na época da sua viagem. Quando as viagens ao exterior se regularizarem, vamos acrescentar as dicas de viagens internacionais possíveis em feriadão.

Feriados de 3 dias

Este é um ano com 5 feriadões nacionais de 3 dias -- os feriadões mais democráticos, porque você não precisa enforcar um dia útil para viajar.

No primeiro semestre, tem o 25 de janeiro, feriado na cidade de São Paulo (sábado a segunda, 23 a 25 de janeiro) e Páscoa (sexta a domingo, 2 a 4/abril).

No segundo semestre, os paulistas poderão aproveitar o feriado estadual de 9 de Julho (3 dias: sexta a domingo, 9 a 11/julho)

Brasileiros de todos os estados podem viajar na Proclamação da República (sábado a segunda, 13 a 15 de novembro), Natal (sexta a domingo, 24 a 26/dezembro) e Réveillon (sexta a domingo, 31 de dezembro a 2/janeiro).

Feriados de 4 dias

No primeiro semestre, todo mundo emenda o Carnaval (sábado a terça, 13 a 16/fevereiro).

Enforcando um dia, dá para viajar também em Corpus Christi (quinta a domingo, 3 a 6/junho).

No segundo semestre, a trinca de feriadões do mesmo dia cairão numa terça: 7 de Setembro (sábado a terça, 4 a 7/setembro), 12 de Outubro (sábado a tera, 9 a 12/outubro), Finados (sábado a terça, 30/outubro a 2/novembro)

Voltar | Topo

Como viajar na pandemia?

Enquanto a população brasileira não estiver vacinada contra a covid, a orientação para viagem é a mesma para quando você sai de casa na sua cidade: usar máscara e fugir das aglomerações.

É possível fugir de aglomerações durante viagens?

Sim, é possível. Mas a responsabilidade recai sobre o viajante. Cabe a cada um de nós evitar engrossar as aglomerações sem máscara que, infelizmente, têm sido a paisagem mais comum nos destinos turísticos.

Na praia, fique fora da área das barracas e quiosques, e você vai conseguir pegar sol e entrar no mar mantendo o distanciamento social.

Nos vilarejos turísticos, evite a "rua da muvuca", onde os jovens ficam bebendo na rua, em pé, sem máscara.

Escolha restaurantes com áreas ao ar livre ou com ambiente bastante ventilado, e vá em horários pouco frequentados. Um bom horário costuma ser entre 17h e 19h.

Vai viajar de avião? As aglomerações no aeroporto e dentro do avião são inevitáveis. Por isso, compre máscaras PFF2 (N95) certificadas pela Anvisa (boas marcas: 3M, DeltaPlus, Camper), que têm qualidade equivalente à hospitalar. Use uma novinha no voo da ida. Ao chegar ao destino, pendure a máscara numa área ventilada e sombreada, e você poderá usar a mesma máscara no voo de volta.

Atenção nas condições de remarcação e reembolso!

Devido à imprevisibilidade da pandemia, restrições de acesso ou de atividades podem ser impostas pelos destinos ou pelos estados.

Ao fazer sua reserva, verifique as condições de cancelamento, remarcação e reembolso.

Voltar | Topo

Destinos-curinga: funcionam em todos os feriadões

Alguns destinos não têm erro: podem ser curtidos em qualquer estação e têm como satisfazer o visitante em 3 ou 4 dias, mesmo vindo de longe.

Rio de Janeiro

Feriadões 2021 - Rio de Janeiro

Amanhecer em Copacabana

Em qualquer um dos feriadões 2021, o Rio de Janeiro é uma boa escolha.

Pode dar praia o ano inteiro. Mas se não der, não falta o que fazer pela cidade -- sobretudo para quem ainda não visitou as atrações pós-olímpicas, como o Museu do Amanhã, o AquaRio, o mural Etnias de Eduardo Kobra e a roda gigante Rio Star. A atrações tradicionais, como o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, estão com acesso mais organizado.

Onde ficar no Rio de Janeiro

Aproveite os hotéis novos ou reformados pré ou pós-Olimpíada, e também os hotéis próximos do metro.

A Bóia recomenda: hotéis no Rio de Janeiro para os feriadões 2021

A piscina mais panorâmica de Copacabana
Fairmont (preços mais encaráveis que os outros 5 estrelas)

O hotel mais cool do Rio no momento
Hotel Arpoador (o único pé-na-areia)

Para economizar no coração de Ipanema
Vermont (quartos OK, ótimo café da manhã)

Com metrô na porta

Caso vá se deslocar de metrô, use máscara PFF2/N95 certificada pela Anvisa, nova e bem-ajustada no rosto.

Atlântico Rio (econômico, metrô Cantagalo)
Best Western Copacabana Design (novo, metrô Cardeal Arcoverde)
Ibis Styles Botafogo (design, metrô Botafogo)

Design e bom preço no Centro
Selina Lapa Rio (hotel + hostel + co-work)

Para ir com crianças
Grand Hyatt (estilo resort, na Barra)

Voltar | Destinos-curinga | Topo

São Paulo

Feriadões 2021 - São Paulo

Masp, São Paulo

O melhor momento para curtir São Paulo é em feriados: a cidade fica mais gentil e perfeitamente navegável. Com trânsito fluido, as corridas de táxi ficam menos caras, e o transporte público se torna mais civilizado. O comércio sempre abre. Sem os viajantes a negócio, os hotéis baixam significativamente as tarifas nos feriados.

Nos feriadões 2021, aproveite que a Paulista se tornou uma Avenida dos Museus, com Instituto Moreira Salles, Masp, Japan House e Itaú Cultural para visitar. Com crianças, faça o circuito das atrações para os baixinhos, como o Museu do Futebol, o Catavento Cultural, o Parque da Mônica, o Kidzania, o Zoológico + Zoo Safári e o Aquário.

Onde ficar em São Paulo

Minha melhor dica é se hospedar na região da av. Paulista, entre Consolação e Augusta. Ali você estará bem posicionado para usufruir do melhor de São Paulo. Você vai a pé ao Masp, a lojas e restaurantes nos Jardins e à muvuca noturna do Baixo Augusta. Estará a corridas curtas de táxi do Museu do Futebol, do Beco do Batman, da Vila Madelena e ao Ibirapuera. E terá metrô à porta para ir ao Centro, à Liberdade e a Pinheiros.

A Bóia recomenda: hotéis em São Paulo para os feriadões 2021

Perto das estações Paulista e Consolação do metrô
Ibis São Paulo Paulista (na Paulista, renovado)
Intercity São Paulo Paulista (na Bela Cintra, do lado plano, confortável)
Meliá Paulista (na Paulista, confortável)
Ibis Budget Paulista (na Consolação, na porta do metrô, econômico)
Hotel Belas Artes (na quadra de trás da Paulista, confortável)

Entre a Paulista e o Centro, na rua mais LGBT de São Paulo (Frei Caneca):
Ibis Budget Frei Caneca (novo, econômico, perto do shopping)
Pergamon (renovado, já perto do Centro)

No bairro mais gostoso da cidade, Higienópolis:
Tryp Higienópolis (a 5 min. a pé do shopping e da Praça Vilaboim)

Para curtir a noite de Pinheiros e Vila Madalena
Guest Urban Pinheiros (design, sossegado)
Selina Madalena (hotel + hostel + bar + co-work)

Para explorar o novo Centro
Novotel Jaraguá (confortável, bom custo x benefício)
Nobile Downtown (em frente à Casa do Porco!)

O cinco estrelas mais divertido
Unique (extravagante e perto do Ibirapuera)

Voltar | Destinos-curinga | Topo

Foz do Iguaçu

Feriadões 2021 - Foz do Iguaçu

Foz do Iguaçu: passeio náutico

Nosso principal cartão-postal natural, Foz do Iguaçu é idealmente visitada em feriados de 4 dias. Mas com a fronteira argentina fechada por causa da pandemia, 3 dias dão certinho para visitar as Cataratas brasileiras, o Parque das Aves, Itaipu, o Templo Budista, o Marco das 3 Fronteiras e, caso queira, fazer compras no Paraguai.

Onde ficar em Foz do Iguaçu

Se você quer sair à noite e não se importa com piscina grande, escolha um hotel no Centro, onde estão os bares e restaurantes. Mas se você prefere um hotel estilo resort, jantando por lá mesmo, escolha um hotel na Avenida das Cataratas.

A Bóia recomenda: hotéis em Foz do Iguaçu para os feriadões 2021

No Centro
Ibis Foz do Iguaçu (no miolo mais animado, sem piscina)
Viale Tower (no miolo mais animado, com piscina)
Rafain Centro (perto de bons restaurantes)
Nadai Confort (confortável, com piscina, perto do shopping)
Bourbon Foz do Iguaçu (novo, com piscina, em frente ao shopping)
Ibis Budget (econômico, perto do shopping)
Tetris (hostel-design, perto de bons bares)

Na Avenida das Cataratas
Mabu (maior resort, parque aquático termal, Turma do Picapau Amarelo)
Bourbon Cataratas (resort, piscinas externa e coberta, Turma da Mônica)
Vivaz Cataratas (pequeno resort, com parque aquático não-termal que funciona de outubro a março)
Wish Foz do Iguaçu (pequeno resort, elegante, campo de golf)
San Martín (pequeno resort, muito verde, ao lado do Parque das Aves)

Dentro do parque nacional
Belmond Hotel das Cataratas (praticamente debruçado nas catatatas)

Voltar | Destinos-curinga | Topo

Bento Gonçalves

Bento Gonçalves

Pórtico de entrada, Bento Gonçalves

Enquanto a vizinha Gramado precisa de no mínimo um feriadão de 4 dias para ser explorada numa primeira viagem, Bento Gonçalves cabe confortavelmente também em feriadões de 3 dias, até para quem precisa se deslocar de cidades sem vôos diretos a Porto Alegre.

A maior atração de Bento são suas vinícolas, situadas em dois pontos separados pela área urbana da cidade.

No Vale dos Vinhedos estão vinícolas como a Miolo (a preferida dos passeios em grupo), a Casa Valduga (a mais completa, com passagem pelos vinhedos) e a Alma Única (vinícola-boutique).

Vinícola Miolo
  • Endereço: RS 444, km 21, Vale dos Vinhedos
  • Telefone: (54) 2101-1537
  • Visitas guiadas:
    • 2ª a sáb: 9h, 10h, 11h, 12h, 13h, 14h, 15h, 16h, 16h30
    • dom e feriado: 10h30, 11h30, 12h, 13h30, 14h30, 15h, 15h30
  • Ingresso:
    • Adultos: R$ 35 (com degustação)
    • 2 a 17 anos: R$ 15 (com suco de uva)
  • Site
Casa Valduga
  • Endereço: Via Trento, 2355, Vale dos Vinhedos
  • Telefone: (54) 2105-3154
  • Visitas guiadas:
    • 2ª a sáb: 9h30, 10h30, 11h30, 13h30, 14h30, 15h30, 16h30
    • dom e feriado: 9h30, 10h30, 11h30, 13h30, 14h30 e 15h30
  • Ingresso:
    • Adultos: R$ 50 (com degustação)
    • Até 17 anos: grátis (sem degustação)
  • Site
Vinícola Alma Única
  • Endereço: RS 444, km 17, Vale dos Vinhedos
  • WhatsApp: (54) 99930-8844
  • Degustações (sem visita):
    • 2ª a 6ª: 8h-17h30
    • sáb: 10h-17h30
    • dom e feriado: 10h-13h
    • Preço: R$ 50 a R$ 90, conforme a escolha
  • Visitas guiadas:
    • 2ª a sáb: 10h, 11h, 15h e 16h
    • Ingresso: grátis
  • Site

Na zona rural do município vizinho de Pinto Bandeira encontram-se a Cave Geisse (responsável pela valorização do espumante brasileiro), a elegante Don Giovanni e a familiar Val Marino.

Cave Geisse
  • Endereço: Linha Jansen, s/n, Pinto Bandeira
  • Telefone: (54) 99696-6791
  • Geisse Tasting (visita guiada com degustação)
    • 2ª a 6ª: 10h, 13h e 15h
    • sáb, dom e feriado: 10h, 12h, 14h e 16h
  • Ingresso:
    • Adultos: R$ (com degustação)
    • Até 17 anos: (sem degustação)
  • Reservas apenas pelo site
Don Giovanni
  • Endereço: Linha Amadeu, km 12, Pinto Bandeira
  • Telefone: (54) 99268-3899
  • Visitas guiadas:
    • 2ª a 6ª: 9h30, 10h30, 13h30, 14h30 e 15h30
    • sáb: 10h, 11h, 12h, 13h, 14h e 16h
    • dom: 9h30, 10h30 e 11h30
  • Ingresso:
    • Adultos: R$ 25 (com degustação)
    • Até 17 anos: grátis (sem degustação)
  • Reservas apenas no site
Valmarino
  • Endereço: Linha Jacinto Sul, s/n, Pinto Bandeira
  • Telefone: (54) 3452-2135
  • Degustação (sem visita):
    • 2ª a sáb: 9h-18h
    • dom e feriado: 10h-16h
  • Preço: R$ 25 a R$ 45, dependendo da escolha
  • site

Fora das vinícolas, o atividade mais popular é o passseio de Maria Fumaça entre Bento Gonçalves e Carlos Barbosa (ou na direção contrária) -- um trajeto de 90 minutos com direito a ótimos esquetes que se revezam entre os vagões, e uma parada para tomar espumante na estação de Garibaldi. O passeio inclui o transporte de ônibus entre Bento Gonçalves e Carlos Barbosa na ida ou na volta do passeio de trem.

Maria Fumaça
  • Saída: R. Visconde de São Gabriel, 507
  • Telefone: (54) 3455-2788
  • Horários:
    • 4ª, 6ª, sáb e dom: 10h e 14h
  • Ingresso:
    • A partir de 6 anos: R$ 119 a R$ 168
    • Até 5 anos: grátis
  • Site

Mas não saia de Bento sem fazer o circuito dos Caminhos de Pedra, em que cada parada funciona como um showroom de alguma tradição da Serra: tem a Casa do Tomate, o Parque da Ovelha, a Casa da Tecelagem, a Casa das Cucas, a Casa da Erva-Mate... Muitos restaurantes, funcionando em casas históricas, abrem para almoço. A maioria funciona no esquema rodízio; eu recomendo a Casa Vanni, que serve à la carte.
Casa Vanni | Estrada Caminhos de Pedra, 44 | Tel. (54) 3455-6383 | Aberto 12h-15h30 (fecha 4ª) | Instagram

Caminhos de Pedra
  • Local: ao longo da Linha Palmeiro
  • Telefone: (54) 3455-6333
  • Horários: diariamente 9h-17h
  • Ingresso: gratuito; algumas atividades, porém, são pagas
  • Site

E se quiser jantar no feriado no Valle Rústico, o restaurante do chef Rodrigo Bellora no Vale dos Vinhedos (mas já no território de Garibaldi), reserve com bastante antecedência.
Valle Rústico | Linha Marcílio Dias, s/n, Garibaldi | WhatsApp: (54) 98123-0080 | Instagram

Onde ficar em Bento Gonçalves

Sem carro, hospede-se no centro de Bento para ter melhor disponibilidade de transporte. Com carro, escolha um hotel ou pousada nas regiões vinícolas.

A Bóia recomenda: hotéis em Bento Gonçalves para os feriadões 2021

No Centro
Dall'Onder Grande Hotel (na rua do agito noturno)
Laghetto Viverone (perto de um pequeno shopping)
Dall'Onder Victoria (perto de um pequeno shopping)

No Vale dos Vinhedos
Vila Michelon (na entrada do circuito)
Spa do Vinho (vertical e rebuscado, bem no meio do vale)
Pousada Peculiare (algumas suítes têm vista para vinhedos)
→ Casa Valduga (pousada acoplada à vinícola)
→ Borghetto Sant'Ana (casas de pedra com vista para os vinhedos)

Em Pinto Bandeira e Caminhos de Pedra
Lote 20 (novinho, boutique)
Pousada Cantelli (numa casa de pedra)
→ Pousada Don Giovanni (romântica, acoplada à vinícola)

Vai precisar dormir em Porto Alegre?
Laghetto Viverone Moinhos (no melhor bairro, Moinhos de Vento)
Sheraton Porto Alegre (na rua mais animada dos Moinhos de Vento)
Quality Porto Alegre (em frente ao Parque Moinhos de Vento)
Master Cosmopolitan (bom custo x benefício nos Moinhos de Vento)
Ibis Porto Alegre Aeroporto (colado ao aeroporto e à locadora Movida)

Voltar | Destinos-curinga | Topo

Curitiba

Curitiba

Jardim Botânico

Curitiba é a mais turística das capitais que não têm praia. Seu elenco de parques -- cada um com uma atração especial -- está aberto todos os dias do ano, e é visitável com facilidade graças à Linha Turismo, o melhor ônibus hop-on hop-off do Brasil. O Museu Oscar Niemeyer é tão interessante por dentro quanto é por fora. E um circuito de feiras oferece programas para vários dias da semana.

O passeio de trem pela Serra do Mar é um dos mais bonitos do Brasil (compre com antecedência). Também dá para fazer um bate-volta ao Parque Nacional de Vila Velha, com belas formações geológicas.

Onde ficar em Curitiba

A localização mais interessante para aproveitar Curitiba é no charmoso bairro do Batel, que está perto do centro e é bem servido por restaurantes, bares e shoppings.

A Bóia recomenda: hotéis em Curitiba para feriadões os 2021

No Batel
Nomaa (boutique, no "Batel Soho", o filé do Batel)
Transamérica Curitiba (profissa, renovado)
Quality Curitiba (na bela praça Japão)
Slaviero Full Jazz (moderninho, bons preços)
Ibis Batel (o Ibis mais bem-localizado)

Voltar | Destinos-curinga | Topo

17 comentários

Marcio
MarcioPermalinkResponder

Boa noite. Poderia esclarecer quanto à questão do pagamento de hotel em Buenos Aires, que vc refere um aumento de 30% quando paga com cartão? Pq pelo que entendo da medida, esta visa fomentar tb o turismo interno na Argentina, ou seja, esses 30% seriam somente para compras em dólar efetuadas pelos argentinos no EXTERIOR. Neste caso, não haveria a sobretaxa quando eu (brasileiro) gasto com cartão brasileiro na Argentina, devendo pagar somente os 6,38 de IOF. Aguardo resposta e obrigado!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcio! Esses 30% não são uma taxa cobrada pelos cartões brasileiros. Esses 30% são o que você perde ao não trocar seus dólares no câmbio paralelo. Como o cartão cobra pelo câmbio oficial, em que o peso está mais valorizado, a gente acaba perdendo.

Hoje o dólar oficial vale 58 pesos argentinos. No paralelo, vale 80 pesos argentinos.

Uma conta de 5.800 pesos será cobrada no seu cartão como 100 dólares.

Mas se você trocar esses 100 dólares no câmbio paralelo, pode receber até 8.000 pesos. Dá para pagar a conta de 5.800 pesos e ainda sobrariam 2.200 pesos.

Marcio
MarcioPermalinkResponder

Puxa vida! Excelente esclarecimento! Só mais dois questionamentos:
1) Será que vale a pena trocar meus reais por dólares no Brasil para depois trocar por pesos no dólar blue?
1) Onde eu troco esses dólares ou reais no paralelo em BSAS (chego 18h da quinta feira santa 09/04) ou posso pagar as contas com eles msm?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcio! Ainda não viajamos para a Argentina nessa nova temporada de câmbio paralelo, então não temos dicas de agências, não. Mas é algo tenso. O melhor é levar dólares e usar no comércio, negociando a cotação, daí não precisa recorrer a agências. Infelizmente hotéis não costumam ser um bom lugar para trocar dólares, porque eles se aproveitam da situação dos turistas e pagam uma margem muito pequena em relação ao oficial.

Aline Souza
Aline SouzaPermalinkResponder

Ainda tem algum lugar neste país pra fugir do carnaval?

Bruna Bartolamei

Curitiba ao meu ver só não é bom ir no feriado de 7 de setembro, pq dia 08 também é feriado por lá.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruna! Melhor ainda... Cidade mais vazia, todo lazer funcionando.

Lívia
LíviaPermalinkResponder

Algum comentário sobre jantar no "Valle Rústico" em Bento Gonçalves?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Lívia! É excelente, reserve com antecedência, vá no primeiro horário e não coma muito nesse dia, é muita comida.

Lívia
LíviaPermalinkResponder

Muito obrigada! Já entrei em contato com eles! Valeu Bóia!!! Abraços.

Rômulo
RômuloPermalinkResponder

Qual indicação para lua de mel na Europa, voltando pro Brasil antes do réveillon?

Alex Melo
Alex MeloPermalinkResponder

Ver este post hoje, pensando na quantidade enorme de feriados, dá uma tristeza.... mas bora lá, torcer para que 2021 seja melhor.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alex! Assim que a gente tiver algum horizonte de segurança, vamos atualizar os posts dando indicações adaptadas à situação da pandemia país afora. Por enquanto ainda não vale a pena...

Vera Lucia Baumgratz Grossi

Gostaria de conhecer Gramado,passar dia 09/09/21 na cidade.Acho que uns 4 dias como turista.
Tenho 76 anos adoro viajar com conforto(sem exagero, hotei 4 estrelas).
Não pode ser longe das principais atrac

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Cancelar