Feriadões 2021

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Páscoa 2021: as melhores viagens

Primeiro feriado depois do Carnaval, a Páscoa 2021 é o feriado que fecha o verão. Espere aglomerações nos destinos de praia próximos a capitais. Veja neste post como viajar fugindo da muvuca.

Páscoa 2021: as datas

  • Feriadão de 3 dias
  • Véspera de feriado: quinta 1º de abril
  • Feriadão: sexta 2 a domingo 4 de abril

O que esperar do feriadão de Páscoa 2021

Caso o plano de vacinação contra a Covid se desenvolva conforme o planejado, na Páscoa 2021 o Brasil já vai ter sentido algum alívio na situação da pandemia. O risco de destinos fechados ou restrição de atividades é bem menor do que no Carnaval.

De todo modo, apenas uma pequena parcela da população terá sido vacinada, e os cuidados básicos -- usar máscara e fugir de aglomerações -- continuarão na ordem do dia.

Páscoa em praias sem aglomeração

Quinta Praia, Morro de São Paulo

Quinta Praia, Morro de São Paulo (BA)

Não vai ser fácil encontrar uma praia sem aglomeração na Páscoa. Por ser um feriado curto, deve lotar as praias próximas às capitais.

Para um feriado de praia com distanciamento social na areia, a saída é procurar uma praia distante dos grandes centros. Um bom destino é o Sul da Bahia, que está longe tanto de Salvador quanto de Vitória, e costuma ter um clima em abril mais proveitoso do que o restante do Nordeste. Se você puder cabular a 5ª feira, talvez consiga chegar a um desses paraísos:

Páscoa 2021 na serra

Serra do Rio do Rastro

Serra do Rio do Rastro (SC)

O início do outono é um estímulo a mais para subir a serra no feriadão. É de se esperar um público maior do que durante as férias e feriados do verão. De todo modo, a serra normalmente oferece melhores condições de distanciamento do que praias próximas a capitais: há mais pousadas de chalés individuais (muitas vezes com possibilidade de tomar café e fazer refeições no quarto) e mais atividades na natureza.

Serra paulista e sul de Minas

Saindo de São Paulo, priviegie lugares menores como São Bento do Sapucaí (190 km de São Paulo), São Francisco Xavier (150 km de São Paulo), Santo Antônio do Pinhal (175 km de São Paulo), Gonçalves (210 km de São Paulo) e Cunha (230 km de São Paulo).

Caso você escolha um dos destinos mais procurados, como Campos do Jordão (180 km de São Paulo) ou Monte Verde (170 km de São Paulo), porém, evite a muvuca do centrinho. Escolha restaurantes ao ar livre, em horários com pouco movimento (entre 16h e 19h, por exemplo).

Serra Fluminense

Na Serra Fluminense, pousadas com chalés individuais são o padrão fora dos centrinhos. Pense em Visconde de Mauá (200 km do Rio), nos arredores de Petrópolis (180 km) e Penedo.

Serra Catarinense

A Serra Catarinense certamente estará menos lotada que o litoral. Há muitas atividades ao ar livre, para fazer em passeios privativos, em Urubici e também em Bom Jardim da Serra (Serra do Rio do Rastro).

Destinos-curinga

Feriadão de Páscoa no Rio de Janeiro

Pôr do sol em Ipanema, Rio de Janeiro

Selecionamos 5 destinos que servem para todos os feriadões ao longo do ano. São cidades que funcionam muito bem em viagens de 3 a 4 dias e que podem ser curtidas com qualquer clima. Não são destinos à prova de aglomeração. Mas se você já está habituado aos cuidados com a pandemia quando sai na sua própria cidade, pode aproveitar a viagem em segurança.

Como viajar na pandemia?

Enquanto a população brasileira não estiver vacinada contra a covid, a orientação para viagem é a mesma para quando você sai de casa na sua cidade: usar máscara e fugir das aglomerações.

É possível fugir de aglomerações durante viagens?

Sim, é possível. Mas a responsabilidade recai sobre o viajante. Cabe a cada um de nós evitar engrossar as aglomerações sem máscara que, infelizmente, têm sido a paisagem mais comum nos destinos turísticos.

Na praia, fique fora da área das barracas e quiosques, e você vai conseguir pegar sol e entrar no mar mantendo o distanciamento social.

Nos vilarejos turísticos, evite a "rua da muvuca", onde os jovens ficam bebendo na rua, em pé, sem máscara.

Escolha restaurantes com áreas ao ar livre ou com ambiente bastante ventilado, e vá em horários pouco frequentados. Um bom horário costuma ser entre 17h e 19h.

Vai viajar de avião? As aglomerações no aeroporto e dentro do avião são inevitáveis. Por isso, compre máscaras PFF2 (N95) certificadas pela Anvisa (boas marcas: 3M, DeltaPlus, Camper), que têm qualidade equivalente à hospitalar. Use uma novinha no voo da ida. Ao chegar ao destino, pendure a máscara numa área ventilada e sombreada, e você poderá usar a mesma máscara no voo de volta.

Atenção nas condições de remarcação e reembolso!

Devido à imprevisibilidade da pandemia, restrições de acesso ou de atividades podem ser impostas pelos destinos ou pelos estados.

Ao fazer sua reserva, verifique as condições de cancelamento, remarcação e reembolso.

Voltar | Topo

Nenhum comentário, deixe o primeiro!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Cancelar